logo Melhores Destinos

MSC Grandiosa: como é viajar no novo navio gigante que virá ao Brasil em 2020

Rafael Castilho
28/11/2019 às 4:53

MSC Grandiosa: como é viajar no novo navio gigante que virá ao Brasil em 2020

A viagem de cruzeiro faz parte dos planos de muitos viajantes. Há os aficionados de carteirinha que amam viajar nestes grandes resorts marítimos e estão sempre a busca de novos destinos e navios. Outros que desconhecem um pouco como reservar e até quais são os custos. Há também uma parcela daqueles que preferem viajar de avião, ficar mais tempo em determinados destinos e tem até um pouco de receio sobre enjoos provocados pelo balanço no mar. É neste tipo que me enquadro. Mas debutei recentemente nos cruzeiros e conto a seguir os detalhes da minha experiência que pode lhe ajudar a definir a suas próximas férias.

MSC Grandiosa

A MSC inaugurou neste mês o Grandiosa, o maior navio de passageiros da empresa suíça. A convite deles, o Melhores Destinos esteve na cerimônia na Alemanha e navegou até a Inglaterra.

Nos preparativos da viagem, estava ansioso em pensar que viajaria pela primeira vez de navio. Já tenho larga experiência em viagens internacionais, mas nunca entrei num transatlântico. Como é o dia a dia do navio? Quais são as atividades? Para que público é um cruzeiro? Balança e dá enjoos?  Estas eram algumas questões que permeavam a minha cabeça.

Ao chegar ao Porto de Hamburgo, na Alemanha, o Grandiosa impressiona pelo tamanho. São 331 metros de comprimento, três vezes o tamanho de um campo de futebol. De largura tem 43 metros e 67 metros de altura, superior a média de um prédio de 20 andares. É gigantesco! Não só em tamanho, mas em números. Pode levar até 6,3 mil passageiros, 1,7 mil tripulantes e serve 15 mil refeições diárias. Na construção, feita na França, foram gastos cerca de € 1 bilhão.

Embarque

Na entrada há checagem de documentos e detector de metais, tipo embarque em aeroportos. A sua chave do quarto é o seu cartão de identificação. É com ela que poderá acessar os shows, fazer pagamentos em lojas, reservas, apresentar nos restaurantes para a verificação do seu plano de bebidas, utilizar para embarcar e desembarcar nos portos e, claro, entrar na sua cabine.

O primeiro dia a bordo do MSC Grandiosa tirei para conhecer toda a infra-estrutura disponível ao passageiro. É bem interessante você se familiarizar com o espaço e se programar para os próximos dias. São dezenas de atividades, algumas pagas, mas a maioria gratuita.

No coração do navio fica a Promenade, uma galeria central com loja de grifes luxuosas, sorveteria, restaurantes de especialidades (estes não fazem parte do pacote básico de hospedagem), uma chocolateria do chef confeitero francês Jean-Philippe Maury e uma loja com produtos eletrônicos, comidinhas e souvenirs. É também na Promenade que rola música e DJ, vale lembrar que há também uma discoteca no 18º deck. O mais legal do local é o teto repleto de LEDs que muda a todo minuto. A chocolateria é muito boa, já os preços não são tão doces assim. Se possível prove o chocolate quente, delicioso e muito cremoso (€ 4,20). Já da sorveteria esperava mais.

Foi também na galeria central que ocorreu o principal evento que marcou a inauguração do Grandiosa, dia 09 de novembro, que contou com a embaixadora da MSC, a atriz Sophia Loren.

Além da Promenade, o navio oferece diversão para crianças e adolescentes na Área Kids e Teen. Tem piscinas, quadra e jogos eletrônicos para todas as idades. Mas há também atividades tipo gincana rolando o tempo todo. Dá para se divertir sendo incentivado por funcionários da MSC ou por conta própria na pista de corrida de 330 metros, numa discoteca, relaxando na jacuzzi ou no Cassino. Estas atividades me lembraram muito um resort.

Só cuidado para não cair na monotonia, pois com o frio lá fora, piscinas externas impraticáveis e tobogãs fechados, as opções de lazer diminuem consideravelmente. Após três noites no navio, já estava achando que as coisas estavam se repetindo. Mas isto com certeza teria sido resolvido se navegássemos sob um clima mais quente.

Navegando pelo Mar do Norte

De Hamburgo até Southampton, na Inglaterra, são cerca de 30 horas de navegação pelo Mar do Norte. Após sair da cidade alemã e entrar em mar aberto começamos a balançar. Apesar de me falarem que o gigante seria imune a maré brava, isto não se confirmou. O vento forte e mar agitado faziam o Grandiosa balançar de um lado para o outro.

Dentro da piscina aquecida tinha que se segurar na borda para não ser levado com o balanço da água. No boliche o arremesso da bola sempre pendia para o lado esquerdo, reflexo do movimento do navio. Por sorte não passei mal e nem enjoei, mas outros jornalistas da comitiva brasileira não se sentiram bem e tiveram que tomar remédios.

O MSC Grandiosa apresenta uma vasta gama de atividades de lazer e gastronômicas. O navio terá como base o Mar Mediterrâneo e virá ao Brasil na próxima temporada de verão a partir de novembro de 2020. Uma estadia nele não é barata, mas deve ser levado em conta o tempo de navegação com hospedagem, destinos a serem conhecidos e a alimentação. Mas vale destacar que há muitos extras que podem levar a sua tarifa a outro patamar com a inclusão de pacotes de bebidas, excursões, wi-fi, diversões virtuais, etc. Veja abaixo os detalhes do que encontrei no novo cruzeiro marítimo:

Alimentação no MSC Grandiosa

Viagens de cruzeiro são conhecidas pela comida em abundância. No Grandiosa não é diferente. Tive que me controlar, senão voltaria com muito mais excesso de bagagem, é claro, na barriga. Uns quilos a mais são regra durante este tipo de viagem. O novo navio tem 13 restaurantes, incluindo os liberados na hospedagem básica e os renomados pagos à parte.

Nos seis restaurantes liberados, destaque para o grande Marketplace Buffet que fica no 15º deck. São mais de 3.500 m2 com grande variedade de comida e fica aberto 20 horas por dia, das 6h até às 2h da madrugada. É o local ideal para matar a fome no café da manhã e até depois da meia-noite. A comida é saborosa, mas meu grande destaque vai para a muzzarella de búfala feita artesanalmente todos os dias no próprio navio. Dá para acompanhar parte do preparo todas as manhãs no próprio buffet.

Há também restaurantes a la carte incluídos na hospedagem básica. Estive no Purple Perla que fica no 5º deck. Lá há opção de escolher uma entrada, um prato principal e uma sobremesa. O serviço é muito bom, mas a descrição do prato no menu é mais vistosa e não faz jus ao sabor do prato. Apesar de ser um “a la carte” com escolhas pré-definidas é possível repetir os pratos se estiver com fome.

Tive a oportunidade de conhecer e saborear a comida de outros restaurantes, estes fora do serviço básico. O Hola! Tapas Bar tem o menu assinado pelo chefe espanhol Ramón Freixa, com um estrela Michelin, e tem como carro chefe os Tapas, os aperitivos espanhóis. Experimentei alguns que estavam simplesmente incríveis. Os preços variam de € 2 para um mix de azeitonas até € 26 numa experiência gastronômica por pessoa. Também pude conhecer a cozinha asiática do Kaito Teppanyaki e do Sushi Bar. Destaque para preparação divertida dos pratos. Os chefes de cozinha usam a chapa quente para fazer a comida e animar os clientes famintos. Os valores aqui variam de € 4 um temaki até € 11 sashimi de camarão.

Há outros restaurantes e bares espalhados pelo navio, sendo que a maioria está concentrada na região central na Promenade. Mas não posso deixar de destacar um ponto de encontro incrível para fazer amizades e brindar com cervejas do mundo todo. O Pub Masters of the Seas te surpreende pelo vasto cardápio de cervejas. São 46 tipos de Ale a Weiss. Os preços das bebidas variam de € 5,5 até € 8. Dependendo do seu pacote de bebida, as brejas estão incluídas.

Shows e baladas no MSC Grandiosa

A grande atração é a parceria com o Cirque du Soleil, que já faz parte dos cruzeiros MSC desde o navio Meraviglia. São dois espetáculos de 45 minutos: Cosmos e Exentricks, que são realizados num teatro para 440 pessoas. Apesar de ser um dos pontos altos do navio, durante a visita dos jornalistas que viajaram para acompanhar a inauguração, não houve apresentação da trupe canadense e não temos como contar detalhes destes shows. Vale destacar que o Cirque não está incluído no pacote de hospedagem e é pago à parte. Você pode reservar com antecedência ou direto no navio com o pagamento de € 15 se escolher tomar um coquetel ou € 35 se quiser jantar durante o espetáculo.

Além do Cirque du Soleil, na outra extremidade do navio, na proa, fica o teatro Comédie com capacidade para 975 pessoas. Lá ocorrem diariamente apresentações musicais em dois horários 19h45 e 21h30. São oito diferentes shows se revezando durante os dias da semana. Pude acompanhar os espetáculos Rock It e Wonderland. Com duração de cerca de 35 minutos os dois shows são bons para entreter, passar o tempo e se divertir. Mas não espere um show da Broadway.

No final da tarde já é possível ouvir a banda tocar na Promenade. O estilo é bem variado e dançarinos/funcionários animam os passageiros. Com o tardar da noite chegando a Promenade, em algumas nights, tem balada com DJ. Se não rolar música no local é só subir até o 18º deck e ir à Attic Disc, pois lá a música invade a madrugada todos os dias.

Infantil

Os grandes cruzeiros são procurados principalmente por famílias com crianças. Uma atividade bem interessante no MSC Grandiosa é o monitoramento infantil dividido em 5 faixas etárias que são acompanhados de perto por funcionários da empresa.  No 18º deck fica o Kids & Teen Club, lá os pais podem deixar as crianças se divertindo sem se preocupar. O monitoramento começa já de bebê, somente nesta fase os pequeninos até 1 ano os pais devem estar sempre juntos.

As crianças são identificadas com pulseiras e separadas por salas e atividades respeitando as seguintes faixas etárias: 0 a 3; 3 a 6; 7 a 11; 12 a 14 e 15 a 17. Toda a área de monitoramento (nursery) é cercada e as crianças menores de 11 anos só podem deixar o local acompanhadas dos pais. O serviço funciona das 9h às 23h. Os monitores também levam as crianças para almoçar e jantar. Uma mão na roda para casais que querem aproveitar o navio quando seu filho brinca com outras crianças.

Além deste espaço de monitoramento, também há no MSC Grandiosa um Lab com escaneamento e impressão 3D. Muito divertido! Também foi anunciado que há aulas e corridas de drones, mas este não vi em funcionamento. No espaço dedicado aos drones havia uma quadra esportiva. Apesar da minha empolgação, fui avisado que somente os adolescentes podem brincar.

Jogos e Cassino

No 19º deck, último andar do elevador, acima dele somente os tobogãs, é o local dos jogos eletrônicos. Há fliperama e jogos virtuais de última geração. Mas tudo é pago! Não é barato! O simulador de Fórmula-1 sai por € 12 para 5 minutos de corrida. O incrível cinema XD imersivo, onde você participa de uma caçada a zumbis, sai por € 9. E o mais legal, um labirinto de Realidade Virtual onde tudo parece que é real até as quedas, você paga € 15 para se divertir. Além dos jogos há duas pistas de boliche ao custo de € 30 por 30 minutos de jogo.

Já no 7º andar fica o Le Grand Casino com 164 slot machines e 12 mesas de roleta, pôquer, etc. Eu não curto muito, então só aproveitei no dia que foi liberado com dinheiro de “mentirinha”. Vale destacar que o Cassino fica fechado para apostas quando o navio está atracado no porto.

Piscinas do MSC Grandiosa

Aqui o frio europeu prejudicou a experiência. As piscinas externas ficaram vazias todo o tempo do cruzeiro. No centro do navio há uma grande piscina central, ao fundo há outra pequena piscina e algumas jacuzzis. Também há uma área aquecida com uma pequena piscina e quatro jacuzzis, que ficaram bem ocupadas todos os dias de navegação.

Piscina MSC Grandiosa

Piscina central vazia no frio europeu.

A grande atração para as crianças fica no ponto mais alto do Grandiosa, o Aquapark é uma área toda molhada onde os pequenos podem se divertir com baldões, escorregadores e muitas outras brincadeiras. Há ainda três toboáguas, mas tudo estava fechado devido ao frio. O que eu me aventurei foi no arvorismo, sem árvore…. A 80 metros do nível do mar, protegido por cinto e todo sistema de segurança dei uma volta no longo trajeto sobre cordas, pontes e diversos desafios neste percurso bem divertido.

Aquapark MSC Grandiosa

Aquapark MSC Grandiosa

Cabines

Há diversos tipos de cabines no MSC Grandiosa desde a mais simples sem janela a até suítes luxuosas, ou se quiser pode também se hospedar no MSC Yacht Club. No total são 2.421 acomodações. Fiquei numa cabine com varanda, onde é possível acomodar com conforto um casal e até dois filhos. O banheiro é um pouco apertado. Há que tomar cuidado com a varanda, ainda mais viajando com pequenos. Pelo menos tem duas travas na porta. O único problema foi ficar hospedado no 14º deck, um andar abaixo do grande Buffet. A limpeza e arrumação do restaurante durante a madrugada atrapalharam o sono.

Quarto MSC Grandiosa

Acomodação com varanda

O quarto mais simples é o studio interno sem janela e bem apertado. No máximo acomoda um casal. Mas há também quartos duplex, habitações na área exclusiva do Yacht Club ou até cabines familiares que acomodam 10 pessoas.

Quarto MSC Grandiosa

Quarto MSC Yacht Club

Comunicação e conexão

Para muitas pessoas a barreira idiomática pode dificultar uma viagem, ainda mais internacional. Num navio você se sentirá bem mais tranquilo. Há tripulantes do mundo todo, inclusive do Brasil. A maioria não tem o inglês como língua nativa e, não raramente, eles arranham e até compreendem o nosso idioma. Você poderá falar português tranquilamente em muitas ocasiões, além de nossa língua ser uma das 7 oficiais da MSC. Então placas, anúncios e chamados também são feitos em português.

Por todo o navio há totens, onde você pode ver a programação geral, agendar shows e utilizar um mapa interativo da embarcação. Há em português todas as informações. É só escolher o idioma. Você também pode ter alguns detalhes do cruzeiro e da sua conta no aplicativo MSC To Me, mas aqui você não consegue agendar os shows. Um ponto fraco no aplicativo.

Para passar o tempo e se informar a TV do quarto dispõe de diversos canais europeus, a maioria italiano. Tem também uma rede da MSC com filmes On Demand, mas cada um custa € 7. Na TV você também pode acompanhar a navegação do cruzeiro em tempo real e ver todo o informativo de segurança do navio. O único problema da televisão foi que ao navegar alguns canais não pegavam.

Alexa, Bia, Siri, entre outras. O mundo está repleto de assistentes virtuais. Nos quartos do cruzeiro tem a Zoe. Você fala Ok Zoe e ela responde no idioma que você selecionar. Não interagi muito com a Zoe. Deixei ela abandonada no quarto, ainda mais depois de fazer algumas perguntas em que a resposta dela foi: procure mais informações com um de nossos funcionários ou veja um dos totens nos corredores. Assim não rola!

Falando em comunicação, se você é daqueles que não consegue se desconectar do mundo virtual é bom preparar o bolso. O custo da internet é altíssimo. Um dia de conexão custa € 35. Já para todo o cruzeiro, limitado a 2,5 GB, você pagará € 80. Acredite, há planos de € 140. De acordo com a MSC, a transmissão de internet é feita via satélite e o custo é muito alto. Eles prometem oferecer, ainda sem prazo definido, conexão gratuita para os passageiros do Yacht Club.

Spa e Academia

Gosto de uma academia, também não queria engordar muito, por isso fui conhecer as instalações do Gym do Grandiosa. O visual é incrível! Toda de vidro virada para a piscina central. Tem bastante esteiras, aparelhos de transport e bikes de spinning, mas deixa a desejar um pouco na quantidade de equipamentos de musculação. Mas é um ótimo quebra galho para você não perder a forma. É claro, mas não espere uma academia igual a que você tem no seu bairro.

No Spa você encontrará área de massagens, cabeleireiro e manicure. Tive a oportunidade de usar a área termal, onde há uma grande experiência com jatos de água quente e frio, jacuzzis, banhos de luz e saunas. O espaço é bem legal, mas fiquei um pouco perdido sem ter ninguém para auxiliar. As experiências no Spa também são pagas e são bem salgadas. As massagens são a partir de € 115, um dia da área termal € 40, unhas € 20 e corte masculino € 25.

Academia MSC Grandiosa

Custos, cruzeiros e excursões

O MSC Grandiosa terá como base o Mediterrâneo e o porto de Genova, com viagens para Roma, Malta, Palermo, Barcelona e Marselha. A cabine interna sai por pessoa a partir de R$ 1.869 para 7 dias de cruzeiro. Mas pode chegar a R$ 9.759 na suite duplex, que conta com jacuzzi exclusiva.

Na tarifa básica está incluída a alimentação no buffet e em mais 5 restaurantes. Há que pagar a parte pela bebida. Há diferentes tipos de pacotes all inclusive. O mais econômico que inclui chopp, taça de vinho da casa, alguns coquetéis, água, bebidas quentes, etc., sai a partir de € 20. Se deixar para comprar a bordo, este mesmo pacote estava sendo vendido a € 29. Também há pacotes de bebidas para crianças e para adultos sem álcool.

Você também pode reservar os restaurantes de especialidades e até o Spa tudo com antecedência, assim acaba economizando. As reservas feitas no site da MSC Brasil podem ser pagas em até 10 vezes sem juros, assim como todo o consumo interno em alguns navios.

Em toda a parada do navio há uma gama grande de excursões oferecidas pela MSC. Elas também podem ser agendas antecipadamente e costumam ser bem caros, apesar de mais cômodos para quem não gosta de se aventurar em cidades ainda não conhecidas. Na nossa parada em Southampton, na Inglaterra, pudemos fazer dois tours a convite da MSC: Stonehenge (€ 96) e Sightseeing em Londres (€115). Em nenhum deles o almoço está incluído. A visita a Londres se mostrou um fiasco já que a viagem a partir de Southampton até a capital inglesa dura cerca de 2 horas e depois o trânsito intenso da cidade atrapalha o caminho da excursão. A minha dica, ao parar em algum porto, é buscar alternativas de transporte e conhecer a cidade por conta própria, se assim for seu espirito aventureiro.

MSC Grandiosa no Brasil

O novo navio da MSC virá para águas nacionais na próxima temporada de cruzeiros entre novembro 2020 e abril 2021. O valores por pessoa são a partir de R$ 4.539,00, 1º hóspede + taxas e 2º hóspede grátis,  para 7 dias saindo de Santos até Salvador. Já é possível agendar.

O custo das bebidas no Brasil será:

Pacote de bebidas Easy– R$ 120,00 por dia, por pessoa.

Pacote de bebidas Premium – R$179,00 por dia, por pessoa.

Pacote de bebidas Premium Plus – R$ 209,00 por dia, por pessoa.

Pacote de bebidas não alcoólicas para adultos – R$ 80 por dia, por pessoa.

A grande questão é como ficarão os valores dos serviços internos a serem cobrados aqui no Brasil. De acordo com a MSC, tudo será cobrado em dólar e seguirá a paridade com o euro. Sendo assim, o valor mais baixo pelo Cirque du Soleil será US$ 16,60 (R$ 70), 5 minutos no simulador de Fórmula 1 sairá por US$  13,28 (R$ 56), internet US$ 88 (R$ 370) e um chopp US$ 6,10 (R$ 26). Para pagar o consumo interno, mesmo estando no Brasil, você terá que ter cartão internacional, mas tudo pode ser divido em reais em até 10 vezes sem juros.

Para quem busca viajar com o MSC Grandiosa no Réveillon pagará: 1º hóspede a partir de R$ 9.599,00 + taxas, 2º hóspede grátis (somente parte marítima).

Uma viagem de cruzeiro não é espaço para quem busca economias. É um ótimo lugar para viajar com a família e se divertir, mas há que preparar o bolso.

E então? Gostou do MSC Grandiosa? Deixe sua opinião nos comentários e participe!

Não perca nenhuma oportunidade!
ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
tela do app do melhores destinos
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção