TudoAzul divulga novo regulamento confirmando a limitação de 5 beneficiários para resgate de passagens!

Leonardo Cassol
25/10/2019  ·  20:17Publicado 25 · out · 2019  ·  20:17Atualizado 7 · nov · 2019

TudoAzul divulga novo regulamento confirmando a limitação de 5 beneficiários para resgate de passagens!

O TudoAzul divulgou hoje seu novo regulamento, válido a partir de 15 de janeiro de 2020. A principal mudança, como antecipamos é a limitação das emissões de passagens aéreas com pontos para o titular e seus filhos, mais 5 terceiros. Atualmente o limite é de 20 CPFs por ano.

Confira o texto com a principal mudança do novo regulamento:

A partir de 15/01/2020, o Participante TudoAzul poderá nomear, a qualquer momento, até o limite de 5 (cinco) indivíduos para fazer parte da sua Lista de Passageiros Beneficiários para o resgate ilimitado de Bilhetes Aéreos nas modalidades Pontos ou Pontos + Dinheiro. Será considerado como um integrante da lista qualquer indivíduo com mais de 2 (dois) anos de idade.

Os 5 (cinco) beneficiários poderão ser livremente indicados pelo Participante TudoAzul, sendo que referido limite poderá ser ultrapassado apenas na hipótese de descendentes de primeiro grau (filhos) do titular, mediante comprovação do respectivo grau de parentesco.

Os cadastros dos beneficiários ficarão registrados no perfil do Participante e deverão ser realizados através do website ou central de atendimento Azul, com nome completo, CPF ou número TudoAzul, data de nascimento e gênero. Caberá ao TudoAzul validar tais informações.

É de integral responsabilidade do Participante titular da conta TudoAzul as emissões de Bilhetes Aéreos para os beneficiários efetivamente cadastrados em sua lista, bem como zelar pelo seu login e senha.

Os beneficiários cadastrados na lista poderão ser alterados a qualquer tempo a partir de 01/03/2020, sendo que as respectivas emissões de bilhetes aéreos somente serão permitidas após 60 (sessenta) dias a contar da data da referida alteração.

Ou seja, será possível alterar os CPFs ao longo de todo ano, porém, o cliente deverá aguardar 60 dias para realizar uma emissão de bilhete por pontos para este novo beneficiário da conta.

O objetivo da mudança é apertar o cerco contra o comércio de milhas. O CEO da Latam, Jerome Cadier, disse, em entrevista ao Melhores Destinos, que a empresa também está estudando uma política semelhante, mas sem informar quando, ou mesmo se a medida será implementada.

Você pode conferir o novo regulamento completo, bem como o regulamento atual, no site do TudoAzul.

E você, o que acha da medida? Comente e participe!

 

Veja também: