logo Melhores Destinos

Latam abre mão dos aviões mais modernos de sua frota

João Goldmeier
João Goldmeier
08/04/2021 às 18:43

Latam abre mão dos aviões mais modernos de sua frota

Cinco anos depois de ser a pioneira nos voos com o Airbus A350 nas Américas, a Latam Brasil informa que irá devolver toda sua frota do modelo, passando a operar seus voos de longo curso exclusivamente com aeronaves da Boeing. A decisão faz parte do processo de recuperação judicial que a Latam está enfrentando.

Em comunicado aos funcionários, o CEO da Latam Brasil, Jerome Cardier, deu a má notícia:

“Essa decisão, além de obtermos uma frota menor e mais homogênea, tem como objetivo uma operação widebody mais eficiente para atravessar esse período de menor demanda por assentos em nossa operação internacional”, disse o executivo.

A mudança de rumos é significativa, pois a Latam apostou alto no modelo da Airbus quando foi lançado, com uma encomenda de 27 aeronaves – das quais recebeu 16 aviões.

Os aviões já recebidos serão devolvidos aos seus donos e a ordem remanescente de 11 aeronaves já foi cancelada. Com isso a frota de aviões de longo curso fica restrita a 13 Boeing 767-300R e 10 Boeing 777-300ER.

Nós estivemos a bordo do voo inaugural do A350 da Latam em 2016 em dose dupla, com nosso editor-chefe Denis Carvalho na classe econômica e com nosso editor Leonardo Cassol na classe executiva.

Infelizmente estamos vendo mudanças significativas nas frotas das companhias, em virtude do cenário adverso. Resta torcer para que seja um até breve, e não um adeus.