logo Melhores Destinos

18 dicas para viajar só com a bagagem de mão de até 10 kg!

Monique Renne
Monique Renne
20/10/2020 às 16:40

18 dicas para viajar só com a bagagem de mão de até 10 kg!

Embarcar apenas com a bagagem de mão passou a ser rotina para muitos viajantes. Com as novas regras de franquia de bagagem, ficou mais difícil e bem mais caro despachar algumas malas. A solução então foi se adequar à nova realidade e aprender, mesmo que na marra, a fazer uma boa mala de mão com apenas 10 kg! A tarefa não é simples, especialmente para quem estava acostumado com os saudosos dois volumes de 32 kg em voos internacionais e agora não tem mais bagagem grátis.

Ainda que pareça impossível no primeiro momento, temos certeza que com essas dicas você vai conseguir fazer uma eficiente mala de mão com apenas 10 kg. E assim que você se acostumar, vai perceber que há muitas vantagens em viajar apenas com a bagagem de mão. É hora de deixar para trás o peso extra e viajar mais leve! Vamos lá! Temos algumas dicas para você viajar com uma bagagem de mão com até 10 kg e sem passar aperto!

Leia também:

Como viajar apenas com a bagagem de mão

Ainda que a franquia da bagagem faça parte da sua tarifa, há vantagens interessantes em viajar apenas com a bagagem de mão: você pode fazer o check-in online, pelo seu celular ou computador, e seguir direto para o embarque, sem enfrentar as filas para despachar as malas. Isso tornará o processo no aeroporto bem mais rápido! Quando chegar ao destino, nada de esperar a mala na esteira: você seguirá direto para o portão de saída. Sem falar nos riscos de despachar a bagagem, como ter malas furtadas ou extraviadas. Comece a olhar com bons olhos a sua bagagem de mão. Viajar apenas com ela pode ser bem interessante!

Vale lembrar que as companhias aéreas nacionais padronizaram as medidas de bagagem e em todos os voos da Azul, Gol e Latam você pode levar:

  • um objeto pessoal, que pode ser uma bolsa ou mochila, com as seguinte medidas máximas: 35 x 20 x 45 cm (no geral, é um volume que cabe debaixo do assento da frente)
  • uma mala de mão com as seguinte medidas máximas: 35 x 25 x 55 cm (comprimento x largura x altura), já incluindo alças, bolsos e rodinhas.

Atenção! Os dois volumes (objeto pessoal e mala de mão) juntos devem ter, no máximo, 10 kg! Ainda que a teoria seja essa, na prática não é comum ter a bolsa de uso pessoal pesada na hora do embarque. O mais comum, quando acontece, é que apenas a bagagem de mão seja pesada.

Leia também:

O primeiro passo para conseguir viajar sem despachar bagagem é conseguir fazer uma mala eficiente com apenas 10 kg! Para ajudar nessa missão – que pode ser quase impossível a depender do passageiro, dos dias de viagem e do destino – preparamos um post com dicas valiosas para quem deseja viajar apenas com a bagagem de mão. É hora de deixar de lado tudo o que é supérfluo para conseguir embarcar sem pagar nenhum real a mais por uma mala despachada, já que é cada vez mais comum que as companhias aéreas cobrem pelo serviço!

como-fazer-mala-de-mao

1 – Você não precisa do pote inteiro de todos os produtos durante a viagem

Acredite! Você não vai usar todo o shampoo, condicionador, creme de barbear, leave-in, cremes para a pele ou vários outros produtos de higiene e beleza inteiros enquanto estiver viajando. Eles ocupam muito espaço, aumentam o peso da sua mala e não precisam ir com você na embalagem original. Para reduzir o espaço e o peso, prefira usar potes menores com tamanhos adequados aos dias fora de casa.

Você poderá adquirir vários potes de diferentes tamanhos, formas e funções em lojas especializadas ou mesmo nos maravilhosos sites chineses que vendem de tudo. Vale também comprar produtos com tamanhos menores, especialmente para levar na mala (isso inclui até pasta de dentes). Sem esquecer que muitos hotéis oferecem produtos de higiene e que os potinhos são ótimos para serem reutilizados em viagens futuras. Ah! E salvo raríssimos destinos, você poderá comprar tudo o que faltar no destino da sua viagem.

bagagem-mao-10-kg

Potes tamanho viagem

Vale lembrar que há limites e especificações para líquidos nas bagagens de mão. É importante seguir as regras para não ter que despachar a bagagem na última hora ou jogar fora o seu produto predileto. Lembre-se de identificar todos os potes com etiquetas e colocá-los dentro de sacos vedados para não ter problemas, especialmente em voos internacionais.

2 – Reduza o tamanho dos seus utensílios e acessórios do dia a dia

Para quem deseja reduzir o volume e peso da bagagem de mão, é fundamental reduzir também o tamanho dos objetos. Esqueça aquele secador de cabelo profissional, o aparelho de barbear enorme e super eficiente, a escova de cabelo do tamanho de um braço e até mesmo a sua escova de dentes de uso diário. Vale reduzir o tamanho de tudo! Do espelho para maquiagem ao notebook, passando pela toalha de banho (caso seja necessário levar). Quanto menor, melhor! Mesmo que não sejam tão eficientes, eles ajudarão na hora de manter os 10 kg da bagagem de mão. Ah! Bijouterias também devem ser levadas em número e tamanho reduzidos, especialmente as que pesam demais.

mala-10kg

Secador de cabelo portátil

3 – Leve apenas a quantidade de roupa necessária na sua bagagem de mão

Parece um conselho bobo, mas sabemos que muita gente (muuuuuuuuita gente mesmo) leva bem mais que o necessário nas viagens. É hora de botar a mão na consciência e perceber que uma mala despachada poderá pesar bastante no bolso. Sendo assim, nada de levar roupas para trinta dias de viagem se você vai passar apenas um final de semana fora de casa. Calcule quantas roupas serão necessárias e deixe apenas uma pequena sobra para emergência. Lembre-se que lavanderias estão à disposição em quase todos os lugares. Para economizar, vale até aproveitar o banho para lavar algumas peças de roupa que poderão ser utilizadas novamente.

mala-de-mao

4 – Evite peças que você não usa no dia a dia

Sabe aquele vestido maravilhoso que você procura uma oportunidade pra usar e nunca acha? Ou aquela blusa social que dá até dó de tirar do armário de tão sensacional e por isso você nunca veste? Pois é! Se você não usa essa roupa na vida real, melhor também evitar que ela entre na sua mala. Estamos falando de uma mala de 10 kg que deve conter apenas objetos, produtos e roupas necessários e úteis. Se você não usa a roupa no dia a dia, a chance dela ficar no fundo da mala e voltar amassada pra casa é grande. Troque por uma roupa que você adore e use sempre.

5 – Pense em todas as combinações possíveis

A regra é das mais importantes! Não leve para a viagem peças de roupas que não combinem entre si e que servem apenas para uma ocasião muito específica. Prefira visuais básicos e que possam ser combinados e usados em diversos passeios. Assim, você poderá repetir roupas sem que ninguém perceba (eu não ligo muito pra isso, mas tem gente que liga). Quanto mais básicas, melhor e mais fácil será de combinar. Sem contar que é sempre bom poupar tempo na hora de escolher o que vestir durante a viagem.

6- Dê preferência a roupas coringa

Roupas que valem para diferentes ocasiões também são muito importantes, como um vestidinho preto que pode ser usado com tênis ou sandália mais arrumadinha; ou uma calça mais aleitada que pode ir bem com camiseta ou blazer. Vale investir em acessórios pequenos, que não ocupam muito espaço, mas que mudam o visual. Que tal algumas echarpes e lenços? Uma roupa coringa será capaz de ir da praia à balada e ocupará bem menos espaço na mala.

Foto: Monique Renne

7 – Prefira tecidos leves, que não amassam e não fazem volume

Se você é um viajante frequente, já deve ter percebido como roupas com tecidos mais finos, que não amassam e não fazem volume são importantes para uma mala de mão pequena. Escolher roupas que sejam adequadas para viajar leve é tão importante quanto não escolher roupa demais. De nada adianta economizar no número de peças se você escolhe um casaco que ocupa o lugar de 57 outras roupas. No caso de casacos especificamente, que quase sempre são volumosos, opte por levá-lo na mão ou ir vestido com ele. Assim você já economizará alguns centímetros quadrados de área útil na bagagem.

8 – Invista em tecidos tecnológicos que não dão cheiro ou que tenham secagem rápida

Se você quer levar uma mala bem compacta, mas não está disposto a usar serviço de lavanderia, dê preferência a tecidos que não dão cheiro ou que tenham secagem rápida. Há diversas opções no mercado que ajudam a vida de quem não quer lavar roupa e pretende repetir algumas peças ou mesmo lavá-las no hotel. É o caso, por exemplo, das roupas feitas com lã natural de merino. As peças de merino são ótimas para manter a temperatura corporal tanto no frio quanto no calor e podem ser repetidas diversas vezes sem dar mau cheiro. Os preços costumam ser alto, mas vale o investimento! Já roupas de tecidos com secagem rápida facilitam muito a vida de quem quer lavar uma peça no hotel para já usar no dia seguinte.

9 – Leve apenas sapatos que sejam curingas e que já foram testados no dia a dia

Comprou um sapato novo e está louco pra levar na viagem? Melhor não! Se ele não tiver sido amaciado e testado, o sapato novo deve ficar em casa. Leve para a viagem apenas sapatos, sandálias e até chinelos que você tem certeza absoluta que poderão ser usados à exaustão sem machucar o pé. Assim você não corre o risco de levar um peso morto. Quanto à quantidade de sapatos, varia muito do tipo de viagem. No geral, um chinelo, um tênis e um sapato ou sandália mais arrumadinho resolvem tudo. Escolha modelos que combinem com todas as roupas. Viaje com o calçado que ocupa mais volume e leve os outros dois na mala.

peso-mala-mao

10 – Nada de levar um monte de bolsas, mochilas e sacolas para a viagem

Elas ocupam um espaço precioso e que agora custa dinheiro! Antes de arrumar a mala, pense exatamente qual tipo de bolsa será necessário. Se você não abre mão de uma mochila, ela poderá ser a sua bolsa pessoal no voo e não ocupar espaço na bagagem de mão. Caso opte por levar uma bolsa pequena, prefira as que são maleáveis e que podem ser amassadas para caber na bagagem de mão. Nada de levar bolsas enormes e rígidas que não cabem em lugar nenhum. Salvo se ela for a sua bolsa de mão no voo (item pessoal). Nesse caso, tudo bem! Mas, ainda assim, as maleáveis são bem mais práticas e fáceis de levar.

11 –Prefira uma mala de mão leve e com bom espaço interno

Mais do que nunca, é importante escolher uma boa mala para levar como bagagem de mão. Evite malas que sejam feitas de material pesado e que “roubem” o pouco peso que você tem para despachar. O mesmo vale para o volume! Ao comprar uma mala, veja atentamente qual o peso e espaço disponível dentro dela quando vazia. Assim você terá certeza de não perder demais nos quilos e volume que poderá levar. Malas feitas em fibra de carbono, por exemplo, são bem mais leves e resistentes. Pesquise bem qual o tipo de mala certo para você e invista dinheiro nisso. Veja mais dicas para escolher a mala ideal para a sua viagem de avião

12- Fique atento às medidas permitidas para bagagem de mão

Ao comprar uma mala, não esqueça de ver as especificações de medida aceitas pelas companhias aéreas. Lembre-se que tudo o que faz parte da mala entra na medida, isso inclui alça e rodinhas. Se a sua mala estiver fora das especificações, você poderá ter problemas e ser obrigado a despachá-la na última hora, tendo um gasto extra inesperado.

Veja mais sobre as medidas da bagagem de mão:

13- Arrume a mala de mão com calma e aproveite cada espaço

Viajar com uma mala de 10 kg não é apenas uma questão de peso, mas também de volume. Aproveite cada centímetro da sua bagagem para colocar algo. Vale aproveitar o espaços dentro dos sapatos, bolsas, entre os acessórios e cada cantinho para colocar as peças menores. Arrumar a mala com calma será precioso na hora de fazer caber tudo o que você quer levar. Estamos falando de uma bagagem de mão que tem limites rígidos dentro das regras da companhia. Melhor se manter dentro dele!

14 – Avise aos parentes que não vai ter presente e nem encomenda

Se você já não gostava muito de trazer comprinhas para os outros quando viajava, essa mudança vai render uma boa desculpa, afinal, você vai embarcar com uma mala de apenas 10 kg! Já deixe avisado que não será possível trazer nada além do necessário. Se o presente for emergencial, melhor comprar no freeshop ou nas lojinhas do aeroporto depois de embarcar. Mas se você faz a linha que adora comprar presentes pra todo mundo, trazer camarão do nordeste e compotas de doces de Minas, melhor repensar a sua mala e levar uma sacola extra para despachar na volta.

aeroporto-mala

15 – Leve sacolas a vácuo para manter o volume dentro do permitido

Muitas vezes o problemas não está no peso, mas sim no volume. Para ajudar a resolver esse caso, o ideal é ter sempre à disposição uma bolsa à vácuo dentro da mala. Ela ajuda a reduzir o volume das roupas e magicamente faz caber algumas peças a mais dentro da bagagem de mão. Muito útil naquele momento de desespero quando a mala não fecha.

saco-vacuo-acessorios-viagem

16 – Deixe objetos mais pesados e sensíveis para a bolsa pessoal

Se você está viajando com câmera fotográfica, notebook, livros e outros objetos mais pesados, prefira colocar todos eles na sua bolsa pessoal. Todo passageiro pode embarcar com uma mala de mão e mais um item pessoal (que pode ser uma bolsa de ombro, um mochila ou uma sacola pequena). Dificilmente essa bolsa será pesada na hora do check-in, por isso, deixe para guardar dentro dela objetos mais sensíveis e também mais pesados. Casacos podem ir na mão, assim não ocupam lugar nem na bolsa e nem na bagagem de mão. Sapatos mais volumosos devem ser calçados. E se o desespero for grande na hora de fazer tudo caber na mala, vista algumas peças de roupa mais pesadas e tire uma parte do volume da sua bagagem.

peso-bagagem-mao

17 – Leve uma balança de viagem ou pese a mala antes de embarcar

Se ela já era importante antes, agora a balança de viagem é fundamental para não passar aperto e tomar um prejuízo. Antes de sair de casa, pese a sua bagagem de mão para ter certeza de que ela está dentro dos padrões da companhia aérea. Evite que os atendentes queiram que você despache o volume e tenha um gasto extra que não estava previsto no orçamento.

capa-mala-md-acessorio-viagem

18 – Leve uma sacola dobrável caso queira trazer algo a mais

Se você estiver prevendo um problema de espaço na volta para casa, leve uma sacola de viagem extra dentro da mala. Escolha sacolas que sejam resistentes, leves e que ocupem quase nada de espaço. Elas poderão ser úteis durante a viagem, para fazer compras ou levar para a praia, e ainda servirão para despachar aquelas comprinhas extras. Prático, indolor e muito mais fácil do que levar duas malas (e pagar a mais por isso). Além de tudo, as sacolas têm preços bem camaradas!

Tem alguma dica para preparar uma mala de mão com 10 kg e não passar aperto nos voos? Conta pra gente! O importante é economizar e viajar sempre mais gastando menos! E se quiser mais dicas sobre o que levar na bagagem, veja o post especial sobre acessórios de viagem que não podem faltar na sua mala. Mas se for uma mala de 10 kg, lembre-se das dicas daqui! Boa viagem!

Este post foi escrito originalmente em 2016 e, desde então, vem sendo atualizado.

94 Comentários

  • LuRodamilans says:

    Favor corrigir
    3 – Leve apenas a quantidade de roupa necessária. Parece um conselho bobo, mas sabemos que muita gente (muuuuuuuuita gente menos)
    Acho que seria muita “gente mesmo”

    • Monique Renne says:

      Corrigido. Obrigada!

      • LuRodamilans says:

        Onde vende essas sacolas à vacuo e como usá-las?

        • Monique Renne says:

          Lu, você encontra fácil pra comprar online ou em lojas de artigos para casa. Procure por “bolsas a vácuo”. Basta colocar as roupas dentro, deixar uma abertura pequena no fecho e “enrolar” a sacola com as roupas dentro. O ar sai todinho e o volume diminui muito. No final é só fechar o pedacinho do lacre que estava aberto. São reutilizáveis e, essas de viagem, não precisam de bomba para sucção do ar. São super úteis!!! 😀

          • LuRodamilans says:

            Valeu vou procurar!

          • Horácio says:

            Tem outras fantasticas que tem uma boca onde se coloca o bico da aspiradora de tapetes e tira tuuuuuudo o ar.

          • Monique Renne says:

            São ótimas mesmo, mas são enormes (maiores que a mala de mão) e exigem um aspirador de pó. 😀

          • Cynnara Farias says:

            Monique, não acho para vender essas bolsas sem a bomba, só vejo vendendo acompanhado da bomba de sucção… as bolsas a vacuo q vc se refere são as normais que vendem com a bomba e vc apenas dobra de forma manual p n levar a bomba nas viagens? obrigada!

          • Monique Renne says:

            Oi Cynara! Não. As sacolas que eu falo nem têm a saída pra bomba. São especiais para viagem. Procure no Google por ” Vac Bag Trip Bag 40x60cm”. Você vai encontrar. 🙂

  • Monique Renne says:

    Oi Diego! Acredito que a nossa intenção em ajudar os nossos leitores na hora de fazer uma bagagem de mão eficiente tenha ficado clara no post. Não temos nenhuma intenção além dessa e acho que nem teríamos como fazer isso. De todo modo, obrigada pela sua preocupação. É sempre importante podermos esclarecer as nossas intenções em sempre ajudar os leitores.

    • Diego Vargas says:

      Oi, Monique! Exatamente por isso não acusei de nada, usei a palavra ‘suspeita’ e disse que era um alerta, para o bem do site, o qual tenho muito apreço.

      • Cleiton says:

        Vejo totalmente o contrário seu Diego. Fiquei feliz com as mudanças da Anac e ficarei ainda mais se eles forem bem rígidos com a bagagem e tamanho da mala de mão. Tá mais do que na hora do brasileiro se ajustar as coisas e parar de levar “o mundo com ele” na mala.

        • LuRodamilans says:

          Também vi isso na matéria, independentemente de novas regras, as dicas e sugestões expostas aqui devem ser aplicadas sempre, viajar com o menos possível é chic, prático, rápido, objetivo e tudo mais!

        • Ricardo Furtado says:

          concordo

        • LuisDias says:

          Você pelo visto nunca teve de viajar e usar terno e grava por alguns dias seguidos.

        • Bya Amorim says:

          Cleiton vc representa bem a minoria dos que querem isso. Eu levo sim o mundo nas costas pois na volta eu quero fazer compras de eletronicos, roupas, tenis se eu for aos USA. E sempre que volto de lá jamais vi ninguem trazendo apenas uma mala de mao e indo para casa. Europa a mesma coisa. Sair daqui com poucos itens é uma coisa, mas voltar de viagem de TURISMO é bem diferente. Sobretudo em paises onde muitas coisas os precos sao muuuiiitttoo mais vantajosos que no Brasil. Essa alteracao so serve para quem é executivo ou nao tm interesse em tirar vantagem, dos otimos precos la fora. Prefere pagar os altos preco daqui. Acho que uma mala de 23 Kg mais os 10kg em voos nacionais e 32 kg mais 10kg de bordo para internacionais seria muito mais razoavel.

  • Ernesto Lippmann says:

    Calças tipo militar, e camisas dry fit são mais fáceis de serem lavadas e pesam menos. São as minhas favoritas.

  • Fabio says:

    Minha dica eh aproveitar as cias que aceitam status match e tentar ser elite em todas que forem possivel.

  • Fernando Martins says:

    OK, mas se na volta de um vôo internacional vc comprou 1 perfume Issey Miyake (125ml), já era! Vai ter que despachar a bagagem.
    A propósito: quanto pesa uma balança de viagem?

    • Monique Renne says:

      Fernando, tem balança de viagem do tamanho de um chaveiro. Não vai ser ela a dar excesso de peso na sua mala de mão. 😀 Quanto ao perfume, de fato é um problema nos voos internacionais. Entretanto, lembre-se que você pode compra no free shop. Já é uma ajuda!

    • Cris Lapa says:

      Compra no free shop que pode levar na cabine. Se comprar no sky shop do avião, ainda tem a vantagem de só pegar no desembarque.

  • Valdemir Oliveira says:

    MD show de bola as dicas. Adorei! Sempre que viajo para dentro ou fora do país, levo apenas o estritamente necessário e acredito q independentemente desta nova lei vigorar ou não, sensação boa é não precisar enfrentar fila no check in ou esperar o roda-roda das esteiras. Acho q todos podem se reeducar! Valew MD. VCS SAO SHOW!

  • Cleiton says:

    Super válidas as dicas Monique. Independente do que acontecerá no futuro, é fato que muitas pessoas sempre levam a mais do que realmente deveriam. Muito obrigado!

  • Emiliano says:

    Acho que o pessoal de Curitiba deveria investigar imediatamente penduricalhos da ANAC que tem salários enormes pagos com o nosso dinheiro de impostos prá descobrir qual a razão dessa tungada no bolso do consumidor. Só mesmo um otário ou um penduricalho pode achar que o preço das passagens aéreas vai diminuir.

    • LuRodamilans says:

      Ixe, se entrar nesse mérito não sobrará ninguém… Hahaaha

    • Cris Lapa says:

      A razão é se adequar a padrões internacionais. O salário, assim como outras agências reguladoras, está longe dos mais altos da Administração Pública Federal. A Justiça Federal de Curitiba paga muito mais.

      • LuisDias says:

        São diretores, cuja maioria não tinham experiência nenhuma em aviação. Tem o genro do Eunício Oliveira que entrou lá com 28 anos. Dos outros todos diretores, só tem um que tem um passado na Aeronáutica que tem vivência na aviação.
        Qualquer coisa que eles ganhem é muito.

    • Luis Oliveira says:

      Nem vou entrar no mérito das razões na ANAC. Mas é injusto que todos paguem para que algumas pessoas levem excesso de peso. Cada um paga o seu, a maioria paga menos.

  • Romero Alencar says:

    Viaja não, cara!
    Eu mesmo fiquei muito feliz com a matéria, pelo simples fato de indicar maneiras de se diminuir a quantidade de coisas a se levar nas bagagens. Vivo sempre diminuindo minhas malas e meu objetivo, independentemente da alteração da ANAC, é conseguir viajar só com a bagagem de mão mesmo, em qualquer situação. Mas entendo, de certa forma, sua preocupação.

    • Diego Vargas says:

      Bom, espero que minha intenção tenha ficado clara. Não acusei, mas alertei para uma possível interpretação nesse sentido. Até porque, muita gente acha que o site tem parceria com o Submarino Viagens, na mesma linha de raciocínio.

      Por muito menos, ‘descascaram o site’, quando eles optaram por não publicar o famoso erro da Gol de passagens para os EUA.

  • DAIANE AQUATI says:

    As dicas passadas servem tanto para as regras que estão em vigor, quanto as que estão previstas para 2017.
    Para reduzir o tempo despendido para despachar a mala vale reduzir a bagagem e não meramente o peso.
    É tudo uma questão de ponto de vista.

  • Monique Renne says:

    Jorge, a mala não é do Melhores Destinos, mas a capa da mala sim 😀 Você pode encontrar capa de mala do Melhores Destinos no http://www.loja.melhoresdestinos.com.br .

  • Cris Lapa says:

    É uma piada (velha), Dorgival.

  • Yin Ni Chi says:

    Ótimas dicas, mas acabei de viajar para Tailândia com meu marido e fomos e voltamos (os 2) com apenas 1 mala de mão. Isso mesmo, 1 mala de mão de 10kg para os dois!! Kkkk

  • Rogerio Szterling says:

    Para poupar volume dá para colocar muita coisa dentro dos calçados na mala, meias, produtos de higiene (por exemplo desodorante, embrulhe em um saco plástico antes), pequenas lembranças frágeis etc…

  • Monique Renne says:

    Comprar no free shop é uma ótima solução! 🙂

    • Fabio says:

      Eh uma pessima solucao pois de free nao tem nada. Dependendo da quantidade vale mais a pena pagar o despacho de bagagem e comprar em lojas com precos honestos.

  • Rejane says:

    Gostaria de saber… A data de 14/03/2017 vai ser para as passagens compradas após esta data ou para os embarques? Obrigada!
    Ah, adorei as dicas! Lavar roupa no exterior é muito fácil. É só pensar em roupas que você pode colocar todas juntas numa máquina!

  • Samuel Magela says:

    Juro que consigo viajar com uma bagagem de mão na metade desse peso. O problema é que sou do tipo que quer trazer camarão do nordeste e compotas de doces de Minas 🙁
    Pelo menos pagarei mais caro em apenas um trecho!

  • Biasutti says:

    Outra dica que dou é procurar vídeos no youtube sobre como colocar muita coisa em pouco espaço, eu achava que era besteira mas faz uma diferença grotesca quando a gente aplica. Isso claro, pra quem não abre mão de muita coisa e tem que dar um jeito de botar em mala pequena.. De resto, eu sigo exatamente todas as dicas citadas, ultimamente só viajo com bagagem de mão leve mesmo sendo cliente Diamante e tendo uns Kg a mais pra despachar (por enquanto), seja viagem de 3 dias ou de 30.

  • Biasutti says:

    Eu só vou achar bom se de fato o preço das passagem baixar, porque eu já ando só com bagagem de mão mesmo e sigo bem essas dicas. E mesmo quando usam a justificativa de que na Europa é assim e eles praticamente cobram até o ar que tu respira no avião, vale lembrar que a passagem de uma low cost não passa de 10 euros, mas acho bem difícil cair tanto o preço, no máximo não será 100 reais de diferença (espero estar errada).

  • Mayra Cabrera Costa says:

    Sou a favor de low costs como a Ryanair na Europa. Mas o projeto que proíbe cobrança por despacho de bagagem já não foi aprovado no Senado?

    • Monique Renne says:

      Oi Mayra! Ainda faltam alguns passos de tramitação pra ele ser definitivamente aprovado e entrar em vigor. Só vai acontecer isso no ano que vem. Se for de fato aprovado, claro.

  • JOHN says:

    Dois pontos: (i) na Europa apenas as empresas aéreas “low-cost” cobram para despachar malas (as empresas brasileiras não são low cost, estão entre as mais “high-cost” do mundo); e (ii) está cada vez mais fácil neste mundo globalizado comprar uma camisa, um short, meias, etc, no destino…e, se necessário, botar no lixo antes de voltar para o Brasil. Assim o peso da sua mala será minimo.

  • Line Mendonca says:

    Meu maior problema são os gadgets e o peso da mala em si. Mas nada é impossível. Aumentando de 5kg para 10kg, viabiliza muito minha vida..

  • Line Mendonca says:

    Meu maior problema são os gadgets e o peso da mala em si. Mas nada é impossível. Aumentando de 5kg para 10kg, viabiliza muito minha vida..

  • Mari says:

    Discordo, mesmo por que está muito colocado: “Ainda que a franquia da bagagem seja mantida, há vantagens interessantes em viajar apenas com a bagagem de mão: você pode fazer o check-in online, pelo seu celular ou computador, e seguir direto para o embarque, sem enfrentar as filas para despachar as malas.” (!!!)

  • LuisDias says:

    Lá as passagens realmente sofreram uma queda nos preços. Você viaja à passeio, bom para você, eu viajo à negócios terno gravata, camisas sociais etc.

  • Yuri Franzoni says:

    Só li verdades!

    Em 2014, eu e a esposa passamos 19 dias em férias no exterior e cometemos o erro básico de levar bagagem em excesso. Duas malas grandes, duas médias, uma bolsa e uma mochila de mão… para um casal apenas. Nem preciso dizer que foi um estorvo do cão, principalmente nos deslocamentos de uma cidade para outra (ainda bem que durante metade da estadia, estivemos com um carro alugado).

    Em agosto deste ano, ficamos 15 dias entre a Itália e a Grécia e no momento em que fechamos o roteiro, eu e a patroa combinamos que NÃO iríamos despachar mala nenhuma! Não só pela praticidade e pelo custo, mas porque iríamos enfrentar nada menos que SETE trechos de avião no percurso todo e não estávamos com saco para despachar o tempo inteiro. Como escolhemos ir para a Europa na época de verão deles, deu para levar roupas leves, sem casacos ou coisas mais pesadas desse tipo, isso facilitou bastante.

    Resultado: 15 dias MUITO bem aproveitados, não sobrou e nem faltou absolutamente nada, e sim, deu até pra trazer algumas lembranças (poucas, mas deu). Levamos um mínimo de roupas e abusamos do chuveiro para lavar a roupa íntima sempre que podíamos. E sair do avião com toda calma do mundo, deixando os apressadinhos saírem na frente, para depois passar por eles na esteira e ir embora antes de todos… não tem preço, hehehe

  • Paulo says:

    10 kg bagagem de mão, tirando 2 kg da mala = 8kg.
    Sem falar que existe o inverno, né? Frio…chuva…neve..tem que ter muito desapego para conseguir viajar com pouca bagagem no frio, meeeeesmo!
    De verdade, me decepcionei um pouco com o MD. Vcs deveriam ter se manifestado contra essa regra absurda que, se Deus quiser…não vai passar. Precisamos de mobilização e não de resignação.
    Att

  • Paulo says:

    10 kg bagagem de mão, tirando 2 kg da mala = 8kg.
    Sem falar que existe o inverno, né? Frio…chuva…neve..tem que ter muito desapego para conseguir viajar com pouca bagagem no frio, meeeeesmo!
    De verdade, me decepcionei um pouco com o MD. Vcs deveriam ter se manifestado contra essa regra absurda que, se Deus quiser…não vai passar. Precisamos de mobilização e não de resignação.
    Att

  • Célia Amaral says:

    Monique, postagem nota dez, eu já faço tudo que foi descrito e confesso que é uma maravilha viajar somente com o necessário hahah Tenho desculpas para fazer algumas comprinhas de roupas, caso precise hahah
    Uma das formas de não levar secador, chapinha, guarda-chuva etc… é se hospedar pelo Airbnb, onde muitas vezes vc encontra tudo que precisa nas viagens!

  • Monique Renne says:

    Luis, existem sacos a vácuo que não exigem o uso de nenhum tipo de bomba ou aspirador de pó. São sacos especiais para viagem. Eu tenho vários. A foto é de um deles. Basta deixar uma pequena abertura no lacre, enrolar o saco com as roupas dentro e fechar a abertura. Não fica 100%, mas fica 95%. Super vale! Custa uns 15 reais cada um.

  • Emmanuel Kalispera says:

    Estava com perfume na bagagem de mão e a Alitália disse que teria que ser despachado. Abri a mala no meio do saguão do aeroporto em Roma e coloquei o perfume dentro da mala e fechei. Quando cheguei no destino (Grécia), o perfume tinha sumido. Falei com o pessoal da Alitália e me disseram que não se responsabilizariam porque o perfume deveria ser levado na mala de mão!!!

  • Emmanuel Kalispera says:

    Vc lava a roupa no destino?

  • Monique Renne says:

    Eros, essa capa já é modelo vintage e não existe mais. Porém há outro modelo na Loja do Melhores Destinos. http://www.loja.melhoresdestinos.com.br

    • Tayná Cabral says:

      Amei as capas, voce acha que elas chamam mais atenção do que as demais malas? vou viajar e estou com muito medo de furto/extravio das bagagens…

  • jorge moraes says:

    Só achei estranho o conselho 13 de levar uma balança de viagem.É mais um peso desnecessário.

  • Jose Carlos says:

    Viajei a NY recentemente com esposa e filho e levamos apenas malas de cabine. Tínhamos trechos nacionais separados e com isso não teríamos a franquia estendida. Só na volta é que compramos malas baratas pra trazer as compras. Mas ao embarcar pra NY ficamos preocupados porquê o funcionário da companhia aérea americana nos alertou que viajar com bagagem incompatível com o tempo de viagem (21 dias lá) poderíamos ter que, eventualmente, se explicar na imigração. Mas deu tudo certo.

  • Silvia Lima Oliveira dos Santo says:

    Achei essa postagem muito útil, com dicas relevantes, não interpretei de outra forma a não ser ajudar o leitor, afinal eu mesma também postei em meu blog dois textos referente a organização da mala na semana passada, até porque é muito mais prático viajar apenas com a mala de mão. A verdade é que eu apoio totalmente levar menos bagagem, eu e meu esposo já ficamos quase um mês na Europa levando apenas uma mala de mão cada, fizemos compras e trouxemos presentes sem precisar despachar outra mala, apenas trouxemos uma mochila para o que não coube na mala. Assim como o Helder Jean, lavamos algumas peças e também usamos essas toalhas esportivas que a Samantha Zarth citou, são ótimas. Bem, acredito que o brasileiro precisa se acostumar a viver apenas com o necessário, pois viajar é desapegar, é sair da zona de conforto. Esperamos que as passagens fiquem mais baratas sim, e que viajar seja menos complicado e mais acessível.

  • Maria Alice says:

    Há anos venho reduzindo drasticamente minha bagagem e frequentemente viajo apenas com bagagem de mão.Muito mais prático e rápido.
    Gostaria de compartilhar 2 truques que uso: 1 casaco da Uniquilo que esquenta bastante e é impermeável e pesa apenas 200g e , sempre que possível, apenas roupas pretas na bagagem! O último aprendi com Paulo Coelho, e ele é mago, né? Fica sempre elegante, serve pra qualquer ocasião e emagrece!
    Boas viagens à todos!

  • Lucas Lemez says:

    so uma pergunta, voce viaja com mochila e com mala de mão ? vou viajar no fim do ano e estou com essa duvida de que se posso levar uma mala de mao para roupas e uma mochila para meus utensílios pessoais

  • Lucas Lemez says:

    Minha dúvida é: vou passar 20 dias na Europa, posso levar uma mochila para levar minhas coisas pessoais, e uma mala de mão para minhas roupas? Não quero despachar nada, preciso levar tudo junto comigo cabine.

    • Monique Renne says:

      Teoricamente pode. Todos os passageiros têm direito a uma bolsa de uso pessoal (pode ser uma bolsa ou mochila pequena) e mais
      uma bagagem de mão. O problema é que o critério de “bolsa de uso pessoal” não é muito claro e a companhia aérea pode sim encrencar com ela. Já aconteceu comigo e foi bem chato. Fui obrigada a despachar a mala de mão porque consideraram a minha mochila – que era pequena – como a bagagem de mão e não como bolsa de uso pessoal. Infelizmente depende de cada companhia aérea e atendente.

  • Jorge says:

    Uma dúvida, essa mala de mão pode ser uma sacola e levar mais uma mochila como item pessoal?

  • Monique Renne says:

    Pode sim. Porém se a mochila for muito grande podem pedir pra pesar e você corre o risco de ter a mala despachada.

  • Milene Oliveira says:

    Como levar maquiagem e cremes uma sacola 20×20..ou posso levar separado..??

  • Galadriel says:

    Venho do futuro dizer que o preço não caiu.

  • Galadriel says:

    Essa postagem tá sendo muito útil. Muito obrigado

  • Caroline says:

    Eu posso viajar com uma mala ou mochila de 10kg pra Miami e volta com duas de32 kg? Se eu viajar sem celular posso voltar com iPhone de lá sem caixa e tudo mas? Outra dúvida se as roupas tiver sem etiqueta e não for repetidas são contatas de uso pessoal ? Eu só consigo compra um notebook lá se estiver na promoção porque se não conta nos 500 dólares? Eu posso compras coisas novas e tirar a etiqueta e deixa só algumas ? Ou levar roupas usadas e jogar fora e substituir pela nova ? Na volta eu tenho que mostra as nota do que tem na mala ou não precisa e minha primeiabiajem estou com muitas dúvidas

    Aguardo resposta

  • Márlon Bastos says:

    Vim de um futuro mais distante dizer que os preços não caíram como já sabíamos. So fazem essas mudanças pra nos roubar ainda mais…

  • PrMarlon De Menezes says:

    Uma pergunta. Posso levar uma mala de mão e mais uma bolsa para colocar notebook? ou somente 1 ou outra?

  • Léo Santos says:

    Meu Deus! Sério que vc digitou isso? Inacreditável.

  • Cristiane Dias says:

    Boa ideia Hélder, vou providenciar essa toalha! E quanto a resposta do Diego Vargas essa proposta da bagagem de mão foi tão bem aceita que estamos emmaio 2018 esta sendo bem usada e econômicamente nos beneficia, e quanto a o site ótimas dicas de não levarmos o que nunca foi usado ou de pouco uso! Menos é mais nessas horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *