Aeroportos de Porto Alegre, Salvador, Fortaleza e Florianópolis passarão a ser administrados por empresas privadas

Por
9 · jun · 2015       17:03

Os aeroportos de Porto Alegre, Salvador, Fortaleza e Florianópolis deixarão de ser administrados pela Infraero e serão concedidos à iniciativa privada por meio de leilão. As concessões fazem parte da nova etapa do Plano de Investimentos em Logística, anunciado hoje pelo governo. No total, o pacote prevê R$ 198,4 bilhões em investimentos e também inclui leilões de rodovias, ferrovias e portos.

A previsão é que os leilões dos aeroportos sejam realizados a partir do primeiro trimestre de 2016. O governo prevê investimentos de R$ 8,5 bilhões nos quatro terminais. A Infraero será sócia das empresas vencedoras dos leilões na administração dos aeroportos. 

Na primeira fase do programa de concessões, o governo entregou à iniciativa privada, por meio de leilão, a administração dos aeroportos de Guarulhos e Campinas, em São Paulo; Juscelino Kubitschek, em Brasília; de Confins, em Belo Horizonte, e Tom Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro.

Dos quatro, o aeroporto de Salvador teve a maior movimentação de passageiros no ano passado (9,2 milhões) e receberá investimentos de R$ 3 bilhões, seguido por Porto Alegre (R$ 2,5 bilhões), Fortaleza (R$ 1,8 bilhão) e Florianópolis (R$ 1,1 bilhão).

CONCESSAO AEROPORTOS

Aeroportos regionais

Além dos leilões dos quatro aeroportos, o pacote também prevê a concessão, pelo modelo de outorga, de sete aeroportos regionais: o de Araras, Jundiaí, Bragança Paulista, Itanhaem, Ubatuba e de Campinas (Amarais), em São Paulo, e de Caldas Novas, em Goiás, somando um total de R$ 78 milhões.

Com informações da Agência Brasil e Portal Brasil.