logo Melhores Destinos

Novo sistema tornará mais fácil remarcar ou cancelar passagens aéreas sem pagar taxas

Thiago Ibrahim
04/06/2020 às 15:40

Novo sistema tornará mais fácil remarcar ou cancelar passagens aéreas sem pagar taxas

Remarcar ou cancelar uma passagem aérea internacional deve ficar mais fácil a partir dessa semana. Mais de 60 companhias do mundo todo, dentre elas Air France-KLM, American, British, Delta e Singapore, adotarão a partir do dia 7 de junho um novo processo automatizado para reemissão de passagens aéreas com o objetivo de tornar mais rápido e simples isentar os passageiros das taxas de remarcação e cancelamento.

Trata-se do chamado esforço de “Flexibilidade de Emergência”, uma solução automatizada que permite às companhias isentar as taxas dos bilhetes reservados durante um período específico e oferecer maior flexibilidade aos clientes. Mais especificamente, a solução permite temporariamente que novos dados de “Mudanças Voluntárias” e “Reembolsos Voluntários” sejam aplicados a tickets emitidos anteriormente.

“Se você é um viajante e tem em mãos um bilhete não reembolsável ou sem direito a remarcação, agora poderá fazer uma alteração voluntária com ele. Por exemplo, se você comprou um bilhete em dezembro, antes da pandemia, e agora, devido a vários motivos, não deseja mais viajar, as companhias aéreas podem anular as restrições com esta solução automatizada”, explicou Thomas Gregorson, diretor de estratégia da ATPCO, fabricante do sistema.

Até agora, sempre ocorria alguma causa que impedia os voos, como uma tempestade tropical, por exemplo, as companhias aéreas tinham que fazer os cancelamentos, alterações e reembolsos manualmente, já que as regras das passagens impediam que os passageiros o fizessem nos sites e aplicativos sem taxas. Agora as companhias poderão alterar essas regras quando necessário permitindo que cada viajante faça sua alteração. O novo processo de reemissão de passagens oferece uma política global que cobre centenas de milhares de bilhetes disponíveis, incluindo aqueles comprados por meio de agências de viagem.

De acordo com levantamento da ATPCO, houve cerca de um milhão de voos cancelados globalmente devido as mais variadas restrições causadas pelo Covid-19. Isso afetou diretamente as companhias aéreas, que precisam reduzir custos para continuar existindo e se reinventar para responder rapidamente às mais variadas demandas, já que é incrivelmente demorado para cada companhia aérea e agência processar manualmente as alterações nos bilhetes.

O novo sistema vai ao encontro das três lições que as companhias aéreas precisam aprender com a crise do coronavírus e sem dúvidas é um grande avanço para melhorar a forma que as companhias aéreas atendem aos passageiros em casos de emergências como a atual pandemia.

Fizemos contato com a assessoria de imprensa da APTCO para solicitar a lista completa das companhias aéreas que aderiram ao novo sistema e se há companhias brasileiras entre elas, mas fomos informados de que não seria possível a divulgação. Seguimos de olho por aqui para informar a vocês.

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção