logo Melhores Destinos

Latam lança uma nova categoria em seu programa de fidelidade, a “Gold Plus”

Leonardo Cassol
27/11/2018 às 19:00

Latam lança uma nova categoria em seu programa de fidelidade, a “Gold Plus”

A Latam anunciou oficialmente hoje a criação de um novo nível no Latam Fidelidade, o “Gold Plus”. É uma categoria intermediária entre os atuais níveis “Gold” e “Platinum”, com alguns benefícios adicionais em relação ao “Gold”. A categoria será disponibilizada no primeiro trimestre de 2019. Veja os detalhes e também algumas perguntas que fizemos para os gestores do programa.

Latam Fidelidade Gold Plus

Benefícios da nova categoria Gold Plus: 

Equivalência à categoria Ruby da aliança Oneworld

Acumulam 5 pontos resgatáveis em voos domésticos e 9 pontos em voos internacionais (o Gold acumula, respectivamente, 4 e 8 pontos, enquanto o Platinum, 6 e 10 pontos).

Check-in preferencial

1 bagagem despachada em voos nacionais dentro do Brasil (esse benefício para clientes Gold normal vale somente até 31/12/2018).

2 cupons para upgrade de cabine (o que permite upgrade em voos para a América do Sul)

Antecipação/Postergação de voos no mesmo dia sem custo

Assentos: 50% de desconto em assento LATAM+ ou assentos comuns em rotas domésticas no Brasil (a partir do segundo semestre de 2019).

Requisitos de qualificação: 

Acumular 18.000 pontos qualificáveis no ano civil (a partir de 2019), sendo obrigatoriamente 14.400 pontos em voos Latam (o Gold normal demandará 10.000 pontos qualificáveis nas regras divulgadas para 2019). Isso equivale a um gasto anual de R$ 7.200,00 por ano, considerando voos domésticos.

Para ver os benefícios das outras categorias do Latam Fidelidade, clique aqui.

Para ver as novas regras de qualificação de categoria, válidas a partir de 2019, clique aqui.

Para ver a nova tabela de resgate de voos da aliança oneworld com pontos, e de alteração de bilhetes emitidos com pontos, clique aqui.

O contexto da nova categoria

Segundo a Latam, o foco da nova categoria é no passageiro corporativo, que voa predominantemente no mercado doméstico. A intenção é oferecer mais benefícios que a categoria Gold, para clientes que não conseguem atingir a pontuação do nível Platinum.

Aproveitamos a oportunidade que tivemos para tirar dúvidas e fizemos algumas perguntas sobre outros temas do Latam Fidelidade para o Marcelo Dezem, novo diretor executivo do Latam Fidelidade, e o Lucas Correia, gerente comercial do programa. Confira:

Sobre a categoria Latam Fidelidade Gold Plus

1. Cliente Platinum que não atingir a pontuação necessária para permanecer na categoria será rebaixado para Gold ou Gold Plus?

Resposta: até 31/3, data da requalificação do programa, a categoria Gold Plus já terá sido lançada. Portanto, clientes Platinum serão alocados na categoria Gold Plus (boa notícia!).

2. Quem atingir os requisitos da categoria Gold Plus em 2018, ou seja, fizer mais de 18.000 pontos qualificáveis, receberá o nível Gold Plus em 2019? 

Resposta: não, porque o nível Gold Plus será lançado com os novos requisitos de qualificação que iniciam em 2019. Portanto, só poderá atingir esse status quem atingir os novos requisitos, ou for rebaixado da categoria Platinum.

3. Há ou haverá alguma mudança para quem é da categoria Gold?

Resposta: nada muda.

Outras questões

4. O Latam Fidelidade mudou algumas vezes suas regras de acúmulo, qualificação e resgate nos últimos anos. Podemos assumir que as regras do programa são anuais agora, ou é possível esperar mais estabilidade?

Resposta (Marcelo Dezem): com as últimas mudanças anunciadas em 2018 teremos uma maior estabilidade nas regras. O principal já foi feito, com o intuito de manter a viabilidade do programa. Lógico que circunstâncias competitivas e de mercado podem nos levar a rever alguma coisa, mas basicamente posso dizer que nós já fizemos as principais mudanças.

5. A Latam planeja diminuir o limite anual de 25 beneficiários de passagens  resgatadas com pontos? Há rumores de que esse número cairia para 5 nos próximos meses.

Resposta (Marcelo Dezem): Não há planos nesse sentido. Acreditamos que a alteração teve o efeito esperado. Um outro programa nacional (TudoAzul) já adotou medida semelhante. Se houver qualquer outra mudança será comunicada com antecedência aos clientes. Mas não estamos com nada nessa direção em pauta no momento.

6. Não houve um exagero do programa na definição dos novos requisitos para qualificação de categoria que entram em vigor em 2019? O Latam Fidelidade não corre risco de ficar pouco competitivo frente aos demais programas nacionais? 

Resposta (Marcelo Dezem): Analisamos com cuidado todos os dados para definir os novos requisitos de cada categoria. A ideia foi manter os benefícios, preservando a sustentabilidade do programa. Fizemos também pesquisas com os clientes e chegamos ao resultado apresentado. Acreditamos que os requisitos estão alinhados ao que cada categoria oferece e adequados ao restante do mercado.

7. Quando os clientes do Latam Fidelidade poderão voltar a resgatar voos da Qatar e da Cathay Pacific com pontos, que ficaram indisponíveis desde a migração de sistemas realizada em maio desse ano? 

Resposta (Lucas Correia): Não temos uma data específica para indicar, mas melhoramos consideravelmente o desempenho do novo sistema e dos resgates feitos pelo site. Esperamos nos próximos meses superar essa questão.

E você, ficou com alguma dúvida? O que achou da nova categoria? Comente e participe!

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção