logo Melhores Destinos

Como é voar na Winair pelas ilhas do Caribe

Redação
Redação
07/08/2013 às 17:16

Como é voar na Winair pelas ilhas do Caribe

O Caribe é uma das regiões de maior beleza natural do mundo. Conhecer algumas das ilhas, contudo, só é possível por meio de barcos ou companhias aéreas pequenas, como a Winair, que conheceremos hoje. Com base em Saint Maarten, essa companhia estatal tem somente cinco aeronaves – mas nada de Airbus, Boeing ou Embraer – a frota é formada por pequenos turboélices Jetstream 32 ou Havilland DHC-6 Twin Otter. Foi em um desses que nosso leitor Vitor Pessoa embarcou em sua viagem de St Maarten a St Barth. Os detalhes desta experiência você acompanha a seguir:  

avaliacao-winair

Em minha primeira viagem a ilha de St. Maarten, no final de 2012, decidi conhecer a badalada ilha de St. Barthélemy (ou St. Barth). Após algumas leituras em blogs e algumas pesquisas nos sites das empresas que operam este trecho (Winair, Air Caraibes, e St. Barth Commuter), decidi comprar as passagens pela WINAIR, pela maior disponibilidade de voos e, principalmente, pelo preço.

A WINAIR, abreviação de Windward Islands Airways, é uma empresa aérea regional fundada em 1961 e tem como slogan “A sua empresa aérea segura”. Possui somente duas aeronaves “Havilland Twin-Otter” e três aeronaves “J32” e opera em sete destinos na região nordeste do Caribe: St. Maarten (base principal), Saba, St. Eustatius, St. Barth’s, Nevis, Dominica e Tortola.

Voo de IDA : WM0615 – St Maarten (SXM) 09:00 -> St. Barths (SBH) 09:20

Voo de VOLTA: WM0680 – St. Barths (SBH) 17:40 -> St. Maarten (SXM)               17:55

Total para dois passageiros: U$299,00 com taxas.

Compra

O site https://www.fly-winair.com/ é bastante amigável e de fácil navegação. Logo na página inicial, possui informações sobre os destinos disponíveis, pacotes, bagagens, check-in e um “fale conosco” bem eficiente.

A pesquisa permite a busca por datas exatas ou datas próximas. Existem quatro tipos de tarifas: Promo, Saver, Economy  e Premium. Variam somente as condições de cancelamento, reembolsos e alterações.  Não existe marcação de assentos especiais ou classes diferenciadas na aeronave. São aceitos cartões VISA, Master e American Express.

Check-in e embarque

Guichê no Aeroporto Princess Juliana (SXM)

Guichê no Aeroporto Princess Juliana (SXM)

Não houve dificuldade para encontrar o guichê da Winair no Aeroporto Princess Juliana em St. Marteen (SXM). Fica à direita das portas de entrada com painéis. O check-in foi extremamente rápido e tranquilo. Cheguei com uma hora de antecedência. Não havia filas. Os atendentes falam inglês e francês e foram gentis durante o atendimento e despacho de bagagem. Apresentei o comprovante da reserva e o passaporte.

Tanto na ida quanto na volta os voos saíram com um atraso de 25 minutos em média. Mas o tempo passa rápido vendo alguns pousos e decolagens e lendo diversas revistas disponíveis na sala de embarque.

IMG_1140 (Large)

Um detalhe interessante: no voo de volta, no aeroporto de St. Barth (SBH), cheguei com mais de uma hora de antecedência e os funcionários me ofereceram o embarque no voo que iria decolar em 15 minutos. Aceitei e eles fizeram a troca do meu itinerário sem problemas. É uma opção para quem deseja embarcar um pouco mais cedo, sem burocracia.

Avião

549313_426557090706005_1485887799_nOs voos foram realizados nos aviões modelo “Havilland” que acomodam apenas 12 passageiros. Nos dois trechos que viajamos, não havia mais que oito passageiros, além do piloto e co-piloto. Não há comissários e pouquíssima orientação é passada em inglês e francês. Ou seja, suba as escadas do aviãozinho, escolha seu assento na janela e aperte o cinto.

IMG_3476 (Large)

A configuração dos assentos são: duas poltronas do lado direito e uma poltrona do lado esquerdo, dispostas em quatro fileiras. Poltronas sem couro e pequenas, mas confortáveis e limpas, com folhetos de segurança e saquinhos em caso de enjoo. O corredor é estreito e não há portas separando a cabine dos pilotos.

26796_116689378359446_2952650_n

O voo

Durante o voo de aproximadamente 15 minutos, você não vai fazer absolutamente nada a não ser fotografar e filmar as belíssimas paisagens. Praticamente todos os passageiros com câmeras e celulares na mão. Ninguém percebe o balanço da aeronave. Não há nenhum tipo de serviço, afinal, são menos de 15 minutos de diversão apesar do enorme barulho e do calor.

IMG_3505

De uma maneira geral, o voo ocorreu sem solavancos, sem sustos e tanto a decolagem como a aterrissagem foram realizadas de forma suave e segura.

IMG_3187 (Large)

Chegada

No desembarque, no aeroporto de St. Barth, ao descer a escada do avião, temos a opção de retirar nossas bagagens imediatamente ou aguardá-las na minúscula esteira que fica numa sala ao lado da pista.

Aeroporto St Barth

Aeroporto St Barth

Dicas

Realize a reserva com antecedência, pois surgirão mais opções de voos da “Classe Promo” que são mais baratos.

IMG_3508 (Large)

Use roupas leves e confortáveis, pois faz bastante calor durante o voo.

Leve sua câmera e sente na janela!

IMG_1148 (Large)

Conclusão

De uma forma geral, fique bastante satisfeito com os serviços da Winair, desde a reserva pela internet, o atendimento por e-mail e o próprio voo. Os funcionários foram atenciosos e o voo foi seguro e divertido apesar da aparência antiga das aeronaves. Sem dúvida, recomendaria e pretendo voar novamente pela companhia para outras ilhas da região. Grande abraço!

Winair

 

Agradecemos ao Vitor por esta interessante avaliação, que certamente será muito útil para os leitores que estão planejando uma viagem ao Caribe. E você? Já voou com a Winair? Deixe suas impressões nos comentários! Se você fez ou vai fazer uma viagem com alguma empresa aérea que ainda não foi avaliada aqui no Melhores Destinos ficaremos felizes em publicar sua avaliação: entre em contato pelo e-mail dicas@melhoresdestinos.com.br Você pode conferir todas as avaliações publicadas pelo MD neste post. Não deixe de conferir também nosso Guia de Companhias Aéreas, com dezenas de avaliações e notas dos leitores.

22 Comentários

  • André Pessoa says:

    Há um engano sobre o avião. O Havilland Twin-Otter, segundo a Wikipédia, permite até 19 passageiros, e não 12, como está no post. Pode ser que haja alguma variação de exemplar para exemplar, mas na penúltima foto é possível ver perfeitamente 6 fileiras de cadeiras, o que dá no mínimo 18 lugares.

  • Eu ainda voo em um avião desses.

    • André Pessoa says:

      Uma vez eu voei de Belém a Cametá num monomotor Cessna com capacidade (salvo engano) para somente 2 passageiros. Uma viagem de 45 minutos sobre a selva amazônica, com paisagens belíssimas, mas com a gente vendo todo o esforço dos pilotos para fazer a viagem (pilotar avião é difícil demais). Foi uma viagem inesquecível, em vários sentidos.

  • Thiago Castro says:

    Muito bom relato e uma opção para se guardar quando for à St. Marteen. Obrigado!

  • maycon says:

    Muito bom o relato,faltou apenas comentar sobre o rasante que esse aviãozinho dá na hora do pouso,por esse motivo e pelo tamanho da pista de st.barth foi que eu preferi ir de navio ,sai um pouco acima da metade do valor da passagem aérea e não precisa chegar com antecedencia e da para comprar na hora também,e o navio vai um pau só que nem da para sentir enjoo,valew!!!

  • Dênis Colli says:

    Excelente relato!
    Parabens!

  • Zé R says:

    Parabéns pelo relato! Muito interessante! Viajar dessa forma é ter história para contar!
    Apenas um ponto que me chamou mais atenção…o valor das passagens! 300 Obamas por um voo de 15 min! Muito caro!

    • Dênis Colli says:

      É um valor razoavel. 150doletas ida e volta, se considerar a quantidade de passageiros e pelo voo ser regional – que em 80% dos casos são mais caros que os voos comerciais de longo curso

  • Eu viajei a st martin em março, inclusive com promoção aqui do site Melhores destinos, fiz a mesma viagem para st barth, mas preferi ir de barco, pagamos 90 dólares o casal e ficou vem mais em conta do que os 600 dólares que pagaríamos se fossemos no aviao.

  • Carlos Augusto says:

    Estive lá em Março deste ano e fiz a mesma travessia de barco que dura meia hora. e custa menos de 100 dólares por pessoa. Obs: O barco é maravilhoso

    • Lucas says:

      Eu também fui de Marigot (Saint Martin) a Gustavia (Saint Barthelemy) por USD 45 ida e volta + as taxas portuárias, que não lembro quanto eram, mas acho que não chegava a USD 10. A viagem leva 1h15 cada trecho e o barco é muito confortável e tem open bar!
      A saída de Phillipsburg é mais cara, mas a viagem é um pouco mais rápida (é só olhar no mapa que você entende o porquê).

      De Sint Maarten para Saba também é possível ir de barco. Fui à USD 75 ida+volta, o barco balança bastante, leva 1h45 mas também tem open bar. Uma única companhia faz esse trajeto (até onde sei).

      As vistas em ambos os barcos valem a pena!

  • Winair vai abrir este ano uma nova rota para Aeroporto de Santo Domingo SDQ, o anúncio é de seu fã-clube facebook

  • melissa b says:

    eu particularmente nao gosto de fotos de divulgaçao da empresa ou de outras fontes como wikpedia em um relato de vaigem,fica bem mais interessante fotos tiradas pelo passageiro.e mais interessante deixando o relato mais dinamico e com o toque pessoal de quem escreveu.as pessoas tem que perder a vergonha que sei que as vezes da e fazer muitas fotos..sobretudo dos detalhes,da distancia entre as poltronas.fotos panoramicas de dentro do aviao.vejo as vezes que parece que as fotos sao tiradas meio que escondido ai nao da pra ver quase nada..kkkkk..

  • Pedro says:

    Alguém sabe se no aeroportonde St. Marteen tem loker para deixar as malas por 1 semana enquanto estarei em St. Barths? Perguntei na Winair , mas eles nāo sabem. Disseram que eles nāo tem. Alguém sabe.

  • André França says:

    voei com eles pra Saba e Sao Eustaquio, vale a pena pela aventura, mas eles sao caros!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *