logo Melhores Destinos

EUA quer implementar tecnologia de reconhecimento facial em aeroportos

Thayana Alvarenga
Thayana Alvarenga
23/04/2019 às 10:09

EUA quer implementar tecnologia de reconhecimento facial em aeroportos

O Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos revelou que a U.S. Customs and Border Protection (Alfândega e Proteção de Fronteiras) quer implementar nos próximos quatro anos um serviço tecnológico para aumentar o controle em aeroportos e portos do país. A ideia é usar reconhecimento facial para identificar quem entra e quem sai, bem como verificar vistos que passaram do prazo.

O sistema foi desenvolvido pelo próprio Departamento e funciona fotografando os passageiros que estão prestes a embarcar, assim cruzando as informações com os dados de visto e passaporte presentes no sistema. Por meio da tecnologia é possível verificar se o indivíduo está apto a sair ou entrar no país. Se houver algum problema como vencimento de visto, o sistema identifica e o turista será penalizado.

O serviço estava em fase de testes até o fim do ano passado em 15 aeroportos espalhados pelos Estados Unidos. Foram identificados cerca de 7 mil passageiros que ultrapassaram o tempo limite de permanência no país, além de mais de 650 mil viajantes sem documentação por barcos ou navios – mais do que o número de imigrantes ilegais por terra.

As imagens serão guardadas apenas por um curto período de tempo – e as de residentes serão apagadas assim que a verificação for concluída. Até o momento, a prioridade para implementação desse serviço consiste em aeroportos e portos, mas os Estados Unidos demonstram interesse em aplicar a tecnologia para aqueles que chegam por terra, por meio de um um dispositivo móvel com as mesmas funções. No sul do Texas já existe uma operação teste para reforçar a segurança da fronteira com o México.

E você, já foi barrado na imigração americana? Comente abaixo e divida a sua experiência com outros leitores!