Avaliação da Viva Aerobus

Redação 12 · dezembro · 2017
Econômica
PBC - CUN
VB 9406
Airbus A320
18/04/2017

Embarque

Previsto: 13:15h
Efetivo: 13:20h

Partida

Previsto: 13:55h
Efetivo: 14:07h

Chegada

Previsto: 15:45h
Efetivo: 15:44h

Criada em 2006, a mexicana Viva Aerobus é uma companhia do mesmo grupo da low cost européia Ryanair. A empresa voa desde Monterrey e Cidade do México para os principais destinos do país, como Cancún, Acapulco, Tijuana, Guadalajara, além de oferecer voos diretos para os Estados Unidos, para Las Vegas, Los Angeles e Houston. Nosso leitor Alexandre Martins foi conferir de perto os serviços da companhia e fez sua avaliação, confira:

Para minha viagem ao México (aquela de R$ 315 divulgada aqui no MD) comprei os voos internos pela Viva Aerobus. A companhia faz propaganda por ser uma das primeiras a começar a operar as novas aeronaves Airbus A320 Neo.

Nos trechos internos, a Viva concorre com a Aeroméxico, Interjet e Volaris. Normalmente oferece tarifas bem mais baratas que suas concorrentes. Em ordem crescente de preços, a empresa oferece as seguintes categorias tarifárias: Viva Light, Viva Básico, Viva Plus e Viva Smart.

A modalidade é low cost, inclui apenas uma bagagem pequena, não oferece nada a bordo (disponibiliza um menu e aceita cartão). Marcar poltrona, receber o cartão de embarque impresso na hora e embarcar primeiro também são mimos, só pagando ou optando pelas tarifas mais caras. Ah! Pagar com cartão de crédito também onera um pouquinho.

Compra

O site não é complicado, mas é preciso ficar esperto. Você vai montando sua compra, mesmo que opte pela tarifa mais barata, o site vai oferecendo benefícios como cartão de embarque impresso no aeroporto, marcar poltrona, seguro, transfer, bagagem extra, entrega de bagagem sem fila e outros. Cada item aumenta alguns pesitos mexicanos. Como eu acessei alguns blogs de lá, já sabia como proceder. Não tive dificuldades, pouco após a compra recebi as confirmações.

Check-in

7,5

A fila para documentar bagagens era razoável, mas fluía – muitos entram cedo na fila, para diminuir a possibilidade de pegarem os piores assentos, eu creio. Na entrada para a sala de embarque, um funcionário da empresa disse estar errado o sobrenome de minha esposa, comparando com o passaporte. Faltava o “dos” de “dos Santos”.

Barulhinho do lado mexicano, barulhinho do lado brasileiro e ele deixou de bobeira e liberou. O controle dos raios-x também estava rigoroso e abriram nossas mochilas todas. Para o embarque se formaram duas filas: com as classes 1, 2, 3, e 4. Como eu estava em família, optei por marcar os assentos, o que me privilegiou com a entrada entre os primeiros.

Cabine

6,5

O avião era bem novo. A disposição dos assentos era o tradicional para um Airbus A320 (mesmo equipamento operado pela Latam, pela Azul e pela Avianca no Brasil): 3×3, com seis assentos por fileira. No entanto, a configuração adotada pela Viva Aerobus é com poltronas não-reclináveis. Fazia calor na cabine.

Depois de 20 e poucos minutos de voo iniciaram o serviço de vendas de lanchinhos, obviamente bem mais caro que lá embaixo. Nos últimos minutos do voo uns dois ou três tobogãs assustaram metade dos passageiros.

Como era um voo de menos de uma hora, não houve problema, ou considerável desconforto.

Entretenimento

5,0

Entretenimento?

– Janelinha (se pagou por ela)
– uma revista
– ou joguinho do seu próprio celular.

Serviço de bordo

5,0

Não avaliado pelo leitor.

Abaixo, fotos do cardápio com as bebidas, snacks e combos vendidos a bordo do voo da Viva Aerobus.

Comissários e equipe de solo

9,0

Equipe bastante cordial, tanto em solo quanto a bordo.

Exceto o contratempo com o sobrenome de minha esposa, não passei por nenhuma situação desconfortável.

Programa de fidelidade

5,0

A Viva Aerobus não possui programa de fidelidade.

Nota final

6,3

É uma empresa de “low cost-low fare”, que entregou o que nós compramos. Custou bem mais barato do que voar Aeroméxico e um pouco mais barato que voar Volaris. E ainda tinha os melhores dias e horários para encaixar no meu corrido roteiro pelo país. Não tenho porque reclamar. Ao voltar ao México, provavelmente voarei com eles.

Também voei com eles Cancún – Cidade do México, não houve diferenças no serviço.

Nota: Puebla é uma cidade interessantíssima! O México é muito mais que Cancún, que, aliás, é também lindo. Puebla de Zaragora, “La Heróica” ou “Ciudad de los angeles”, como também chamam é uma cidade histórica, mas com requintes de modernidade. Possui ali a maior roda gigante (ou roda estrela) desmontável do mundo, o Parque Lineal (lugar lindo para caminhadas e apreciação da natureza) e o African Safari, que, como já reza o nome, é um safari no estilo africano.

Agradecemos ao Alexandre pelo relato! Quer ver a sua avaliação publicada no Melhores Destinos? Solicite as instruções, capriche no texto e nas fotos e mande para a gente: avaliacao@melhoresdestinos.com.br