logo Melhores Destinos

Como comprar passagens aéreas internacionais só de ida sem pagar mais caro por isso?

Leonardo Cassol
26/08/2019 às 4:59

Como comprar passagens aéreas internacionais só de ida sem pagar mais caro por isso?

Um dilema para quem vai mudar de país, passar um longo período em outra nação, ou por qualquer outro motivo precisa comprar apenas o trecho de ida de uma passagem aérea internacional são os preços cobrados pelas companhias aéreas. Com poucas exceções, o preço de uma passagem só de ida costuma ser próximo do valor de uma viagem de ida e volta. Quer saber por que isso acontece e como escapar dessa armadilha, pagando um valor justo pelo bilhete? Esse post é para você!

Por que uma passagem aérea internacional de ida quase sempre custa o mesmo preço de um bilhete de ida e volta?

Basicamente, porque as companhias aéreas entendem que você não precisa do retorno, ou que não pretende comprar a volta com elas. Por isso, não mostram os valores promocionais. disponibilizando apenas as tarifas mais caras.

Para se ter uma ideia, em alguns casos, a diferença de preço é tão grande que compensa mais comprar um bilhete de ida e volta, abandonando o trecho de retorno, do que comprar apenas a ida.

Mas não são todas as companhias que trabalham da mesma forma. Há maneiras de escapar dos preços mais altos.

Como comprar uma passagem aérea internacional só de ida sem pagar mais caro por isso?

1) Pesquisando a passagem em companhias aéreas low-cost, ou em empresas que tenham uma política tarifária flexível para esse tipo de passagem

É o caso, por exemplo, das low-costs Norwegian (que voa do Rio de Janeiro para Londres), Sky (que voa de São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis e Salvador para o Chile) e FlyBondi (que vai voar do Rio de Janeiro para Buenos Aires) que já vendem passagens no Brasil. Além delas, TAP e Air Europa também disponibilizam trechos só de ida da Europa para o Brasil, ou do Brasil para a Europa com preços proporcionais ao tipo de viagem. Já na Latam o preço vai depender da rota e da época da viagem, mas o desconto não será o máximo que é aplicado numa viagem completa de ida e volta.

Infelizmente, nas passagens aéreas da Europa para o Brasil muitas companhias costumam mostrar tarifas baixas, mas taxas muito altas, disfarçando o valor final para aparecer melhor em motores de busca de preços. É importante comparar o preço final para ter uma ideia se está pagando o preço justo, já que lá não há nenhuma regulação nesse sentido.

2) Emitindo a passagem com pontos/milhas

Para quem tem milhagem no cartão de crédito ou em programas de fidelidade é uma excelente oportunidade de uso dos pontos. Isso porque a tarifação das passagens aéreas com milhas é feita por segmento nos principais programas, não sendo cobrado pontuação adicional para esse tipo de resgate.

No entanto, em voos de outros países para o Brasil, ou em determinadas companhias aéreas, é possível que seja cobrada uma taxa adicional de combustível, definida por cada empresa, e repassada ao consumidor por alguns programas.

3) Comprando em agências que emitem passagens com milhas

Mesmo não tendo milhas é possível conseguir passagens aéreas internacionais só de ida com excelentes preços utilizando agências de viagem online que trabalhem com inventários mistos, combinando passagens aéreas tarifadas  tradicionais com bilhetes emitidos com milhas e convertidos para pagamento em reais. É o caso da MaxMilhas, que oferece o inventário completo.

Como encontrar passagens aéreas mais baratas?

As dicas básicas de como encontrar passagens aéreas baratas também se aplicam a viagens só de ida e podem te ajudar a economizar:

  • Tenha flexibilidade nas datas da viagem
  • Pesquise também voos com conexão (voos diretos tendem a custar mais caro)
  • Evite viagens no período das férias escolares (dezembro, janeiro e julho), feriados prolongados e alta temporada da origem/destino (verão na Europa, ou inverno no Chile, por exemplo)
  • Considere voar por aeroportos secundários
  • Fique ligado nas promoções (quando o preço reduz para uma viagem de ida e volta pode haver redução de valor no trecho desejado) – baixe o app do Melhores Destinos.

Cabe destacar que no caso das passagens aéreas nacionais geralmente não é difícil encontrar tarifas promocionais em trechos só de ida ou volta separados.

É bom lembrar também que alguns países e companhias aéreas exigem a apresentação da passagem de volta para quem viaja sem um bilhete de ida e volta e vai utilizar o visto de turista para entrar no país. Evite problemas!

Saiba como tirar o visto do Japão clicando aqui

E você, já precisou de uma passagem aérea internacional só de ida? Conseguiu achar algo que valesse a pena? Comente e participe.

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção