O que fazer em Kuala Lumpur: principais dicas de turismo na capital da Malásia

Camille Panzera 16 · dezembro · 2016

Dicas de Kuala Lumpur: turismo, transporte e informações para aproveitara capital da Malásia

Kuala Lumpur, capital da Malásia, é uma cidade que reserva surpresas aos seus visitantes.  A cidade, onde o turismo é crescente, é o hub da companhia low cost AirAsia e chama a atenção por abrigar pessoas de culturas distintas e que vivem em harmonia. É uma cidade moderna, com 1,6 milhão de habitantes, excelentes opções de compras e atrações famosas que são símbolos do país. Em nosso guia de Kuala Lumpur você encontrará dicas do que fazer na cidade, informações para quem irá fazer uma conexão por lá e onde se hospedar em Kuala Lumpur.

kuala-lumpur

Visão geral de Kuala Lumpur

Kuala Lumpur está localizada na parte continental da Malásia e foi fundada em 1857, portanto é uma cidade bastante nova. A cultura regional é miscigenada e no país vivem principalmente indianos, chineses e muçulmanos – sua cultura é variada e os povos se respeitam de uma maneira que raramente se vê em outros lugares do mundo. A cidade tem mesquitas, templos chineses e hindus; cada um tem direito de manifestar sua fé e exercer suas crenças.
Observar as pessoas na rua é uma atividade um tanto interessante pois desde o modo de caminhar até o de se vestir a diferença é muito grande.

Transporte: KL, assim chamada por seus visitantes, tem um bom transporte público e que leva às principais atrações da cidade. A principal estação de trens é a KL Sentral, que inclusive tem um trem moderno que leva ao aeroporto, o KLIA Ekspres. O transporte público, além de barato, permite evitar a perda de tempo no trânsito, que em horários de pico pode ser conturbado.

Dinheiro: A moeda local é o Ringgit Malaio (MYR) e na cidade os cartões de crédito são amplamente aceitos. Nossa opção para ter dinheiro em espécie foi levar dólares americanos para a Malásia e lá trocar pela moeda local. Outra alternativa é fazer saque nos caixas eletrônicos, direto na moeda local – fique atento às taxas de seu banco.

Idioma: As línguas oficiais do país são a língua maláia e a língua inglesa, mas como existem pessoas de diferentes origens na cidade, várias outras línguas também são faladas.

kl-malasia

Visto: Brasileiros que visitam a Malásia a turismo por até 3 meses não precisam de visto para entrar no país; o passaporte, no entanto, é imprescindível e deve ter 6 meses de validade. O certificado internacional de vacinação atestando ter tomado a vacina contra febre amarela também é necessário. O consulado do país em Brasília recomenda ainda ter uma cópia da reserva da hospedagem e dos voos de ida e volta. Para mais informações, recomendamos entrar em contato com sua companhia área e com o próprio consulado da Malásia.

O que ver e fazer em Kuala Lumpur

1 – Batu Caves – Uma das grandes atrações do país, Batu Caves são grandes cavernas entranhadas em um morro onde dentro existem templos hindus. Na entrada do local fica uma estátua gigante de uma divindade hindu e para chegar às cavernas é necessário subir um longo lance de escadas.

batu-caves

2Petronas Twin Towers – As Petronas Towers são as maiores torres gêmeas do mundo! Os edifícios ficam na área central da cidade, possuem um shopping grande em seus andares inferiores o Suria KLCC e uma visita guiada permite conhecer detalhes da obra e admirar a vista de seus andares superiores. Mesmo para quem tem pouco tempo, essa é uma atração imperdível.

3 – KLCC Park – O Parque no coração de KL é uma ótima pedida para curtir um passeio ao ar livre e principalmente para admirar o visual e tirar fotos das Patronas Towers.

4 – Thean Hou Temple – O templo chinês tem uma construção super bonita e rica em detalhes. É um passeio menos óbvio a se fazer na cidade, que permite ver de perto a miscigenação cultural da Malásia.

o-que-fazer-kuala-lumpur

5 – Changkat Bukit Bintang – Para curtir a noite, essa rua de KL é uma ótima pedida! O lugar tem vários pubs, bares com música ao vivo e restaurantes.

6 – Menara KL – Também chamada de KL Tower, essa é uma das maiores torres de telecomunicação do mundo! O local é aberto a visitantes e tem um andar panorâmico para observar a paisagem da cidade.

menara-kl

7 – Central Market – Localizado na região central de KL, o Central Market é indicado para quem quer encontrar lembranças de viagem e produtos de origem local.

8 – KL City Gallery – Além de fornecer toda sorte de informações sobre a cidade, o KL City Gallery tem uma placa em que os turistas adoram tirar uma foto. O lugar fica ao lado da Merdeka Square, onde a primeira bandeira do país foi hasteada.

Restaurantes e bares em Kuala Lumpur

Old China Café – restaurante chinês tradicional. O ambiente relembra décadas passadas, é uma boa pedida para tomar um café ou almoçar.

El Cerdo – Especializados em servir carne de porco o El Cerdo é um restaurante simpático que tem serviço à la carte e buffet.

dicas-kuala-lumpur-1

Troika Sky Dining – O Troika está localizado no alto de um edifício do centro da cidade e tem quatro estabelecimentos diferentes, entre eles restaurantes de comida japonesa, italiana e francesa. Nossa dica é conhecer o mexicano El Fuego, que tem uma vista sensacional da cidade!

Jalan Alor – Essa sua tem vários restaurantes e é uma oportunidade para conhecer a cozinha local e a comida popular do país.

comida-malasia

Bijan – restaurante com buffet e pratos à la carte, indicado para quem quer conhecer a cozinha da Malásia! Existem dezenas de opções de pratos e no buffet você tem a oportunidade de experimentar um pouco de tudo.

SkyBar Kuala Lumpur – bares e restaurantes que têm vista para o centro da cidade, em especial para as Petronas Towers, são uma febre em KL. Felizmente existem vários restaurantes que desejam oferecer uma vista bonita da cidade e entre os mais famosos estão o SkyBar, um bar que tem até piscina!

kuala-lumpur-dicas

Marini’s on 57 – O restaurante e bar localizado também no alto de um prédio do centro da cidade tem uma vista linda da cidade e das Patronas Towers. Para quem procura um ambiente mais refinado, a dica é ir ao restaurante, já para quem quer algo mais informal, vá ao bar, que tem até área a céu aberto.

Clima em Kuala Lumpur

Faz um super calor em Kuala Lumpur ao longo de todo o ano, por isso sugerimos levar roupas leves na mala. Na rua é quente e dentro de lugares fechados sempre existe ar condicionado, geralmente bastante gelado.

clima-kuala-lumpur

Outras dicas

KL é um ótimo lugar para fazer compras e é bem mais barata do que a vizinha Singapura. Shoppings como o Suria KLCC e o Pavillion estão cheios de lojas renomadas mundialmente. Os centros comerciais têm desde redes populares como Forever 21 a exclusiva Chanel.

Estrangeiros, em especial mulheres, costumam chamar atenção e atiçar a curiosidade dos residentes, por isso é comum ser alvo de olhares, principalmente quando o biótipo da pessoa é diferente que se vê na Ásia. Se quiser evitar olhares, procure andar com roupas discretas, que cubram os braços e as pernas. Embora os olhares sejam incômodos, não é perigoso andar só.

Se está em conexão por Kuala Lumpur, concentre-se em conhecer as principais atrações da cidade, que são as Batu Caves e as Petronas Towers. Em um dia é possível visitar ambos os lugares e chegar até eles com o transporte público.

Já esteve em Kuala Lumpur? Deixe sua avaliação para nós ou conte nos comentários as suas dicas da cidade!

Autor

Camille Panzera - Camille Editora de destinos
  • Alberto Kiess

    Estive em Kuala Lumpur e sinceramente me decepcionei com a cidade. Acho que eu esperava muito mais
    Além das torres, não vi nada de muito interessante na cidade. Batu Caves tem a maior estátua religiosa do mundo, mas é só isso, anexo à caverna, tem uma grande e exaustiva escadaria, na esquerda você faz uma trilha interessante no meio das cavernas na escuridão, vê insetos e aracnídeos, e morcegos, além de cobras. Mas sinceramente, por tão pouco, fica a dúvida se vale a pena viajar para KL. A metrópole é limpa, com uma boa rede de metrô e aeromóveis (monotrilho). Fiquei hospedado no Pullman, hotel maravilhoso ao lado do melhor shopping center e também de uma das ruas com as lojas mais caras do mundo, além de estar a 200m do monotrilho. As mesquitas não gostam de receber turistas que não praticam a religião. Os templos hindus são legais, mas não impressionam, fotos profissionais de todos eles, podem ser mais interessantes do que a visita. Mas essa é a minha opinião: de 42 capitais internacionais visitadas, sinceramente, KL foi a que eu menos gostei.

    • Diógenes Resende

      Acabei de voltar de lá e tive a mesma impressão que vc teve. Acho que na região é o menos interessante. Um adendo que faço pra quem vai é usar o uber que é muito barato e prático.