De Ezeiza a Guarulhos com a Qatar Airways. As melhores 10.000 milhas da minha vida!

Denis Carvalho 23 · janeiro · 2014

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

O advogado Ernesto Lippmann é famoso em todo o Brasil pelas várias obras publicadas na área do Direito e participação constante como fonte nos principais meios de comunicação. No meio de viagens, no entanto, ele é igualmente famoso pelas excelentes dicas de viagem em diversos blogs, em posts que assina como o Pato Econômico. É dele a avaliação que trazemos hoje, aproveitando a promoção global da Qatar Airways, da prestigiada companhia árabe, sempre listada entre as melhores do mundo. Confira seu relato do voo de Buenos Aires a São Paulo e saiba porque voar com a companhia pode ser uma volta ao passado! 

Boeing, Qatar Airways Celebrate 777-300ER Delivery

Para os brasileiros, Buenos Aires é uma noiva maníaco depressiva. A depressão são os tempos de dólar caro, e os picos do relacionamento são os tempos de dólar barato.  E, agora está na hora de aproveitar, especialmente considerando-se a desvalorização do dólar no mercado paralelo, ou blue.

Estive em Buenos Aires, e com o “Dólar Messi” (aquele 10 que ninguém derruba), a cidade está novamente atrativa.  Um táxi raramente passa de cinco dólares. Por menos de 20 dólares por pessoa se saboreia um bife de chorizo com as maravilhosas papas rejias al ajo (batatas fritas furadinhas ao alho, imperdíveis!), suficiente para um casal, acompanhado de um bom vinho, em restaurante como o Arturito, perto do obelisco, ou a Casa Operária, ao lado da Usina de Arte  usinadelarte.org – uma antiga geradora de energia em estilo renascentista italiano que virou uma espécie de Sala São Paulo, e tem um salão de espelhos que dá ótimas fotografias, onde seu filho vai se sentir o homem aranha… E a hospedagem está barata. Por 50 dólares se consegue um hotel do tipo Ibis, no Centro, e na faixa dos 100 dólares, há diversas opções de quatro estrelas.

DSC04893

E um free shop maravilhoso, onde você pode reconverter os pesos comprados entre 9 e 10 pelo cambio oficial de 6, um verdadeiro outlet… Explicando: 100 dólares podem ser convertidos na rua no “blue”, em algo como 900 pesos.  Os mesmos 900 pesos, são convertidos no freeshop pela cotação oficial de 6 pesos, e – tcharam! – viram 150 dólares!. É ilegal? Sim. É  perigoso? Decididamente, não: todos trocam pelo cambio paralelo. É só ir numa loja turística da Calle Florida, perto de uma galeria, e pedir uma indicação de uma casa de cambio, ou “cueva” para os íntimos.

Não recebi notas falsificadas, mas não custa ser esperto e atentar para as fitas de segurança metálica das notas de 100 pesos. O site http://dolarblue.net  dá a cotação diária do peso. E, claro, fique atento com a bolsa e a carteira, a região é famosa pelos seus batedores de carteira.

Mas, este não é um miniguia, é um flight report.  E confesso que voltei no tempo. Lembram-se como era viajar há 20 anos? Nos tempos felizes da Varig, onde o prazer começava no avião, com comida boa, uma tripulação cordial, espaço decente, mesmo na classe econômica?  Este é o voo da Qatar, que você acha com relativa facilidade no Smiles, por 10 mil milhas, bastando clicar nas “companhias parceiras”.

Boeing_777-2DZLR,_Qatar_Airways_JP7258332

O horário também é excelente para a sua volta de Buenos Aires, pois sai às 23h30 permitindo que você aproveite bem seu dia, e chegue rápido ao aeroporto de Ezeiza pois não há congestionamento.  Um táxi custa cerca de 25 dólares, mas se você estiver sozinho por 10 dólares o ônibus executivo é uma boa opção. Sem dúvida nenhuma, foi a melhor classe econômica em que eu voei nos últimos anos.

Check-in e embarque

Apesar do voo estar com uma lotação da ordem de 90%, não havia fila no check-in, e o atendimento foi cordial e com um sorriso, e logo eu estava com o cartão de embarque na mão. Nem sinal daquela monstruosidade dos tempos modernos, os totens de auto atendimento, onde temos que digitar um monte de códigos, o que faz deste lugar o campeão de furtos de bagagens nos aeroportos…

Uma pequena volta no aeroporto, conhecendo o novo projeto de ligação por túnel entre a Argentina e o Chile, uma  volta no free shop, e embarque pontual. 

Conforto

A tripulação recebe com um sorriso, grande parte das comissárias são orientais. A configuração de assentos é 3-3-3,  ao contrário de outras empresas, que usam o 3-4-3 na mesma aeronave tornando o espaço bem agradável, e reduzindo a chance de que você seja escalado para o desagradável assento do meio.

DSC04910

Há um  ótimo espaço para pernas em qualquer poltrona, que são estofadas e confortáveis, sem qualquer sensação de claustrofobia, tão comuns. Em um vago lugar da memória, eu me lembro que as aeromoças (sim isto é o do tempo antigo), começavam o voo oferecendo vários jornais, e toalhinhas refrescantes, como ocorreu neste voo. O fone de ouvido era bem  confortável, semelhante ao fornecido pelas outras empresas em que viajei na executiva…

DSC04905

Avião

A aeronave é um 777-200 ER, muito bem conservada .Todos os anúncios do voo são em árabe, com resumos em inglês. Apenas o safety também é feito em espanhol e português  Ao contrário de algumas companhias americanas, onde a tripulação trata você como um recruta do exército que deve atender às suas ordens, aqui volta-se à cordialidade, educação e requinte dos velhos tempos.

DSC04913

O sistema de entretimento é um espetáculo. Milhares de títulos de música, de todos os gêneros. Vários jogos disponíveis, mas quanto aos filmes, há muito poucos legendados em português, a grande maioria está na versão original e em árabe.

DSC04914

A aeronave, com sky interior, também é muito agradável, ficando lilás na decolagem, e azul durante a noite.

Serviço de bordo

Ao invés de algum sanduíche ressecado, que tal uma carne ao marsala com vegetais, acompanhada de uma mousse de limão?  Continua com fome?  Peça mais uma bandeja que ela será trazida com um sorriso. Desta vez, era um frango ao molho béarnaise, também muito saboroso, a melhor comida de avião que comi nos últimos anos.

DSC04918

Aliás, a política da segunda comida – que pode ser pedida, pois geralmente sempre sobra alguma bandeja vazia – é bastante curiosa: as americanas não servem de jeito nenhum, se há sobra, as brasileiras sempre servem, e nas europeias depende da boa vontade da tripulação.

DSC04919

Há empresas que nem servem mais bebidas alcoólicas. Outras, usam aqueles vagabilíssimos vinhos de tetra pack.  Ali não, o vinho que provei era de ótima qualidade.  As comissárias são simpáticas, e servem novas doses de bebidas a pedido.    

Retorno 

Outra vantagem é a chegada a Guarulhos num horário quase sem voos, o que faz com que inacreditavelmente a imigração e bagagem estejam prontas em menos de 20 minutos depois da saída do avião, um recorde em minhas viagens.  

O único ponto negativo do horário,  é que se você não quiser pegar os caros e geralmente mal educados táxis você vai ter que esperar mais ou menos uma hora e meia até que os ônibus comecem a funcionar.

Conclusão

Em resumo, as melhores 10.000 milhas da minha vida, e uma ótima recomendação para a sua volta de Buenos Aires.

Agradecemos ao Ernesto por esta brilhante colaboração – temos certeza que muitos ficarão com mais vontade de voar com a Qatar ou mais ansiosos com as passagens que acabaram de comprar na promoção da companhia. Já voou com a companhia árabe? Deixe sua opinião nos comentários! Temos certeza que este tema de Buenos Aires e seu dólar paralelo também interessa a muitos, certo? Pode deixar sua dica também sobre a cidade, que está em nosso Guia de Destinos

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe