Dicas de viagem: Cozumel – México

Diego Paiva 28/06/2010 às 11:01h 50 Comentários

San Miguel de Cozumel, mais conhecida apenas por Cozumel, é uma ilha que fica a 60 quilômetros ao sul de Cancun. Atualmente é muito procurada por mergulhadores, devido as suas águas claras e quentes e a grande concentração de vida marinha.

Ao sul da ilha fica a segunda maior barreira de corais do mundo (perdendo apenas para a australiana), que unida à visibilidade do mar que em média é de 30 metros, qualquer mergulho por mais raso que seja, ou até mesmo de snorkel, rende uma visão espetacular.

A ilha em nada se parece com Cancun em termos de infra estutura, mesmo vivendo quase que exclusivamente de turismo também. A grande diferença está no clima de cidade do interior, que se percebe logo na chegada com a diferença das ruas (agora estreitas), do comércio (praticamente todo em lojas de rua), dos restaurantes (quase todos típicos) e da menor quantidade de hotéis e resorts vistos no trajeto ao hotel.

Há várias opções para se chegar a Cozumel. A mais comum é pelos ferries que partem de Playa del Carmen que levam cerca de 35 minutos para fazer a travessia. As empresas que prestam esse serviço são a Ultramar e a México Water Jets, com ferries a cada hora e às vezes com horários intercalados. Como tivemos a oportunidade de usar o serviço prestado pelas duas empresas, eu recomendo a Ultramar, pois, o ferry é mais confortável, balança menos e a wi-fi funcionou perfeitamente durante todo o trajeto. O valor cobrado pela travessia é de 280 pesos mexicanos ida e volta (em torno de R$40). Dica para não passar mal: viaje no segundo andar e sente-se no meio.

Playa del Carmen é uma boa opção para quem quer unir um pouco da badalação de Cancun, com praias de livre acesso e preços mais acessíveis. A cidade não é muito grande, mas tem diversas opções de hospedagem, alimentação e lazer para todas as idades.

As outras formas para se chegar a Cozumel são em cruzeiros que chegam todos os dias (menos aos domingos) na ilha e de avião. A quantidade de navios na cidade é muito grande, a cada dia ancoram em média quatro cruzeiros pela manhã e partem no inicio da noite, já os aviões são em sua maioria de vôos fretados vindos dos EUA e Europa, mas também possui a MayAir que faz voos de Mérida e Cancun para Cozumel (http://www.mayair.com.mx).

Como a maior parte dos turistas que vão a Cozumel são passageiros dos cruzeiros, o preço da hospedagem é bem abaixo dos valores cobrados em Cancun.  Os hotéis da ilha também são no sistema all-inclusive, permitindo que o hóspede fique todo o tempo que quiser no hotel sem se preocupar com alimentação e lazer, já que está tudo incluído.

Todo o transporte é feito basicamente em taxis e que não possuem taxímetro, ou seja, você combina antes o valor da corrida. Também é possível alugar jipes e motos do tipo scooter para andar por todos os lugares. Dependendo do hotel em que você se hospedar (se for mais próximo do centro) é possível fazer tudo a pé mesmo.

A cidade também oferece diversas opções de compras, desde artesanatos a joalherias internacionais.  Muito cuidado como os preços de artesanatos, aqui vale a dica de negociar e de principalmente arriscar no “portunhol”, faz a diferença. As lojas de artigos locais estão espalhadas pelo centro em pequenas galerias e todas estão próximas. Também existem dois centros comerciais, um chamado Forum Plaza e o outro Punta Langosta, que possuem lojas de marcas internacionais e diversas joalherias. P.s.: nunca vi tantas joalherias em um lugar tão pequeno como Cozumel. Pena que não é tão barato como se imagina, já que há tanta oferta por toda  a cidade.

No Punta Langosta estão as principais opções de entretenimento de Cozumel à noite fora dos hotéis, pois possui filial do Señor Frog’s, Carlos’n Charlie’s e um dos dois Hard Rock Café da ilha (o outro fica no centro e é o menor do mundo segundo o letreiro na porta).

As principais atrações de Cozumel são:

Parque Chankanaab: é um parque que fica mais ao sul da ilha, está localizado no Parque Nacional Marinho de Arrecifes e apresenta uma linda formação de corais que é possível mergulhar. O parque também te dá a possibilidade de nadar com golfinhos, assistir a um show de leões marinhos, passear pelo jardim botânico, visitar a zona Maya que reproduz uma vila Maia, onde os visitantes podem conhecer um pouco mais sobre a cultura e a pratica de cultivo desse povo, dentre outras atividades. É o local mais procurado pelos passageiros dos cruzeiros, pelo fato de proporcionar muitas atividades no mesmo dia e em um só local. O valor da entrada é de US$19 para adultos e US$10 para crianças entre 3 e 11 anos, as atividades como o nado com os golfinhos são cobradas à parte.

Farol Celarain: Reserva natural para admirar a flora e fauna silvestre da ilha (aves, peixes, crocodilos, iguanas, etc.), a praia mais bonita de Cozumel, museu de navegação, snorkel. Entrada custa US$10 para adultos e US$5 para crianças de 3 a 11 anos.

San Gervasio: é o sitio arqueológico mais importante de Cozumel. Entrada custa US$7.

Museu da ilha: conta com quatro salas de temáticas diferentes (geografia, arrecifes, pré-hispânico e moderno). Entrada franca.

Há mais opções de passeios como o de catamarã para a barreira de corais, que dura cerca de 4 horas e inclui almoço em uma ilha particular, bebida durante todo o passeio (incluindo alcoólicas) e equipamento de snorkel. Custa US$45. Além dos mergulhos com cilindro de oxigênio e outros passeios que várias agências oferecem na própria recepção dos hotéis.

Estivemos em Cozumel do dia 12/06/2010, até a manhã do dia 14/06/2010. Ficamos hospedados no hotel Park Royal Cozumel que também pertence à rede Park Royal da Royal Holiday, onde mantiveram os mesmos padrões de excelência no atendimento do hotel em Cancun.

A localização do hotel é próxima ao centro e de frente para o píer onde os cruzeiros ficam durante o dia. Até pensei antes de chegar lá que o mar pudesse ser um pouco poluído por conta disso, mas muito pelo contrário, o mar é tão limpo e azul como em qualquer outro ponto da ilha.

Nesse trecho onde o hotel se localiza, originalmente não existia praia, eram apenas rochas. Então eles construíram uma pequena praia artificial e em volta ficam as duas piscinas de borda infinita, dois bares, uma lanchonete e duas jacuzzis com capacidade para 10 pessoas cada.

Está incluso na diária 1 hora de utilização do equipamento completo de snorkel. Isso é muito bom pelo fato de haver muitos peixes e alguns corais bem próximos da praia, sendo uma excelente opção para quem não quer gastar com os passeios e mais um tipo de lazer dentro do hotel.

A parte negativa do Park Royal Cozumel é que não há internet de nenhum tipo nos quartos, apenas no lobby, e mesmo sendo liberada acaba gerando um pouco de incômodo, pois como o lugar é aberto, o calor é muito grande e há mosquitos durante a noite.

Outros pontos negativos são a falta de um frigobar no quarto, não ter serviço de quarto e nem algum snack bar que funcione 24h dentro  do sistema all-inclusive.

Para mais informações sobre Cozumel, visite o site http://www.islacozumel.com.mx/ e http://www.cozumelparks.com

Se quiser conhecer o hotel em que ficamos hospedados e verificar disponibilidade, acesse http://www.park-royalhotels.com/cozumel/index.cfm

50 comentários para “Dicas de viagem: Cozumel – México

  1. Luisa Pinheiro

    Excelente dica! Vou colocar entre minhas opções para curtir a lua de mel. Obrigada pelo relato. =)

    Responder
  2. Flávia

    Oi Diego, tudo bem??

    Olha só, vc possui visto mexicano ou americano? Mês que vem irei para sp tirar meu visto mexicano… caso tenha o mexicano, poderia me passar algumas dicas uteis sobre a retirada do visto? Obrigada

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Oi Flávia,

      Possuo o mexicano, também tive que tirar para fazer essa viagem.

      Eu consegui o meu aqui na Embaixada do México em Brasília, foi muito tranquilo, só levei os documentos necessários e em menos de 10 minutos eu já tinha sido atendido, entrevistado pelo Consul e com o protocolo em mãos para buscar o passaporte com o visto na parte da tarde(sem precisar agendar nada).

      Sei que em SP é necessário agendar a solicitação e que eles entregam no dia seguinte para os moradores da cidade, mas como você vai de outra localidade, eles entregam no mesmo dia. Só não esqueça de levar todos os documentos solicitados, por que se estiver faltando alguma coisa eles podem implicar e não te concederem o visto. Inclusive leve tudo que comprove a sua viagem e o período que você estará lá, como a reserva do hotel e das passagens de ida e volta.

      Ah! Já leve as cópias dos documentos, você terá uma dor de cabeça enorme pra tirar essas cópias se deixar pra tirar lá.

      Para ter informação sobre os documentos e agendamento para obtenção do visto, acesse o site do Consulado em São Paulo http://portal.sre.gob.mx/saopaulo/index.php?optio

      Desde já adianto que nem de longe se parece com a solicitação de visto para os EUA. :)

      Responder
      1. sinara

        Olá Diego!

        Parabéns pelo seu site, adoro! visito sempre!

        Preciso da sua ajuda: pretendo fazer um curso de inglês de 4 semanas em Setembro, em Vancouver, Canadá.

        Pesquisei preço e achei muuuito caro!

        Vc tem alguma dica? alguma empresa aérea que vc indica?

        Agradeço muito a ajuda!

        bjusss

        Responder
        1. Diego Paiva Autor do post

          Obrigado Sinara! Mas o site é do Leonardo, sou um colaborador dele. rs

          Quem fez promoção para lá foi a Mexicana. Estava por menos de US$700 ida e volta para o Canadá com conexão na Cidade do México. Dá uma olhada no site deles… pode ser que tenha um preço abaixo das concorrentes.

          Não sei se o seu intercâmbio é por agência, mas mesmo se não for, dá uma procurada em alguma na sua cidade, por que as empresas estrangeiras oferecem tarifa para estudante. O valor é bem mais em conta que a tarifa normal e isso é pouco divulgado.

          Responder
      2. Flávia

        Nossa, q legal que conseguiu fazer pela Embaixada de Brasilia. Eu e meu noivo agendamos para SP. O meu medo é de comprar a passagem aérea de volta (sou do MT) e acontecer algum emprevisto q eu precise ficar mais de um dia e por fim acabe tendo q cancelar minha passagem de volta. Sabe como é… comprar passagem em cima da hora, nao custa nadaaa barato.

        Obrigada pelas dicas e pelo site que faz meus diassssssss maisss sonhadores… ehhehe

        Abraços

        Responder
        1. Diego Paiva Autor do post

          Flávia, eu quando preciso resolver algo assim nunca coloco ida e volta para o mesmo dia. Se você fosse vir a Brasília poderia agendar sem medo para vir aqui que seria certeza de tudo. Agora SP é mais complicado… tem o trânsito, aeroporto que fecha pela manhã… bem imprevisível e precisa se pensar em todas as possibilidades, já que existem gastos em jogo.

          Não sei qual a sua disponibilidade e a do seu noivo, mas para fazer isso eu iria no mínimo na noite anterior e voltaria na manhã do dia seguinte, até por que trocar só o horário da passagem é mais fácil e barato do que mudar o dia.

          Desejo muita boa sorte pra vocês!

          Responder
  3. Pingback: Tweets that mention Dicas de viagem: Cozumel – México | Melhores Destinos -- Topsy.com

  4. Alberto

    Diego,

    Você acha que ao menos um nível básico de espanhol é necessário ou dá pra se virar em portunhol tranquilamente?

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Alberto,

      Dá pra se virar tranquilamente… o que acho que possa pegar um pouco é na audição, mas isso se resolve com umas musicas em espanhol pra "treinar o ouvido", rs. O pessoal é bem simpático, se esforçando pra ajudar e te explicar as coisas se você não compreender direito.

      P.s.: na dúvida manda o inglês mesmo! No hotéis, shoppings e passeios o pessoal é bem treinado e fala super bem o inglês. Até por que a maior parte dos turistas são americanos.

      Responder
  5. Monica

    Só uma coisa: por exemplo: eu nao tenho i visto americano nem o mexicano, se eu for passar uma temporada no México, eu tenho que tirar o visto ou é só pra quem vai ficar um tempo maior?

    obrigada,

    Monica

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Oi Monica, precisa do visto sim.

      Tive que tirar o meu para passar apenas 4 dias, pois não tenho o americano que serve como alternativa.

      Vou explicar melhor os verdadeiros motivos no post sobre o visto, já que é uma dúvida de muitas pessoas.

      Responder
  6. claudia

    Adoro viajar! consequentemente gosto mtooo deste site….parabens!!!!!

    Responder
  7. Sérgio

    O melhores destinos é o melhor site de turísmo do Brasil na minha opinião, não tem interesse financeiro para nos proporcionar informação é essa diferença que vai com toda certeza em um futuro próximo elegê-lo como o melhor.

    Parabéns aos desenvolvedores do projeto tem sido coerente em suas informações e atendido as necessidades do cidadão brasileiro!

    Responder
    1. Leonardo Melhores De

      Sérgio, muito obrigado mesmo pelos elogios. Nada é mais importante que o reconhecimento dos nossos leitores. Estamos sempre tentando melhorar o site.

      Responder
  8. Leandro

    Diego, você tem o melhor emprego do mundo.

    Parabéns! Deve ser "super cansativo" ficar conhecendo esses lugares chatos aí onde você esteve.

    Se o Leonardo estiver precisando de "colaboradores", estamos às ordens!

    ehehehehehehe

    Abs!

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Leandro, por que será que todo mundo me fala isso? rsrs

      Muito obrigado! Apesar de não ser nada fácil, é muito bom e prazeroso sim.

      Pode deixar… hehehe.

      Abraço.

      Responder
  9. Virginia

    Q lugar lindoooo!!!

    Viajei na manhã de terça feira!!kkkk

    Muito boa estas dicas sobre Cancun e Cozumel…

    Obrigada

    Virgínia

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Obrigado Virginia. :)

      Responder
  10. Kátia

    Leonardo e Diego,

    Parabéns!

    Muito bom site sobre viagens, sempre. Estas informações sobre Cozumel estão excelentes!!

    Abraços.

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Muito obrigado Kátia!

      Responder
  11. Natalia

    Parabéns pela matéria.

    Achei muito interessante e bem esclarecedora. De fato, há informações que só dá pra saber quando já se esteve no local. Foi o que aconteceu comigo em minha lua de mel: eu e meu marido fechamos uma pacote terrestre com uma conhecida agência de viagens, e, achamos que deixou a desejar no sentido de que havia várias informações que poderiam nos ter sido passadas e não foram, do tipo: o trânsito não tem regras, é melhor não contar em alugar um carro;pechinchar sempre, porque nada vale o que lhe cobram de início; não trocar os dólares pelo dinheiro local, havia lugares que só aceitavam dólares, se negavam a receber a moeda local, por mais inacreditável que seja, etc. Esse tipo de informação, só quem já foi pode passar…desde então só viajamos por conta própria e sempre pegando previamente informações com o maior número de pessoas possível que já estiveram no local e tem dado sempre muito certo. Seria interessante que a agência de viagem fizesse tipo um questionário para que fosse respondido pelo cliente na volta do passeio, para que, de posse dessas informações, ela repassasse aos novos clientes e melhorasse seus serviços, mas como não fazem, sugiro mais matérias como esta, quem sabe um dia, com informações postados por todos que gostem de viajar e já estiveram no local para trocarmos idéias e experiências, separadas por lugares.

    Bom, parabéns pelas informações e pela matéria.

    Responder
  12. Marcos Fonseca

    Ótimo relato, muito bom….

    Responder
  13. beti

    olá, adorei os comentarios, muito bom mesmo

    estou pensando em julho ir para '''punta cana''

    sabes me dizer se vale a pena ir,como deixe para ultima hora, só sobru esse lugar.

    abraço

    Responder
  14. Diego Paiva Autor do post

    Beti, vale a pena sim! Ainda mais com voo direto da GOL saindo de São Paulo.

    Há dois hotéis com sistema all inclusive que ouvi falar muito bem, o Riu Palace Punta Cana e o Magestic Elegance.

    Quando voltar, nos diga o que achou! :)

    Abraço.

    Responder
  15. Fabrício

    Acesso (ou acessava) o site impreterivelmente todos os dias, de manhã e a tarde, pois sempre havia uma novidade e fazia proveito destas.

    Ultimamente as atualizações estão ficando cada vez mais espaçadas. O que está acontecendo? O padrão mudou ou é falta de novidade mesmo?

    Responder
    1. Leonardo Melhores De

      Fabrício, foi apenas essa semana. Estamos preparando um nova seção no site e foi preciso dedicar mais tempo. Mas estamos de olho nas promoções e jamais deixamos de publicar as boas promoções.

      Responder
  16. Natalia

    Oi Beti, o comentário que fiz anteriormente acreca da troca de dólares, pechincha nas compras, etc foi exatamente na República Dominicana, então dá uma olhada. è um lugar maravilhoso, mas vc deve ficar atenta ao resort que vai para punta cana, parece que tem uns não tão bons. Não posso citar nomes, porque o que fiquei era perfeito, mas em Bayahibe e não em Punta Cana. Se quiser saber alguma coisa mais específica sobre o local, posso te ajudar.

    Boam viagem!

    Responder
  17. Suzana

    Muito legal a matéria.

    Gostaria de saber o preço que sai +- uma passagem para o México.

    E os hotéis são caros lá?

    Nesses 4 dias que ficaste, gastou no total quanto mais ou menos?

    Obrigado, Suzana.

    Responder
    1. Diego Paiva Autor do post

      Obrigado, Suzana!

      O preço da passagem varia um pouco de acordo com a cidade de partida. Dá uma olhada nesse LINK.

      Tem também preços de hotéis e pacotes no link citado acima. :)

      Como fomos convidados pela empresa dona dos hotéis, não pagamos nada. Um pacote de 7 dias no mesmo hotel que ficamos sai em média R$3.000 para uma semana(por pessoa), mas no sistema all inclusive, onde não há nenhum gasto com alimentação e bebidas. Há também outros pacotes para hotéis até R$800 mais em conta, vai da sua escolha…

      Responder
  18. Fernanda Almeida

    Olá, li alguns comentários sobre o mau atendimento dos funcionários do hotel e da cama ser dura. Você confirma?? Dede já agradeço..

    Responder
  19. Diego Paiva Autor do post

    Olá Fernanda,

    Fiquei realmente surpreso ao saber disso. Em nenhum momento eu ou outra pessoa do nosso grupo foi mal atendida. Em todos os ambientes os funcionários foram bastante cordiais e prestativos.

    A cama era um pouco dura sim, mas não chegava a ser desconfortável. Não me adaptei ao travesseiro, sou muito chato com isso. rs

    Responder
  20. Carol

    Olá Diego!

    Primeira vez no site e simplesmente adorei tudo!

    Os posts são muito bons e esclarecedores!!

    Gostei em especial desse sobre a Ilha de Cozumel.

    E tenho algumas perguntinhas, se puder me ajudar…

    Será que Novembro é um bom mês para conhecer a ilha?!

    E pode me informar se com R$ 3.500,00 duas pessoas conseguem ficam uns 4 dias lá, contando com passagem aérea e hotel.

    Muito obrigada!!!

    Responder
  21. Diego Paiva Autor do post

    Fico feliz que tenha gostado, Carol! :)

    É sim uma ótima época para ir até a ilha. Infelizmente com esse valor não é possível apenas pelo custo das passagens aéreas… Os hotéis não são caros. O Park Royal Cozumel onde fiquei e que possui sistema all inclusive o preço das diárias fica em torno de 75 dólares para 2 pessoas/dia.

    Dá uma olhada na Copa Airlines e na Aeroméxico que são as empresas que voam para lá sem passar pelos EUA. Caso você tenha visto americano, procure nas outras também que quase sempre possuem bons preços, apesar de viagem ficar bem mais longa.

    Responder
  22. Vitor

    Oi! Tudo bem? Estou indo de lua de mel para Cozumel em fevereiro/11, ganhei a hospedagem da Royal Holiday e vou ficar nesse mesmo hotel! Se vc puder me dar umas dicas de passeio e do hotel, tipo melhor restaurante, etc, agradeço muito!

    Abraços

    Responder
  23. Vitor

    Ah.. Só mais algumas perguntas:

    - Você fez o passeio de jipe pela ilha? Vale a pena?

    - Qual é o último horário do ferry para Cozumel? Dá pra pegar uma balada em Cancun e voltar de madrugada?

    Tem alguma dica de roteiro?

    Mais uma vez obrigado!

    Responder
  24. vanessa

    oi…entao vou pra Cancun agora em novembro sozinha,isso mesmo SOZINHA.vou tirar ferias nesta data e nao tenho ninguem pra ir comigo…o que vc acha de viajar sozinha pra la??? to pensando em fazer 3 passeios por la..chichin itza, cozumel e isla mujeres…vou ficar no be live viva beach(antigo oasis) o que vc acha dele???é muito chato ir no cocobongo sozinha….obrigada

    vanessa

    Responder
  25. Pingback: México: Dicas de Cozumel e Playa del Carmen para Ana Paula

  26. JADER GONCALVES

    PARABENS,

    POR FAVOR, ME TIRE UMA DUVIDA:

    VOU EM CRUZEIRO UE PARTE DE MIAMI E PASSA EM COZUMEL.

    SERA QUE ALEM DO VISTO AMERICANO, PRECISO DO MEXICANO SO POR ESTA PARADA???

    GRATO.

    Responder
    1. Leonardo (Melhores D

      Oi Jader, não precisa.

      Responder
  27. Mariana

    Olá, vou para Cancún em maio, gostaria de saber que companhia aérea voce foi… o que voce acha da Aeroméxico??

    Responder
  28. robson

    boa noite!!!

    amigo estou em lua de mel aqui em cancun estou indo amanhã de manha bem cedo para a ilha de cozumel fiquei muito satisfeito com seus toques

    mas vc só esqueceu de falar o valor do hotel ???

    e no mais precisava também de uns toques para compra de equipamentos de informatica para entrar no brasil????

    grande abraço

    fique com deus.

    Responder
  29. Andréa

    Olá,

    Amei o site e as dicas…Parabéns!!!

    Estou indo para Cozumel na ultima semana de outubro e me hospedarei no Resort Cozumel Palace, gostaria de saber se é bom? Vou fazer o mergulho com golfinhos, vale a pena?

    Alguma dica de algo que não posso deixar de fazer por lá? Vale a pena levar o snorkel?

    Deculpe pelas perguntas!!! :)

    Obrigada!!!

    Responder
  30. Ricardo

    Gostaria de saber se tem como chegar a ilha de Cozumelde de carro. Os ferries são apenas para pessoas ou transportam veiculos também

    Responder
  31. Andre RJ

    Leonardo e Diego,

    Meus parabéns pelo site, muito bom mesmo.

    Diego, quanto a questão da troca de moedas, dá p/ ficar só com os dólares mesmo?

    E o aluguel de carro, que me parece bem barato? Você recomenda?

    Desde já agradeço e, novamente, parabéns pelas ótimas informações passadas.

    Responder
  32. Luiz

    E ai!!!

    Estou pesquisando sobre ida a cozumel ou curaçao no periodo de setembro, mais provavel depois do dia 16 de setembro de 2012. Fiquei assustado por causa dos furacões, estou meio na duvida. São muitas noticias cruzadas, qual é sua dica?

    Responder
  33. ana luiza

    Olá!

    pretendo ir à Cancun em junho. mas gostaria de passar algumas noites em cozumel. vamos por conta própria, sem agencias…gostaria de mais dicas sobre os translados aeroporto- cancun- cozumel. vale a pena ir primeiro a cancun e depois cozumel? duvidassss..

    Responder
  34. Carla

    Olá Diego, tudo bem?

    Primeiramente, obrigada pelo post, está excelente!!

    Estou planejando viajar para Cozumel em lua de mel. O que acha da ideia? É mesmo uma boa opção para casais em lua de mel? Vou csar no início de outubro, e ouvi dizer que esse é um período de furacões na região. O que pode me dizer sobre isso?

    Desde já, agradeço!

    Obrigada,

    Carla.

    Responder
  35. Thais

    Olá!!
    Vamos para Cozumel, de cruzeiro, e teremos somente um dia na ilha.
    Dá para fazer o passeio ao parque, nadando com os golfinhos e visitar o centro da ilha??
    Obrigada
    Thais

    Responder
  36. Alessandra

    Oi Diego ,
    Quera saber coisas como dá pra ficar nos bares dos hotéis sem estar hospedada?tem baratinhas legais em cozumel? Tipo pra passar o dia na praia? Depois de ir em liguem passeio? Entre playa del Carmen e cozumel onde é melhor nadar c golfinhos? Obrigada

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>