Companhia aérea envia cachorro para o Japão por engano e freta jatinho para devolvê-lo à dona!

Leonardo Cassol 17 · março · 2018

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Na mesma semana em que se envolveu numa grande polêmica pela morte de um cachorro dentro da cabine de um de seus voos, a United Airlines enviou por engano para o Japão um cachorro que faria apenas um voo doméstico dentro dos Estados Unidos. Quando o erro foi descoberto, o animal estava a quase 10.000 km de distância do seu destino.

Irgo, um pastor alemão de 10 anos, deveria ser entregue em Kansas City. Mas, quando seus tutores abriram a caixa de transporte, havia um outro animal em seu lugar. Por um erro da companhia aérea, a caixa de transporte foi trocada e o cão simplesmente foi parar em Tóquio. Parece inacreditável, não é?

Apesar do desespero dos donos, a história teve um final feliz. A companhia assumiu um erro e fretou um jatinho particular para trazer Irgo de volta. Apesar de muitas horas de voo sem comer e sem beber água, o pastor alemão foi examinado por veterinários e pode retornar para os Estados Unidos, dessa vez não como carga, mas como passageiro, e em grande estilo!

Irgo deve chegar 19:30 no aeroporto de Wichita. Ele está voltando num jatinho privado e sendo tratado como o rei que ele é! E eu vou atualizar vocês quando meu bebê estiver de volta“, publicou aliviada sua tutora, Kara Swindle, numa rede social.

É possível que a generosidade da companhia tenha sido estimulada pelo erro grosseiro de sua equipe de solo e também pela repercussão que o episódio teria, especialmente se o cão sofresse algum mal ou fosse perdido. Ainda assim, vale o reconhecimento pelo esforço em compensar a falha.

Com informações do OneMileAtTime e do Estadão.

Autor

Leonardo Cassol - Editor Editor e especialista em programas de fidelização do Melhores Destinos.
  • Italo Silveira

    Hehehe, acidentes acontecem né!? Que bom que resolveram em grande estilo!

  • Albino

    Há alguns dias atrás na mesma companhia uma comissária obrigou uma passageira a colocar seu cachorro no bagageiro do avião. Chegando no destino, o cachorro estava morto.
    A companhia assumiu o erro da comissária.

  • Darcy Junior

    United…

  • F. Junior

    Leonardo, apenas uma correção de um pequeno detalhe de ortografia: “..foi paraR em Tóquio:.”
    Obrigado!

    • Eduardo Cruz

      Existem mais alguns outros “deslizes” ortográficos… 😬

      • F. Junior

        Percebi meu caro..rs

  • Otávio Santos

    Depois de tantos erros e confusões que a United tem feito pelo menos nesse repararam parcialmente o erro. Ainda fica na memória o cachorro que morreu, a passageiro arrastado pra fora da aeronave entre outros. Esperamos que a lição tenha servido.

  • Bruno Delai da Silva

    Impressionante a capacidade da United de se meter em confusões! Kkkkkkkk

  • Leonardo F J

    Vou passar a voar de United e torcer para que me percam!!!

  • Fabio Henrique

    Nossa que Cag**** dessa United de novo!

  • Gabriel Maxi

    confesso a vcs que fiquei bem feliz com a forma de como resolveram o problema, fiquei até mais simpatico em ser clientes frequente deles, dps de tantos erros grosseiros parece que o marketing e costumer service teve uma ideia boa, parabéns pela otima atitude! foi muito barato a solucao em comparacao com a repercusao positiva que está tendo e que o caozinho volte logo bem e feliz para seus donos, afinal ele fez uma super viagem sem se quer ter pedido.

    • Kaique

      Você utilizou o termo certo: jogo de marketing. Fizeram isso para mascarar a morte de um outro cachorro 24h antes, que foi obrigado a viajar no overhead cabin.

    • Carla Maragno

      Também fiquei muito feliz. Independente da intenção da estratégia usada, é uma lição de amor e consciência com relação aos anjos animais, tão renegados pelas culturas humanas.

  • Julia Perez

    “ Totó, tenho a impressão que não estamos mais no Kansas”

    • Elivaldo Teixeira

      😅😅😅

    • Guilherme Appolinario

      HAHAHA muito bom. A vida imitou a arte.

  • Bruno

    Apesar do erro, diferente da maioria das empresas aéreas do Brasil, lá eles assumem o erro e tratam para corrigir a falha, seja por respeito ao cliente ou medo de processo. Aqui as cias. aéreas pintam e bordam, pelos órgãos reguladores puxarem mais sardinha pras cias. aéreas do que para os clientes

  • Fabio

    O que seria a tutora de um cachorro? Eu sou o dono do meu.

  • Andrew Bueno Piolli

    Sorte dele que foi pro Japão
    Se fosse nas Coreias poderia ter virado jantar

    (obviamente é uma piada)