logo Melhores Destinos

Aeroporto de Salvador inaugura obras de ampliação e melhorias nas pistas, pátio e terminal de passageiros

Leonardo Cassol
11/12/2019 às 22:29

Aeroporto de Salvador inaugura obras de ampliação e melhorias nas pistas, pátio e terminal de passageiros

A concessionária Vinci Airports entregou hoje a primeira fase de obras de melhoria e ampliação do Aeroporto de Salvador. Entre as ações executadas, foi feita a ampliação do terminal de passageiros e a construção de um novo píer com seis pontes de embarque, aumentaram a capacidade do aeroporto de 10 para 15 milhões de passageiros por ano.

A primeira fase de obras incluiu também a requalificação das pistas e ampliação do pátio de aeronaves, com o objetivo de melhorar o desempenho operacional do aeroporto.

Já pensando na experiência dos passageiros, foram implementados um novo sistema de transporte de bagagens, uma área ampliada para as lojas, além de novos serviços, como Wi-Fi de alta velocidade gratuito.

Fotos: Ricardo Botelho / MInfra

Foi construída uma Estação de Tratamento das Efluentes, que vai permitir o reuso de 100% da água no próprio aeroporto, além de uma Central de Resíduos e uma planta de energia solar.

O programa de obras representou um investimento de 700 milhões de reais. Os trabalhos foram realizados ao longo de 18 meses. Na próxima fase de obras, a ser finalizada em outubro de 2021, o aeroporto continuará recebendo melhorias, como retrofit da praça de alimentação e instalação de mais balcões de check-in e pontes de embarque.

Fotos: Ricardo Botelho / MInfra

Também há uma informação não confirmada da abertura de uma sala VIP da Ambaar em 2020, a mesma que administra as salas VIP da Star Alliance no Aeroporto de Guarulhos e as novas salas VIP dos aeroportos de BH.

Salvador é o terceiro aeroporto concedido na 4ª rodada a ter obras entregues neste ano, depois de Florianópolis e Porto Alegre. O próximo aeroporto concedido a concluir a primeira etapa de melhorias é o de Fortaleza, ainda sem data para a solenidade. De acordo com o Ministério da Infraestrutura, todos os concessionários estão cumprindo o cronograma definido nas concessões.

Leia também:
Pontos turísticos de Salvador

Em 2020, outros 22 aeroportos, divididos em três blocos regionais, serão concedidos ao setor privado, durante a 6ª rodada, incluindo os de capitais como Curitiba, Manaus e Goiânia. Em 2022, 19 aeroportos, incluindo São Paulo/Congonhas e Rio de Janeiro/Santos Dumont, devem ser leiloados na 7ª rodada. Os investimentos privados previstos nas concessões da 6ª e da 7ª rodadas somam R$ 10,27 bilhões, divididos ao longo dos próximos 30 anos.

Alguém passou por lá hoje para conferir as melhorias?

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção