20 passeios grátis em Buenos Aires – como economizar em sua viagem à Argentina

Camille Panzera 22 · agosto · 2017

Buenos Aires, na Argentina, é o tipo de cidade que você visita várias e várias vezes e sempre pode se deparar com algo novo para conhecer. Pensando nos leitores que querem visitar a cidade mas estão com o orçamento limitado, fizemos uma relação de passeios completamente grátis em Buenos Aires!

Vários dos locais citados no texto realizam também visitadas guiadas de forma gratuita e essa é uma excelente oportunidade para conhecer mais detalhes sobre as obras e história da capital portenha gastando praticamente nada.

Passeios grátis em Buenos Aires

1 – Casa Rosada – A sede do governo Argentino, localizado na Praça de Maio, tem visitas guiadas gratuitas aos sábados, domingos e feriados. O passeio é bastante interessante e permite conhecer os salões internos do edifício, que são muito bem decorados. Atualmente, para conhecer o local você deve reservar a visita pela internet.

2 – El Caminito – Uma das principais atrações de Buenos Aires é gratuita! O Caminito, no bairro de La Boca, é um clássico entre turistas e um passeio muito agradável para se fazer a pé. A região é ótima para comprar lembranças de viagem e tirar fotos das casas coloridas.

3 – Cemitério da Recoleta – Há quem não goste de visitar um cemitério como “atração turística”, mas é fato que o cemitério da Recoleta guarda boa parte da história da Argentina. Há túmulos de personalidades do país que são verdadeiras obras de arte, com estátuas e obras ornamentadas.

4 – Museu Nacional de Belas Artes – Buenos Aires é um ótimo destino para quem gosta de atividades culturais e um desses lugares imperdíveis é o Museu de Belas Artes, que reúne coleções permanentes e temporárias, além de obras bastante diferentes uma das outras. O acervo do museu inclui obras de grandes artistas como Monet, Rembrandt e El Greco. Quartas e sextas-feiras, às 16h30, há visitas guiadas em português.

5 – Catedral Metropolitana – Principal templo da Igreja Católica em Buenos Aires, a Catedral Metropolitana é lindíssima e surpreende muitas pessoas com seu interior grandioso. Ela é sede da igreja no país e tem artigos do Papa Francisco, que durante anos foi arcebispo da cidade. Visitas guiadas em espanhol são feitas na igreja de segunda a sexta-feira, às 11h30.

6 – Teatro Colón – Um dos principais edifícios de Buenos Aires é o Teatro Colón, localizado na emblemática Av. de Júlio. O teatro tem uma excelente acústica e um interior lindo! São feitas visitas guiadas que valem muito a pena para conhecer detalhes do local, porém, são visitas pagas. O que nem todo mundo tem conhecimento é que o Colón tem programas gratuitos (em especial aos domingos) em que você tem a oportunidade de ver o teatro por dentro e ainda assistir a uma apresentação sem pagar nada por isso. Acompanhe o site do teatro para ver quais são as apresentações gratuitas e como pegar seu ingresso.

7 – Passeios guiados grátis – Mais uma das “facilidades” que Buenos Aires tem e pouca gente sabe a respeito são os passeios guiados oferecidos pelo órgão de turismo local. Vários dos passeios são completamente gratuitos e há atividades para todos os gostos, entre eles um tour de cervejas por San Telmo, passeio de remo em Puerto Madero, trekking urbano, passeios guiados pela Plaza de Mayo, La Boca e Recoleta, por exemplo. Todos eles necessitam reserva – veja aqui mais informações.

8 – Centro Cultural Kirchner – Não tão popular no roteiro dos turistas, o CCK é um espaço com várias exposições diferentes, apresentações e mostras culturais. O edifício do centro cultural é clássico por fora e por dentro bastante moderno! Sua entrada é gratuita, assim como a visita guiada que conta a história do local. É uma boa opção para quem viaja com crianças! Mais informações no site do Centro Cultural Kirchner.

9 – Bosques de Palermo – Ótimo passeio para um dia de céu aberto, os Bosques de Palermo são uma delícia para caminhar, relaxar ou fazer um piquenique. O espaço é agradável, com diferentes jardins e muitas árvores. Vale dar uma passada no Rosedal, que tem muitas roseiras e é lindo para tirar fotos!

10 – Puerto Madero – Um dos bairros mais legais em Buenos Aires, Puerto Madero deixou de ser um lugar largado para se revitalizar e se tornar um dos passeios mais gostosos durante as tarde. É uma área ótima para caminhar, fazer um bom jantar e apreciar o pôr do sol. Ali fica a Puente de la Mujer, uma ponte em homenagem às mulheres.

11 – Feira de San Telmo – Muito tradicional, a feira acontece no bairro de San Telmo, aos domingos entre 10h e 18h. É um programa perfeito para o final de semana e em que se encontra de tudo um pouco: roupas, calçados, bijuterias, comidas e principalmente antiguidades. As lojinhas do bairro também são excelentes e têm muitos produtos legais para quem deseja fazer compras. Não se esqueça de tirar uma foto com a simpática personagem Mafalda e seus amigos na esquina entre as ruas Chile e Defensa!

12  – Reserva Ecológica Costanera Sur – Ideal para fazer um passeio ao ar livre ou andar de bicicleta, a Reserva Ecológica Costanera Sur, que fica logo atrás de Puerto Madero é pouco conhecida entre os turistas. Nos domingos de sol o parque fica cheio de gente aproveitando o dia ao ar livre.

13 – Livraria El Ateneo Grand Splendid – O antigo teatro Grand Splendid abriga hoje a livraria El Ateneo, que além de ser uma livraria maravilhosa está em um salão lindíssimo, com direito a um teto pintado e uma decoração digna de cenário de filmes! A livraria conta com uma cafeteria e é o paraíso para amantes da leitura.

14 – Floralis Genérica – O parque que abriga a Floralis é simples, mas muito gostoso; sua principal atração é uma escultura metálica em forma de flor, que de acordo com a luz do sol abre e fecha as suas pétalas. Parada certa para fotos ou para lagartear no gramado.

15 – Galerias Pacífico – Um dos principais centros comerciais da cidade, as Galerías Pacífico são um ótimo passeio mesmo para quem não tem a intenção de fazer compras. O shopping tem uma variada gama de lojas, muitas delas de grifes internacionais, mas o sucesso do local já se faz, sobretudo, pelo edifício, que é belo por dentro e por fora. A área externa da Galeria recebe uma iluminação especial durante a noite e dentro do prédio você pode conferir sua cúpula pintada.

16 – Palácio de Aguas Corrientes – O suntuoso edifício da Av. Córdoba praticamente não dá pistas do que existe em seu interior. Ele abriga obras sanitárias de Buenos Aires e tem tanques com capacidade de armazenar 72 milhões de litros de água potável. Além das atividades relacionadas à empresa de saneamento local, o edifício tem um museu (gratuito) e visitas guiadas também gratuitas que acontecem às segundas, quartas e sextas-feiras às 11h. Mais informações.

17 – Congresso Nacional –  Imponente, o edifício do Congresso Nacional, local de trabalho de deputados e senadores, grande parte das vezes é conhecido apenas pelo lado de fora. Para quem tem interesse em conhecer seus salões internos , há visitas guiadas nas duas casas. Veja aqui informações sobre a visita ao Senado argentino e Câmara dos Deputados.

18 – Palermo e Plaza Serrano – O bairro de Palermo é uma graça, tem ruas arborizadas, vários parques, lojas descoladas, ótimos restaurantes e uma vida noturna muito animada. As ruas de Palermo Soho muitas vezes têm murais grafitados que são lindos para fotos! Vale a pena passear pela região, principalmente para ir aos seus bares durante a noite ou aos domingos, quando acontece uma feira na Plaza Serrano.

19 – Tigre – A simpática cidade de Tigre está a cerca de 1h de trem de Buenos Aires e tudo que você precisa para conhecer o lugar é pegar um trem da Estação do Retiro até a cidade. É simples e barato fazer o passeio por conta própria. Chegando a Tigre você pode conhecer a Feira de Frutos (boa para compras), o cassino Trilenium ou fazer um lindo passeio de barco ao longo do rio Tigre e suas ilhas fluviais, onde há várias casinhas.

20 – Passeios de bicicleta – Buenos Aires é uma cidade ótima para se pedalar! E o melhor é que você não precisa gastar nada para isso. A Prefeitura da cidade oferece o serviço de empréstimo gratuito de bicicletas Ecobici aos visitantes. Também há a possibilidade de participar de passeios guiados sem pagar nada.

 

Quer ler mais um pouco sobre Buenos Aires? Temos um guia completo sobre a cidade, com dicas de o que fazer, quando ir e onde ficar!

Tem mais alguma dica sobre passeios grátis em Buenos Aires? Conte para gente nos comentários e ajude outros leitores a economizar!

Quer ver mais dicas de como economizar em viagens ao exterior? Assista ao nosso vídeo:

Autor

Camille Panzera - Camille Editora de destinos
  • Natalia

    Adorei, obrigada vou em outubro passar meu aniversário !!!

    • Airanzinha Brito

      Vai amar Natalia, voltei de lá a pouco tempo.

  • LuRodamilans

    Faltou dizer que andar na cidade também é gratuito… kkkk

  • Douglas

    Fique esperto em Buenos Aires, feira de San Telmo e metrô são um prato cheio para os ladrões de celular e carteira, cresce a cada dia o número de furtos e roubos, inclusive a mão armada, muito cuidado, já foi o tempo que lá era tranquilo, não chega no nível do Rio, mas tem que ficar muito atento para não voltar com uma experiência desagradável, aconteceu comogo na Feira de San Telmo e, ao ir na delegacia para registrar o B.O., haviam, no mínimo, uns 10 brasileiros em situação parecida, roubo de carteira e celular.

    • Diego L. Martínez

      assalto ou furto?

      • Joao Azevedo

        Meu caso foi furto, mas, infelizmente, fiquei sabendo de vários assaltos, principalmente com arma branca.

        • Diego L. Martínez

          entendi. na última vez que fui, em 2014, foi tudo muito tranquilo. vou agora no final de novembro, bom saber então.

          • Airanzinha Brito

            Fiquei em San Telmo, e achei bem tranquilo. Andei do Obelisco ate San Telmo 2 da manhã sozinha. Todo cuidado com bolsa e carteira, celular é em qualquer lugar. A cidade é bem legal, vai curtir. Voltei a pouco tempo de lá.

  • Paulo de Tarso Luchesi Coelho

    Estive lá setembro do ano passado. É uma excelente cidade pra se conhecer. Eu e minha esposa temos a pretensão de voltar pra visitar outros lugares, inclusive vou aproveitar algumas dicas aqui!
    Sobre assaltos, as pessoas precisam compreender que precisam ter o mesmo nível de cuidado de qualquer cidade grande e não se distrair…
    Andamos de noite pelo Puerto Madero e pegamos onibus pra voltar do El Caminito até o centro…
    Tem bastante mendigo principalmente nas praças próximas aos congresso, mas não tivemos qualquer problema.
    Recomendo!

  • Fabricio Costa

    Camille, muito boa as dicas, mas em 2015 quando fomos, eles não emprestavam as bikes para estrangeiros, agora podemos pega-las?

  • Edu

    Na verdade ultimamente em Buenos Aires só estao chegando brasileiros mao de vaca, pé rapado, aqueles q caminham muito e nao gastam nada. Turismo assim nao presta para nenhum pais!

    • Ricardo

      Que bobagem o seu comentário! Então só ricos ou esbanjadores podem viajar? Sem falar que atualmente a Argentina está mais cara que a Europa ou os EUA, não acho que esteja valendo o custo-benefício.

      • Caio

        E o Edu aqui em um site cujo slogan é “Viagem Mais Gastando Menos”. Pé rapado de espírito é você, Edu. Falso rico!