Avaliação da Alitalia

Leonardo Cassol 25 · maio · 2017
Executiva
GRU - FCO
AZ 675
Boeing 777
17/02/2017

Embarque

Previsto: 16:20h
Efetivo: 16:20h

Partida

Previsto: 17:10h
Efetivo: 17:08h

Chegada

Previsto: 07:15h
Efetivo: 07:10h

Esse review é o trecho inicial da minha viagem de férias, onde percorri 6 países, 3 continentes, viajando pela primeira vez em 5 companhias aéreas diferentes (claro que os voos eram parte importante dessa aventura).

Meu destino final era a Coréia do Sul. Emiti a passagem e São Paulo para Seul, com conexão em Roma, por 100 mil milhas Smiles. Considerando que foram dois voos com mais de 10 horas de duração, com poltronas cama e um serviço premiado, minha avaliação é que o resgate foi um bom negócio.

Sobre a Alitalia

A Alitalia é a principal companhia aérea da Itália, membro da aliança Skyteam, e parceira da Etihad Airways, empresa que também é acionista da companhia italiana. Oferece voos a partir de seu hub em Roma para mais de 80 destinos na Europa e ao redor do mundo. No Brasil, opera dois voos diários, ligando São Paulo e o Rio de Janeiro à Roma.

A Alitalia foi minha escolha para os voos de longo curso para a Ásia por algumas razões: eu nunca havia voado com a companhia; a cabine da executiva foi recentemente reformada e dispõe dos “honeymoom seats“, com poltronas cama especiais para quem viaja acompanhado; o serviço de bordo da empresa é premiado há vários anos; a parceria com a Smiles oferecia o menor custo com milhas em classe executiva para a Ásia.

Atualmente a companhia enfrenta dificuldades financeiras e está em administração compartilhada. Mas a crise não afetou a operação de seus voos, nem a qualidade do serviço. A empresa recebeu 32 propostas de investidores.

Resumo do review

Duração da viagem: 11 horas (São Paulo – Roma)

Destaques positivos: cabine, poltronas, refeições e nécessaire

Pontos a melhorar: falta de Wi-Fi e sistema de entretenimento

Check-in

10

Check-in 

Tentei realizar o check-in pela internet na véspera do voo, mas não consegui. Eu havia reservado os assentos 1E e 1G (chamados pela cia. de honeymoon seats) e estava um pouco ansioso para a confirmação dos mesmos.

Para reservar assentos na Alitalia com bilhetes emitidos pela Smiles é preciso atentar que existem dois localizadores diferentes. Um do sistema da Smiles e, outro, da Alitalia. Tendo o localizador da Alitalia em mãos (que a Smiles fornece), basta ligar para os telefones (11) 3958-7959 ou (21) 3500-8998 e solicitar a reserva. Os honeymoon seats ficam nas fileiras ímpares, letras E e G. Quem viaja sozinho pode pegar o assentos com as letras A, C, L ou J que estará fazendo um excelente negócio.

Cheguei cedo em Guarulhos, um pouco mais de 3 horas antes do horário de decolagem. O check-in estava vazio e fui prontamente atendido. Os assentos foram confirmados de acordo com a reserva prévia, e o voo estava dentro do horário previsto.

Um detalhe é que eu havia emitido os bilhetes de ida e de volta separadamente e, por conta disso, o funcionário do check-in pediu que eu apresentasse os bilhete de volta. Tinha a confirmação impressa, com o código localizador, mas o atendente queria o número do e-ticket. Consegui acessar pelo celular e deu tudo certo. Mas, fica a dica pra quem for viajar com a empresa com bilhetes separados: é bom ter essas informações em mãos.

Sala Vip Guarulhos

A Alitalia utiliza o Executive Lounge GRU Airport. Podem acessar a sala passageiros voando com a Alitalia em classe executiva, ou com status MilleMiglia Freccia Alata e Freccia Alata Plus, ou SkyTeam Elite Plus.

É uma sala ampla, bem funcional, que conta com serviço de banho, Wi-Fi, jornais e revistas. O lounge estava vazio quando eu cheguei, mas o movimento aumentou um pouco próximo da hora do embarque.

Para comer, tinham opções quentes e frias, como massa com molho, quiche, mini saladas, sanduíches, além de vários tipos de doces deliciosos! E, para beber, vinho, espumante, whisky 12 anos, licor, refrigerantes, tônica e sucos, café expresso, entre outras opções.

O tempo passou rápido na salinha pois, além de lanchar, aproveitei para adiantar alguns posts do Melhores Destinos, antes de viajar de férias :-)!

Embarque

O embarque iniciou pontualmente às 16:20. Após as prioridades definidas por Lei, os clientes voando em classe executiva ou SkyPriority puderam embarcar rapidamente. Fui um dos primeiros a entrar no avião, o que permitiu fazer algumas fotos sem incomodar os demais passageiros.

Logo que embarquei a comissária ofereceu Prosecco (Ferrari Maximum Brut Tretentodoc) e água e entregou três cardápios: carta de vinhos, carta de cafés e chás, e o cardápio com as refeições que seriam servidos no voo: jantar, lanche e café da manhã.

Os comissários também distribuíram jornais e revistas, bem como lindas nécessaires (falo sobre elas adiante)! Ainda antes de decolar, anotaram os pedidos para o jantar e perguntaram se eu gostaria de ser acordado para o café da manhã. E a resposta claro que foi “sim”!

O embarque evoluiu tranquilamente, encerrando minutos antes do horário previsto. Saudação da tripulação, motores ligados, taxiamento e decolagem, tudo sem grande espera.

O voo estava com grande ocupação, mas não lotado. Para vocês terem uma ideia, na classe executiva, restaram 4 assentos livres, de um total de 30.

Cabine

9,5

Cabine

As cabines da classe executiva da Alitalia foram todas reformadas ao longo de 2016. Todas as 30 poltronas do Boeing 777 reclinam 180 graus na posição cama, possuem acabamento em couro e oferecem acesso ao corredor (formato 1-2-1). na minha opinião, foi um trabalho muito bem executado, dando até a impressão de que o avião era novo.

A cabine dispõe de dois banheiros dedicados aos passageiros da classe executiva, sendo um na parte de frente e outro na parte de trás.

No entanto, nem tudo é perfeito. Algumas aeronaves contam com um sistema de entretenimento novinho, super moderno. Em outras, a Alitalia manteve o sistema antigo. E põe antigo nisso. A diferença é gritante! É fácil notar (vejam nas fotos da cabine): o sistema velho têm um controle remoto analógico (tipo de videogame), enquanto o novo um controle no formato de tablet, com tela sensível ao toque. O monitor também é beeeem diferente.

O pior de tudo é que não dá pra saber antes qual avião vai fazer o voo. Então, tem que contar mesmo com a sorte. Dos quatro voos que eu fiz na executiva da Alitalia (dois na ida e dois na volta), eu peguei o sistema antigo em três! Ou seja, enquanto tiver esse risco, é bom levar o tablet (explico melhor na seção de entretenimento).

Poltrona

A poltrona é sensacional! Bem espaçosa, macia e confortável! Faz até massagem! O couro não esquenta e não incomoda em nada. Mesmo nos honeymoon seats há uma divisória móvel que pode separar os assentos, caso necessário.

Há uma luz de leitura acoplada no assento, com duas intensidades na cor branca, além da luz tradicional que vem do teto. Detalhe para a mesa de refeições, que é bem grande e fácil de manusear. Tem também tomada universal e um prendedor para pendurar cabides.

Senti falta de um local de fácil acesso para guardar objetos pessoais, ainda que pequenos, como celular, óculos etc. Não tem! E, se deixar no apoio lateral os objetos podem ser arremessados numa eventual turbulência.

Em posição cama, a poltrona oferece bastante espaço para o corpo e para os pés. Dá para dormir tranquilamente, em várias posições.

Nos assentos que ficam nas janelas das fileiras ímpares, o apoio para os pés não tem proteção lateral, deixando os pés à mostra. Não que isso seja um problema, apenas um detalhe que achei que deveria relatar.

Achei a poltrona excepcional! Muito boa mesmo! Foi uma renovação e tanto que a Alitalia trabalhou em parceria com a Etihad. E deu certo!

Depois do jantar eu consegui relaxar e dormir continuamente, mesmo com um horário de decolagem sendo no fim da tarde.

Entretenimento

8,0

Como já abordei no item anterior, a qualidade do entretenimento na classe executiva da Alitalia vai depender da sua sorte! Algumas aeronaves contam com um sistema novinho, muito legal, enquanto outras com um sistema totalmente ultrapassado. Uma falha quase imperdoável para a classe executiva de qualquer companhia de ponta.

No voo de Guarulhos a Roma, objeto dessa avaliação, a aeronave Boeing 777 com o livery (pintura externa) da Skyteam tinha o sistema novinho (ver imagem abaixo). O monitor era de alta definição. O controle remoto, um tablet, que dava utilizar simultaneamente com o monitor, sendo possível, por exemplo, ver o andamento do voo em um, e um filme no outro.

Infelizmente, eu tenho poucas imagens do novo sistema. Como eu teria mais 3 voos na executiva da Alitalia pela frente, acreditei que poderia tirar as fotos nos voos seguintes… Ledo engano! Os voos seguintes foram todos com o sistema velho! Argh! Que raiva!!!

Ao lado da poltrona tinham fones de ouvido anti-ruído, higienizados, e de boa qualidade. Os fones são os mesmos, não importa qual seja o sistema.

A programação do sistema novo conta com uma variedade razoável de filmes, séries de TV, shows, música e jogos, e informações em português. Parte do conteúdo tinha legendas em português. Acabei não dando muita bola, pois como mencionei, eu dormi depois de jantar.

Quem não tiver a sorte de pegar uma aeronave com o sistema novo, deve se preparar para voltar no tempo 🙁 ! O sistema antigo tem baixa qualidade de imagem, ruídos, pouco conteúdo e muita limitação. Num dos voos seguintes ele travou tantas vezes que muitos passageiros desistiram de usar (eu fui um deles)! A imagem em alguns momentos ficava chuviscada, lembrando uma TV antiga da casa dos meus avós…

Nas divisórias das poltronas tem as revistas de bordo e de dutty free, além do folheto de segurança da aeronave.

Serviço de bordo

10

Amenidades

Um destaque positivo fica por conta da nécessaire da Alitalia! Grande, linda e recheada de produtos da Bulgari! É tão legal que dá pena de usar! Tem pasta e escova de dente, protetor auricular, tapa olhos, meia, pente, hidratante, perfume e protetor labial.

Quando retornei ao Brasil, fui praticamente obrigado a fazer um sorteio entre meus familiares, pra ver quem ficava com as nécessaires! Se não era briga na certa (rsrsrsrs)! Também guardei uma de recordação!

Além da nécessaire, ao embarcar, todos os passageiros da classe executiva encontraram uma pantufa, um edredom e um travesseiro de boa qualidade em suas poltronas. O travesseiro era grande, confortável e com boa sustentação. O edredom bem macio e grande. Já a pantufa, eu não utilizei. Acabei andando de meia, mesmo, pela cabine.

Jantar

Cerca de 45 minutos depois da decolagem os comissários começaram trazendo uma toalhinha quente para a limpeza das mãos e o aperitivo. Era o mesmo para todos: salmão, com um espetinho de mussarela de búfala, azeitona e uva. E bebida à escolha.

Antes de avançar quero ressaltar que o serviço de bordo da Alitalia já recebeu vários prêmios internacionais. Segue um estilo bem italiano. Farto e gostoso! A refeição principal, que no meu voo foi o jantar, contou com aperitivo (com bebida + canapés), entrada (antipasto), primeiro prato (primi – massa), segundo prato (secondi – proteína com batata), além de pães, queijos e sobremesa! E ainda, deliciosos vinhos italianos, café expresso e uma grande variedade de chás! Ou seja, esqueça qualquer dieta durante o voo. Seria muito sofrimento!

Todos os pratos foram servidos em porcelana branca, com talheres de aço personalizados com a marca da Alitalia. Detalhe para o saleiro, pimenteiro e para a apresentação… (nota: como eu estava viajando acompanhado, na maioria das vezes deu pra ter imagens de duas opções das refeições)

Aqui as duas entradas oferecidas no voo. Opção 1: salada verde com camarão e frutos do mar. Opção 2: presunto de Parma com legumes grelhados. Optei pelo segundo, que estava delicioso, com vinho tinto (Barbera D’Asti Docg Villa M)  para acompanhar! E estava só começando o “regime da engorda”…

Depois da entrada (antipasto), foi servida uma massa (primi): pene ao sugo, com parmesão a gosto! Não costumo optar por massa nos meus voos, pois acho que acaba ficando seca e sem graça. Mas achei que seria uma heresia não comer voando na Alitalia. E não me arrependi. Massa no ponto, simples, mas bem gostosa! Por que o macarrão que a gente faz em casa não fica bom assim???

Achou que tinha acabado? Depois da massa veio o segundo prato (secondi). A opção 1 era peixe com batatas cozidas e cogumelos. A opção 2 era frango com aspargos e batatas. Comi o frango e estava muito bom! Quente, saboroso e com ótimos acompanhamentos. Mamma mia!

A orgia alimentar ainda não tinha chegado ao fim. A comissária passou oferecendo queijos e sobremesas. As opções de sobremesa eram (1) frutas da estação ou (2) tagliata de fruta fresca. Descaradamente, eu aceitei as frutas, mas só para poder mostrar para vocês (sqn). Acabei provando e, como estavam bem docinhas, comendo tudo… (vergonha de escrever isso, mas estava irresistível)

Mesmo empanturrado com tanta coisa boa, ainda aceitei um café expresso descafeinado para encerrar. Super oportuno, forte e gostoso! Lembrando que também tinham no cardápio vários chás digestivos…

Depois de tanto comer o jeito foi dormir. Eu estava bem cansado, vindo de uma semana super corrida nos meus dois trabalhos. E isso ajudou bastante para que eu dormisse sem dificuldade.

Acabei dormindo tanto que nem pude registar o lanche oferecido no meio do voo! Mas no cardápio dizia que as opções eram sanduíche ou torta salgada de verduras. Creio que poucos passageiros tiveram coragem de provar depois de tanta comida! Mas, vai que alguém perde o jantar…

Café da manhã

Cerca de uma hora e quarenta minutos antes do pouso os comissários serviram o café da manhã. Omelete com linguiça defumada de frango, frutas, pães, geléia, manteiga, suco de laranja e café expresso. Chega tudo junto, numa bandeja recheada.

Detalhe para o acabamento e a tampa da xícara do café… bem legal! Aliás, os pratos todos tiveram uma apresentação legal nesse voo.

A omelete estava quente e gostosa. Os pães e as frutas também! Mas, depois de um jantar daqueles, ficou difícil impressionar… Consigo entender porque bem porque a empresa recebeu vários prêmios por suas refeições! Nota 10 nesse quesito! Quantidade e qualidade.

Comissários e equipe de solo

9,0

A equipe de solo e os comissários da Alitalia foram simpáticos e prestativos durante toda a viagem. E muito eficientes durante o serviço de bordo. Nenhum problema durante o voo, que foi bem tranquilo, quase sem nenhuma turbulência.

Na cabine da executiva nenhum comissário falava português, mas havia pelo menos um fluente em nosso idioma na classe econômica. Minha comunicação durante o voo foi toda em inglês.

 

Programa de fidelidade

7,0

O programa de fidelidade da Alitalia é o MilleMiglia. O programa não é muito bom se comparado com outros, e não tem grande utilidade para os que não viajam com frequência com a empresa. Mas, a Alitalia é parceira da Smiles, além de membro da Skyteam, o que nos permite acumular milhas nos programas da GOL, bem como da Delta, Air France, KLM, Aeroméxico, Aerolíneas Argentinas, entre outros.

Se for pontuar voos da Alitalia na Smiles, verifique a tabela de acúmulo. Os voos de classe executiva acumulam 100% das milhas voadas mais 50% de bônus de cabine. Um voo entre São Paulo e Seul em executiva rende 17.151 milhas Smiles ou 34.302 milhas ida e volta.

Emiti as passagens da Alitalia pelo site da Smiles. O trecho completo entre São Paulo e Seul, com conexão em Roma, custou 100.000 milhas + R$ 223 de taxas de embarque. Por já ter sido emitido com milhas, não foi possível acumular pontuação nesses voos.

Nota final

8,9

Pousamos em Roma alguns minutos antes do previsto. Tinha acabado de amanhecer. Estava nublado e com 15 graus de temperatura.

Apesar do avião estacionar numa posição remota, o desembarque foi super rápido. Haviam cinco ônibus esperando os passageiros. Na imigração, fila pequena e nenhuma pergunta.

Roma foi a primeira cidade da Europa que eu visitei, há quase duas décadas. Fiquei apaixonado. Mas, por ironia do destino, nunca mais tinha voltado lá.

Por conta disso, não resisti, e aproveitei as 8 horas de conexão para um passeio rápido por Roma. Afinal, eu não precisava me preocupar com as bagagens e tinha um tempo razoável.Peguei o trem expresso e valeu muito a pena! Foi sensacional! Um dia lindo, com uma temperatura bem agradável. Deu para rever alguns dos monumentos incríveis que a cidade oferece. Valeu cada minuto!

Sala VIP de Roma – Casa Alitalia 

Após retornar da cidade para o aeroporto, ainda pude aproveitar o novo e excelente lounge da companhia, chamado de Casa Alitalia! É demais! Acreditem, deu pra comer pizza feita na hora, além  de tomar um banho antes de embarcar no voo seguinte!

A sala estava vazia no horário que cheguei, mas logo foi enchendo. Ela não é muito grande, e talvez esse seja seu único defeito. São três ambientes diferentes, mas interligados.

O lounge tem muitas opções para comer, com destaque para massas e risotos, além de bruschetta e pizza feitos na hora, em determinados horários (parece que no período do almoço e da janta). Para beber, algumas opções de vinhos italianos, cerveja, whisky, além de refrigerantes, sucos, café e água.

O lounge tem também uma internet com boa velocidade. Deu pra avisar todo mundo que eu estava vivo e ainda dar uma espiada nas notícias!

Tomar banho também ajudou bastante a seguir a jornada relaxado (e cheiroso rsrsrs). Existem banheiros completos, com kits de higiene e toalhas. Nota 10!

Como a Alitalia possui outros lounges no aeroporto Fiumicino, em Roma, recomendo procurar e utilizar a Casa Alitalia, que fica na área de embarque G, após o controle de segurança!

Voar na executiva da Alitalia foi uma experiência sensacional! Basicamente, comi e dormi muito bem, com intervalos para conversar, tirar fotos ou para assistir um episódio de The Big Bang Theory… 


E você, ficou com alguma dúvida? Já voou ou vai voar com a Alitalia na classe executiva? Comente e participe!

Veja também as avaliações dos voos da Korean AirEtihad, SriLankan e Qatar, realizadas durante essa viagem de férias!

Leonardo Cassol – é editor do Melhores Destinos e especialista em programas de fidelidade. Acumulou em 2016 um total de 1.168.037 milhas com muitas viagens, cartões de crédito, clubes e promoções. Possui status nos quatro programas de fidelidade nacionais: Black Latam Fidelidade (One World Emerald), Smiles Diamante, Amigo Diamond (Star Alliance Gold) e TudoAzul Diamante. 

Autor

Leonardo Cassol - Editor Editor e especialista em programas de fidelização do Melhores Destinos.
  • Bruno

    Bela avaliação, Leonardo!
    Já voei Alitalia algumas vezes, mas nunca foi tão bom.
    A última, foi em 2015 e quase atirei o controle remoto analógico do sistema de entretenimento pela janela.
    Os comissários, muito “azedos” e mal-humorados, e o serviço foi horrível!
    Mas… alguns amigos que já viajaram por ela antes e voltaram a viajar recentemente, me disseram que ela se transformou completamente!
    Está bem mais organizada e bem mais gostoso de viajar por ela.
    Ainda não tive oportunidade, mas o farei em breve.

    Obrigado!

    • Obrigado, Bruno! Realmente o passado da Alitalia é cheio de histórias como a sua. Mas fiz 4 voos com eles e o serviço novo é bem consistente. Certamente, além do entretenimento antigo, a companhia ainda deve ter funcionários mal-humorados e pisar na bola com algumas coisas, como a maioria das empresas, mas realmente houve uma mudança muito grande na qualidade do serviço.

    • Caio

      Você foi gentil quase atirando-no da janela; eu, em minha vez, quase tasquei-no no foucinho do comissário, que foi um péssimo profissional. Não somente o voo cancelado, tive que aguentar um desaforo do pessoal de terra na Itália, que nos tratou bem ruim.

  • Pelo visto, começam a ser visto de forma mais clara, a influência da Ettihad na companhia.

  • Ricardo, eu reservei no ano passado. Os trechos em executiva somem e aparecem no sistema com o tempo. Recentemente fui tentar comprar outro bilhete e não achei. Mas ano passado fiquei monitorando e consegui emitir 4 bilhetes nas datas que eu queria.

  • Cassio Lucas

    Parabéns pela avaliação Leonardo, mas precisa fazer uma avaliação da classe econômica também.
    Tenho voo marcado São Paulo – Roma em agosto de 2017, e não acho nada a respeito.
    Abraço

  • Cassio Lucas

    Obrigado pela informação. Como já marquei meu voo com minha esposa, talvez não ira ninguém ao nosso lado, mas retornando da minha viajem, coloco minhas considerações.
    Abraço

  • Cassio Lucas

    Caro Leonardo!

    Quanto a lounge Casa Alitalia, tenho acesso ao Duty Free?
    Obrigado

    • Tem pertinho sim. Dá pra ir numa boa.

      • Cassio Lucas

        Ah, mas um detalhe rsrsrs posso entrar e sair do lounge? Tipo ir no Duty fazer compras e voltar?

        • Pode sim. Leva o cartão de embarque com vc por via das dúvidas.

          • Cassio Lucas

            Obrigado. Quando voltar faço a avaliação geral. Abraço

  • Paulo Afonso

    Parabéns Leonardo!!! Belo texto.

  • Gustavo Paz

    Voei com a Alitalia em 2010, quando viajava para Israel; por coincidência, o trecho GRU-FCO foi realizado com esta mesma aeronave – TROPEA. Sendo que na ocasião ainda não era essa pintura SkyTeam. Valeu a experiência!!!

  • Ernesto Lippmann

    Parabéns pelo relato, muito completo .

  • Denio Quintino

    Leonardo, com a Alitalia temos bons preços e a possibilidade de parcelar em 10 x, sem juros, como fiz na minha última viagem em janeiro/16. Agora a questão é esta situação econômica da empresa, onde se tem garantia de de seis meses apenas (dada pelo governo italiano, se não me engano). Para quem ainda não comprou bilhete, e tem a intenção de voar em janeiro, o que o MD recomenda?

    • Denio, não tem muita opção a não ser aguardar. Pedir o reembolso teria custo pra você. A Alitalia já esteve em dificuldades várias vezes e sempre se salvou. Vamos torcer pro mesmo acontecer agora.

  • Guilherme Sodré

    O MD está muito elitizado ultimamente, achava legal quando as publicações retratavam a minha realidade, voos promocionais, reviews da classe econômica, ultimamente só ando lendo notícias, de vila premium, serviço de bordo na executiva, executiva premium… Sinceramente quem voa nessas condições, não fica olhando blog de passagem aérea barata, essa é minha opinião.

    • Oi Guilherme, vamos continuar postando muitos reviews da classe econômica. Foi apenas uma coincidência de ter acumulado muito coisa de executiva. Mas, só pra constar, esse review foi o segundo post mais acessado no dia que postamos, o que mostra que os leitores também tem interesse. De qualquer forma, obrigado por opinar.

  • Samila Silva Saiki

    Adorei o relato! Viajarei Alitalia na próxima terça GRU-TLV vou tentar fazer um relato com fotos da experiência! Já ouvi maravilhas e também coisas ruins… tirarei minha conclusões em breve! Volto pra contar!

  • Ernesto P

    Sempre bom ler uma avaliação e ter fotos. Pessoalmente acredito que foi uma avaliação muito bondoza. Fiz um voo com Alitalia há 4 meses e, sinceramente, foi um desastre. Meu sistema de entretenimento não funcionou. Nem a luz a poltrona acendia. Achei os pratos servidos bem meia boca e sem sabor. A tripulação achei totalmente alheia e não interessada nos passageiros. O ponto forte foi a poltrona que estava sim funcionando e é muito confortável para sentar e para dormir. Realmente o principal é o conforto da poltrona, mas o serviço achei medíocre. Nível Latam e olha lá. Na verdade é melhor que LATAM, mas isso não é difícil, convenhamos. Chefe de cabine anotou meus dados para depois do voo compensar o problema com a poltrona (a minha não foi a única). Obviamente nunca ninguém ligou, mas disso eu já sabia.
    Adoro os reviews. Obrigado.

  • Vamos passar por e-mail, obrigado! Se seu celular for dualchip acho que pode usar os dois

    • Cassio Lucas

      aguardo

  • Vania Morandi

    Gostei muito da sua avaliação. Tenho voo dia 29/09 para Roma na classe executiva mas minha irmã, marido e 2 filhas irão na econômica. Meu marido e eu temos direita a sala VIP em Cumbica mas eles não. Como posso fazer para comprar o one day para eles? Tambem gostaria de saber como posso para minhas milhas para o smiles. Pode ser no balcão da companhia ou devo fazer antes?Obrigado

  • Sergio

    Olá,
    Fiquei em dúvida sobre viajar pela Alitalia de classe econômica lendo os comentários e avaliações. Saindo de São Paulo temos mais chances de pegar os aviões mais antigos? E outra dúvida, seria melhor viajar para a Itália pela Latam do que pela Alitalia?