Voos da Azul em Brasília passarão a ser operados no Terminal 1

Thayana Alvarenga 13 · março · 2017

A partir de 30 de março ficará mais fácil pegar voos da Azul para Brasília ou partindo da capital federal. Os pousos e decolagens da companhia passarão a ser realizados no Terminal 1, o principal do aeroporto, junto com as demais companhias.

De acordo com o consórcio Inframérica, que administra o aeroporto de Brasília, a ação está sendo coordenada com a Azul e tem como principal objetivo “melhorar o conforto e o atendimento aos clientes e o acesso às comodidades do Terminal principal, que conta com mais opções comerciais, tecnologia e mais espaço para atender quem passa pelo aeroporto”.

De acordo com Daniel Kechinachian, presidente da Inframerica e um dos responsáveis pela concessão aeroportuária, a ideia sempre foi reunir as operações domésticas em um único espaço. “O Terminal 1 foi ampliado exatamente para reunir todos os voos domésticos e internacionais, o que nos consolida como um dos maiores hubs da América Latina”.

Atualmente, a movimentação diária no Terminal 2 do Aeroporto de Brasília é de cerca de 2 mil passageiros. Esse fluxo será absorvido pelo terminal principal que tem capacidade para atender até 62 mil passageiros por dia e que atualmente movimenta 49 mil pessoas. “O aeroporto tem capacidade para operar com tranquilidade a quantidade atual de passageiros. Além disso, temos planos de expansão do terminal ao longo da concessão”, diz o executivo.

E aí, o que achou da mudança? Participe com a gente nos comentários!

Autor

Thayana Alvarenga - Repórter
  • André Kraemer Góes

    Na verdade, nunca entendi a demora em fazerem essa mudança.

  • Diego Brandão Oberosler

    A passaredo também mudará de terminal?

  • Dalton

    A Azul pagava menos para operar o T2? Só isso explica a demora em transferir para o T1. Poderiam transferir a aviação executiva para lá

  • Leandro Freschi

    Terminal 2 era otimo. Menos muvuca, mais rápido… pena que a Azul tá saindo de lá

    • Fernando de Azevedo

      Exatamente o que eu penso

    • Hugo Leonardo

      Das duas vezes que usei ali, as cadeiras estavam quase todas ocupadas pelos passageiros e acompanhantes, a opção de comida é super reduzida, pegar a mala ao chegar é mega apertado, o povo fica todo amontoado na frente da esteira que é minúscula e não tinha wifi =/ tudo bem que isso tem 2 anos, não sei se melhorou de lá para cá, mas dessa experiência eu nunca mais peguei Azul para Brasília já que os preços deles sempre foram mais caros do que as outras três grandes saindo de SP.