logo Melhores Destinos

Para incluir na lista: 11 viagens incríveis que podem transformar a sua vida

Bruna Scirea
12/12/2020 às 8:00

Para incluir na lista: 11 viagens incríveis que podem transformar a sua vida

Cada um sabe dos seus sonhos de vida. Entre eles, o lugares e culturas que deseja conhecer, os sabores e aromas que não vê a hora de provar e todas as experiências que anseia viver. Então, não vou ser eu a dizer quais são as viagens que você deve fazer antes de morrer. Não é?

Nada impede, no entanto, de sugerirmos algumas aventuras que nós, aqui no Melhores Destinos, consideramos estar entre as mais inesquecíveis e enriquecedoras. São viagens que envolvem planejamento, tempo e dinheiro… daquelas que podem até dar um certo trabalho, mas que são absolutamente recompensadoras e transformadoras. Confira a nossa lista:

1. Fazer uma viagem de volta ao mundo

Fazer uma viagem de volta ao mundo é um plano perfeito para quem tem muitos destinos na lista de lugares que pretende conhecer e deseja tirar um tempo sabático. Visitar diferentes pontos turísticos, culturas e vivenciar modos e filosofias de vida completamente distintos certamente é uma experiência enriquecedora e cheia de recompensas. O custo de uma viagem destas com certeza não é dos mais baratos – mas tem coisas na vida que simplesmente não têm preço, não é?

Tudo começa com a definição dos locais por onde você deseja passar e o planejamento de um roteiro possível de acordo com os voos, que podem ser reservados de forma avulsa, o que garante maior flexibilidade, ou então por meio de passagens de volta ao mundo que vêm em um bilhete único (o Round The World Ticket) oferecido pelas alianças de companhias aéreas.

2. Caçar Aurora Boreal

Ver aquelas luzes coloridas dançando no céu é uma experiência surreal, até meio mágica, que deveria ser vivida por todo mundo pelo menos uma vez na vida. A Aurora Boreal ocorre nas regiões polares e é o que leva muitos turistas a países nórdicos, como Islândia e Noruega, onde o fenômeno pode ser visto entre setembro e abril. Recentemente, em viagens diferentes, as editoras dos Melhores Destinos Monique Renne e Yenifer Contreras (Mejores Destinos Chile) estiveram caçando a Aurora Boreal na Islândia. A Monique foi acompanhada de um caçador de Aurora Boreal profissional e a Yenifer ficou um mês, por conta própria, percorrendo o país de campervan em busca das chamadas luzes do norte. Não precisamos nem dizer que as duas voltaram extasiadas desta experiência.

Veja se não é uma viagem que precisa ser feita por todos nós:

3. Fazer um safári na África

Imagine-se em uma imersão completa na natureza, com direito a ver de perto o dia a dia de animais selvagens como leões, leopardos, chitas, elefantes, rinocerontes, girafas, zebras, búfalos e pássaros das mais diversas espécies. Fazer um safári na África do Sul ou na Namíbia é daquela viagens memoráveis, que marcam a vida dos viajantes com incontáveis boas lembranças.

É uma experiência que pode exigir um certo planejamento, sobretudo se a ideia for dirigir por conta própria (self drive) em meio à natureza, traçando um itinerário particular. No entanto, o que boa parte dos turistas faz é contratar safáris em que hospedagem, alimentação, roteiros e todo o necessário já estão pensados e inclusos no preço final. Aí então, é só se deixar embalar pelas belezas do continente africano. Já fizemos um safári no Kruger Park, na África do Sul, e percorremos a Namíbia em três semanas, conhecendo o que há de mais incrível no país.

Foto: Monique Renne/Melhores Destinos

4. Planejar um tour pela Ásia

O Oriente é um mundo de descobertas, tradições, aromas e sabores, cidades que não dormem e praias paradisíacas. Viajantes mais experientes bem podem ter visitado um ou outro país asiático, mas o que propomos aqui é uma imersão, emendar um longo tour pela Ásia, com diferentes países em um roteiro bem planejado. Uma boa ideia de viagem para desbravar a Ásia é explorar o Sudeste Asiático, contemplando a Tailândia, Laos, Camboja e Vietnã em uma mesma viagem. Mas há vários outros interessantíssimos destinos que podem ser combinados, conforme a sua vontade. Entre eles, estão Índia, China, Singapura, Malásia, Indonésia, Filipinas, Coréia do Sul e Japão. Abra o mapa da Ásia e monte o plano!

5. Viajar de motorhome na Nova Zelândia

Muita gente tem o sonho de viajar de campervan ou motorhome e passear mundo a fora, “carregando a casa nas costas”. A Nova Zelândia é um dos melhores destinos para isso: é segura, oferece paisagens belíssimas, estradas bem conservadas e tem estruturas de camping e bases de apoio espalhadas por todas as regiões. De acordo com a editora do Melhores Destinos Monique Renne, que escreveu o Guia da Nova Zelândia, viajar de campervan é a melhor maneira de conhecer o país. E que país! Lagoa de azul turquesa, fiordes, glaciares, praias, montanhas nevadas e cidades incríveis são alguns dos atrativos deste surpreendente destino, perfeito para ser desbravado de carro.

Foto: Monique Renne/Melhores Destinos

6. Navegar de cruzeiro pelo Alasca ou Antártida

Fazer um cruzeiro nas regiões mais geladas do planeta é sinônimo de contemplação e imersão em paisagens branquinhas, com geleiras e animais que só podem ser vistos nestes lugares do mundo. Os roteiros para o Alasca costumam sair dos portos dos Estados Unidos e do Canadá, enquanto as embarcações que navegam pela Antártida saem, em sua maioria, do porto de Ushuaia, no extremo sul da Argentina, ou então do Chile.

O roteiro pelos polos extremos pode variar conforme o navio escolhido. Há viagens que passam por colônias de pinguins, elefantes-marinhos, focas-leopardo e contam com observação de baleias. No roteiro também podem estar inclusas estações científicas e militares, onde a visita é sempre bastante curiosa. Há ainda cruzeiros especializados em que é possível viajar com especialistas em fauna marinha e fotógrafos de revistas especializadas como a National Geographic. Seja como for… prepare-se para pegar um friozinho!

Foto: Pixabay

7. Curtir um verão nas Ilhas Gregas

Para os fãs de praia, o Mediterrâneo é um prato cheio – especialmente quando é feito de águas quentinhas, em tons de azul e verde, e paisagens deslumbrantes. É o caso das Ilhas Gregas, arquipélago que reúne alguns dos cenários mais belos de todo o mundo, como a Navagio Beach, na Ilha de Zakynthos. Planeje um roteiro para visitar ferry as ilhas que tiverem mais a ver com o seu perfil de viajante. Também já escrevemos sobre a charmosa Santorini, onde se pode admirar um pôr do sol incrível!

Navagio Beach

Foto: Monique Renne/Melhores Destinos

8. Cruzar a Rússia de trem pela Transiberiana

Percorrer de trem mais de nove mil quilômetros, passando por 7 diferentes fusos horários, atravessando o maior país do mundo de uma ponta à outra. Essa é a experiência de fazer a Transiberiana, que atravessa a Rússia desde Moscou até Vladivostok (há ainda outro percurso que vai de Moscou a Pequim, passando pela Mongólia, a Transmogoliana). Você pode começar o percurso na cidade em que quiser, desembarcar e turistar pelas diversas paradas no meio do caminho, ficando quanto tempo desejar. Depois, é só comprar a passagem até o próximo destino e seguir a viagem de trem mais famosa do mundo.

No percurso é possível andar de trenó e patinar sobre lagos congelados (se for inverno, claro), além de mergulhar o Lago Baikal (que detém 20% da água doce de todo o mundo) e apreciar as paisagens, incluindo as floridas regiões da Sibéria.

Fotos: Pixabay

9. Fazer o Caminho de Santiago de Compostela

São muitos os caminhos que levam até Santiago de Compostela, no norte da Espanha. O mais famoso deles é o Caminho Francês, que começa em Saint-Jean-Pied-de-Port, na França, e percorre 800km até chegar em Santiago. O percurso geralmente é feito a pé em cerca de 30 dias, passando por Pamplona, León, Burgos e muitos outros vilarejos com ótima estrutura para receber os peregrinos.

Seja qual for a rota escolhida por você (a que parte da França, de Portugal, da Itália ou qualquer outra), pode ter certeza que esta será uma viagem que irá marcar a sua vida! Independentemente da sua religião e de seus objetivos com a peregrinação, o Caminho irá lhe trazer lições de desapego, força e perseverança. Todos os que voltam, garantem: é uma experiência transformadora!

Foto: Pixabay

10. Percorrer o Deserto do Atacama

Um visita ao deserto mais seco do mundo rende cenários surpreendentes, dignos de filmes! Engana-se quem pensa que tudo é feito de de paisagens monótonas, bem como imaginamos serem as regiões desérticas. Pois no Deserto do Atacama há lagos a quatro mil metros de altitude, rochas esculpidas pelo vento, superfícies em que parece se estar pisando na lua, lagos em que é possível flutuar, gêiseres, sítios arqueológicos, vida selvagem, vilarejos curiosos e um céu de tirar o fôlego, como conta a editora de Destinos Camille Panzera no Guia do Deserto do Atacama. É um espetáculo da natureza de dia e também à noite, quando o milhares de estrelas brilham no céu.

11. Conhecer a Amazônia

Para encerrar com chave de ouro a nossa lista de viagens a serem feitas por todos nós, sugerimos que você conheça a Amazônia – a maior floresta tropical do mundo, que abriga mais da metade da biodiversidade do planeta. Não é pouca coisa. E tem mais: este tesouro faz parte do Brasil. E visitá-la é uma maneira de conhecê-la do perto, respeitando a sua importância e defendendo a sua preservação.

Nas proximidades de Manaus, dá para se hospedar em pousadas de selva, em opções rústicas até mais luxuosas, ideais para se ter uma imersão na floresta. E também é possível percorrer as belezas da região em uma viagem de cruzeiro, com versões all-inclusive. No Mato Grosso, as opções de hospedagem são menores, mas quem se aventurar por lá vai encontrar uma natureza intocada, com influências do Cerrado e do Pantanal. Já no Pará, a grande pedida é Alter do Chão, destino com inúmeras praias fluviais. E, claro, quem preferir uma viagem ainda mais enriquecedora pode descer o Rio Amazonas de barco, entre Manaus e Belém do Pará.

Seja como for, prepare-se para o incrível encontro das águas, na confluência do Rio Negro e do Rio Solimões. Observe como vivem as comunidades ribeirinhas e os povos indígenas da região. Descubra mais sobre o Ciclo da Borracha, nade com os famosos botos cor-de-rosa, faça uma focagem noturna de jacarés e reverencie a imensidão desta jóia chamada Amazônia!

Foto: Pixabay


Quais destinos estão ou entraram na sua lista de viagens? Você tem alguma outra viagem dos sonhos? Conta pra gente nos comentários e participe!

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção