Visto brasileiro é liberado para turistas de Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão

Thayana Alvarenga
18/03/2019  ·  17:46Publicado 18 · mar · 2019  ·  17:46Atualizado 30 · ago · 2019

Visto brasileiro é liberado para turistas de Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão

Foi aprovada a isenção de visto para turistas de Estados Unidos, Austrália, Canadá e Japão visitarem o Brasil. Com isso, a partir de 17 de junho os viajantes destes quatro países poderão entrar no país sem a necessidade do documento. O objetivo do Decreto, que foi publicado hoje no Diário Oficial da União, é ampliar o número de estrangeiros passeando em terras brasileiras. Lembrando que o acordo é unilateral, ou seja, o mesmo não ocorrerá para brasileiros que queiram entrar nos países em questão, como já acontece.

O benefício contempla visitantes que possuam passaporte válido com viagens para fins de turismo, lazer e negócios, realização de atividades artísticas ou desportivas ou em situações excepcionais por interesse nacional. A iniciativa é válida também para turistas em trânsito no Brasil. A estadia pode ser de até 90 dias, prorrogável pelo mesmo período desde que não ultrapasse 180 dias a cada 12 meses contados a partir da data da primeira entrada. Caso ultrapasse, o visitante estará ilegal e sujeito as medidas cabíveis do governo brasileiro.

Os quatro países beneficiados com a isenção de visto fizeram parte de um projeto iniciado em 2017 que implantou o visto eletrônico para quem desejasse visitar o Brasil. Segundo a Organização Mundial do Turismo (OMT), medidas de facilitação de visto podem ampliar em 25% o fluxo de turistas nos países que adotam a prática. Em um ano de funcionamento do visto eletrônico no Brasil houve aumento de 35,23% nas emissões de vistos (eletrônicos e tradicionais), considerando o fluxo dos quatro países contemplados.

A expectativa do Ministério do Turismo é de que a medida contribua para que o país atinja a marca de 12 milhões de visitantes estrangeiros até 2022 contra os atuais 6,6 milhões.