Após fusão com a Azul, marca Trip deve desaparecer

Denis Carvalho 30 · agosto · 2012

O jornal Valor Econômico divulgou hoje que a marca Trip deve deixar de existir após a aprovação da fusão dela com a Azul. Segundo a publicação, o nome Trip será descontinuado, mas haverá uma referência gráfica, visual, da companhia regional no novo logotipo. As duas empresas também deverão divulgar que receberam autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para operar um acordo de compartilhamento de voos (codeshare).

A Anac informou ao jornal que comunicou à Azul e à Trip o seu aval ao codeshare no dia 20 de agosto. O pedido de autorização para esse acordo foi divulgado publicamente uma semana antes, no dia 13 de agosto.  A agência confirmou ao Melhores Destinos a aprovação do acordo para compartilhamento de voos.

Levantamento do Valor no site da Anac mostra que Azul e Trip, juntas, protocolaram 380 pedidos de alteração de horários de transporte (hotran). Essas solicitações de mudanças de voos podem incluir de um a sete voos por semana. Elas são consequência do pedido de codeshare entre a Azul e a Trip e foram protocoladas após o anúncio da fusão societária entre as duas, divulgada em 28 de maio. Juntas, as duas operam 800 voos por dia.

Jato da Trip: empresa deve ficar apenas na lembrança dos admiradores

Azul e Trip continuam operando de forma independente até obterem as autorizações necessárias para a fusão entre as duas, mas o acordo de codeshare permite que sejam comercializados os voos de ambas como uma única companhia. Da Holding Azul Trip S.A., os acionistas da Azul terão 67% do capital e os da Trip ficarão com os 33% restantes.
O jornal destaca que os executivos da Azul Trip S.A. também deverão apresentar oficialmente hoje sua nova estrutura administrativa. O fundador e presidente da Azul, David Neeleman, reassumiu a presidência executiva da companhia, enquanto Azul e Trip operam de forma independente. Neeleman permanece como presidente do conselho de administração da Azul e será o presidente-executivo da empresa resultante da fusão, que agora será conhecida apenas como Azul.

A nova empresa também terá um comitê executivo, presidido pelo atual presidente-executivo da Trip, José Mario Caprioli. Ele tambem será o principal executivo operacional da nova companhia (COO, do inglês Chief Operating Officer).

Pedro Janot, que ocupava a presidência-executiva da Azul, passará a integrar o conselho de administração, em dois comitês específicos. A sede das duas empresas deverá ser unificada em Alphaville, na região metropolitana de São Paulo. A Trip foi fundada em Campinas, interior de São Paulo.

O Melhores Destinos solicitou mais informações às assessorias da Azul e atualizaremos este post assim que a recebermos. A matéria completa está no site do Valor Econômico (exige senha para assinantes).

 

Autor

Denis Carvalho - Editor chefe
  • RABUGENTO (@RABUGENT

    Com a morte do velho Caprioli, a família se desfez de tudo…

  • Tarcísio Mede

    Ainda bem que cheguei a voar uma vez pela Trip…

    Não era nada demais, cara, mas de qualquer forma é mais uma empresa que se vai =/

  • Cleyton

    já é possível comprar passagens da trip no site da azul

  • Fernando

    Voei na Trip no início do ano e gostei dela. O padrão é semelhante ao da Azul. Pena que é mais uma que sai do mercado…

  • realmente, TripAzul não caía bem, né…

    =)

  • Júlio C&eacut

    E assim a concorrência diminui e por consequência os preços sobem. Essas malditas fusões…

  • João Dias

    A Trip é uma merda mesmo, já vai tarde. Onde moro pago em torno de 1300 reais ida e volta pra Belem, num trecho que em linha reta nao ultrapassa os 800 Km… Não vai deixar saudade nenhuma e tenho certeza que a Azul assumindo tbem não vai mudar nada.

    • Thiago Castro

      …ou seja, vc continua na M****!! hehe 🙂

    • Roger Lima

      O problema no seu caso não era a TRIP, e sim a falta de concorrência.

    • Eliel

      Mesma opinião…

  • Cleyton

    Sempre viajo de avião quase 1x vez por mês, e a maioria é pela trip, a pena não era ter programa de fidelidade

  • Felipe

    Sou aeroviário e, apesar de não trabalhar em nenhuma das dias, é ruim ver mais uma empresa sumir e diminuir a concorrência; quem sofrerá as conseqüências será o passageiro. Mas, só resta torcer para que a fusão dê certo e também para que os empregos dos colegas sejam preservados.

  • Vicente cassepp Borg

    Aqui em dourados – MS só tmos voos da Trip, e estávamos aguardando ansiosamente pelo anunciado voo da Azul, pois isso aumentaria a concorrência…

  • Juliana

    Eu sinceramenta até agora não achei nenhuma vantagem essa fusão, já voei diversas vezes pela trip no destino cba-gyn, gostei muito do atendimento,poltronas bem mais confortaveis que a passaredo e o preço quase a metada da Azul , acho essa Azul um pouco louca as passagens são muito fora do preço eles consequem ser mais caro ainda do que a Tam isso é loucura….

  • Gabriel Panizzon

    moro em altamira e as passagens da trip para belem sao um absurdo.

  • Juliana

    Só complementando as vezes o valor que eu pago de ida e volta de Cuiabá a Goiânia ainda é menor do que o valor só de ida na Azul, comprei semana passada ida e volta em 12/10 e 14/10 pela Tam paguei 310,00 com todas as taxas na Azul o valor só de ida é 589,00… um absurdo literalmente.

  • Leonardo

    Virou moda falar que a fusão entre duas empresas e consequentemente a saída de um operador do mercado é necessariamente ruim e danoso ao consumidor que terá menos opção e preços mais altos. Isso não é tão simples para ser considerado uma verdade absoluta. A Azul realmente revolucionou e forçou a queda de preços e melhoria da eficiência de Gol e Tam. E ambas tiveram prejuízos enormes, e nenhuma delas quis arriscar subir o preço e perder mercado, ou seja, com uma terceira empresa forte no mercado, já nascendo com 15% dos passageiros, teremos, sim, um mercado mais competitivo. A aviação no mundo todo está em crise, e só a tal "economia de escala" faz com que elas sobrevivam, voar mais, carregar mais passageiros, ganhar menos com cada um.. essa é a regra.

    Então, a minha opinião é que será melhor ter 3 fortes, do que 2 fortes e algumas pequenas/médias.

    • Alex

      Leonardo desculpa mas tenho que discordar de você. A Azul mexeu sim com o mercado, mas porque ela queria aparecer no mercado. Dizer: " ó eu tô aqui, viu". É óbvio e esperado que qualquer empresa que entre no mercado vá praticar preços mais baixos que as que já estão nele. Agora, hj em dia, o que vc vê na Azul? Bom, eu só vejos preços exorbitantes muito além dos praticados por Tam e Gol. Coisa grotesca mesmo, viu? A regra de mercado é a lei da procura e da oferta. Não preciso detalhar, pois creio eu que todos estão ciente da mesma.

      É lógico e sabido que os preços irão subir. Antes de a Gol comprar a Web eu chegeui a comprar passagem a 9 reais de ida e 9 de volta de bh para foz além de ver muitas outras ótimas promoções. O que vc vê agora? preços exorbitantes.

      Agora olhe o mercado em que a Azul está buscando…o de voos regionais. Qual empresa é conhecida com a mais forte nessa área? resposta: Trip. A Azul não vai nem quer entrar em briga com a Tam e Gol. Ela quer abocanhar um mercado não muito explorado e fazer com que esse mercado dê lucro para empresa. Logo então engolir a Trip e não deixar concorrentes nessas regiões é uma ótima estratégia para que os preços não caiam e melhor ainda que até subam.

      Bom, acho que não tenha ficado dúvidas quanto as regras de mercado e a estratégia da Azul em aumentar seus já ótimos lucros.

      Eu, particularmente quando voei de Azul adorei por dois motivos: preços incoparáveis na época e um ótimo atendimento. Mas hj não vejo motivos para pagar mais que 2 ou até 3 x o valor de uma passagem na Azul só pelo atendimento em um voo que dura no máximo 1h e meia. Claro, nas cidades onde a Tam e a Gol operam. As que elas não estão lá, afff!! Bom nem pensar.

      Ahhh!! Espero que a turma daqui não delete minha opinião. Por favor deixem que a realidade seja exergada pelos visitantes do site. Que por sinal faz um ótimo e admirável trabalho.

      abçs

  • eliana Silva

    Meus pais viajaram este mês para Bonito, pela Trip, e correu tudo bem…é uma pena que a Trip tenha acabado assim, que a Azul venha a substituí-la muito bem !!!

  • Cristiane

    Eu, que nunca voei de Trip, mas queria ter voado, ficarei a ver navios…

  • Jossiel

    A Trip tinha anunciado que iria começar a voar para Barra do Garças – MT, e agora com essa, será que a azul vai dar continuidade nessa futura rota?

    • claro!!!!essa é a idéia da Azul vc leu o texto!!!!a Azul quer primeiro dominar o mercado nacional depois quem sabe america latina e mas tarde EUA e Europa,pq a nossa Tam além de ser uma merda ela não durar mais que 10 anos não ou até menos!!!!!

  • Edu

    Trabalho na Trip e pelo jeito vou ter que deslocar para SP.

  • Ferbrasilia

    Bom, a perda de uma cia sempre é ruim. Mas, pelo que acompanhava da TRIP, me parecia que tinha uma política de altos preços. Será uma utopia pensar que, talvez, otimizando as rotas e diluindo os custos das duas, os preços em determinados mercados, principalmente, as pequenas cidades, sejam reduzidos?

  • Daniel Bazetto

    Voei pela Trip de Campinas-BH e achei muito similar a Azul, tirando a questão to Entertainment

  • E nos trechos que a TRIP fazia, mas a azul não, como PNZ – SSA, como fica?

    =x

  • Não curtii!

    A TRIP é a que tem o melhor custo-benefício, pelo menos nos trechos que sempre viajo, PNZ-SSA e seu serviço de bordo é muito bom também!

    Além de que eles criaram 2 programas muito bons também, que dão desconto nas passagens para os idosos e jovens com até 21 anos. Será que com essa fusão, os programas continuarão a existir?

    =x

  • Jose Luiz A. Santos

    Voei pela TRIP,gostei muito, atendimento e pontualidade muito bom, espero que a AZUL nao acabe com o TRIP MELHOR IDADE, plano de passagens com desconto para quem tem acima de 60 anos completos, 50% do valor do preço normal.

  • titobosco

    Por pouco nao ia fazer uma big TRIP com a Trip. Pesquisei ano passado passagens SSA – CWB nela e estavam por 199 o trecho. A loucura era que eu sairia de SSA 1h da manha, ia pra Belem, Manaus rodava o Norte tooodo pra chegar em Curitiba somente as 18h do dia seguinte. rsrsrsrs.

    BTW, alguem ta com problema de conseguir fazer pesquisa pelo site da TRIP? Nao estou conseguindo, sera o navegador (FF) ou o sistema operacional (MAC)? Aqui nao processa a procura. valeu!

  • Camila Gomes

    Espero que o lanche continue sendo o da Trip com as batatinhas da Azul! No mais, já voei pelas duas empresas e elas são quase irmã gêmeas, não notaremos as diferenças!

  • Marcio Nobre

    Pior que agora temos AZUL TRIP TAM x GOL ou seja zero concorrência. O duopólio voltou!

  • Camila Gomes

    Sempre que eu procuro esses programas eu encontro passagens mais baratas no mesmo dia com a própria companhia do que as que estão com símbolo de desconto!

  • Márcio

    Concordo com o Alex. Quanto menos concorrentes diretos maior o preço cobrado. E a Azul não quer competir com Gol e Tam NESSE MOMENTO. Ela quer crescer com solidez (como a Tam fez nos anos 90) para daqui a alguns anos competir pela liderança de mercado.

    E não duvido que em breve ela faça vôos pelo Mercosul, em rotas não exploradas, como VCP-EZE…

    • RABUGENTO (@RABUGENT

      Pode ser que realmente façam essa rota.

      Já fizeram como charter.

      O Freeshop de VCP parece que ficará pronto no início de 2013…

  • Elisa

    E agora com esta fusão o aeroporto de Ipatinga volta a operar com apenas uma cia área novamente…

  • O lanche será o da Azul, aliás, já está parecido com o da Azul.

  • RABUGENTO (@RABUGENT

    E quem mora em São Gabriel da Cachoeira-AM?

  • ismailon

    Já voei pela Azul e Trip, os serviços são diferenciados e gostei da comodidade de ter duas poltronas por fileiras. Aguardando o codeshare pra ter mais opções THE / PVH e ve se os preços se tornam mais acessíveis…

  • Camila Gomes

    É uma pena que os lanchinhos tenham sofrido cortes, votei TAM Belém – Manaus e na ida dois pacotinhos de amendoim, na volta um pacotinho de biscoito Waffle de morango. Nunca pensei que veria a TAM nessa

  • Igor – Poa

    Pelo menos ficou na mãe da Azul e não TAM/GOL…

  • Danillo

    Que ótimo! Tive um problema com a Trip na primeira vez que voaria com eles e depois disso nunca mais comprei passagem deles, devido ao descaso ocorrido. Que notícia boa que a azul vai ficar com as operações.

  • henrique

    Alguem sabe informar o que esta acontecendo com o site da trip, eu estava tentando comprar uma passagem pra semana que vem e tipo não aparecia nenhuma tabela de preços e horarios na hora que efetuava a pesquisa… e tambem aparecia pesquisas para jovens e idosos e mesmo assim não efeutava a minha busca. alguem sabe tem uma explicação por fovor?

  • Por a mãe no meio é baixaria! kkkk

  • Cristiano

    Olha, nem todos os vôos da Trip eram assim. Veja, a Trip tem o mais barato, rápido, mais confortável e no melhor horário vôo entre Belo Horizonte e Manaus.

    É fora de qualquer comparação com as outras operadoras. Espero que a Azul mantenha esse vôo.

  • Paulo Almeida

    Isso ae Marcio. Esse Neeleman não é bobo, não.

  • Christiano Silva

    Voos Macae-Campinas por favor!

  • Luciano Bosa

    Cristiano e demais,

    Fui atraído a TRIP exatamente pelo "maravilhoso" e mais rápido voo entre BH e MAO. O que eu não contava e, segundo várias pessoas no aeroporto e demais passageiros que também sofreram comigo, nossa bagagem seria extraviada. Ao que consta, como comentei acima, isso é rotina nos embarques para MAO. Agora, estou aguardando um possível contato da TRIP que não tem um processo claro, com prazos definidos para te dar um retorno. Vim a trabalho para MAO onde farei uma apresentação com presença de diretores e tudo mais e terei de fazê-la de bermuda, camiseta e chinelo, pois perdi toda as roupas e como é domingo (eleições) não há nada aberto para comprar de emergência uma roupa. NUNCA MAIS quero viajar com esse companhia desrespeitosa. Como veem, não basta ter bons aviões, serviço de bordo melhor que os concorrentes se quando ocorre problemas, todos ficam como "baratas tontas". LASTIMÁVEL! Terei de buscar reparação judicial.

  • Jussara

    Não gostei da fusão. Voei poucas vezes com a TRIP, e gostava. Ela tinha um voo bem legal que saía de Cuiabá, fazia escala em Campo Grande, e ia até Dourados. Meus pais vão pra lá uma vez por ano, e pra eles era ótimo, pois são idosos e nem conexão tinham que fazer. O preço não era ruim nem exorbitante. Agora o único voo disponível para lá faz conexão em Campinas, e as duas passagens ficam na bagatela de R$3250,00! Um absurdo, uma piora visível! Outra opção seria ir até CG e lá pegar outro voo até Dourados. Mas os voos estão escassos; no mês de janeiro, por exemplo, não tem nenhum disponível, simplesmente não existem.

    Também não encontrei no site da Azul o desconto que a TRIP dava para maiores de 60 anos. Alguém sabe dizer se ainda existe?