logo Melhores Destinos

Tailândia pode ficar fechada até 2021 para turistas

Wendell Oliveira
10/08/2020 às 8:00

Tailândia pode ficar fechada até 2021 para turistas

Má notícia! Se você estava pensando em viajar para a Tailândia ainda esse ano, melhor refazer os planos. O país do Sudeste Asiático, famoso pelas praias e ilhas paradisíacas, já discute ficar com as fronteiras fechadas para o turismo até 2021.

Sem casos de transmissão interna de Covid-19 desde maio, a Tailândia vem sendo um exemplo no combate à pandemia. No entanto, o sucesso pode ter um preço alto: representantes da Autoridade de Turismo da Tailândia (TAT) veem como improvável a reabertura das fronteiras internacionais da Tailândia em 2020 e talvez até no Ano Novo chinês, em fevereiro de 2021.

Leia também:
Entrada autorizada: Lista de países para onde brasileiros podem viajar

Tailândia fechada para turistas até 2021?

Em uma conferência online, o diretor executivo de marketing internacional da Autoridade de Turismo da Tailândia (TAT), Chattan Kunjara Na Ayudhya, afirmou que “não há nenhum cronograma para reabrir o país para viagens de turismo internas ou externas”. Ele mencionou ainda a abordagem “muito cautelosa” do governo tailandês para reabrir as fronteiras e disse que não espera que a Tailândia receba turistas até pelo menos 2021.

Não vejo sinal do governo de que o país será reaberto ainda este ano. Isso está colocando muita pressão sobre a indústria do turismo. O período de Natal, geralmente alta temporada, está em perigo. Vejo de forma negativa até mesmo o Ano Novo chinês em fevereiro, que é uma proposta duvidosa na melhor das hipóteses. Infelizmente, este não é um cenário otimista.”

Abertura das fronteiras na Tailândia

Tailândia: Reabertura das fronteiras para o turismo pode ocorrer apenas em 2021

As discussões sobre a criação de bolhas de viagens também pararam. “No mês passado, falou-se sobre a formação de ‘bolhas de viagens’. Essa conversa não continuou até agora por causa de surtos em muitos dos países de onde esperávamos receber turistas, como o Vietnã. ”

O representante da TAT também acrescentou que estão sendo discutidos planos de bolhas internas para o turismo, com a proposta de que todos os visitantes passem no mínimo 30 dias na Tailândia. Isso aconteceria em áreas designadas — provavelmente ilhas, como Phuket.

“Atualmente, isso não está avançando porque o governo está tomando uma atitude de esperar para ver. Eles querem ver como os atuais grupos de estrangeiros, como equipes de filmagem e diplomatas, se saem primeiro. Ainda há muito nervosismo.”

Ilhas tailandesas

Ilhas tailandesas poderão ser as primeiras a receber turistas em “bolhas de viagem”

Durante uma reunião entre o Ministério do Turismo e Esportes e o setor privado, operadores turísticos propuseram o retorno dos turistas à Tailândia no quarto trimestre. Em comparação com o esquema de bolha de viagens, o plano prevê procedimentos de triagem mais seguros e flexíveis para diversos países.

“Serão selecionados apenas visitantes de cidades com registro de zero infecção por pelo menos 30 dias, e eles só poderão viajar e se hospedar em hotéis e províncias designados. Outras condições incluem um certificado negativo de Covid-19 emitido até 72 horas antes dos voos, bem como seguro e outros testes.”

Coronavírus na Tailândia

Em janeiro, a Tailândia confirmou o primeiro caso de coronavírus fora da China. Apesar disso, o país registrou 3.351 casos e 58 mortes desde então.

Casos de coronavírus na Tailândia

Site da Autoridade de Turismo da Tailândia atualiza diariamente os números da pandemia

O futuro do turismo na Tailândia

Anteriormente, a Autoridade de Turismo da Tailândia havia dito que o país poderia reabrir para turistas no último trimestre do ano; até mesmo uma reabertura gradual a partir de 1º de agosto foi discutida. No entanto, a proposta não seguiu adiante.

Vale mencionar que o turismo na Tailândia é responsável por cerca de 20% do PIB do país. O setor de turismo costumava empregar 4 milhões de trabalhadores antes da pandemia, mas com as empresas tendo receita zero nos últimos 6 meses, o desemprego no setor pode em breve ultrapassar 2,5 milhões.

Outra alternativa sugerida foi a criação de um programa de “bolhas de viagem”, permitindo a entrada de turistas de países com poucos casos. A ideia, que permitiria a entrada de alguns poucos visitantes internacionais previamente selecionados, também não foi a frente devido ao aumento de casos em outros países.

Leia também:
Camboja cria maratona para a entrada turistas: testes, quarentena e depósito de US$ 2.000
Ilhas Maldivas reabrem em julho sem taxa extra para turistas

Quem pode viajar para Tailândia?

No dia 23 de julho, o governo da Tailândia emitiu um comunicado oficial autorizando a entrada de 4 tipos de visitantes estrangeiros. Enquanto as restrições de viagem por conta da pandemia permanecem, somente eles poderão viajar para o país, sujeitos a quarentena de 14 dias e testes na chegada.

As quatro categorias de visitantes permitidos na Tailândia atualmente são:

1) Estrangeiros que vão participar de feiras de negócios na Tailândia;
2) Equipes estrangeiras de cinema com gravações na Tailândia;
3) Trabalhadores estrangeiros do Camboja, Laos e Mianmar nas indústrias de alimentação e construção civil;
4) Visitantes estrangeiros com visto médico.

A lista também é estendida para diplomatas, oficiais da ONU e portadores do visto “Thai Elite”, que permite residência legal no país.

Com informações do The Taiger e Bangkok Post

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção