logo Melhores Destinos

Conheça Viana do Castelo, no norte de Portugal – dicas do que fazer

Rafael Castilho
Rafael Castilho
16/12/2020 às 19:57

Conheça Viana do Castelo, no norte de Portugal – dicas do que fazer

Portugal vai muito além de Lisboa e Porto. Há cidades históricas e pitorescas por todo o país. Uma delas é Viana do Castelo, no extremo norte português quase divisa com a Espanha. Com comida boa, muita história, praias e um santuário magnífico, a cidade deve fazer parte do seu próximo roteiro de viagem a Portugal. Saiba o que fazer, onde comer e se hospedar neste post especial sobre Viana do Castelo.

História de Viana do Castelo

A ocupação da região de Viana do Castelo remonta ao período Mesolítico, conforme o testemunham inúmeros achados arqueológicos. O povoado de Viana foi oficialmente constituído em 1258 após receber Carta de Foral de Afonso III de Portugal sob o nome de Viana da Foz do Lima.

A região se tornou próspera e um importante entreposto comercial com a exportação de vinhos, fruta e sal, e a importação de talheres, tecidos, tapeçarias e vidro.

Em 1848 a vila tornou-se Viana do Castelo. No século XX, a cidade foi um dos principais portos portugueses da pesca do bacalhau. Hoje Viana do Castelo é capital do distrito com o mesmo nome na região do norte de Portugal.

O que fazer em Viana do Castelo

O melhor para fazer e curtir seu dia em Viana do Castelo é se perder pelo Centro Histórico. Caminhar com calma e apreciar as construções e as ruazinhas desta encantadora cidade.

Uma parada obrigatória é na Praça da República com suas construções centenárias, entre elas a Igreja de Misericórdia, o antigo Paço do Conselho e a Santa Casa. Aproveite para sentar num café e contemplar esta maravilhosa praça e seu chafariz.

Em uma das extremidades da Praça da República fica o Museu do Traje, abrigado no antigo edifício do Banco de Portugal. Aberto em 2004, o Museu mostra a riqueza cultural da região de Viana do Castelo por meio dos trajes tradicionais. A entrada é gratuita durante os fins de semana. De terça a sexta custa 2€. Com o mesmo ingresso você também visita o Museu de Artes Decorativas.

No centro da cidade fica a Catedral da Sé, do século XV e em estilo gótico, recebeu este nome em 1977 após o Papa Paulo VI autorizar a constituição da diocese de Viana do Castelo. Antes disto ela tinha o nome de Igreja Matriz. A Catedral da Sé fica no Largo Instituto Histórico do Minho.

A principal área de comércio do centro é a Avenida dos Combatentes da Grande Guerra, com lojas, ateliês, sorveterias, mercado e restaurantes.

Avenida dos Combatentes da Grande Guerra

Ao fim da avenida fica a Estação de Trens e atrás dela o Estação Viana Shopping, com praça de alimentação, cinema, supermercado e grifes internacionais.

Em uma das extremidades do centro histórico, na foz do Rio Lima, fica o Forte de Santiago de Barra, edificação construída no século XVI durante o reinado de D. Manuel I para proteger a região contra os invasores. Está aberto de segunda a sexta das 9h às 18h com entrada gratuita.

Forte de Santiago de Barra

Forte de Santiago de Barra

Bem perto do Forte fica a Igreja de Nossa Senhora da Agonia um belo exemplo do barroco luso-brasileiro do século XVIII. A sua torre e seu interior chamam atenção pelos detalhes.

Igreja de Nossa Senhora da Agonia

Igreja de Nossa Senhora da Agonia

Um dos pontos turísticos de Viana de Castelo fica bem na costa central. O Navio Hospital Gil Eannes foi utilizado como apoio à frota portuguesa de pesca de bacalhau nos mares do norte perto da Groenlândia, a partir de 1955. É muito interessante o passeio e ainda dá uma boa ideia de como era arriscada a pesca em décadas passadas. Os ingressos custam a partir dos 4,50€, encontre aqui mais informações.

Navio Hospital Gil Eannes

Após visitar o Navio Hospital Gil Eannes é hora de caminhar pelo calçadão da costa e curtir a brisa marítima. Uma boa pedida é sentar num barzinho para um Happy Hour.

Algo super diferente que você encontrará em Viana do Castelo é o som que embala os fins de semana. Durante sábado e domingo todo o Centro Histórico é animado por música que vem de dezenas de alto falantes instalados nos postes da cidade. Bem animado!

Santuário de Santa Luzia

O Santuário Diocesano do Sagrado Coração de Jesus é mais conhecido como Santuário de Santa Luzia, nome do monte no qual está situado. De todos os pontos da cidade ele é facilmente avistado. A sua construção começou em 1903, mas levou 40 anos para ser concluída. Inspirada na Basílica de Sacré Cœur, de Montmartre em Paris, o Santuário de Santa Luzia é a principal atração turística de Viana do Castelo. O local tem arquitetura com elementos neo-românicos e bizantinos. A estátua de bronze, do Coração de Jesus, colocada na entrada, data de 1898.

A entrada na igreja é gratuita e está aberta das 8h às 19h. O acesso ao Santuário pode ser feito a pé, de carro ou pelo Funicular de Santa Luzia. Quem optar por ir a pé, tem que superar os 659 degraus; de carro numa rápida viagem do centro de 10 minutos, tem lugar para estacionar gratuitamente; optando pelo Funicular fará um percurso de 650 m, com um desnível de 160 metros numa agradável viagem com a duração de 7 minutos ao custo de 3€ (ida e volta no mesmo dia) e 2€ para subida ou descida simples.

No alto do Monte de Santa Luzia também é possível visitar as ruínas de uma cidadela pré-romana. Aproveite a subida ao monte para apreciar a vista da cidade com a foz do Rio Lima e o Oceano Atlântico. Com o céu limpo é possível avistar até Póvoa do Varzim a 40 km de distância.

O Elevador de Santa Luzia (650 m) é o maior de Portugal com mais do dobro da distância percorrida do que o de Nazaré (com 310 metros), os de Lisboa como o da Bica (283 m), o da Glória (276 m) e da Lavra (188 m) e em Braga, o do Bom Jesus, tem apenas 274 metros.

Horário Funicular para o Santuário de Santa Luzia

O Elevador funciona nos horários:
Janeiro, Fevereiro, Novembro e Dezembro: Encerra à segunda-feira. Aberto de terça a sexta, das 10h às 12h e das 13h às 17h; sábado e domingo, das 10h às 17h.
Março, Abril, Maio e Outubro: Aberto de segunda a sexta, das 10h às 12h e das 13h às 17h; sábado e domingo das 9h às 18h.
Junho, julho, agosto e setembro: Aberto de segunda a domingo, das 9h às 20h.

Praias de Viana do Castelo

As praias do sul de Portugal são bem mais famosas, mas no norte do país há muita praia boa. É claro que o vento e água do mar mais fria atrapalham um pouco, mas as praias do norte são ótimas para curtir a família e praticar esportes. Viana do Castelo conta com várias opções, conheça algumas:

Praia de Afife – ao norte da cidade

É tida por muitos como a melhor praia da região. Conta com areia macia e pequenas bacias costeiras abrigadas do vento por rochedos.

Praia da Arda – ao norte da cidade

Extensa faixa de areia protegida por dunas. Muito procurada por praticantes de esportes náuticos.

Praia de Carreço – ao norte da cidade

A praia de Carreço é um espaço muito procurado pelas famílias, protegida dos ventos fortes do norte e o mar mais tranquilo devido as rochas que protegem a praia.

Praia do Cabedelo – ao sul da cidade

A praia do Cabedelo é a mais procurada, pois localiza-se junto à cidade histórica de Viana do Castelo. Conta com boa infraestrutura, com restaurante e banheiros. A praia tem forma de meia-lua com cerca de 1 quilómetro de comprimento, areia fina e pequenas dunas com plantas.

Onde comer em Viana do Castelo

A cidade conta com diversos restaurantes, padarias, cafés e bares, com um cardápio diverso, mas o grande forte da região é o fruto do mar. Importante fazer reserva para o almoço aos fins de semana. Segue abaixo algumas opções, todas no centro histórico:

  • Tasquinha da Linda: Armazém de pesca recuperado e transformado num magnifico restaurante onde serve marisco e peixe fresco de Viana do Castelo. Indicado pelo Guia Michelin. A Tasquinha da Linda fica na R. dos Mareantes A8 (ao lado do Forte). €€
  • O Manel: Comida tradicional com uma grande variedade de peixes frescos. Peça um bom Vinho Verde da região para acompanhar a comida. Localizado junto ao Rio Lima, na Praça da Liberdade. €
  • O Marques: Comida típica portuguesa com preço atrativo. Fica no Largo Infante Dom Henriques 72. €

 

Bacalhau ao forno na Tasquinha da Linda

  • Pastelaria e Confeitaria Manuel Natário: Uma instituição gastronômica de Viana do Castelo e parada obrigatória para experimentar as famosas bolas de Berlim, algo parecido, mas mais gostosos que o nosso sonho de Padaria. Prepare-se para a longa fila. Fica na R. Manuel Espregueira 37 (ao lado do Museu do Traje).

    Pastelaria e Confeitaria Manuel Natário

Onde ficar em Viana do Castelo

Há diversas opções de hospedagem em Viana do Castelo. Você pode ficar no centro em hotéis tradicionais ou em quinta históricas ao redor da cidade. Veja algumas opções:

  • Quinta do Vale do Monte: Localizada em Darque, a cerca de 5 km de Viana do Castelo. Situada numa casa tradicional, a propriedade apresenta uma arquitetura do início do século XX e dispõe de uma piscina rodeada por um jardim.
  • Hotel Laranjeira: No centro de Viana do Castelo, apenas a 500 metros do via costeira. Apresenta quartos com vista panorâmica da área.
  • Hotel Fabrica do Chocolate: Com decoração inspirada no chocolate, este hotel fica no centro da cidade. Lá você terá acesso gratuito ao museu do Chocolate e poderá  fazer chocoterapia mediante pedido prévio.

Como chegar a Viana do Castelo

  • De ônibus: há ônibus partindo para Viana do Castelo de todas as localidades de Portugal. A cerca de 80 km de distância, a viagem do Porto demora 1 hora e custa a partir de 6€. Já de Lisboa são cerca de 5 horas de viagem ao custo de 23€, saindo dos Terminais de Sete Rios ou Oriente. O bilhete pode ser comprado antecipadamente no site da Rede Expressos ou direto na bilheteria do Terminal, mas aqui é bom chegar com no mínimo 30 minutos de antecedência.
  • De carro: a distância de Porto a Viana do Castelo é de cerca de 80 quilômetros, numa viagem de menos de 1 hora ao custo de 3,85€ de pedágios (por trecho). De Braga o percurso leva 45 minutos e você paga 4,50€ de pedágio. Já a distância de Lisboa é de 370km, com mais de 4 horas de viagem ao custo de 26,05€ de pedágios. Calcule aqui o custo do seu trajeto.
  • De trem: a viagem de trem de Porto para Viana do Castelo pode sair das estação de São Bento e Campanha, sendo que a primeira é mais central. A viagem dura cerca de 1h30 e custa a partir de 6,85€. Já de Lisboa dura mais de 4 horas ao custo inicial de 25,30€. As compras com antecedência de 5 dias têm descontos no site dos Comboios de Portugal. A estação de chegada em Viana do Castelo é bem no centro da cidade.

 

Estação de trens de Viana do Castelo

Estação de trens de Viana do Castelo

Quando visitar Viana do Castelo

Em Viana do Castelo, o verão é agradável, seco e de céu quase sem nuvens, apesar dos frentes nevoeiros que cobrem as praias e o Monte Santa Luzia. O inverno é fresco, com precipitação e céu encoberto. Os meses de outubro e novembro são os que mais registram chuvas. Ao longo do ano a temperatura média varia de 8 °C a 24 °C.

____________________________________________________________________________________

Na sua próxima viagem a Portugal não se esqueça de incluir Viana do Castelo. Pertinho de Braga e Porto, a cidade costeira vale a visita e te surpreenderá.

Se você tiver sugestões turísticas sobre Viana do Castelo, deixe sua dica nos comentários logo abaixo!

Leia também:

O que fazer em Lisboa: dicas do que visitar em cada bairro da capital portuguesa

Fátima: um guia completo para a sua visita ao maior destino religioso de Portugal!