Como é voar no A380 da Air France, o maior avião do mundo

Redação 22 · julho · 2013

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

O Airbus A380 é o maior avião de passageiros do mundo e faz a alegria dos apaixonados por aviação mundo a fora, mas continua sem voar para o Brasil devido à falta de estrutura em nossos aeroportos, apesar de companhias como EmiratesLufthansa e Air France terem demonstrado interesse em voar para cá com o gigante dos ares. Enquanto isso não ocorre, podemos conhecer um pouco da experiência de voar no A380 pelo relato de nossos leitores, como o Daniel Gomes, que aproveitou uma promoção postada aqui no MD e voou de Paris a Nova York no jato da Air France. Acompanhe sua experiência e saiba como é voar no A380 da companhia francesa:

avaliacao-a380-air-france

Olá colegas do Melhores Destinos! Gostaria de compartilhar uma das melhores experiências que ocorreram comigo e minha esposa: em fevereiro de 2013 voamos num A380 da Air France no trecho Paris – New York. Tentarei passar as minhas impressões sobre essa viagem.

Voo AF023 – New York – Paris (operado com A330) – 12/02/2013
Voo AF006 – Paris-New York (operado com A380) – 18/02/2013

Compra dos Bilhetes

Em outubro estávamos planejando as nossas férias nos Estados Unidos, quando num “belo” dia o MD publicou uma promoção arrasadora (considero que foi a melhor de 2012), que era passagem SP – Paris passando pelos Estados Unidos, podendo ter stopover na ida e na volta por apenas R$ 1.650,00 aproximadamente. 

Quando vi esse anúncio não tive dúvida e comprei os bilhetes no mesmo dia para garantir a promoção. O que marcou foi que a ida e/ou a volta poderia ser num Airbus A380. Fiz questão de escolher o voo que fosse com ele… Não consegui pegar a ida, mas a volta garantimos no maior avião do mundo.

A ida
Como o voo era codeshare com a Delta (voamos de Delta de São Paulo para New York), fomos orientados a despachar as nossas bagagens no terminal da Delta em New York. Isso acabou causando um grande transtorno, pois as nossas bagagens foram extraviadas. A Air France opera em outro terminal no JFK. Bom… mas isso não estragou a nossa viagem.

SAMSUNG

O voo New York – Paris foi num A330 que, tirando o aperto da classe econômica (apertado mesmo para a minha altura de 1,80m), o serviço de bordo e entretenimento achei muito bom. No jantar foi servido queijo Brie e também champagne e vinho aos passageiros da classe econômica.

DSC02068

O fuso horário deixa qualquer um maluco, pois Paris está 6 horas à frente de New York. O voo saiu de New York às 16:45hs, com duração de 7 horas e chegou no Charles de Gaule às 6:45hs.

DSC02071

Extravio das bagagens

Vale esse registro. Despachamos duas malas no JFK e as duas foram extraviadas. A minha foi entregue no hotel em Paris no dia seguinte à nossa chegada. A da minha esposa foi entregue em São Paulo no dia 22/02. Detalhe: estava intacta, sem nenhum objeto danificado ou subtraído. A Air France reembolsa até 100 euros para compra de roupas e objetos de higiene pessoal. Efetuamos as compras desse produtos em Paris e após chegarmos em São Paulo, enviando os comprovantes de despesas e a Air France nos reembolsou rapidamente.

DSC02073

Ficam as dicas:

– Despachar a mala no terminal da Cia. Aérea que irá viajar;
– Se for viajar com mais de uma pessoa, misture as roupas nas malas, pois em caso de extravio de uma mala, ainda tem roupas para duas ou mais pessoas;
– Guarde todos os comprovantes de despesas pois serão exigidos para o reembolso.

A volta no A380
Aproveitamos os seis dias que ficamos em Paris e a volta seria um show à parte, pois era no A380.
O aeroporto Charles de Gaule é um espetáculo: a começar que o passageiro tem a possibilidade de ir de Paris até ele por trem/metrô. Pagamos 1,70 euro por pessoa para ir até o aeroporto. E tem muitas pessoas que utilizam esse meio rápido e econômico. Entre a saída do hotel (que ficava em Bagnolet) até o Charles de Gaule demoramos uma hora, com duas trocas de trens, etc.

DSC02877

O embarque foi um pouco demorado devido à quantidade de passageiros. O A380 da Air France tem capacidade para 576 passageiros e o voo estava bem cheio. A configuração da classe econômica no piso inferior é 3-4-3.

DSC02869

O avião é novo, os monitores são individuais e tem entrada USB para carga de aparelhos celulares, etc, e tem uma câmera posicionada na cauda, que proporciona uma vista fantástica.

DSC02899

O mapa apresenta os horários de várias cidades mundiais e dia/noite nos países. O sistema de entretenimento é excelente com muitos filmes, programas, jogos, etc.

DSC02910

O espaço entre as poltronas é um diferencial, bem maior que no A330.

SAMSUNG

Devido ao tamanho do avião, as poltronas tem um espaço maior até a janela. As janelas são bem maiores que as dos aviões tradicionais.

DSC02918

Outro diferencial é a estabilidade da aeronave.

Conclusão
Lamento que os nossos aeroportos no Brasil não tenham capacidade operacional para receber esta aeronave. Percebemos o quanto é necessário ter uma logística eficiente para um A380 pousar. O desembarque e retirada de malas é algo demorado e complicado devido à quantidade de passageiros. Mas foi uma experiência fantástica. A Air France tem um tratamento diferenciado aos seus clientes, tanto durante o voo quanto nos procedimentos relativos ao extravio da bagagem. Espero ter ajudado e contribuído com essas informações.

DSC02881

Agradecemos ao Daniel pelo excelente relato, que certamente será muito útil para vários leitores. Você pode ler nossa primeira avaliação do A380 da Air France e nosso post especial sobre o Airbus A380 em sua visita ao Brasil.

Autor

Redação - Equipe Melhores Destinos