logo Melhores Destinos

Veja como foi o primeiro voo comercial do novo Airbus A330neo da Azul!

Leonardo Cassol
01/06/2019 às 17:47

Veja como foi o primeiro voo comercial do novo Airbus A330neo da Azul!

A Azul realizou iniciou hoje a operação comercial do seu novo Airbus A330neo, o primeiro das Américas, recém incorporado à frota da empresa. A aeronave fez a rota entre Campinas e Recife, no voo 5304, que contou com passageiros, imprensa e convidados. Estivemos lá a convite da Azul e mostramos em detalhes tudo para vocês.

O novo Airbus A330neo

O Airbus A330-900neo tem capacidade para transportar 298 passageiros, 27 a mais que a versão anterior, também utilizada pela Azul. São 264 assentos na classe econômica, sendo 108 na Economy Extra (com mais espaço e reclinação) e 156 na Economy. Na classe executiva são 34 poltronas-cama, que reclinam 180 graus.

Essa primeira aeronave, prefixo PR-ANZ, batizada de “O mundo é Azul”, será utilizada nas rotas da Azul para Europa e para os Estados Unidos, como nos novos voos ligando Campinas ao Porto, em Portugal. Mas a estreia do Airbus A330neo em voos internacionais está prevista para o dia 7 de junho, na rota Campinas – Orlando.

A Azul possui mais cinco encomendas do Airbus A330neo, totalizando seis aviões. A empresa deverá receber a segunda unidade ainda em 2019.

Segundo a Airbus, o A330neo foi projetado para consumir 14% menos de combustível, sendo o mais eficiente de sua categoria. Também é mais moderno, silencioso e emite menos poluentes.

O primeiro voo comercial do A330neo da Azul

Voo 5304: Campinas – Recife
Saída: 13:45 (previsto); 14:11 (realizado)
Chegada: 17:00 (previsto); 17:05 (realizado)

Cheguei ao ponto de encontro de jornalistas e convidados às 12:10. Eu já tinha realizado o check-in, mas recebi um novo cartão de embarque com o assento 1F. Então, me dirigi ao portão B09, que estava decorado para receber o voo inaugural.

Pouco antes do embarque, houve uma breve fala do Diretor de Alianças da Azul, Marcelo Bento Ribeiro, que contou para os passageiros, através do sistema de som do aeroporto, que aquele seria o primeiro voo comercial do Airbus A330neo. Logo começou um alvoroço, com passageiros ansiosos para saber o que os esperava.

A Azul distribuiu bolos para todos os passageiros e convidados durante o embarque. Dava para notar a cara de espanto de muitos com o tamanho do avião (esse voo geralmente é operado com o Airbus A320neo, aeronave bem menor, de um corredor). Em alguns, uma certa apreensão, depois que ficaram sabendo que seria voo inaugural. Mas nada com o que se preocupar já que, para chegar até aqui, esse mesmo avião já voou muito, superando inúmeros testes.

Entrei no avião naquele desespero para fazer logo as fotos. E não teve moleza! As prioridades já tinham embarcado. Foram poucos minutos com o avião ainda vazio. Dava para sentir o cheirinho de novo em tudo. Nenhum arranhão, nenhuma marca nos assentos. Tudo praticamente zerado! Confira em detalhes as cabines:

Classe Executiva

A classe executiva possui 34 poltronas-cama no formato 1-2-1. Todas dão acesso ao corredor. É bastante confortável.

Os assentos da Recaro reclinam 180 graus e são mais modernos e elegantes que a versão anterior do A330. O controle da poltrona, por exemplo, funciona melhor, com apenas um toque.

Quem viaja em casal deve optar as poltronas E e F nas fileiras ímpares, que são bem próximos e facilitam o contato durante o voo. As poltronas D e G das fileiras pares são mais afastadas, ideais para quem viaja sozinho, assim como as janelas, A e C (do lado esquerdo) e H e K (do lado direito).

Veja mais algumas imagens da classe executiva!

Classe Econômica

A classe econômica conta ao todo com 264 assentos, sendo 108 na Economy Extra e 156 na econômica tradicional, na configuração 2-4-2. Todos possuem telas individuais de entretenimento com conteúdo de filmes, séries, música e jogos.

Na Economy Extra os assentos na cor cinza oferecem mais espaço entre as poltronas e uma maior reclinação. Nesse avião, são 108 assentos diferenciados, contando com os que ficam na primeira fileira de cada cabine e nas saídas de emergência.

Encerrado o embarque, a comissária líder Melissa Zaneti fez um breve discurso, emocionada, dando boas-vindas aos passageiros e dizendo que fazia parte da Azul desde o início da empresa, quando nunca tinha imaginado que a empresa teria voos internacionais. Enfatizou o quanto ela era apaixonada pelo seu trabalho e nomeou toda a equipe de comissários, um a um. Foi aplaudida pelos passageiros.

Demoramos um pouco para sair do portão de embarque, sem motivo aparente. Após um longo taxiamento, decolamos às 14:21.

Durante o voo, vida normal, exceto pelos jornalistas e convidados que não paravam de conversar e de tirar fotos de tudo que viam pela frente (eu estava nesse grupo, naturalmente). No serviço de bordo, os famosos snacks da Azul, como batata, polvilho, amendoim, bolinho, cookies e balas, acompanhado de bebidas variadas. Especialmente nesse voo, serviram também um sanduíche de frango desfiado com queijo e alface para os jornalistas, cuja maioria enfrentaria quase 7 horas de viagem seguida, já que a parada no Recife seria rápida.

Mesmo com a decolagem tardia, tocamos o solo na capital pernambucana às 17:05, pouco tempo depois do previsto. Na saída da pista, não houve a tradicional saudação com jatos d’água.

Em breve teremos uma avaliação completa da nova aeronave sendo operada nos voos internacionais. Lembrando que além da Azul, a TAP Portugal também está operando no Brasil com seus novos Airbus A330neo.

O Airbus A330neo também vai dar o ar da sua graça em outras rotas nacionais nos próximos dias. Portanto, se você embarca de Belo Horizonte, Campinas ou Recife num voo com mais de 2 horas de duração, tem chances de voar nessa belezura.

Nova Base de Tripulantes

A Azul também inaugurou neste sábado uma nova base de tripulantes de voo (crew desk) no aeroporto do Recife, seu principal centro de conexões para o Nordeste. A empresa informou que espera contratar nos próximos 12 meses 110 pilotos e 190 comissários, para ajudar da operação dos novos voos, como a nova rota entre Brasília e o Recife.

Segundo a empresa, a nova base vai trazer maior versatilidade para a escala da tripulação no Recife, onde opera 60 voos diários para 29 destinos.

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção