Dez situações que odiamos quando viajamos de avião e dicas para evitá-las

Leonardo Marques 10 · agosto · 2015

Estamos no fim das férias escolares, período de alta temporada para o turismo, em que muitos brasileiros viajam de avião. Nessa época, o cenário dos aeroportos muda radicalmente. Diminui o número de executivos engravatados e aumenta consideravelmente o número de famílias com crianças, bebês de colo e também de idosos. Junto com o maior movimento, aumentam também os problemas enfrentados por quem viaja de avião.

Listamos 10 dos problemas mais comuns enfrentados pelos passageiros de avião e apresentamos algumas dicas sobre como evitá-los, quando isso for possível. Confira!

10 situações que odiamos quando viajamos de avião

  1. Ter que pagar valores exorbitantes para alterar ou para cancelar uma passagem. Comprar um bilhete aéreo é uma decisão de alto risco. Isso porque, se houver um imprevisto, provavelmente custará muito caro cancelar ou alterar o voo. A diferença pode chegar a 20 vezes o valor da passagem. Confira as dicas do Melhores Destinos para evitar esse problema.
  2. Filas… Fila para o check-in, fila para o embarque, fila para usar o banheiro, fila para o táxi… o viajante costuma penar em filas enormes e, muitas vezes, desorganizadas. O problema se repete mesmo nas posições exclusivas para prioridades e para passageiros frequentes. Utilize sempre que possível o check-in eletrônico ou totens de autoatendimento e tenha calma para enfrentar as inevitáveis filas.
  3. Fila-Taxi-Aeroporto-GIGChegar pontualmente ao aeroporto e descobrir que seu voo está atrasado. Pior ainda, ser vítima de overbooking ou ter o voo cancelado ou alterado sem aviso prévio. Já passou por essa situação? Confira as dicas do Melhores Destinos para evitar esse problema.
  4. Descobrir que não há disponibilidade de janela, corredor ou assentos reclináveis. Ou, pior ainda, não poder viajar junto com a família. Com as poltronas cada vez mais apertadas, quem viaja na poltrona do meio, nas fileiras cujo o assento não reclina (última fileira e antes da saída de emergência), ou próximo aos banheiros, sofre demais. Voos lotados são problema para quem quer viajar junto em família. Evite essas situações reservando gratuitamente o seu assento no momento da compra, no site da empresa aérea. Não deixe para escolher o seu assento no check-in! Se tiver dúvida sobre a posição dos assentos na aeronave, utilize o Seatguru.
  5. Não encontrar espaço para sua mala na cabine ou ser obrigado a despachá-la. Ainda pior é perceber que dezenas de pessoas no avião levaram na cabine malas maiores do que a sua, ocupando todo o espaço do compartimento superior. As vítimas costumam ser os passageiros que embarcam no final, em voos que estão lotados. Confira o que pode ser levado na cabine e, quando o voo estiver lotado, procure utilizar o espaço embaixo da poltrona para acomodar bagagens menores.
  6. Serviço de bordo aquém do esperado. O serviço de bordo é um dos passatempos preferidos dos brasileiros. Mas esse tema costuma ser alvo de controvérsia, seja pela pouca generosidade ou pela má qualidade do que às vezes é oferecido a bordo. Pior ainda é quando o item desejado do cardápio não está disponível para compra ou se o comissário não tem troco e você fica sem poder lanchar mesmo pagando! O ideal é levar um pequeno lanche para o seu voo e não depender exclusivamente do que a companhia aérea vai oferecer.

8.3 Lanche 2

  1. Turbulências ou manobras que causem sensação de desconforto. Além de ser desagradável, deixa as pessoas que tem medo de avião em pânico. Igualmente ruim é quando o piloto simplesmente esquece o aviso de atar os cintos ligado por horas, obrigado passageiros e comissários a ficar plantados nos assentos o voo inteiro, sem que ocorra nenhum tremor.
  2. Comissários mal humorados, truculentos ou com aquele sorriso falso. Tudo bem, não deve ser muito fácil ser comissário de bordo… Mas é muito desagradável estar preso num avião e ter que lidar com uma tripulação encruada, agressiva ou com má vontade. Uma minoria que não compromete a imagem da classe, mas que às vezes tira do sério os passageiros.
  3. Pessoas incômodas, inconvenientes ou mal educadas sentadas próximo a nós: passageiros que conversam alto ou que são grosseiros, viajantes com desodorante vencido ou com flatulência, passageiros bêbados, crianças hiperativas acompanhadas de pais negligentes, bebês chorando alto… A lista parece interminável, tanto que foi criado um blog, chamado Passenger Shaming, que denuncia passageiros em situações constrangedoras: https://www.facebook.com/PassengerShaming
  4. Bagagens extraviadas, danificadas ou perdidas… um verdadeiro pesadelo durante uma viagem, especialmente porque as empresas aéreas insistem em oferecer indenizações irrisórias e em manter prazos absurdos para a devolução das malas. Confira as dicas do Melhores Destinos para evitar esse problema.

bagagem-extravio

Já enfrentou essas ou outras situações desagradáveis em uma viagem? Faltou algum item nessa lista? Comente e compartilhe a sua experiência.

Gostou desse post? Então confira outras dicas interessantes no post “Os 10 mandamentos do viajante de avião

Autor

Leonardo Marques - Diretor do Melhores Destinos
  • marcos morcerf

    sobre a dica dos assentos, quando fechamos uma viagem internacional pela submarino nas promoçoes do MD, fica praticamente impossivel fazer a reserva de assento. Como fazer neste caso ?

    • Marcos, geralmente é possível reservar no site do Submarino ou da empresa aérea com o código da reserva. Algumas empresas restringem a reserva de assento para determinadas tarifas, mas são poucas. Verifique no seu caso se a empresa permite a reserva pelo site ou central de atendimento.

  • Guilhe

    Depois que eu fiquei num assento que não Reclinava de GRU até BOG, sempre confiro antes o site Seatguru. Ajuda mto.

  • Marco

    Viajar de avião não é muito diferente de viajar de ônibus. Foi-se o tempo em que as pessoas viajavam pelo “glamour” e que avião era símbolo de nobreza e riqueza.
    Vamos cair na real, avião serve para levar o POVO do ponto A ao ponto B, com segurança e eficiência. Quem quer ser bajulado deve ficar em terra, num “resort” de 8 estrelas.

    • Lia Silva

      Isso não significa que qualquer passageiro possa usar de maus hábitos ou até mesmo da falta de educação em um avião ou em um ônibus ou em qualquer lugar. Educação cabe em qualquer lugar, se não tem fica em casa. Já viajei muitas vezes de ônibus e nunca vi ninguém cometer certos atos, só pq é pobre ou pq está viajando de ônibus.

    • Andrew Bueno Piolli

      Na verdade viajar de avião é bem mais desconfortável do que ônibus, mas a recompensa é o tempo de viagem extremamente menor. Povo que viaja menos, que ainda tem esse sonho antigo de glamour.

      • Marco

        Verdade…

    • Jackie Queen

      Concordo plenamente!

  • Thiago Castro

    Vôo internacional, 11/12 horas de viagem, e aquele passageiro que nem encostou a cabeça e já está roncando perto de vc! Ngm merece! Pior só criança que fica acordada a noite toda chutando o banco da frente (nada contra criança com energia, mas não encosta no banco da frente, please. rs).

    • Mar

      Sim!!! Passageiro roncando é dureza…todo mundo ao redor e atingido! Rsrsrs Durante o voo eu uso os fones (levo os meus), e na hora de dormir faço buxas de algodão e coloco nos ouvidos. Aqueles tampões q eles oferecem não funcionam comigo…

    • Andrew Bueno Piolli

      Roncando até acho normal, mas criança chata é dureza…
      Pior é quando os pais não fazem nada ou acham bonitinho…

    • Luiz Fernando A Garrafiel

      bah, chutando o banco da frente é o pior mesmo.

  • Fabiana

    Criança chorando, chutando a poltrona da frente, puxando o cabelo do passageiro da frente: isso é o fim! É terrível! E o piro é que sempre acontece comigo!

    • Numismata Jaime

      Caramba, puxada de cabelo? Você não fez nada?

      • Fabiana

        Sim, já tinha comunicado a comissária que a criança estava me perturbando chutando o assento. Depois do cabelo, eu olhei para trás e falei com criança: que ela deveria ter modos e respeitar as outras pessoas, porque, ela não estava na casa dela!
        Olhei para os pais e disse: ok? (que ficaram com aquela cara de m….).
        Ainda bem que falo inglês, mas, se não falasse seria em português mesmo.

    • Janaína Cavalcante

      oi fabiana, somos 2!!!
      e qunado voce olha para tras e descobre que a mae está vendo tudo e ainda ri é o fim!!!

  • Carolina

    Até agora só passei pelos 2, 3, 6, 7 e 9. Desses sem dúvida, o pior foi o 7. Não tem coisa pior que turbulência daquela que parece que o avião vai cair MESMO. Supera qualquer item.

  • Carolina

    Criança pequena é uma coisa que incomoda bastante mesmo, principalmente quando solta o choro, me dói nos nervos.. Mas não dá pra evitar, só não é pior do que quem dorme do teu lado e ronca feito motor velho.. Ou também, quando a pessoa é muito gorda, eu não gosto nem de citar porque a pessoa não tem culpa, mas uma cadeira apertada pra uma pessoa gorda, incomoda tanto a ela quanto quem senta do lado…

    • Luiz Claudio Cardoso

      Dica, sempre levo tampões de ouvido. Tem uns de espuma que são maravilhosos. Confortáveis e eficientes contra ronco, choro e alguma tentativa de conversa na madrugada. 🙂

  • Numismata Jaime

    Ninguém é obrigado a aguentar choradeira dos filhos dos outros. Vá de carro e não incomode os outros, caso seu filho seja chorão. Outro tipo chato é aquele espaçoso que compra econômica e acha que está na executiva.

    • Marco

      Se voce não quer ser incomodado(a), fique em casa (isto é, se não tiver filhos).

    • Mariana Ribeiro

      Fique voce em casa para nao ser incomodado.

  • Numismata Jaime

    Pegue o localizador, entre na página da cia aérea e escolha o assento por lá.

    • Thiago Castro

      Tem cia que não permite. Atitude que eu acho idiota das cias.

  • Hermes Hs

    Pessoal para assentos, o Seat Guru é ótimo, mas se mesmo assim o vôo estiver lotado, tem a opção do SEAT ALERT, que usei em alguns vôos de última hora para os EUA. Sempre deu certo. Assim que desocupa um assento, principalmente porque sempre ocorrem muitas alterações ele te avisa. é bem legal. Consegui alterar todos os meus assentos com isso! Meu trecho foi SP-MIA-NYC-SP.

    O único ruim é que paga para algumas preferências e se quiser alerta em quantidade acima de uma assento… mas nada é de graça. Procurei utilizar sempre o aviso antes de um dos vôos, assim que recebia o alerta, já colocava um novo alerta para o próximo. e o valor cobrado também, é bem pouquinho.

    • AndreaP

      Poxa, bem legal essa dica! Você poderia compartilhar os sites? Sabe se há algum app também? Obrigada!

      • Hermes Hs

        Andrea, o Seat Alert é o aplicativo. É super ligal busque na PlayStore, ITunes ou no Windows store. Ideal é ter os dois apps SeatGuru, onde pode verificar os melhores lugares nas aeronaves e o Seat Alert para receber os alertas de lugares disponíveis.

        Abçs,

  • Mariah Rafaela Silva

    Pior do que crianças chutando a poltrona da frente, o que já é algo insuportável, são adultos fazendo o mesmo ou numa espécie de luta nipônica com o “touch” das telas! Voltando de um intercâmbio pela AirFrance, num vôo entre Paris e Rio, tive que virar, no meio da madrugada, e avisar a passageira da poltrona atrás da minha que ela estava me incomodando e que eu desejava dormir e que ela poderia usar o controle remote ao invés de “socar” a tela! A mulher, é claro, ficou irritada mas finalmente parou! É um inferno esse tipo de gente sem noção!

    • Mar

      Acontece…eu me viro e dou uma olhada, esperando q a pessoa perceba. Nada justifica ficar socando a tela! O mais difícil acho q são as crianças mesmo, mas quando os pais estão receptivos dá para resolver.

    • Andrew Bueno Piolli

      Principalmente aquelas que acham que apertar o mesmo botão centenas de vezes rapidamente e mais forte vai fazer o computador ir mais rapdio…

    • Erica Ambrosio

      Semana passada, num voo de 10h30, estavam socando minha poltrona. Virei para ver quem era e qual tipo de abordagem eu poderia usar. Quando vi que era uma velhinha de uns 80 anos lutando quase que literalmente com a tecnologia, fiquei com pena e deixei para lá. O bom foi que ela dormiu rapidinho e só acordou quando chegamos. o/

  • Eduardo Paci Galvão

    No aeroporto, o pior para mim é fazer o check-in online (ou em um totem) e, no aeroporto, ter de enfrentar FILA para despachar a bagagem. Só no Brasil mesmo!!!

    Já no avião, não suporto quando a pessoa da frente mantém a poltrona reclinada durante as refeições, atrapalhando quem está atrás.

    Outra coisa que não gosto é o desespero das pessoas para entrar ou sair do avião primeiro que os outros.. haja estresse!!!

    • Numismata Jaime

      Pega a fila porque quer, tem fila do “drop baggage” para quem já fez o check-in online. Nas outras situações, concordo, pura falta de educação.

      • Eduardo Paci Galvão

        ??? Vc mesmo disse: ‘Fila’ do drop baggage. É em relação a esta fila que me refiro, às vezes é maior que a fila de que não fez o check-in.

        • Numismata Jaime

          Então você está dando azar, sempre pego ela vazia nas raras vezes que preciso despachar bagagem.

          • Rafael

            Quase sempre tem essa fila. Raro é não ter.

    • Andrew Bueno Piolli

      Esses que saem desesperados, são os primeiros a pararem no corredor de saída e sacar o celular ou ficar conversando

    • Patricia

      Só no Brasil tem filas??!!

      • Bruno Bastos

        O pessoal viaja tanto na maionese que deve achar que fila no Brasil é coisa de subdesenvolvido, mas fila na Europa é chique. Tem fila em todo canto pq não tem como atender 300 pessoas sem acumular.

        • Eduardo Paci Galvão

          Em todo lugar tem filas, mas, como no Brasil, nunca vi. A logística nos aeroportos por aqui é horrível, há como negar isto?

          • Lia Silva

            Vc nunca viu? Já tentou embarcar no JFK em NYC??? Lá peguei uma fila de 3 horas em pé. Sempre pego fila em Miami também. Então repense.

  • Coelho

    A Ibéria só permite reserva de assento antecipado pagando taxa de 100 Euros, caso contrario a reserva só pode ser feita na hora do Check In.

    • Fernando

      Não é verdade. Basta ligar lá no número da Iberia que você consegue marcar sem pagar nada.

      • Paulo

        A Iberia mudou a política e agora paga sim pra selecionar o assento quem for de econômica.

      • Marco

        Depende. Há regras diferentes para tarifas diferentes. As mais baratas não dão direito a reserva de assento.

      • Thiago Castro

        Tem que ligar?? Que coisa antiquada. Qual a dificuldade de liberar a reserva via Internet?!?!

        • Fernando

          Não sei qual é a dificuldade. Mas eu prefiro ligar do que ter que pagar.

      • Coelho

        Oferecemos a possibilidade de obter assento de sua preferência a partir do momento da reserva, pagando um suplemento:
        Preços para passagens de classe Turística sem possibilidade de escolher assento
        Em Iberia.com*Compra em Aeroportos**Voos nacionais (exceto Canárias)5€ / 7USD8€ / 11USDVoos Europeus (exceto Londres), Canárias, África(exceto Angola) e Oriente Médio13€ / 17USD20€ / 28USDVoos longa distância e Angola33€ / 40USD45€ / 55USD

        fonte: http://www.iberia.com/br/reserva-lugares/?language=pt

    • Anna Susy

      Eu já consegui fazer através de agente de viagem. Entrei no site para ver o mapa dos assentos, escolhi e passei para o agente que fez a compra.

  • Leandro Ferreira

    Num vôo entre Lisboa e Barcelona no último mês de Março eu fui “presenteado” com duas crianças super hiper ativas ao meu lado num vôo da TAP. A vantagem foi q o vôo durou apenas 1h 10 min. Se fosse um vôo Internacional, eu nem saberia qual atitude tomar…

    • Numismata Jaime

      Você deveria ter reclamado, ninguém é obrigado a aguentar má-educação dos filhos dos outros.

      • Marco

        Reclamar não vai fazer a criança dormir, só vai aumentar a tensão. Geralmente, uma conversa amistosa e despretenciosa com os pais é muito mais eficiente.

  • O pior que já passei foi uma senhora cantando musicas evangélicas durante o voo. Chamei o comissário e pedi para “calar a boca” da mulher. Depois disso ela falou que foi o primeiro voo onde ela não pode cantar…

    • Thiago Castro

      Eu sou cristão, mas isso é muito sem noção. kkkkkkkkk É cada uma!

    • Numismata Jaime

      Cristão de verdade não importuna seus semelhantes.

      • Marco

        Agora eu tenho qe concordar…

  • Thiago Castro

    Tem que haver tolerância e bom senso de todas as partes. Pela sua lógica, crianças não viajariam e isso não é razoável! A questão é os pais educarem e haver algum limite das crianças. Arruma algo pra pintar, um desenho pra ver, sei lá. Se ocupa. O que não pode é chutar o banco da frente.

    • Numismata Jaime

      Bebês e crianças pequenas têm o ouvido muito sensível às variações de pressão, só deveriam viajar em caso de necessidade.

      • ivan

        Concordo em gênero, número e grau. Basta presenciar o berreiro destas crianças para perceber que elas não estão gostando da experiência, e que estão sentindo dor e desconforto. É puro egoísmo dos pais querer continuar fazendo tudo que faziam antes de ter filhos. Criança pequena não combina com avião.

      • Marco

        Férias dos pais é uma questão de necessidade. Bebês não podem ficar sozinhos em casa.

        • Numismata Jaime

          Necessidade? Necessidade para mim é uma consulta médica, por exemplo.

          • Marco

            Para voce, disse bem.

      • Thiago Castro

        Isso não cabe a vc e sim aos pais saber. Minha prima viaja desde 1 ano e nunca teve problemas. Aí é de cada um. Eu não levaria, mas quem sou eu pra julgar.

        • Numismata Jaime

          Se você quer saber mais que os médicos otorrinos, beleza, azar dos seus filhos.

          • Thiago Castro

            Se depender de vc então não vai ter criança em avião. Podia até entrar naqueles cartazes do que não pode ir a bordo. Tipo: explosivos, armas e crianças com menos de 2 anos pq os médicos dizem isso e aquilo. Então beleza, azar dos seus filhos.

          • Janaína Cavalcante

            oi bom senso é fundamental! viajo de aviao pelo menos 2 a 3 vezes no mes e ja vi muita coisa estranha!!
            crianças podem e devem viajar realmente para onde os pais ou responsaveis quiserem…
            sou nutricionista, e assim… esperar que a crianca durma apos voce dar balinha, chocolate, ipad, iphone… é impossivel! deve ter um ritual de sono ou ritual de brinquedos e atividades para mante-las acordadas.
            crianca pode tomar suco de maracuja, bb pequeno, ser amamentado antes do voo, assim dormira boa parte do voo e acordara com fome e novamente deve ser amamentado, colocar algodao no ouvido das criancas… o que não dá é para ser chutado o voo inteiro, crianca chorando e pai dormindo do lado, crianca com fome e pai nao ter levado comida, crianca “mijada” e pais não trocam, já vi casos de pais que porque a baba estava no fundo do aviao nao trocavam, tiveram que pedir para avisar comissaria para avisar para baba vir buscar para trocar a crianca, filho mal educado e pai achando graça e por ai vai!!….

          • Thiago Castro

            Concordo contigo Janaina.

          • Marco

            Acho bom você nunca ousar ter filhos, sabichão! Pelo tipo de opinião que você emite, espero que a natureza seja sábia com você.
            Viver em sociedade envolve tolerar as diferenças entre as pessoas, dentro de certos limites, obviamente. Aliás, sabia que existem pessoas que pensam diferente de você e que podem não estar erradas em seus pensamentos? Ou isto é demais para a visão míope que seus 2 neurônios conseguem processar?

      • Lia Silva

        Nesse caso é só ir ao um bom pediatra antes de viajar. Todo bom pediatra sabe que a sucção resolve o problema de variações de pressão. Não precisa ficar em casa, é só dar uma mamadeira ou amamentar que a criança se acalma. E outra, bebês que crescem voando, se tornam, na maioria das vezes, crianças disciplinadas em voos.

    • Renato Maia

      Viajou na economica se prepara porque é foda mesmo e não é só com relação às crianças, tem velho(a) chato(a), executivo babaca que viaja pela empresa e fica cantando aeromoça, jovem que já entra bêbado, artista global folgado e que se acha a melhor bolacha do pacote, gente que acha que só sua bagagem pode ocupar o bagageiro, é muito trash e bota trash nisso, já fiz isto quando era jovem. Pra voo internacional de férias eu economizo no cafezinho e centavos no litro de gasolina pra ir de bussiness, se não dá para ir num ano, vou no ano seguinte, mas de businness, afinal é férias. Na bussiness, tem embarque e desembarque prioritário, não tem gente que senta no seu lugar e ocupa todo o bagageiro, tem welcome drink, nada de recipientes de plástico nas refeições e nem vinho de 3a, isso é bom pra caramba pra quem já passou da idade do mochilão. No pior dos casos não se der pra ir de bussiness, consiga uma receita e tome um dorminid e só acorde no destino….

  • Numismata Jaime

    Bom, você deve ser um daqueles que acham que todos tem obrigação de aguentar a má-educação dos seus filhos.

    • Marco

      Os meus têm educação, mas nem todos são assim.
      Eu tolero os filhos dos outros que são mais indisciplinados que os meus, pois, afinal de contas, o avião é muitas vezes um ambiente inóspito para crianças, o que fica ainda pior se os pais forem do tipo que tem medo de viajar e transmitirem ainda mais insegurança para os filhos.
      Intolerância gratuita não leva a lugar nenhum. Nada como um dia após o outro para fazer pessoas como você morderem a língua.

      • Lia silva

        Vocêvai me desculpar, Marcos, porém, tenho uma filha e nunca permiti indisciplinas em viagens. O seu direito começa onde o do outro termina, ensino isso para minha filha desde bem pequenininha. Ela nunca pertubou ninguém em uma avião, e funcionou, pois hoje é uma passageira exemplar e já tem 20 anos. Fazendo isso, você não precisa tolerar crianças sem educação em voo, é só chamar a comissária e pedir resolução sobre a situação. Não existe lugar inóspito para crianças, é só levar algo com que elas possam se distrair, sem pertubar ninguém e ensinar que avião não é o quintal de casa e que elas podem se machucar severamente, caso não obedeçam as regras. Como já disse, educação cabe em qualquer lugar, mesmo quando falamos de crianças.

    • Fabiana

      Jaime, eu sou a favor de que as empresas criem um espaço no avião somente para famílias com crianças, porque, realmente ninguém é obrigado a aguentar os filhos dos outros.

      • Numismata Jaime

        Assino embaixo.

  • Andrew Bueno Piolli

    Tirando bebes, criança mal educada realmente é culpa dos pais…
    Eu e minha irmã éramos bem quietos (na época só viagem de ônibus) , se o filho é chato de algo para ele dormir e não incomodar os outros passageiros.

  • Hugo Leonardo

    Semana passada, em um voo Goiânia para Aracaju com conexão em Guarulhos, eu tive o desprazer de ter a minha bagagem violada e ao reclamar para a Gol, disseram que como não chequei o conteúdo da bagagem antes de sair da área de restituição de bagagem, nada poderiam fazer. O que fico triste não é eles terem funcionários ladrões, e sim em não se esforçar em descobri-los. É só esconder câmeras ou armar situações para pegá-los em flagrante e ter a mínima educação e respeito ao passageiro em pedir desculpas e não apenas tirar o deles da reta como se não tivessem responsabilidade alguma. Aquelas etiquetas de “prioridade” para clientes ouro ou diamante na verdade é só um “furtem minha mala, por favor”… Chateado com o descaso.

    • Rafael

      Isso também já me aconteceu e, não só falaram que eu tinha que ter checado minha bagagem na área de restituição de bagagem (quem faz isso???) como eles falaram que pesariam a bagagem para ver a diferença de peso. Bem, o que sumiu não ia fazer diferença nenhuma no peso.

  • Thiago Castro

    Tem criança (bebê mesmo) que não faz isso que vcs estão falando, então é difícil setenciar assim. Cada um sabe da sua vida. Eu não levaria bebês pra viajar de avião, mas eu sou eu. Egoísmo é vc querer que não haja crianças no avião.

  • Patricia

    Se você dissesse, por exemplo: ninguém é obrigado a ter o encosto de sua cadeira chutado por uma criança sem supervisão, ou ficar ouvindo a cantoria da Galinha Pintadinha de um tablet usado sem fones de ouvido, eu concordaria. Mas choro é outra coisa, nem sempre dá pra controlar. É cansativo e irritantes às vezes, mas creia, é mais cansativo e frustrante para os pais e para as próprias crianças. E não, eu não tenho filhos mas sei bem que crianças não são máquinas perfeitamente programáveis, felizmente!

    • Sérgio

      É isso aí Patrícia. Choro de bebê é incontrolável porque a pressão nos ouvidos os incomoda muito, entre outras coisas. Criança mal educada é outra coisa. Mas pior que tudo isso são essas pessoas que pensam: .. TÔ PAGAAAANDO… por isso não quero que falem comigo, não quero ser incomodado pela conversa alheia, pelo bafo de alho que o cara comeu no almoço, pelo tamanho, pela inquietação, pelo medo, pelo cecê, pelo chulé, pelos peidos, pela fungação, pela tosse….. Então, meu querido, se não sabe viver em comunidade compre um jatinho e viaje do jeito que você gosta, isolado do mundo e com suas próprias manias e idiossincrasias.

  • Numismata Jaime

    Crianças pequenas e bebês deveriam ter um horário específico para viajar, você já saberia de antemão os horários a se evitar. Uma vez peguei um vôo para Floripa, 23h, com um bebê que não parava de chorar. 23h é hora de bebê estar no berço em casa, e não dentro de um avião. Pais irresponsáveis e egoístas, que não se importaram em incomodar dezenas de passageiros por 1 hora, além de expor o bebê aos desconfortos de um vôo.

    • Rafael Andrade

      Fui gerente de cinema, e convivi inúmeras vezes com situações assim. Por mais que o choro/grito/batida da criança incomoda, a culpa real é dos pais sem noção, que tem em suas mentes a idéia de que é normal criança fazer tudo isso em público. Tenho asco desses pais, e adoraria tanto dizer isso à eles.

    • Marco

      Vai dormir, infeliz!
      Isto não é mais hora de você ficar importunando os outros neste forum com suas opiniõezinhas míopes e egoístas.
      Abra sua mente (nem que seja com um machado)!

    • Ramón Nervioso

      ODEIOOOO isso tambem.. compre o fone da Bose Quietcomfort q irá resolver bem seu problema, pelo menos cmg resolveu.

      • Numismata Jaime

        Boa, vou providenciar um.

  • Numismata Jaime

    Típico discurso de petista.

    • Fernando

      Estava simpático ao seu posicionamento até você soltar uma dessas….nada a ver misturar política em tudo hoje em dia….

    • Ramón Nervioso

      petralha faz viagens curtas, normalmente, ate Venezuela, Bolivia ou Cuba… eles nao pegam voos longos como nós da elite repressora ate os USAAAAA 🙂 hashshsha

      • Numismata Jaime

        Tem alguns que vão para a China também. Mas, lógico, fazem uma escala em Paris, ninguém é de ferro! kkk

        • Ramón Nervioso

          ushauhsaushu Bem notado!!!.. Eles precisam honrar o Chico Buarque e a esquerdinha-caviar ne?

  • Numismata Jaime

    Queimar a língua por quê? Já voei mais de 150 vezes e nunca incomodei ninguém. E quando tiver filhos, só andarão de avião com certa idade.

    • Marco

      Como eu disse, nada como um dia apos o outro…

    • Ramón Nervioso

      disse tudo!

  • Oscar Luiz da Silva Neto

    Eu durmo e ronco em alto e bom som e não estou nem aí se atrapalha. Coloque um fone de ouvido e ouça música.

    • Carol

      Então você se enquadra no item 9: “Pessoas incômodas, inconvenientes ou mal educadas sentadas próximo a nós”.

    • Thiago Castro

      Eu achei que o Numismata era o mais intransigente dos comentários, mas vc com apenas 3 linhas o superou. Parabéns!

      • Oscar Luiz da Silva Neto

        Obrigado. Ah, e eu sempre sento na janela da ante-penúltima fileira. Evite de sentar por lá – não gosto de ser incomodado durando meu sono. Obrigado.

        • Marco

          Acho que o numismata não se incomodaria de sentar ao seu lado. O problema dele é com crianças…

          • Oscar Luiz da Silva Neto

            Como disse, se ele se incomodar, não estou nem aí.

            Na boa, faço 150-170 voos por ano. Você acha que eu tô preocupado? Você acha que com a quantidade de dinheiro que a cia. aérea ganha de mim, ela vai me incomodar só porque estou dormindo?

            O que você acha que vai acontecer? O comissário vai me acordar? Não nessa vida.

            Cia. Aérea não é serviço socializado. É pago e bem pago. E a a cia. aérea retribui para seus melhores clientes. E sou um deles. Um dos melhores.

            Viajar de avião no Brasil é um suplício. Começa na chegada no aeroporto, todo mundo estacionando em fila dupla ou tripla. Filas enormes de check-in. Funcionários do Raio-X despreparados. Funcionários de solo das companhias aéreas de qualidade sofrível. Aviões apertados, tanto colunar como linearmente. Péssimo serviço de bordo. Demoras infindáveis para retirar a bagagem.

            Daí vocês reclamam das pobres crianças e das pessoas que estão exaustas depois de um dia de trabalho e querem dormir no avião? Ah pára, vão procurar outro pra encher o saco.

        • Mar

          Numa dessas senta atrás de vc uma criança daquelas q chuta a poltrona da frente, os pais nem ai se ela está atrapalhando…rsrsrsrsrs

  • Bruno Bastos

    Ninguém é obrigado a aguentar você falando besteira nos comentários também. E nem por isso demos chiliquezinho.

    • Marco

      Ufa! Achei que eu era o único que pensava isto…

  • Juliana

    Muita gente reclamando das crianças…
    Mas, olha, o que irrita mesmo são os adultos sem educação. Adulto que chuta a poltrona da frente, que soca a poltrona da frente, que tem a necessidade de conversar gritando durante todo o voo, que não espera o avião parar e abrir a porta para só então levantar pra sair, que não respeita as regras de voltar a poltrona para a posição vertical…a lista é enorme!

  • guest

    “Igualmente ruim é quando o piloto simplesmente esquece o aviso de atar os cintos ligado por horas” haha essa boa! Garanto que pilotos não “esquecem” esse aviso ligado por nada. Cinto é para ser usado durante todo o trajeto. Ai da uma turbulência inesperada, passageiro bate cabeça no BIN, e vai pros sites reclamar de tudo, quando um simples cinto afivelado evitaria toda a situação. E é bem provável que o comandante aconselhe o uso durante todo o trajeto no inicio de cada voo.

    • Karine

      Numismata Jaime, você só fala essas asneiras porque ainda não tem filhos. Também acho intolerável país negligentes, que fingem que não estão percebendo atitudes erradas de seus filhos, por não quererem se incomodar, ou por medo de piorarem a situação.
      Então pela sua lógica uma criança não tem direito de viajar pra conhecer seus personagens preferidos nos parques da Disney? Visitar, até mesmo conhecer um parente que more em outro estado ou país? Ou seja, criança só é gente e tem direitos quando se torna adulto? Até porque se ficar enclausurada aí mesmo que não vai aprender a lidar com essas situações.
      Minha filha foi a Disney com menos de 3 anos, meu filho com menos de 5. Eles adoram viagens de avião.
      Levo revistinhas de colorir, livros, massinha, joguinhos. Mas às vezes algumas situações inconvenientes podem acontecer, normal! Até mesmo com adultos. Não dá para ser intolerante e achar que lugar de criança é dentro de casa, sem socializar. Afinal, se deparar com ignorastes como você também faz parte do aprendizado delas…

      • guest

        Amigão mande fontes de sites confiáveis de aviação, não da uol, não de um livro de um fórum de um comandante não identificado de um… e por ai vai… Entenda que pilotos viajam mais do que qualquer um aqui e sempre com seus cintos afivelados o trajeto todo. A próxima vez que viajar faça isso, o cinto não incomoda tanto e vai garantir que chegue ao seu destino final são e salvo. Abraço.

  • Janaína Cavalcante

    Eu já passei por todos os momentos citados, afffffff……

  • Ramón Nervioso

    deveriam cobrar 15% a mais na tarifa se levassem criança menor de 10 anos em voos internacionais de longa duraçao!.e eu pagaria 15% a mais, se soubesse q meu assento estaria anos-luz distante de QQ criança!..

  • Paula

    Meu vôo terrível foi Genebra – Lisboa. Domingo a tarde, último dia da temporada de esqui. Só tinha nórdico rico entre 18 e 30 anos, cada um com seus equipamentos “desproporcionais” e, desculpem-me a generalização: arrogância e reis na barriga. Nunca vi tanta grossura num lugar. Ainda bem que cheguei em Lisboa e lá todo mundo eh muito afetuoso e disponível.

    Em segundo lugar no sofrimento,
    Eu viajei POA-Curitiba por 2 anos todas as semanas. Os executivos que não desligam o celular e se levantam assim que o avião toca o solo são chatíssimos.

  • Luiz Fernando A Garrafiel

    não só pelo submarino, quando fui para os EUA, pela TAM, perguntei ao atendente porque não pude marcar o assento, ele respondeu porque eles tem que conferir os documentos, achei besteira, mas, não discuti.

  • Augusto

    Eu realmente não me incomodo de ficar o voo inteiro afivelado.

  • DANIELLE LIMA

    Os maiores problemas, ou melhor, os mais relevantes, foram com a Etihad no ano passado. Primeiramente o “sistema” estava fora do ar, com os bilhetes “emitidos” manualmente, e ainda, mesmo quem tinha escolhido lugar, a empresa disse que não poderia garantir. Tinha um bebê, que com certeza não pagou passagem, no lugar do meu amigo. Depois, houve um atraso de 4 horas na decolagem. Uma bagunça dentro do avião, mistura de desespero e ódio.
    No retorno, de Abu Dhabi, fiquei 16 horas com um indiano fedorento do meu lado. O cheiro era tão insuportável que tive que colocar a máscara de dormir no nariz!
    Depois da viagem com a Etihad, todos os demais problemas ganharam o “status” de irrelevantes! hahaha
    Já voltei da Cidade do México com dois bebês que choraram durante todo o vôo.
    Odeio quando puxam conversa e você não está com vontade de conversar…

  • Christian Silva de Avila

    Isso não faz sentido. Não tenho filhos, mas quando tiver não deixarei de viajar por causa deles, independente de serem chorões ou não. Uma coisa é uma criança mal educada, outra é uma criança que chora por medo ou incômodo de estar em um avião. Em relação a segunda hipótese, não há o que fazer, todos os passageiros TEM que aguentar, afinal, o avião também é um transporte COLETIVO.

    • Numismata Jaime

      “TEM” que aguentar? Só se for na “sua” democracia.

    • Numismata Jaime

      Então quer dizer que no COLETIVO pode-se fazer de tudo? Acho que é o contrário, né?

  • Numismata Jaime

    Coitados dos seus filhos, ter uma mãe escrota como você.

  • Fabiana

    Eu chamo a atenção de todo mundo, da criança do pai, da mãe.

  • Fabiana

    eu também levo tampão de ouvido.

  • Oscar Luiz da Silva Neto

    É simples: não quer se incomodar ou ser incomodada, vai de Executiva ou de Primeira Classe. Ou então pede para o comissário trocar de lugar e vai sentar lá na frente.

    Eu não vou deixar de dormir por sua causa. Sorry.

  • Oscar Luiz da Silva Neto

    Passageiros com crianças pequenas normalmente sentam lá na frente. Como eu disse, sento na ante-penúltima fileira e na janela.

  • Eduardo Queiroz

    A lei determina que a empresa só pode reter até 5% do valor da passagem. Tenho uma ação judicial nesse sentido

  • Numismata Jaime

    Tem dinheiro para viajar dezenas de vezes por ano, mas não tem dinheiro para operar e consertar essa apnéia do sono….kkk

    • Oscar Luiz da Silva Neto

      Dinheiro tenho. Mas se consertasse, corria o risco de que você sentasse do meu lado.

      Melhor ficar com a apnéia.

      (e são centenas de vezes por ano).

      • Numismata Jaime

        Bom, a apnéia ainda dá para consertar com dinheiro, já a soberba…

  • AndreaP

    Muito obrigada pelos esclarecimentos!