logo Melhores Destinos

Temporada de furacões no Caribe: tire suas dúvidas!

Camille Panzera
Camille Panzera
12/01/2021 às 11:55

Temporada de furacões no Caribe: tire suas dúvidas!

A Temporada de furacões no Caribe é sempre tema de discussão e dúvida entre os viajantes. Muitos querem saber quais os meses com mais furacões, as áreas mais afetadas e se correm perigo ao passar férias no Caribe. Para esclarecer o assunto, o MD preparou essa matéria especial com nossa editora Camille Panzera, que já visitou várias vezes a região. Confira!

Sol o dia todo, mar com água cristalina e paisagens naturais de cair o queixo — isso é o que muitas pessoas esperam de uma viagem ao Caribe e é isso que a grande maioria realmente encontra.

A região tem diversas ilhas diferentes, cada uma com cultura própria, praias paradisíacas e pontos de mergulho maravilhosos. As promoções para o Caribe são frequentes aqui no Melhores Destinos e milhares de pessoas já aproveitaram nossas dicas! Mas ao passo que surgem as promoções, surgem também as dúvidas sobre a melhor época para viajar ao Caribe e evitar a temporada de furacões.

Leia também:
Como planejar sua viagem ao Caribe e economizar

mapa do caribe

Mapa do Caribe

Quando é a temporada de furacões no Caribe?

O período oficial da temporada de furacões no Caribe é de 1 de junho a 30 de novembro de cada ano. Embora haja chances de furacões ocorrerem em qualquer época do ano, esses 6 meses concentram cerca de 97% das atividades tropicais ocorridas entre 1851 e 2013. 

Dentro da temporada de furacões, as maiores atividades ocorrem entre agosto e outubro, especialmente em setembro. Nesses três meses, há a concentração média de 78% das tempestades tropicais anuais, sendo 87% dos furacões de categorias 1 e 2 (mais fracas) e 96% de categorias 3, 4 e 5 (mais fortes) de todo o ano. As atividades mais frequentes acontecem na primeira quinzena de setembro.

Os maiores estragos ocorrem, de fato, quando os furacões atingem a terra; quando estão apenas no mar, as consequências são muito menos desastrosas.

Outro dado importante e que pode, de fato, afetar a escolha do melhor momento para viajar, é que os meses da temporada de furacões no Caribe são também os mais chuvosos — leve essa informação em consideração no momento de escolher a data da viagem. As chuvas também atrapalham o aproveitamento da viagem e os meses mais chuvosos no Caribe são, geralmente, entre agosto e outubro.

O que são furacões?

Para entender a situação, é preciso primeiro saber o que é um furacão. Segundo o INMET, Instituto Nacional de Meteorologia, um furacão é o “nome dado a um ciclone tropical de núcleo quente, com ventos contínuos de 118 quilômetros por hora (65 nós), ou mais, no Oceano Atlântico Norte, mar caribenho, Golfo do México e no Norte oriental do Oceano Pacífico. Este mesmo ciclone tropical é conhecido como tufão no Pacífico ocidental e como ciclone no Oceano Índico”.

Esses ciclones tropicais podem ser classificados, com relação à sua intensidade, como perturbação tropical, depressão tropical, tempestade tropical, tufão e furacão — que, por sua vez, tem 5 níveis de intensidade, sendo o 1 mais brando e o 5 mais forte.

Essas variadas manifestações de ciclones tropicais ocorrem naturalmente através da combinação de diferentes fatores, entre eles a baixa pressão atmosférica, altas temperaturas e umidade. São fenômenos que ocorrem também no Brasil, mas de maneira geralmente mais branda, sem chegar a formar um furacão, que é caracterizado por ventos mais fortes.

Quais as chances de pegar um furacão no Caribe durante minha viagem?

Estatisticamente as chances são muito baixas! Mesmo viajando em setembro, o mês com mais ocorrências, e visitando uma área suscetível a furacões, as chances não são grandes.

Segundo o site da NOAA, Administração Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos, que dentre outros temas pesquisa furacões e faz previsões climáticas no país, se você visita Porto Rico (um dos lugares mais afetados por furacões no Caribe) no mês de setembro (historicamente o mês mais afetado por furacões), a chance de ser diretamente atingido por um furacão ficando na ilha o mês inteiro é de 8%. Se você viaja a Porto Rico durante uma semana do mês de setembro, a chance de ser atingido é de apenas 2%!

Isso significa que se você fizesse 50 viagens de uma semana a Porto Rico no mês de setembro, você seria afetado diretamente por um furacão em uma dessas 50 viagens feitas — e esse é o pior cenário possível, já que estamos falando de uma localidade bastante afetada por furacões, no mês historicamente mais afetado.

Vale lembrar que um furacão atingir um destino é uma situação atípica e que eles se formam no mar, nem sempre atingindo terra firme. O curioso é que há mais chances de ser “atingido” por um furacão na Flórida ou no Golfo do México, por exemplo, do que no Caribe.

No site da Hurricane Research Division, divisão que pesquisa furacões nos Estados Unidos, você pode encontrar mais informações sobre o tema.

temporada de furacoes no caribe

Curaçao

Quais os lugares mais atingidos por furacões no Caribe?

Segundo o site Hurricanes City, as seguintes cidades e ilhas abaixo foram as mais atingidas apenas por furacões entre 1871 e 2018 – quando consideradas as tempestades tropicais, o número aumenta consideravelmente. Perceba como o arquipélago de Bahamas e cidades do estado norte-americano da Flórida são bem atingidos ao longo dos anos. 

Os números indicam a quantidade de furacões que atingiram as cidades desde 1871.

  • Great Abaco Island – Bahamas (atingida 40 vezes)
  • Grand Bahama Island, Bahamas (atingida 37 vezes)
  • Bermuda (atingida 37 vezes)
  • Cape Hatteras, Carolina do Norte – EUA (atingida 36 vezes)
  • Eleuthera, Bahamas (atingida 34 vezes )
  • Bimini, Bahamas (atingida 33 vezes)
  • Andros, Bahamas (atingira 31 vezes) 
  • Miami, Flórida – EUA – (atingida 31 vezes)
  • Cat Island, Bahamas (atingida 30 vezes)
  • San Salvador, Bahamas (atingida 29 vezes)
  • Delrey, Florida – EUA (atingida 29 vezes)
  • Homestead, Flórida – EUA (atingida 29 vezes)

Veja aqui a lista de cidades mais atingidas por furacões e tempestades tropicais

Quais os lugares menos atingidos por furacões no Caribe?

São as ilhas na porção Sul do Caribe. Entre os locais raramente afetados por furacões estão Aruba, Curaçao, Bonaire, San Andrés (Colômbia), o caribe panamenho de Bocas del Toro, San Blas, Grenada, Trinidad e Tobago e a costa de países como Venezuela e Colômbia. As ilhas no Oeste do Caribe também tendem a ser menos afetadas do que as ilhas no lado leste.  

furacoes no caribe - cancun

Cancún

É possível prever a ocorrência de furacões?

Não é possível prever com meses de antecedência que irá ocorrer um furacão em uma data específica, mas o Centro de Previsões Climáticas do NOAA faz prognósticos sobre a temporada de tempestades tropicais e seu potencial para que as tempestades se tornem um furacão. O órgão faz suas previsões sobre a temporada a cada ano, e ao longo dos meses atualiza a precisão de suas previsões com dados obtidos através de satélites.

Quando há potencial de tempestades tropicais e furacões, a divisão meteorológica emite alertas para a população, dessa forma é possível preparar-se e ter uma ideia do que esperar, buscando um local abrigado e que o proteja de ventos e chuvas fortes. Geralmente os locais sujeitos a essas tempestades estão mais preparados para essas situações, inclusive os hotéis.
Você também pode acompanhar notícias do NOAA e ver as condições do tempo através de sites e aplicativos de previsão do tempo como o Weather.com, o Wunderground e o Wind Guru.

 

furacoes no caribe

Providência – Colômbia

Como é o turismo na época de furacões no Caribe?

As ilhas, hotéis, cruzeiros e destinos turísticos do Caribe continuam funcionando normalmente nesse período, com o diferencial de que em muitos lugares os preços são mais atrativos. Lembre-se que em alguns destinos na região também recebem mais chuvas nessa época. Já estivemos no Caribe várias vezes, visitamos vários destinos, como Cancún, Playa del Carmen, Tulum, Cartagena e Punta Cana, inclusive nos meses que fazem parte da temporada de furacões, sem qualquer problema.

Viajar ou não para o Caribe na época de furacões?

Os riscos de sofrer com furacões existe, mas são muito pequenos mesmo nos meses de maior atividade e não há necessidade de cancelar uma viagem nessa época. Ainda assim, é recomendável ficar atento a notícias na internet e noticiários locais durante a viagem, além de fazer um seguro de viagem que lhe dê suporte em caso de necessidade.

Fazer um seguro viagem é um cuidado que vale a pena fazer não apenas pensando em furacões, mas qualquer outra eventualidade que possa afetar sua viagem, em qualquer destino!

Caso haja a chance real de alguma atingir o lugar em que você está passando as férias, são emitidos alertas para preparar a população, preparar as residências, hotéis e evacuar cidades, caso preciso. A cada ano as temporadas de furacões são diferentes e nada impede que sua viagem ao Caribe nessa época seja linda e cheia de dias ensolarados! 

furacao no caribe

Cancún – México

 


Para mais informações, sugerimos a visita ao site da National Hurricane Center, parte do National Oceanic and Atmospheric Administration dos EUA, que pesquisa a respeito de tempestades tropicais e furacões.

Na Wikipedia também há uma ótima página com informações sobre as temporadas de furacões detalhadas ano a ano.

E você, tem mais dicas sobre a temporada de furacões no Caribe?