Oktoberfest: conheça a origem e curiosidades dessa tradicional festa alemã

João Goldmeier
João Goldmeier
12/09/2020 às 10:30

Oktoberfest: conheça a origem e curiosidades dessa tradicional festa alemã

A Oktoberfest é uma das maiores festas populares do mundo. A festa de Munique recebe milhões de visitantes todos os anos e deu origem a diversas outras versões, como a de Blumenau e outras cidades do mundo. Conheça um pouco mais sobre essa festa que celebra a cultura alemã.

Oktoberfest de Munique

Criada para celebrar o casamento do rei Ludwing I em 1810, a Oktoberfest de Munique caiu no gosto dos alemães e turistas, recebendo cerca de 6 milhões de visitantes por ano.

Ela ocorre entre o final de setembro e o primeiro domingo de outubro, podendo durar entre 16 e 18 dias. A razão dessa variação é que a festa deve passar obrigatoriamente pelo dia 3 de outubro, que marca a unificação da Alemanha. Assim se o primeiro domingo de outubro cair no dia primeiro, a festa segue mais dois dias.

Nesse curto período de tempo são consumidos inacreditáveis 7,3 milhões de litros de cerveja (2019). Além da cerveja, o visitante encontra um parque de diversões, lojas, barraquinhas com souvenires, comidas típicas, jogos e muita música. O Wiesn ou Theresienwiese, parque onde a festa ocorre, tem 420.000 metros quadrados!

Oktoberfest de Munique

Oktoberfest de Munique – foto: divulgação

Por isso, além de um bom planejamento prévio é bom vestir roupas e calçados confortáveis, para poder conhecer um pouco da cultura da região da Baviera, incluindo as roupas, a música e a gastronomia.

O ingresso à festa e às tendas das cervejarias é gratuito, paga-se apenas pelo que consumir. O ideal é reservar um lugar numa tenda ou chegar cedo, já que a festa começa (e enche) cedo e tem hora para terminar.

Tenda da Paulaner na Oktoberfest de Munique – foto: divulgação

Para reservar um lugar nas tendas, entre no site oficial da Oktoberfest Munique vá em “Beer Tents”, escolha uma delas para encontrar as informações necessárias para reserva, como e-mail ou telefone. Como tudo na festa, é bom reservar com bastante antecedência, por volta de abril.

Ficou animado e quer saber quanto levar de dinheiro para a Oktoberfest Munique? Aí vão alguns preços da última edição (2019):

  • Caneca com 1 litro de chopp € 11,70;
  • Prato de linguiças (wurst) com salada de batatas € 6,90;
  • Schnitzel € 25,50;
  • Meio galeto assado € 11,70.

Se preferir, veja o menu completo da tradicional Hofbräu Haus.

Dica importante: dentro da festa não se aceita cartão de crédito, pagamentos somente em dinheiro.

Oktoberfest de Munique – foto: divulgação

É preciso se programar cedo para visitar Munique nessa época do ano, já que a cidade lota e as opções de hospedagem vão ficando mais caras próximo da festa. Com voos a mesma coisa, é bom pesquisar e comprar com antecedência. A dica é baixar o aplicativo do Melhores Destinos para celulares e ativar os alertas!

Ainda sobre a hospedagem, procure ficar próximo a uma linha do metrô, já que existe uma estação dentro da Oktoberfest que recebe as linhas U4 e U5.

Oktoberfest de Munique – foto: divulgação

Oktoberfest de Munique 2020

Infelizmente neste ano a festa não vai acontecer, em virtude da pandemia de coronavírus. Ainda que a situação esteja controlada na Alemanha, com o turismo sendo retomado, grandes aglomerações como as que ocorrem na Oktoberfest ainda estão sendo evitadas.

Embora raro, essa não foi a primeira vez que a festa foi cancelada. No passado a festa já deixou de ocorrer em razão de um surto de cólera, hiperinflação e também pela Segunda Guerra Mundial. Desde então vinha seguindo sem interrupções, ocorrendo até mesmo em 2001, logo após os atentados de 11 de setembro.

Mas não precisa ficar triste! Se 2020 foi cancelada, já saíram as datas para a Oktoberfest 2021 e 2022 para você ir se programando (e economizando):

  • Oktobefest 2021: de 18 de setembro até 3 de outubro;
  • Oktobefest 2022: de 17 de setembro até 3 de outubro.

Oktoberfest no Brasil

Apesar da edição mais conhecida no Brasil ser em Blumenau, a festa teve início em outra cidade catarinense. Itapiranga, no extremo oeste catarinense, sediou a primeira Oktoberfest brasileira em 1978. Blumenau só foi ter sua primeira edição em 1984. Desde então diversas outras cidades lançaram suas versões como Santa Cruz do Sul, Igrejinha e até cidades sem uma herança alemã destacada, como São Paulo (desde 2017) e Rio de Janeiro (desde 2018).

Oktoberfest Blumenau

Considerada a maior festa alemã das Américas, a Oktoberfest de Blumenau ocorreu pela primeira vez em 1984, depois de uma forte enchente que devastou a cidade. Para elevar o moral dos habitantes e levantar a economia, criou-se uma versão local da festa de Munique que foi um sucesso.

A festa ocorre todos anos no mês de outubro, com duração de 17 a 19 dias, sempre pegando o feriado de Nossa Senhora Aparecida (12/10), que costuma ser o fim de semana mais cheio de todos.

Oktoberfest de Blumenau – foto: Monique Renne / Melhores Destinos

Além de muito chopp, ocorrem pela cidade desfiles com bandas e danças típicas, competição de tiro esportivo e muito mais!

Os desfiles são gratuitos, mas para entrar nos pavilhões da Vila Germânica é preciso comprar ingresso que varia de acordo com o dia da semana. Em 2019 o valor variou entre R$ 16 e R$ 46.

Oktoberfest de Blumenau – foto: Monique Renne / Melhores Destinos

  • Dica: O ingresso pode ser comprado pela internet, o que poupa o tempo de espera em fila;
  • Dica 2: Quem vai com trajes típicos tem entrada gratuita nos domingos, segundas, terças e quartas, exceto em feriados e vésperas. Nos demais dias paga apenas metade do valor.

Onde ficar na Oktoberfest de Blumenau

Como na festa de Munique, para ir à Oktoberfest de Blumenau é preciso se programar com antecedência. A cidade costuma lotar, então é bom reservar o seu hotel ou pousada alguns meses antes.

Oktoberfest de Blumenau – fotos: Monique Renne / Melhores Destinos

Como chegar na Oktoberfest de Blumenau

Os aeroportos mais próximos são Navegantes (a 58 km), Joinville (a 140 km) e Florianópolis (a 166 km). Pela distância, todas opções demandam algum tipo de transfer entre o aeroporto e Blumenau, então é bom avaliar se não vale a pena alugar um carro. Excursões de ônibus saindo dos estados mais próximos são bem comuns, geralmente no esquema “bate-volta” – que pode ser bastante cansativo, porém econômico.

Oktoberfest de Blumenau 2020

Devido à pandemia a festa deste ano, que ocorreria em outubro e havia sido adiada para novembro de 2020, foi cancelada definitivamente.

Oktoberfest de Blumenau – foto: Monique Renne / Melhores Destinos

Oktoberfest São Paulo

Depois de tantos anos de sucesso das diversas versões da Oktoberfest pelo Brasil, São Paulo resolveu organizar sua própria festa em 2017, que vem se consolidando no calendário da cidade.

Para que se tenha uma ideia, a edição de 2019, que ocorreu no Jockey Clube de São Paulo, recebeu mais de 100 mil pessoas (um crescimento de 25% em relação ao ano anterior), que consumiram 109 mil litros de chopp (haja sede!). Os ingressos custavam de R$ 54 (meia entrada) a R$ 110.

Oktoberfest São Paulo 2019. Foto: divulgação

A edição de 2020, assim como a Oktoberfest de Blumenau, foi adiada para novembro e igualmente não se encontra nada sobre ingressos e a programação no site oficial da festa. Aqui também o melhor é esperar antes de fazer planos.

Oktoberfest Rio de Janeiro

A versão carioca foi a última a chegar na festa, em 2018. No ano passado ocorreu na Marina da Glória, durante seis dias, alternando bandas típicas alemãs e programação variada. Não há notícias sobre a edição 2020 e o mais provável é que não ocorra.

Oktoberfest pelo mundo

Se o Brasil já não seria um lugar óbvio para uma festa que celebra a cultura alemã, existem outras versões da Oktoberfest pelo mundo que igualmente chamam atenção e mostram como este tipo de festa é popular.

Oktoberfest de Hong Kong, China

Você sabia que existe uma Oktoberfest em Hong Kong? Ou quase isso: ela se chama na verdade Marco Polo German Bierfest e ocorre todos os anos em outubro no estacionamento do hotel de mesmo nome. É a maior festa alemã de toda Ásia, com bandas típicas e cervejas em promoção.

Oktoberfest Hong Kong.Foto: divulgação

Oktoberfest de Windhoek, Namíbia

E uma Oktoberfest na Namíbia? Se você não sabe o país africano sofreu colonialismo alemão em parte do século 19 e guarda algumas tradições desse período. Durante uma semana é possível festejar como se estivesse na Alemanha.

Oktoberfest Namíbia. Foto: divulgação

Oktoberfest de Brisbane, Austrália

A Oktoberfest de Brisbane é relativamente nova, mas já é um sucesso. Ele ocorre em dois finais de semana de outubro e tem competições como melhor bigode, quem come mais doughnuts e quem ordenha a vaca mais rápido.

Oktoberfest Brisbane. Foto: divulgação

Oktoberfest de Tulsa, Estados Unidos

Também tem Oktoberfest nos Estados Unidos. Tulsa, Oklahoma sedia a Linde Oktoberfest, às margens do Rio Arkansas, no terceiro fim de semana de outubro.

Oktoberfest Tulsa. Foto: divulgação

Oktoberfest de Tóquio, Japão

O Japão gosta tanto da Oktoberfest que Tóquio tem duas edições, uma em abril e outra no final de agosto. Ambos eventos ocorrem na Ilha de Odaiba, na Baía de Tóquio.

Oktoberfest Tóquio. Foto: divulgação

Estocolmo, Suécia

Mesmo estando pertinho da festa original em Munique, os suecos resolveram que uma Oktober só era muito pouco e decidiram ter a sua própria versão. A Oktoberfest de Estocolmo ocorre em agosto.

Foto: divulgação


E você, caro leitor? Já foi em alguma Oktoberfest? Divertiu-se? Conte como foi nos comentários!

Veja também: Oktoberfest de Igrejinha é cancelada e de Blumenau segue prevista para novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *