logo Melhores Destinos

Oneworld, a aliança de companhias aéreas da American Airlines e British Airways

Rafael Castilho
Rafael Castilho
02/09/2019 às 4:58

Oneworld, a aliança de companhias aéreas da American Airlines e British Airways

A Oneworld é a menor aliança global em número de companhias e em passageiros transportados entre todas as três, mas a que conta com a maior empresa aérea do mundo – a American Airlines. O grupo transportou em 2018 cerca de 550 milhões de pessoas entre os mais de 1000 aeroportos servidos pelas companhias integrantes.

Hoje 13 empresas fazem parte da Oneworld: American Airlines, British Airways, Cathay Pacific, Finnair, Iberia, Japan Airlines, Malaysia Airlines, Qantas, Qatar, Royal Air Maroc, Royal Jordanian, S7 Airlines e SriLankan Airlines.

Oneworld

O grupo foi fundado há mais de 20 anos, em 1º de fevereiro de 1999 pelas companhias American Airlines, British Airways, Cathay Pacific e Qantas. Hoje são cerca de 14 mil decolagens pelo mundo, 3,5 mil aeronaves e receitas anuais de US$ 135 bilhões.

A mais recente mudança no grupo foi a saída da Latam Airlines em maio de 2020, cedendo espaço para a Royal Air Maroc que se tornou a primeira empresa membro da aliança a pertencer ao continente africano. Hoje a Royal Air Maroc transporta mais de sete milhões de passageiros em suas 55 aeronaves com hub em Casablanca, de onde saem voos para São Paulo e Rio de Janeiro. São 94 destinos em 49 países da África, América do Sul e do Norte, Europa e Oriente Médio.

Maiores companhias da Oneworld

A American Airlines é a maior companhia do mundo em número de aeronaves com 968 aviões em operação atualmente. São mais de 20 modelos diferentes, entre Boeing, Embraer, Douglas, Airbus e Fokker. Fundada em abril de 1926 para o transporte de correspondências nos Estados Unidos, a empresa passou a focar no transporte de passageiros em 1934. Hoje conta como principais hubs: Dallas, Charlotte, Los Angeles, Miami, Chicago e Nova York. Se levarmos em conta as operações das empresas regionais do grupo, o número de aeronaves ultrapassa a marca de 1.700. São mais de 200 milhões de passageiros transportados por ano voando para 350 destinos em mais de 50 países.

A British Airways aparece em segundo na aliança que ela ajudou a fundar. Criada em 1974, a British Airways hoje conta com 267 aeronaves e voa para 250 destinos. Em 2018 transportou cerca de 47 milhões de passageiros. É dela a rota mais rentável do mundo. A British arrecadou, entre abril 2018 e março 2019, US$ 1,16 bilhão com o percurso entre Londres e Nova York, uma média de US$ 27.159 por hora de voo.

A Qatar Airways entrou para a aliança em 2013. Escolhida neste ano como a melhor companhia do mundo pelo Prêmio Skytrax, a empresa do Oriente Médio tem como hub a capital Doha e conta com uma frota de 227 aeronaves voando para 200 destinos em cerca de 100 países. Tem como destaque o serviço de qualidade e classe executiva. Conheça como é voar na premiadíssima Classe Executiva da Qatar.

Connect Member

Em comemoração aos 20 anos da Oneworld, a aliança lançou esta nova modalidade de afiliação. A primeira companhia a fazer parte como Connect Member foi a Fiji Airways. Diferente de um membro pleno, por enquanto somente os frequentadores frequentes da British Airways, American Airlines e Cathay Pacific pontuarão quando voarem com a Fiji. Já todos os membros Sapphire e Emerald de qualquer companhia tem embarque e check-in prioritários viajando com a Fiji Airways.

Oneworld

Como acumular milhas

A Oneworld não oferece o seu próprio programa de passageiro frequente. Para acumular milhas e trocar por passagens é preciso se inscrever em um dos programas participantes. A vantagem é que você pode se inscrever na sua companhia aérea favorita e acumular milhas voando em qualquer uma das empresas parceiras. Você também pode usar os pontos do seu programa para emitir passagens em outras companhias da aliança, o que amplia muito a possibilidade de utilização das milhas acumuladas. Mas vale destacar que não são todas as tarifas que pontuam milhas. Fique atento na aquisição da passagem.

Sempre é importante inserir o seu número de passageiro frequente durante o preenchimento dos dados para check-in em qualquer companhia filiada à Oneworld.

Depois da saída da Latam Airlines da Oneworld, o Brasil deixou de ter uma companhia aérea nacional representando a aliança. As empresas aéreas membro mais próximas dos brasileiros seriam American Airlines, Iberia e British Airways. Vale lembrar que as demais alianças, Star Alliance e SkyTeam, também não possuem representantes no Brasil.

Status Ruby, Sapphire e Emerald Onewold

Apesar de não ter seu programa independente, todo o grupo Oneworld é conectado e assim o passageiro também pode obter status Ruby, Sapphire e Emerald da aliança, mantendo boa parte dos benefícios ao voar com qualquer empresa membro.

O status mais baixo é o Ruby que dá ao passageiro check-in, lista de espera e reserva de assentos preferenciais. Já o Sapphire agrega os benefícios anteriores ao embarque preferencial, bagagem adicional sem custo e acesso às salas VIPs para Classe Executiva.

O nível top da Oneworld é o Emerald, para os passageiros muito viajados. Além das mesmas facilidades do Sapphire, este cliente tem acesso as salas VIP da Primeira Classe e passagem rápida em vistorias de segurança em alguns aeroportos pelo mundo.

Salas VIP Oneworld

A aliança Oneworld conta com mais de 650 salas VIP das companhias aéreas parceiras em todo o mundo. No aniversário de 20 anos foi anunciado que a Oneworld inaugurará em breve a primeira sala VIP do grupo.

No Brasil, passageiros com status na aliança voando em companhias parceiras contam com a sala VIP da American Airlines nos aeroportos de Guarulhos (SP) e Galeão (GIG).

Encontre aqui uma sala VIP Oneworld pelo mundo.

Volta ao mundo com a Oneworld

No site da Oneworld é possível reservar a sua viagem de volta ao mundo com as empresas parceiras da aliança e escolher entre mais de 1.000 destinos. Para agendar há alguns requisitos básicos:

  • O itinerário deve começar e terminar na mesma cidade;
  • A reserva deve ser feita com pelo menos oito dias de antecedência da viagem;
  • A duração da viagem deve ser de no mínimo 10 dias e no máximo 12 meses;
  • A viagem deve passar por no mínimo três continentes;
  • Serão permitidas até 16 paradas, no máximo;
  • A viagem deve seguir uma única direção: Leste ou Oeste;
  • Só será permitido atravessas os Oceanos Atlântico e Pacífico uma única vez

Oneworld

O sistema para montar a sua viagem de volta ao mundo é bem didático e fácil de operar. Primeiramente você escolherá o ponto de partida e os destinos. Depois as datas e por fim o pagamento. As passagens Oneworld Explorer acumulam milhas e podem ser alteradas. Reserve sua viagem de volta ao mundo Oneworld.

A Oneworld também oferece mais dois tipos de viagem com vários destinos: Circle Pacific (para explorar Camboja, China, Hong Kong, Indonésia, Japão, Coreia, Malásia, Filipinas, Singapura, Taiwan, Tailândia, Vietnã, Austrália, Nova Zelândia, EUA e Canadá) e Global Explorer (conta com mais companhias aéreas parceiras e mais possibilidades de destinos, além da reserva ser feita por número de milhas a serem viajadas 26 mil, 29 mil, 34 mil ou 39 mil). Estas duas modalidades de viagens devem ser reservadas nas empresas aéreas e não no site da Oneworld.