logo Melhores Destinos

Anvisa recomenda suspensão definitiva da temporada brasileira de cruzeiros

Bruna Scirea
Bruna Scirea
13/01/2022 às 9:48

Anvisa recomenda suspensão definitiva da temporada brasileira de cruzeiros

A Anvisa recomendou ao Ministério da Saúde e à Casa Civil, na tarde de ontem, a suspensão definitiva da temporada brasileira de cruzeiros. De acordo com o órgão, frente ao “aumento exponencial” dos casos de Covid-19 verificado nas embarcações, a medida é necessária à proteção da saúde da população nesta fase da pandemia no país.

Por enquanto, as viagens de cruzeiro pela costa brasileira estão temporariamente suspensas até 21 de janeiro. De acordo com a Anvisa, até o dia 6 foram reportados 1.177 casos positivos de Covid-19 entre tripulantes e passageiros.

“Esse aumento pode ser confirmado pelos dados disponíveis, que dão conta da detecção de 31 casos de covid-19 nos 55 dias iniciais da temporada (de 1º/11 a 25/12), com uma explosão acentuada a partir do dia 26/12, tendo sido registrados 1.146 casos em apenas 12 dias (de 26/12 a 6/1), o que representa um aumento de 37 vezes nesse período”, informou agência.

E não apenas nos cruzeiros. O Brasil vem registrando uma curva acentuada no aumento dos casos de Covid-19. Em 24 horas, foram registrados 87.471 casos – há uma semana, o número de diagnósticos positivos era três vezes menos, com 27.267 casos.

“A Anvisa entende que o cenário atual é desfavorável à continuidade das operações dos navios de cruzeiro. Nesse sentido, com fundamento no princípio da precaução e a partir de todos os dados disponíveis, recomendou a suspensão definitiva da temporada de navios de cruzeiro no Brasil, como ação necessária à proteção da saúde da população”, informou a Anvisa em nota.