logo Melhores Destinos

Praia do Forte, Bahia: 38 dicas para a sua viagem a esse paraíso

Monique Renne
29/05/2022 às 6:58

Praia do Forte, Bahia: 38 dicas para a sua viagem a esse paraíso

Praia do Forte é um dos melhores destinos do Litoral Norte da Bahia. Excelente pedida de passeio para quem está em Salvador, mas também uma ótima opção para dias de férias nas praias da Bahia, Praia do Forte é o lugar perfeito para as suas próximas férias no Nordeste. Se o que você busca é um mar incrível, piscinas naturais, vida marinha abundante e um cenário pontilhado por coqueiros a perder de vista, Praia do Forte não pode ficar de fora do seu roteiro.

Além de praias incríveis e um cenário mágico, digno dos melhores destinos do Brasil, Praia do Forte conta ainda com resorts all inclusive, pousadas charmosas e uma vila encantadora que deixa qualquer turistas apaixonado. Você encontrará ainda atrações imperdíveis para toda a família, entre elas o Projeto Tamar, o Castelo Garcia d’Ávila e a temporada de baleias jubartes, que dão show no mar. E olha que ainda nem chegamos na gastronomia, sempre memorável! Ficou com vontade de relaxar por lá? Confira nossas dicas e tudo o que fazer na Praia do Forte. Temos certeza que, assim como a gente, você também vai amar esse cantinho mágico da Bahia.

Praia do Forte

Vila da Praia do Forte. Foto: Monique Renne

Praia do Forte

Praia do Forte é uma vila – e uma praia homônima – localizada no Litoral Norte da Bahia. Distante 60 km do Aeroporto Internacional de Salvador, Praia do Forte é um distrito do município de Mata de São João e compõe o circuito turístico da Rota dos Coqueiros, que percorre um lindo trecho de praias ao norte de Salvador. Praia do Forte é vizinha aos destinos de Imbassaí e Itacimirim, que também oferecem belas porções de areia para ser feliz diante do mar.

Praia do Forte Bahia

Iberostar Selection Praia do Forte, um dos melhores resorts do Brasil. Foto: Camille Panzera

O que fazer na Praia do Forte

Praia do Forte não é apenas uma praia, mas sim uma vila repleta de atrativos que merecem bem mais que um bate e volta de Salvador. Vale tirar um pedacinho das suas férias para curtir por lá sem pressa de ir embora. Há muito o que fazer na Praia do Forte e uma viagem de quatro a cinco dias é o ideal para conhecer a região, percorrer todas as praias, relaxar no seu resort ou pousada, explorar os principais pontos turísticos e de deliciar com os bons restaurantes locais. Bora começar? Confira tudo o que fazer na Praia do Forte!

Praia do Forte o que fazer

Praia do Papa Gente. Foto: Monique Renne

1- Passeio de bate e volta para a Praia do Forte saindo de Salvador

Há quem pense que um bate e volta saindo de Salvador seja suficiente para conhecer a Praia do Forte. Não se engane. Um bate e volta será muito pouco tempo para curtir tudo o que a Praia do Forte oferece. Mas se você está em Salvador e tem apenas um dia para conhecer Praia do Forte, vá mesmo assim! Em um dia você poderá curtir bastante e com certeza ficará com vontade de voltar.

A oferta de passeios para a Praia do Forte é enorme. Você poderá escolher um tour com agência (a partir de R$ 120), mas também vale contratar um motorista particular que fique por sua conta (média de R$ 350 a diária), optar pelo trajeto de Uber, alugar um carro ou mesmo pegar um ônibus que vá até lá (confira mais adiante sobre como chegar à Praia do Forte). O importante é não deixar de conhecer a Praia do Forte.

Praia do Forte saindo de Salvador

Vila da Praia do Forte. Foto: Monique Renne

Em um passeio de um dia para a Praia do Forte, invista em um mergulho nas piscinas naturais da Praia do Lord; conheça a Igreja de São Francisco de Assis, um dos cartões postais da Praia do Forte; visite o Projeto Tamar; e dê uma voltinha pela vila, onde estão os principais restaurantes e lojas. Se der tempo, veja ainda o pôr do sol no Castelo Garcia D’Ávila ou tome um drink à beira-mar nos quiosques da orla.

Vale dizer que os passeios com agência costumam incluir no roteiro outras praias, entre elas Guarajuba ou Itacimirim. Indo por conta própria, você poderá ficar livre para montar o roteiro como preferir. Se você tem mais tempo e ficará alguns dias na Praia do Forte, confira todas as nossas dicas a seguir!

Vila da Praia do Forte

Vila da Praia do Forte. Foto: Monique Renne

2- Vá a todas as praias na Praia do Forte

Apesar do nome, a Praia do Forte não é apenas uma praia. Na vila da Praia do Forte há diversas praias e cada uma delas merece a sua visita. Para ver as praias no auge da beleza, o ideal é visitá-las durante a maré baixa, especialmente nas luas nova e cheia, quando a variação de maré é maior e a formação de piscinas naturais é mais evidente. Programe-se para estar na praia quando a maré estiver mais baixa e curta cada uma das piscinas naturais cheias de peixinhos coloridos que tanto encantam os visitantes na Praia do Forte.

Para quem busca a formação de piscinas e águas tranquilas, as melhores praias da Praia do Forte são a Praia do Lord, a Praia do Papa Gente, a Praia Pedra do Chapéu, a Praia do Portinho e a própria Praia do Forte, que dá nome à vila. Já o time das ondas vai curtir mais a Praia do Portinho de Baixo (Praia do Tivoli) e a Praia do Ibero, além de um trecho de mar aberto na Praia do Papa Gente. Para quem quer um cenário diferente, a pedida é a Praia da Barrinha, onde acontece o encontro do rio com o mar, o que rende um visual lindo.

Confira mais detalhes sobre cada uma das praias de Praia do Forte!

Melhores praias

Praia do Forte. Foto: Monique Renne

3- Praia do Lord

A Praia do Lord é o grande destaque da Praia do Forte, por isso é a primeira na nossa lista. Com uma grande piscina natural e repleta de peixes e corais, a Praia do Lord é o lugar perfeito para quem gosta de passar o dia todo no mar. E dizemos isso não só pela beleza e transparência da água, mas também porque as barraquinhas levam drinks para os frequentadores dentro do mar. Entre um mergulho e outro para observar os muitos peixes que vivem na Praia do Lord, você ainda poderá saborear alguns drinks sem precisar botar o pezinho fora da água. Um pacote perfeito para um dia de sol na Praia do Forte.

Praia do Lord

Praia do Lord. Foto: Monique Renne

O cenário da Praia do Lord é marcado pela grande piscina natural que surge na maré baixa e também pela fartura de coqueiros e areia clarinha que garantem o descanso em terra firme. Você poderá optar por alugar um conjunto de cadeiras e guarda-sol ou simplesmente escolher a sua sombra favorita e esticar a canga para curtir a praia. Na praia há apenas algumas barraquinhas, que servem drinks e comidas rápidas. Não há estrutura de restaurante. Se a pedida for por uma refeição completa, será necessário caminhar até a Praia do Portinho ou à vila.

Chegar à Praia do Lord é bem fácil! Você poderá optar pelo percurso a pé pela faixa de areia e também pela pista, com alguns metros de trilha ao final. No local onde começa o trecho final da trilha há um pequeno estacionamento para carros. Ainda que seja possível chegar até a Praia do Lord pelo asfalto, o caminho pela areia é lindo e passa ainda pelas piscinas naturais da Praia Pedra do Chapéu. Sendo assim, recomendamos que o percurso entre a vila da Praia do Forte e a Praia do Lord seja feito com pé na areia à beira-mar, com direito a muitas paradas para banho. Serão apenas 900 metros de caminhada entre a Igreja de São Franciscos de Assis e a principal piscina da Praia do Lord.

Piscinas naturais

Praia do Lord. Foto: Monique Renne

4- Praia do Papa Gente

Há quem diga que o nome Praia do Papa Gente se deve à beleza do lugar, que hipnotiza os visitantes e eles são “engolidos” para o mar por tamanha beleza. Outra versão conta que a praia recebeu este nome devido à forte corrente que se forma em uma das piscinas naturais e que acaba “papando” as pessoas, que não conseguem sair do mar. Seja qual for a versão para o nome, a verdade é que a Praia do Papa Gente é capaz de encantar a todos com inúmeras piscinas naturais que se formam na maré baixa e, de fato, não dá vontade de sair de lá.

Atrações Praia do Forte

Praia do Papa Gente. Foto: Monique Renne

Na Praia do Papa gente não há quiosques ou restaurantes, o que reina por lá é a sombra dos coqueiros e a faixa de areia praticamente deserta. É a opção perfeita para quem está na Praia do Forte em busca de um recanto lindo e tranquilo. E a boa notícia é que nesta praia é possível curtir tanto piscininhas naturais quanto o mar com ondas. Para isso, basta caminhar por alguns minutos a mais. Ah! E quando estiver pela praia, fique de olho! Há diversos ninhos de tartarugas sinalizados pelo Projeto Tamar.

A Praia do Papa Gente está localizada entre a Praia do Lord e a Praia do Ibero. Para chegar é preciso caminhar por 2 km a partir da Praia do Portinho ou 1 km a partir da Praia do Lord. A praia tem 1 km de extensão e rende uma longa e deliciosa caminhada.

Praia do Papa Gente

Praia do Papa Gente. Foto: Monique Renne

5- Praia Pedra do Chapéu

A Praia Pedra do Chapéu está bem próxima à vila da Praia do Forte e por isso se torna boa opção para quem busca praticidade e proximidade com restaurantes e lojas. Localizada logo após o Projeto Tamar e à Praia do Portinho, a Praia Pedra do Chapéu tem como principal característica a formação de piscinas naturais e os coqueiros que rendem boas sombras.

Praia Pedra do Chapeu

Praia Pedra do Chapéu. Foto: Monique Renne

À beira-mar na Praia Pedra do Chapéu não há restaurantes, mas há pequenos quiosques que fornecem bebidas, drinks, água de coco e comidas rápidas. No local também é possível alugar cadeiras e guarda-sol para passar o dia. Vale dizer que a proximidade com a Praia do Lord, que tem uma piscina natural incrível, faz com que muitas vezes a Praia Pedra do Chapéu fique bem tranquila, mesmo sendo uma opção mais perto do centro da vila da Praia do Forte. Se estiver na dúvida entre ficar no Lord ou na Pedra do Chapéu, caminhe por ambas. Serão poucos metros entre as duas e você poderá encontrar pelo caminho uma piscininha cheia de peixes só para você.

6- Praia do Portinho

A Praia do Portinho está localizada de frente para a orla da Praia do Forte, onde estão a Igreja de São Francisco de Assis e o Projeto Tamar. Essa é a praia mais central da vila e também a que oferece acesso mais fácil: basta descer a rampa da orla que você já estará na faixa de areia e de frente para o mar. Na Praia do Portinho, você encontrará algumas lojinhas, restaurantes e quiosques que ficam na orla. Aproveite o visual para um almoço, uma cerveja gelada ou um bom drink de frente para o mar.

Praia do Portinho

Praia do Portinho. Foto: Monique Renne

A Praia do Portinho é marcada também pelo movimento dos barcos, que dão ao cenário um ar bucólico e que nos remete ao tempo que a Praia do Forte era apenas uma vila de pescadores. Com o vai e vem de barcos, nem sempre este é o ponto mais recomendado para o banho na Praia do Forte. Caminhe um pouco rumo à direita para encontrar um trecho mais tranquilo de mar. Se quiser um mergulho na Praia do Portinho, observe o movimento da maré. Quando a maré está baixa, acontece a formação de belas piscinas naturais. Já na maré alta, as piscinas desaparecem, mas o mar segue bastante calmo por lá.

Vale dizer que alguns anos atrás a Praia do Portinho era repleta de barracas na faixa de areia. Com a restruturação da orla, os quiosques e restaurantes passaram para o alto e agora não ficam mais com o pé na areia. Se você já esteve na Praia do Forte, sentirá a diferença.

Orla Praia do Forte

Praia do Portinho. Foto: Monique Renne

7- Praia do Forte

A Praia do Portinho e a Praia do Portinho de Baixo são separadas por um trecho de 600 metros de faixa de areia também conhecido como Praia do Forte. Sim, o mesmo nome da vila também dá nome a um pequeno trecho da praia. Não há uma divisão clara entre Portinho, Praia do Forte e Portinho de Baixo. Na dúvida, deixe a nomenclatura de lado e curta o trecho do mar que mais te atrair.

Praia do Forte maré

Praia do Forte. Foto: Monique Renne

No caminho, que segue à direita da vila, não há quiosques ou barracas. É um bom trecho para quem gosta de praias tranquilas. Você poderá escolher algumas piscinas naturais para mergulhar ou a sombra dos coqueiros para relaxar. Logo adiante, na Praia do Portinho de Baixo, está o Tivoli Ecoresort e a barraca Point do Folha, famosa pelos frutos do mar fresquinhos.

8- Praia do Portinho de Baixo – Praia do Tivoli

A Praia do Portinho de Baixo está localizada logo após a Praia do Forte (nome homônimo à vila). Basta caminhar por 15 minutos rumo à direita que você logo estará lá. Na prática, as duas praias formam a mesma faixa de areia e não há uma divisão clara entre elas. Um bom ponto de referência é a curva repleta de coqueiros que leva à enseada chamada de Praia do Portinho de Baixo ou ainda Praia do Tivoli, já que ela marca a presença do famoso Tivoli Ecoresort Praia do Forte. Outro ponto famoso da Praia do Porto de Baixo é a barraca Point do Folha, que costuma servir pescados e lagostas fresquinhas aos clientes que aproveitam o dia diante do mar.

tivoli ecoresort praia do forte mar

Praia do Tivoli

Diferente da Praia do Portinho, a Praia do Portinho de Baixo não tem tantas formações de piscinas naturais, mas o mar costuma ser bem tranquilo para o banho, especialmente na maré baixa. Uma caminhada rápida leva ainda à Praia da Barrinha, onde acontece o encontro do rio com o mar, o que permite escolher entre um banho de água salgada ou de água doce.

9- Praia da Barrinha

A Praia da Barrinha marca o encontro do Rio Timeantube com o mar. Localizada ao final da Praia do Portinho de Baixo, esse pequeno trecho do litoral da Praia do Forte é ideal para quem ama tanto água doce quanto água salgada. Na dúvida, você poderá mergulhar nos dois. A caminhada até a Praia da Barrinha, a partir da Igreja de São Franciscos de Assis, leva apenas 20 minutos. Dê um pulinho por lá para curtir o banho e também o lindo visual. Vale dizer que Timeantube é também o nome da lagoa que faz parte do Parque Municipal Klaus Peters e que merece uma visita.

10 – Praia do Ibero

A Praia do Ibero marca o extremo norte da Praia do Forte. Distante 3 km do centrinho da vila, a Praia do Ibero é a mais isolada da região (ao menos para quem não está hospedado nos dois complexos de resort que ocupam boa parte da praia). Para quem não é hóspede, o acesso à Praia do Ibero é possível apenas em caminhada pela faixa de areia, o que rende um percurso de 3 km. Já quem está hospedado no Iberostar Selection Praia do Forte ou no Iberostar Bahia não terá dificuldade para chegar à praia. Basta botar o pezinho fora do resort para já estar lá!

iberostar bahia praia

Foto: Camille Panzera

Diferente de quase todas as outras praias da Praia do Forte, a Praia do Ibero não tem mar tranquilo e piscininha. Por lá o que reina é o mar agitado e com ondas, o que pode não ser recomendado para crianças pequenas. Sabendo disso, se você busca um resort para ir com crianças pequenas, essa praia pode não ser a melhor pedida.

11- Visite outras praias do Litoral Norte da Bahia

Praia do Forte faz parte do Litoral Norte da Bahia, região conhecida como Costa dos Coqueiros e onde há outros belos destinos de praias para visitar. Aproveite a sua viagem à Praia do Forte para percorrer outras faixas de areia nas proximidades. Nós visitamos algumas delas e amamos cada pedacinho deste mágico trecho do litoral da Bahia.

Ao norte de Praia do Forte, os destaques são Imbassaí, Santo Antônio e Costa do Sauípe. Já ao sul, não perca a visita a Itacimirim e Guarajuba. Confira um pouco mais sobre cada um dos destinos vizinhos à Praia do Forte!

12- Imbassaí

Imbassaí é um incrível destino de praia que faz parte do município de Mata de São João. E como está distante apenas 15 km ao norte de Praia do Forte, se torna irresistível dar um pulinho por lá! Imbassaí é repleta da casas para aluguel por temporada, pousadas charmosas e ainda a presença do Grand Palladium Imbassaí, um dos melhores resorts all inclusive da Bahia. Ótima pedida para passeio de bate e volta, mas também para hospedagem.

Imbassaí

Imbassaí. Foto: Monique Renne

A Praia de Imbassaí é bem longa e há diversos trechos interessantes pra conhecer. São 6 km de extensão de beleza natural entre o Rio Imbassaí e o mar. Um dos pontos mais lindo de Imbassaí é exatamente o encontro das águas, que rende um visual incrível e a oportunidade de banho tanto na água doce quanto salgada. É ótimo para quem está com criança e busca tranquilidade para um banho. O encontro do rio com o mar está bem no início da praia. De lá, siga de carro pela estrada ou caminhando pela faixa de areia para conhecer um pouco mais de Imbassaí.

Passado o encontro das águas, caminhe até o ponto da Praia de Imbassaí onde estão os principais quiosques. Você encontrará boa comida, sombra e redes para descansar. As barracas Laguna Beach Bar e Maré Alta são bons pontos de referência para chegar ao lugar. Você poderá deixar o carro estacionado na vila e seguir a pé até as barracas. Atravesse a ponte das balsas, sobre o Rio Imbassaí, e siga até o mar. Se preferir um almoço à beira-rio, confira do Restaurante do Zoião.

Imbassaí

Imbassaí. Foto: Monique Renne

Para quem está com pique, vale ainda uma caminhada até o Grand Palladium. Este é um dos pontos mais movimentados da praia, não só pelos hóspedes, mas também pelas onda, que são caprichadas por lá. Vale dizer que o mar de Imbassaí não é piscininha, como na Praia do Forte. Se você é do time das ondas, Imbassaí é a pedida certa para você. Já quem deseja um mar piscininha encontrará em outras praias melhores opções para banho.

Confira mais dicas de hospedagem em Imbassaí.

13- Praia de Santo Antônio

A Praia de Santo Antônio é um dos segredinhos ainda bem guardados no Litoral Norte da Bahia. Distante apenas 25 km de Praia do Forte, parte do município de Mata de São João e com acesso por estrada de terra, a Praia de Santo Antônio ainda não entrou no roteiro principal dos turistas que visitam a Costa dos Coqueiros, por isso ela segue tranquila e, muitas vezes, deserta.

Praia do Santo Antônio

Praia do Santo Antônio. Foto: Monique Renne

Santo Antônio é uma praia que ainda preserva boa parte da vegetação de restinga, é repleta de coqueiros e tem barracas bem rústicas. Não é destino para quem busca luxo, mas é ideal para quem quer uma praia ainda com jeito de desconhecida. A faixa de areia é longa e o mar tem um mix de ondas e piscinas naturais, que estão localizadas bem de frente para os poucos restaurantes que existem por lá. Para sentir-se em uma praia deserta, basta caminhar por poucos minutos. Um paraíso!

Vale dizer que na Praia de Santo Antônio os preços de hospedagem e comida ainda são bem amigáveis. Por lá encontramos os frutos do mar mais baratos da viagem. Destaque para a Barraca do Sergio, que serve drinks, lagostas, moquecas e peixes fritos fresquinhos a ótimos preços. Sobre hospedagem, há poucas opções, mas elas atendem bem os poucos turistas que aportam por lá.

Confira dicas de pousadas na Praia de Santo Antônio.

Praia do Santo Antônio Bahia

Praia do Santo Antônio. Foto: Monique Renne

14- Costa do Sauípe

No extremo norte de Mata de São João e distante 35 km de Praia do Forte, a Costa do Sauípe é marcada por casas luxuosas e pelo Sauípe Resorts, um dos mais procurados resorts da Bahia e um dos melhores resorts All Inclusive do Brasil. O destino atrai o público que deseja maior isolamento em meio a lindo cenário. Um turistas comum, em passeio de bate e volta, não encontra muitas opções por lá. Sauípe acaba ficando apenas para os sortudos que estão hospedados no resort, o que dá um ar de ainda mais exclusividade à Costa do Sauípe.

Vale dizer que o mar na Costa do Sauípe não é dos mais calmos e o que prevalece na praia são as grandes ondas. Para quem está com criança, esta praia não é a mais recomendada para dias de férias na Bahia.

Confira mais dicas de hospedagem na Costa do Saípe.

Sauípe Resorts. Foto: Divulgação

15- Praia de Itacimirim

Itacimirim é um das queridinhas das famílias que buscam lugares tranquilos para alguns dias de sol no Litoral Norte da Bahia. Distante 13 km da Praia do Forte, 53 km do Aeroporto de Salvador  e parte do município de Camaçari, a Praia de Itacimirim conta com 6 km de faixa de areia, que ganha diferentes nomes a cada trecho. Na prática, há quem chame tudo de Praia de Itacimirim, mas no próprio destino há placas que levam a praias de diferentes nomes.

A Praia de Itacimirim é cercada por casas de veraneio, pousadas charmosas e alguns poucos quiosques à beira-mar. Itacimirim se destaca pela facilidade de acesso, já que há diversos pontos onde é possível deixar o carro e seguir até a praia. Uma raridade em um litoral muitas vezes bloqueado por grandes resorts e condomínios de luxo. Outro ponto que merece ser citado é o selo ecológico de Bandeira Azul que a Praia de Itacimirim recebeu na temporada 2021/2022. Uma grande vitória para a região, que conta também com Guarajuba na mesma lista.

Praia de Itacimirim

Praia de Itacimirim. Foto: Monique Renne

Quem vai à Praia de Itacimirim poderá visitar praias bem distintas em um mesmo passeio. Na fronteira com Praia do Forte, o destaque é a Praia da Barra, onde acontece o encontro do Rio Itacimirim com o mar. O lugar atrai grande fluxo de pessoas nos finais de semana, que aproveitam os quiosques à beira-rio para relaxar.

Um pouco adiante, com acesso pela Rua 2, um cantinho pouco visitado reserva lindas piscinas naturais na maré baixa. Oficialmente a praia não tem nome, por isso fique atento às placas das ruas residenciais. Seguindo pela orla rumo à direita, você chegará à Praia da Espera, um dos pontos favoritos de quem não abre mão de restaurantes e infraestrutura. A Praia da Espera também é ótima para quem está com crianças, já que a região é marcada por boas piscinas naturais e mar bastante tranquilo.

Seguindo a caminhada, você encontrará a Praia do Surf, um paraíso tanto para quem gosta de ondas quanto quem curte piscinas naturais. Na faixa de areia tem escolinha de surf para aprender algumas manobras e um quiosque que serve de apoio para quem pretende passar o dia por lá. A região marca a divisa com Guarajuba e sedia ainda o resort Vila Galé Marés, opção maravilhosa para quem busca uma experiência incrível e all inclusive.

Confira mais dicas de pousadas, hotéis e resorts em Itacimirim.

Praia de Itacimirim Litoral Norte Bahia

Praia de Itacimirim. Foto: Monique Renne

16- Guarajuba

Se tem uma praia da Bahia que pode ser considerada a favorita das famílias com crianças pequenas, certamente é Guarajuba. Este trecho do Litoral Norte da Bahia atrai especialmente os pais que buscam águas tranquilas para o banho de mar dos pequenos. Guarajuba conta com ampla oferta de casas de veraneio, muitas delas à beira-mar, o que permite que toda a família (ou várias famílias de uma só vez) curtam um lugar confortável, seguro e com boa infraestrutura para crianças. Além das casas de temporada, quem vai a Guarajuba poderá optar pela excelência do resort Vila Galé Marés, localizado na divisa com Itacimirim, além de diversas boas pousadas.

Guarajuba Bahia

Guarajuba. Foto: Monique Renne

A Praia de Guarajuba faz parte do município de Camaçari e está distante 20 km de Praia do Forte e 45 km do Aeroporto de Salvador, o que faz dela um bom passeio de bate e volta tanto para quem vai curtir os atrativos da capital baiana quanto os que estarão pela Praia do Forte. Ainda que o passeio de um dia seja boa pedida, vale também investir alguns dias de hospedagem em Guarajuba.

Para curtir a Praia de Guarajuba, você poderá escolher entre o trecho de praia do Vila Galé Marés, onde o mar é mais batido e com ondas; a Praia dos Corais, onde estão as principais piscinas naturais; ou o trecho onde estão os famosos quiosques e restaurantes de Guarajuba, entre eles o Bar do Carlinhos e o Bar do Prefeitinho. Em todos os lugares o cenário de coqueiros e a água do mar quentinha estão garantidos. Ao final do dia, não deixe conhecer a vila, que rende também um bom passeio.

Guarajuba Camaçari

Guarajuba. Foto: Monique Renne

17- Conheça outros pontos turísticos de Praia do Forte

Fora da faixa de areia, Praia do Forte também rende bons passeios. Sabemos que é difícil desapegar do mar da Bahia, mas aproveite quando a maré estiver alta ou o dia mais nublado para investir em passeios que não estejam diretamente ligados aos coqueiros e banho de mar. Confira os principais pontos turísticos de Praia do Forte!

Praia do Forte vista a partir do Castelo Garcia D'Ávila

Praia do Forte vista a partir do Castelo Garcia D’Ávila. Foto: Monique Renne

18- Vila da Praia do Forte

Praia do Forte vai muito além de uma faixa de areia. O destino tem uma deliciosa vila que rende um bom passeio ao final de tarde ou depois do anoitecer. E se você estiver hospedado na Praia do Forte, vale repetir o trajeto muitas vezes, para cada dia experimentar um novo restaurante, explorar uma lojinha diferente ou jogar conversa fora com algum morador.

A Vila da Praia do Forte é charmosa e a visita imperdível. Não deixe de conferir a sinalização das ruas e praças, que contam um pouco da história local. Aproveite para perguntar aos mais antigos sobre cada um daqueles icônicos moradores que foram eternizados no mapa da Praia do Forte.

Pontos turísticos Praia do Forte Bahia

Vila da Praia do Forte

Durante o passeio pela vila, não deixe de registrar a Igreja de São Francisco de Assis, que marca a orla de Praia do Forte; comer um acarajé à beira-mar; experimentar a tapioca quentinha feita na hora; e negociar um drink dobrado nas barracas com vista para a Praia do Portinho. Depois, siga adiante pela avenida principal, onde circulam apenas pedestres, bikes e muitos gatinhos. Sim! Praia do Forte é repleta de gatos e muitos deles têm dono, só estão ali mesmo à passeio, como você.

19- Projeto Tamar Praia do Forte

Desde 1982, o Projeto Tamar atua na preservação, conservação e educação ambiental na Praia do Forte. Na época, Praia do Forte era uma pequena vila de pescadores com 500 habitante. Hoje, o Projeto Tamar recebe centenas de visitantes todos os dias, que podem aproveitar o espaço para conhecer e aprender sobre a vida marinha da região, em especial sobre as tartarugas que todos os anos desovam nas areias de Praia do Forte entre os meses de setembro e março.

O Tamar Praia do Forte está localizado na orla principal da vila, de frente para a Praia do Portinho e aos fundos da Igreja de São Francisco de Assis. O lugar tem visual privilegiado para o mar e é um convite a curtir sem pressa cada uma das atrações. Durante a visita, você poderá ver espécies das tartarugas que visitam a praia, além de peixes e até tubarões. Tudo em um lindo espaço interativo, com parquinho, sala para atividade educacional, lojinha e restaurante. Vale destacar que o restaurante do Tamar é aberto também ao público externo, com isso você poderá curtir a vista maravilhosa também nos dias que não estiver fazendo a visita.

Projeto Tamar Praia do Forte

Projeto Tamar Praia do Forte. Fotos: Monique Renne

Ingressos Projeto Tamar

  • Inteira: R$ 35;
  • Meia entrada: R$ 17,50 (maiores de 60 anos, estudantes, pessoas com deficiência, ID Jovem, crianças a partir de 6 anos);
  • Passaporte família (dois adultos e duas crianças): R$ 96;
  • Gratuidades: crianças de até 5 anos, pessoas naturais de Mata de São João, Marinha e funcionários da CLN;
  • Funcionamento: de quarta a domingo, das 11h às 17h. Para mais informações, veja o site oficial.

20- Parque Municipal Klaus Peters

O Parque Klaus Peters é um dos lugares favoritos dos moradores de Praia do Forte para um registro ao pôr do sol. Com 3,6 km de pista sinalizada e cercado pela Lagoa Timantube, o Klaus Peters oferece uma área deliciosa para a prática de atividade física. A trilha parte do centro da vila de Praia do Forte e tem saída na Praia do Lord, chegando até próximo ao complexo Iberostar. Durante o percurso, será possível observar a fauna e flora local, tudo identificado por placas em todo o caminho.

  • Funcionamento: todos os dias, das 6h às 18h;
  • Entrada gratuita.
Parque Municipal Klaus Peters

Parque Municipal Klaus Peters. Foto: Monique Renne

21- Castelo Garcia D’Avila

A Casa da Torre de Garcia D’Avila, também conhecida como Castelo Garcia D’Ávila, é uma das boas surpresas para os turistas que visitam a Praia do Forte. Difícil acreditar que em meio a praias paradisíacas possa ter ainda de pé uma das construções mais antigas erguidas pelos portugueses no Brasil. Considerada primeira edificação fortificada do país, o Castelo Garcia D’Ávila reina imponente no alto da Colina Tatuapara, com vista para o mar da Praia do Forte.

A obra do castelo foi iniciada em 1551 por Garcia D’´Ávila, que aportou em terras baianas em 1549 como almoxarife da coroa real, junto ao primeiro governador geral, Thomé de Souza. Do conjunto que hoje permanece de pé, a Capela de São Pedro dos Rates é o pedaço mais antigo da história da edificação, que por três séculos serviu de apoio à proteção das terras do Brasil colônia.

Hoje, quem visita o espaço – que é tombado pelo Iphan desde 1937 – pode conferir detalhes da história em um pequeno museu e percorrer as ruínas. A visita é ainda mais impressionante ao final da tarde, quando as colunas de pedra se destacam em meio ao pôr do sol. Se o dia coincidir com o espetáculo de luzes, programe-se para ver a projeção nas paredes do castelo.

  • Funcionamento: quarta a domingo, das 9h às 18h;
  • Ingresso: R$ 30 a entrada inteira, R$ 15 a meia entrada e R$ 100 passaporte grupo para 5 pessoas. Vale dizer que de sexta a domingo há projeções com a história do espaço nas paredes do castelo;
  • Veja o site oficial.
Castelo Garcia D'Ávila

Castelo Garcia D’Ávila. Fotos: Monique Renne

22- Espaço Baleia Jubarte

O Espaço Baleia Jubarte é dedicado a esses grandiosos animais fantásticos, que no período de julho a outubro chegam às águas brasileiras para a temporada reprodutiva. E como a Bahia é um dos principais destinos das jubartes no país, nada como uma visita ao projeto para entender melhor sobre como elas vivem e como preservá-las.

Durante a visita ao Espaço Baleia Jubarte será possível ver de perto um esqueleto de baleia jubarte, réplicas do animal em tamanho real, participar de oficinas educacionais e ainda assistir a vídeos com diversas temáticas sobre as jubartes. Durante a temporada de baleias, são oferecidos passeios para observação dos animais na natureza. Um privilégio, sem dúvida!

  • Funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 17h30;
  • Ingresso: R$ 15;
  • Veja o site oficial.
Espaço Baleia Jubarte

Espaço Baleia Jubarte. Foto: Monique Renne

23- Reserva Ecológica de Sapiranga

A Reserva Sapiranga é uma área verde preservada que ocupa área de quase 600 hectares de Mata Atlântica nos arredores de Praia do Forte. Vale percorrê-la em passeios de buggy, quadriciclo, bike, caiaque e em trilhas a pé. Também é possível passar por dentro de alguns trechos da reserva de carro. O ideal, para curtir bem o que o espaço oferece, é pegar um guia ou agência de turismo. Vale dizer que, nos últimos anos, a Reserva Sapiranga passou por processo de abandono e, no momento, não é seguro aventurar-se sozinho pelo local devido a registros de furtos. Fique ligado para fazer um passeio seguro.

24- Lagoa de Aruá

Localizada dentro da área de Mata Atlântica preservada, a apenas 5 km de Praia do Forte, a Lagoa de Aruá ainda é uma atração pouco conhecida entre os turistas que visitam a região. Cercada por poucos restaurantes, casas e pousadas, essa lagoa rende um ótimo banho de água doce e momentos em meio à natureza para observação de pássaros e toda a flora que envolve a região. Se sobrar um tempinho na viagem, dê um pulo por lá! A Lagoa do Aruá faz parte de alguns roteiros de passeio pela Praia do Forte.

Lagoa de Aruá

Lagoa de Aruá. Foto: Monique Renne

25- Passeios na Praia do Forte

Há diversos passeios na Praia do Forte que garantem a diversão dos turistas. Alguns podem ser feitos por conta própria, mas outros estão disponíveis apenas nas agências. Os preços variam bastante e vale negociar! Confira detalhes dos principais passeios da Praia do Forte.

26- Observação de baleias jubarte

As baleias jubarte são incríveis e se você estiver na Praia do Forte na época certa, poderá investir em passeios para observação destes animais fantásticos. A temporada de jubartes acontece especialmente entre os meses de julho e outubro, quando as baleias chegam à costa brasileira para o período de reprodução. A data não é fixa e pode variar algumas semanas ano a ano. Antes de marcar a viagem, confira se os passeios para observação de baleias já estão disponíveis e não perca a chance de vê-las bem de pertinho.

A observação é promovida pelo Projeto Baleia Jubarte, com agências parceiras, durante a temporada de baleias. Veja mais informações.

27- Passeios de buggy

Os passeios mais comuns na Praia do Forte são os passeios de buggy pelas praias e outros atrativos da região. Os destinos, preços e duração dos tours variam muito. Todas as rotas podem ser negociadas e há opção de passeio exclusivo. Confira alguns roteiros disponíveis.

  • Roteiro 1: Castelo Garcia D’Ávila, Reserva Ecológica de Sapiranga e Rio Pojuca – 2 horas de duração e valor a partir de R$ 370 (até 3 pessoas);
  • Roteiro 2: Praia ao norte de Praia do Forte, com Imbassaí, Praia de Santo Antônio, Sauípe e Parque das Dunas – De 4h a 7h de duração e valor a partir de R$ 450 (até 3 pessoas);
  • Roteiro 3: Praias ao sul de Praia do Forte, com Itacimirim e Guarajuba – De 4h a 7h de duração e valor a partir de R$ 450 (até 3 pessoas);
  • Roteiro 4: Mangue Seco (cenários da novela Tieta) – 8h de duração e valor a partir de R$ 250 (por pessoa).

Confira mais detalhes sobre o passeio.

28- Quadriciclo

Os passeios de quadriciclo são uma boa maneira de aliar aventura aos belos cenários da região. A desvantagem é o curto tempo de passeio e o limite de rotas. Os principais passeios de quadriciclo na Praia do Forte passam pelo Castelo Garcia D’Ávila e Reserva Ecológica de Sapiranga. Os passeios têm entre 1h e 2h de duração e custo a partir de R$ 250 para até duas pessoas.

Confira mais detalhes sobre o passeio.

29- Mergulho e snorkeling

As piscinas naturais da Praia do Forte são um convite à prática de snorkeling. Com um mergulho de superfície já será possível ver uma grande variedade de vida marinha e, com sorte, até algumas tartarugas. O principal ponto de mergulho na Praia do Forte é a Praia do Lord. Se você não tiver equipamento, poderá alugar a máscara na praia ou com agência. Vale também contratar um passeio com guia e até fotógrafo para registrar o momento.

Foto: Divulgação / Projeto Tamar

30- Passeio de lancha com banana boat

O passeio de lancha com banana boat é ótimo para quem está com amigos ou a família e procura um jeito diferente de curtir o mar. A saída é da Praia do Forte de lancha, no Banana boat, rumo à Praia de Itacimirim. No trajeto, você percorrerá o Litoral Norte da Bahia, passando pelo encontro do Rio Pojuca com o mar, o Castelo Garcia D’Ávila e depois a Praia da Espera, onde a pedida é o mergulho nas piscinas naturais.

Confira mais detalhes sobre o passeio.

31- Tuk tuk e bicitáxi

Se você quer ir além de um simples trajeto a pé, experimente o tuk tuk ou o bicitáxi na Praia do Forte. Os dois extrapolam o meio de transporte e, na prática, o que menos importa é o trajeto escolhido. O que vale mesmo na hora de pegar um tuk tuk ou um bicitáxi é a garantia de diversão! Os valores variam de acordo com a distância e o preços costumam ser tabelados. A corrida tem custo a partir de R$ 30.

32- Aproveite os restaurantes na Praia do Forte

Conhecer alguns restaurantes na Praia do Forte é parte da experiência de quem visita a vila. Impossível resistir aos sabores da Bahia, aos temperos nordestinos e também aos menus internacionais que recheiam os cardápios locais. O difícil é escolher por onde começar!

A maior concentração de restaurantes da Praia do Forte está na vila, especialmente na Alameda do Sol (oficialmente Avenida Antônio Carlos Magalhães) e arredores. Por incrível que pareça, há pouquíssima oferta de restaurantes à beira-mar na Praia do Forte, uma situação bastante distinta se comparada a outros famosos destinos de praia. Nem mesmo quiosques para petiscar durante o dia é comum por lá. Sabendo disso, não se apegue a refeições com pé na areia e invista nos cardápios que mais te agradarem.

Os preços dos restaurantes na Praia do Forte não são absurdos e você terá boas experiências gastronômicas sem falir. Na vila, é possível encontrar desde opções econômicas e populares a menus refinados e com preços mais salgados. Tudo vai depender do seu desejo e, claro, do seu bolso.

Restaurantes na Praia do Forte

Vila da Praia do Forte à noite. Fotos: Monique Renne

Restaurantes à beira-mar

Os restaurantes à beira-mar na Praia do Forte são bem raros. Os principais estão localizados na orla, de frente para a Praia do Portinho. Vamos confessar, no entanto, que eles têm preços altos e a qualidade da comida nem sempre acompanha o valor. Prefira aproveitá-los para um drink e petiscos, mas deixe as refeições para os restaurantes do centrinho da vila.

Com vista para o mar, confira o Farol, restaurante do Projeto Tamar que tem a vista e os drinks mais bonitos de Praia do Forte. O acesso é livre e não é preciso pagar o ingresso para comer por lá. Outra boa pedida, mais rústica, é o restaurante Point do Folha. Localizado na Praia do Tivoli, essa barraca serve peixes e lagostas fresquinhas de frente para a praia.

Praia do Forte onde comer

Restaurantes no centrinho da vila

São diversos restaurantes na vila da Praia do Forte que merecem a sua visita, mas alguns deles não tem erro e você irá experimentar pratos memoráveis. Um dos nossos favoritos é o Restaurante Donana, que serve a melhor moqueca da região e é mesmo visita imperdível para quem busca restaurantes na Praia do Forte.

Restaurantes Praia do Forte

Moqueca Donana. Fotos: Monique Renne

Para pratos tradicionais do nordeste, com destaque para a saborosa carne de sol, confira o Restaurante Belas Nordestinas; se o desejo for de pizzas e massas, as pedidas são o Vinnopizza e o 7 Pizzas; para quem gosta de cervejas especiais e pratos bem elaborados, a melhor opção é a combinação da Proa Cervejaria com o Boia Cozinha do Mar; para pratos cheio de sabor e com toque muito especial, veja o Xica’s Bistrô; se for um lanche mais rápido, o Tango Café é perfeito; agora, se você está em busca de tradição, o bolinho de peixe do Souza Bar e Restaurante é o lugar.

33- Faça algumas comprinhas

Difícil sair da Praia do Forte sem ao menos uma comprinha. E vale desde a compra de um artesanato local e uma peça de arte que custe cifras bem altas. Na Praia do Forte há diversas opções de compras e é até surpreendente a variedade de lojas que existem por lá. Separe uma parte do orçamento e prepare-se para levar a mala um pouquinho mais pesada na volta para casa.

As principais lojas da Praia do Forte estão localizadas na Alameda do Sol. Vale uma caminhada por toda a rua (que é destinada apenas a pedestres) para olhar com calma todas as opções. Os preços variam bastante, por isso é importante pesquisar. Nas lojas de marca – como Havaianas, Carmen Steffens, Salinas, Richards e Track & Field – não há como negociar, mas nas lojas regionais, vale investir na tentativa de desconto. Ah! E não deixe de conferir a lojinha do Projeto Tamar, uma das melhores maneiras de levar a Praia do Forte com você para casa.

Compras Praia do Forte

Lojas na Praia do Forte. Foto: Monique Renne

Se o que você busca é uma compra mais local, faça uma visita ao Centro de Artesanato da Praia do Forte. Você encontrará produtos regionais e lindos artesanatos produzidos na região. Uma ótima lembrança da Praia do Forte. Para peças de artesanato mais elaboradas, veja a Vila Origem, a Brasileiríssima e a Loja Brasil Açu, ambas com artesanato e peças de arte de todo o Brasil.

Na Praia do Forte você encontrará ainda todo o comércio básico que precisar. Supermercado, farmácia, lojas de utilidades e outras necessidades de última hora você poderá resolver facilmente por lá. Não é preciso fazer um estoque de produtos para passar alguns dias na Praia do Forte.

Dinheiro e bancos

Na Praia do Forte é comum o uso de cartão de crédito e também pix, tanto nos restaurantes quanto em lojas e quiosques de praia. Na vila você encontrará ainda Banco do Brasil, Santander, Bradesco, Itaú e Caixa Econômica Federal, além de Banco 24h. Não é preciso levar um estoque de dinheiro para a viagem.

34- Hotéis, pousadas e resorts na Praia do Forte

Praia do Forte tem boa oferta de hospedagem, com opções que vão de refinados resorts e hostels descolados, passando por pousadas charmosas, casas de veraneio e hotéis que cabem em todos os bolsos, gostos e desejos.

Praia do Forte é um destino bem pequeno e dificilmente você estará hospedado em uma região ruim, ainda assim, vale ficar atento para não se decepcionar. O lugar que concentra mais opções de pousadas e hotéis na Praia do Forte é o centrinho da vila. E como a vila é bem pequena, será difícil uma localização ruim.

tivoli ecoresort praia do forte

Tivoli Praia do Forte. Foto: Camille Panzera

Considere a Igreja de São Francisco de Assis um bom ponto de referência para quem deseja estar pertinho do mar e a Alameda do Sol (Av. Antônio Carlos Magalhães) o ponto chave para estar perto das principais lojas, restaurantes e agito noturno. Se o seu objetivo é estar próximo a uma boa praia, considere as pousadas mais próximas à Praia Pedra do Chapéu.

Ao viajar para a Praia do Forte, é preciso também levar em consideração que as hospedagens aumentam muito de preços nos feriados prolongados, meses de verão e férias escolares. Finais de semana também costumam ter tarifas mais altas, sabendo disso, para economizar, vale viajar nos dias de semana.

Confira algumas dicas de hospedagem na Praia do Forte e escolha a que mais combina com você e com o seu bolso, claro!

Resorts na Praia do Forte

Os resorts estão entre os principais motivos que levam turistas à Praia do Forte. Se o que você busca é um sistema all inclusive, um bocado de conforto, praticidade e um pouco de luxo, vale investir em uma das três opções de resorts da Praia do Forte. O Melhores Destinos já esteve hospedado em todos eles e você poderá conferir os detalhes de cada um nas nossas avaliações exclusivas.

iberostar selection praia do forte

Iberostar Praia do Forte. Foto: Camille Panzera

Iberostar Selection Praia do Forte

O Iberostar Selection Praia do Forte, também conhecido como Iberostar Praia do Forte, é um resort all inclusive, localizado à beira-mar, na praia conhecida como Praia do Ibero. O resort possui uma mega estrutura, com várias piscinas, quadras esportivas, infraestrutura na praia, diferentes bares e restaurantes, equipe de entretenimento, clubinho infantil e além de um paisagismo muito bonito, com um lindo coqueiral na beira do mar. O Iberostar Selection Praia do Forte é mais completo e tem tarifas mais caras se comparadas ao Iberostar Bahia, resort do mesmo grupo. Se você está hospedado no Iberostar Praia do Forte, poderá também utilizar as comodidades do Iberostar Bahia, mas o contrário não é possível.

Vale dizer que a praia de frente para o Iberostar Praia do Forte não está entre as mais tranquilas e o mar costuma ter ondas, por isso é importante avaliar a localização ao viajar com crianças.

Confira a nossa avaliação completa sobre o Iberostar Selection Praia do Forte e os valores das tarifas. 

Iberostar Praia do Forte spa

Fotos: Camille Panzera

Iberostar Bahia

O Iberostar Bahia também faz parte da rede Iberostar e é um dos resorts mais procurados do Nordeste brasileiro. Com boa estrutura para famílias, um coqueiral de respeito, uma bela praia e sistema all inclusive, o Iberostar Bahia é uma das melhores opções para quem busca um resort com bom custo-benefício A principal diferença entre os dois resorts da rede Iberostar é que o Iberostar Bahia é mais simples e mais barato, enquanto o Iberostar Praia do Forte tem algumas comodidades a mais e custa mais caro.

A praia do Iberostar Bahia é quase a mesma do Iberostar Praia do Forte, por isso, vale aqui também o alerta para o fato de que o mar não é piscininha e costuma ter ondas. Ainda assim o cenário é lindo.

Confira a nossa avaliação completa sobre o Iberostar Bahia e os valores das tarifas.

piscinas do iberostar bahia

Fotos: Camille Panzera

Tivoli Praia do Forte

O Tivoli Praia do Forte é um dos mais procurados resorts do Litoral Norte da Bahia e se destaca por oferecer aos seus hóspedes ótimas opções de lazer, excelente gastronomia, localização privilegiada na frente de uma praia tranquila, conforto e a sofisticação característica da rede portuguesa Tivoli. Uma pedida de resort para quem busca um pouco mais de requinte e deseja também estar localizado próximo à vila da Praia do Forte. O Tivoli conta ainda com a vantagem de ter uma praia bem mais tranquila, se comparado aos resorts Iberostar. Na Praia do Tivoli (ou Praia do Portinho de Baixo) o mar é mais calmo e há formação de piscinas naturais.

Confira a nossa avaliação completa sobre o Tivolli Praia do Forte e os valores das tarifas.

Resort na Praia do Forte

Fotos: Camille Panzera

Hotéis e pousadas de frente para o mar

Pode parecer estranho, mas há pouquíssimas opções de hospedagem à beira-mar na Praia do Forte. Se este é o seu sonho, você poderá escolher entre os resorts e também pousadas como o Porto da Lua Boutique Hotel, Solar dos Arcos, Farol das Tartarugas e a Enseada Praia do Forte, além de algumas casas de aluguel.

hotel Praia do Forte

Porto da Lua Boutique Hotel. Foto: Divulgação / Booking

Pousadas charmosas no centrinho da vila

São tantas pousadas na Praia do Forte convidativas a dias de descanso que é até difícil decidir entre elas. Se você estiver na dúvida, confira o Refúgio da Vila, com linda piscina e ampla área verde; a Pousada Tatuapara, a Pousada Ogum Marinho e a Pousada dos Artistas, bem localizadas entre o caminho para a praia e a rua dos restaurantes; o Hotel Via dos Corais, um dos mais reservados de Praia do Forte; e a Pousada Casa do Forte, com ambiente aconchegante.

Pousada Refúgio da Vila. Foto: Divulgação / Booking

Pousadas econômicas

Quem viajar com orçamento apertado ou está em busca de um espaço econômico para os dias na Praia do Forte, vale conferir o Praia do Forte Hostel, queridinho do público jovem e o Suítes Praia do Forte, com ótima relação custo x benefício e localizado na principal avenida de restaurantes e lojas.

Confira mais opções de hospedagem na Praia do Forte.

35- Como chegar à Praia do Forte

Parte do município de Mata de São João e um dos principais destinos do Litoral Norte da Bahia, Praia do Forte está distante apenas 57 km do Aeroporto Internacional de Salvador. Praia do Forte é muito fácil de chegar, por isso mesmo é uma ótima opção de férias e também de passeio bate e volta para quem está na capital baiana. Você poderá chegar à Praia do Forte de carro, transfer privativo, uber, táxi, ônibus e até de van. E as opções de transporte até a Praia do Forte cabem em todos os bolsos! Confira mais detalhes sobre como chegar à Praia do Forte.

Praia do Forte como chegar

Igreja de São Francisco de Assis. Foto: Monique Renne

Como chegar de avião

Para quem viaja de outros estados e cidades mais distantes, o aeroporto mais próximo de Praia do Forte é o Aeroporto Internacional de Salvador – SSA, distante apenas 60 km. A partir do aeroporto será necessário escolher uma segunda opção para o trajeto terrestre.

Praia do Forte de carro

O carro é uma boa opção para chegar à Praia do Forte especialmente para quem vai usar o veículo para fazer passeios e visitar outras regiões. A opção pode ser mais econômica também para quem está em grupo, já que o custo do transfer pode ser mais alto que o aluguel do carro.

O trajeto de carro até a Praia do Forte, a partir do Aeroporto de Salvador, segue pela BA-099 até a entrada de Praia do Forte. A BA-099 é também conhecida como Linha Verde, Estrada do Coco ou Costa dos Coqueiros. Ela liga os principais destinos do Litoral Norte da Bahia à capital Salvador. A estrada é toda asfaltada e há cobrança de um pedágio no trajeto. O valor do pedágio é mais alto nos finais de semana e feriados. Confira os valores atualizados.

Transfer e translado

Quem deseja comodidade e não quer alugar um carro poderá usar o serviços de transfer privativo ou compartilhado rumo à Praia do Forte. Para uma pessoa, o custo será semelhante ao do Uber. Em média, o valor do transfer de Salvador para Praia do Forte é a partir de R$ 100 por pessoa. Se você estiver viajando com mais gente, o Uber será mais econômico. A oferta de transfer é enorme e não haverá dificuldade de conseguir uma opção.

Veja mais detalhes sobre o transfer do Aeroporto de Salvador para a Praia do Forte.

Uber

O Uber é uma ótima opção para chegar à Praia do Forte. O custo é similar ao do transfer, sendo que no Uber você poderá dividir o valor com outras pessoas no veículo. Em média, uma corrida entre o Aeroporto de Salvador e a Praia do Forte tem custo de R$ 150. O valor varia de acordo com o horário e disponibilidade de Uber. Vale dizer que nem sempre os motoristas aceitam a corrida até a Praia do Forte, sendo assim, espere por cancelamentos.

Ônibus e van

Se você está preocupado porque todas as maneiras de chegar à Praia do Forte custam mais de R$ 100, é hora de relaxar! Você poderá chegar à Praia do Forte de ônibus e van de linha por apenas R$ 10!

A partir de Salvador, é possível pegar a van e o ônibus tanto na rodoviária quanto no aeroporto. Com algumas paradas no caminho, o tempo médio da viagem é de 2h30. O valor, no entanto, compensa. A viagem de van ou ônibus tem custo de apenas R$ 10 (mais R$ 3 de taxa de embarque) para quem sai da Rodoviária de Salvador e R$ 8,60 para quem sai do Aeroporto de Salvador.

transfer Praia do Forte

Van com partida da Rodoviária de Salvador. Foto: Monique Renne

A empresa que opera as vans da Praia do Forte é a Expresso Linha Branca e a operadora dos ônibus é a Atlântico Transportes. Há muitos transportes por dia. Consulte os sites oficiais para conferir a tabela de horários completa. O ponto de desembarque na Praia do Forte é a Avenida do Farol, próximo ao Projeto Baleia Jubarte.

Vale dizer que nos horários de pico (início da manhã rumo à Praia do Forte e final da tarde rumo a Salvador), os transportes podem ficar cheios, já que são usados também por pessoas que trabalham na Praia do Forte e moram em Salvador ou destinos no caminho. Evite os horários de pico para uma viagem mais confortável.

36- Quando ir à Praia do Forte

Praia do Forte é um ótimo destino de praia durante quase todo o ano. A exceção são os meses de abril, maio e junho, quando as chuvas costumam ser mais frequentes, o que pode atrapalhar a viagem de quem espera por céu azul e sol a pico todos os dias. A boa notícia é que, mesmo na temporada de chuvas, o céu azul costuma aparecer por lá. E como um bom destino baiano, o clima é sempre quente, assim como o mar. Com isso, Praia do Forte dificilmente decepciona.

Para quem deseja fugir das chuvas, os melhores meses para visitar a Praia do Forte são agosto, setembro, outubro, novembro, dezembro, janeiro e fevereiro, quando o sol é frequente e os dias mais quentes. Já os meses de março e julho podem guardar algumas surpresas e serem mais imprevisíveis.

Praia do Forte clima e quando ir

Praia do Forte. Foto: Monique Renne

  • Meses mais chuvosos: abril, maio, junho;
  • Meses menos chuvosos: setembro, outubro, novembro, dezembro, janeiro e fevereiro;
  • Meses mais quentes: novembro, dezembro, janeiro, fevereiro e março;
  • Meses menos quentes (sempre faz calor na Praia do Forte): junho, julho e agosto;
  • Alta temporada: todos os meses de férias escolares, meses de verão e feriados prolongados;
  • Melhor período para viajar: luas nova e cheia, para ver as piscinas naturais;
  • Temporada de jubartes: de julho a outubro (não é uma data fixa, já que depende da chegada das baleias).

Confira o clima mês a mês na Praia do Forte*!

Mês Minima (°C) Máxima (°C) Precipitação (mm)
Janeiro 24° 32° 61
Fevereiro 24° 32° 69
Março 24° 31° 92
Abril 23° 30° 121
Maio 23° 29° 126
Junho 22° 27° 107
Julho 21° 27° 91
Agosto 21° 27° 75
Setembro 22° 28° 59
Outubro 23° 30° 57
Novembro 23° 31° 66
Dezembro 24° 31° 63

*Com dados do Climatempo

Além das chuvas, outros fatores podem influenciar muito na experiência da sua viagem e vale ficar atento a cada um deles. A maré, os feriados, a alta temporada, a presença de baleias jubartes e os dias da semana devem ser levados em consideração na hora de escolher a data da viagem. Veja os detalhes!

Feriados e alta temporada

Se tem um fator que influencia muito na experiência de quem está na Praia do Forte são os feriados e alta temporada de férias, principalmente as férias de verão. O destino lota de turistas, as praias ficam bem mais cheias, as atrações e restaurantes disputados e os preços bem mais altos. Bem mais altos mesmo! Se o que você busca é tranquilidade, dias de sossego e preço acessível, fuja dos feriados prolongados, férias escolares, meses de verão e até mesmo dos finais de semana, quando o movimento sempre aumenta na Praia do Forte.

Temporada de baleias jubartes

A Praia do Forte faz parte da rota de baleias jubarte, que entre os meses de julho e outubro distribuem beleza pelas águas da Bahia. Aproveite a temporada de baleias para ir à Praia do Forte e ter privilégio de observá-las na natureza.

Maré na Praia do Forte

A maré é um dos fatores que mais influenciam a experiência dos turistas na Praia do Forte. O problema é que muita gente não se atenta a isso na hora de marcar a viagem e acaba encontrando um mar bem diferente das famosas piscinas naturais. Ficar atento à tábua de marés evitará possíveis decepções. Acredite! A tábua de marés é um fator muito importante ao viajar para a Praia do Forte.

Praia do Forte melhor época

Praia do Forte. Foto: Monique Renne

Se você tem disponibilidade de datas e pode escolher exatamente quando viajar, prefira ir à Praia do Forte nos dias de lua nova ou lua cheia. Nesses períodos, a maré tem maior variação, o que permite a formação de piscinas naturais no mar. Depois que já estiver na Praia do Forte, consulte a tábua de marés para saber o horário exato da baixa maré, assim você terá a certeza de estar à beira-mar no momento que as piscinas estiverem mais bonitas.

Vale dizer que o horário da maré baixa muda ao longo do ano. Fique atento para escolher uma época que a maré baixa aconteça em um horário bom para ir à praia, como entre 9h e 12h. Assim você poderá aproveitar as piscinas com solzão!

Veja mais dicas sobre como entender a tábua de maré

37- Quanto tempo ficar na Praia do Forte

A Praia do Forte pode ser visitada em um passeio de bate e volta saindo de Salvador e praias próximas, mas podemos garantir que o destino merece alguns dias a mais. Se a ideia é curtir, relaxar e conhecer também outros atrativos do Litoral Norte da Bahia, o ideal é ficar na Praia do Forte por 4 ou 5 dias. Vale até mais, se a pedida for mesmo fazer tudo sem pressa.

38- Para quem é a Praia do Forte

A Praia do Forte é o lugar perfeito para busca um destino de praia tranquilo, seguro, com ótimos resorts mas também com pousadas a preços acessíveis. É destino tanto para quem gosta de piscinas naturais quanto quem busca mar agitado; para quem não abre mão de atrações além da praia; quem adora bons restaurantes; e também para os que buscam fácil acesso, boas estradas e diversas maneiras para chegar. Praia do Forte é perfeita para quem viaja em família, mas também rende uma boa viagem de casal.


E você? Já esteve na Praia do Forte? Deixe as suas dicas nos comentários!

Não perca nenhuma oportunidade!
ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
tela do app do melhores destinos
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção