logo Melhores Destinos

Novo motor supersônico promete viagens do Brasil à Europa em apenas 1 hora

Rafael Castilho
Rafael Castilho
03/05/2021 às 18:13

Novo motor supersônico promete viagens do Brasil à Europa em apenas 1 hora

Que tal cruzar o Oceano Atlântico em apenas 1 hora? Partir do Brasil rumo a Europa e chegar no seu destino depois de 60 minutos. Seria maravilhoso, não é? Parece até um sonho, mas, acredite, ele pode estar muito mais próximo do que você imagina. Encurtar as viagens aéreas é uma das possibilidades de um novo motor supersônico que está sendo testado na Inglaterra.

O novo motor está sendo desenvolvido há alguns anos pela Reaction Engines, sediada em Oxford, na Inglaterra. Para conseguir atingir velocidades supersônicos que podem chegar até Mach 5, o SABRE (Synergistic Air-Breathing Rocket Engine) trabalha com um sistema de resfriamento, quase que instantâneo. Com este novo trocador de calor será possível atingir temperaturas mais elevadas de propulsão – o novo motor chega até a 1.100 ° C durante a operação – e consequentemente maiores velocidades. Somente assim será possível ir muito além da velocidade do som em segurança.

Os primeiros testes do SABRE foram um sucesso. Mas o pré-resfriador é somente um dos três elementos essenciais do motor SABRE. Também são vitais o núcleo do motor e a câmara de impulso. Todos estes itens já estão passando por testes e validação usando demonstrações em solo, o que economiza tempo e custo em relação aos testes de voo.

O desenvolvimento do SABRE tem o acompanhamento da Agência Espacial do Reino Unido. A expectativa é que o novo motor esteja em testes já em voo por volta de 2030. Além de aviões, o novo motor SABRE pode ser utilizado em foguetes e outros projetos.

Viajar na velocidade do som e ligar dois pontos do globo terrestre em poucos minutos sempre foi o sonho do homem. O Concorde fez história e elevou a aviação comercial a outros patamares. Apesar do seu fim em 2003, o sonho nunca foi deixado de lado. Além dos ingleses da Reaction Engines, outras empresas trabalham no desenvolvimento de aeronaves supersônicas.

Recentemente a fabricante norte-americana de aviões Aerion, em parceria com a Nasa, apresentou o seu mais novo projeto de avião supersônico, o AS3. Com este novo avião supersônico será possível  viajar do Brasil para Europa em apenas 70 minutos. Também há o projeto XB-1 em desenvolvimento por outra empresa americana a Boom Supersonic.

As ideias são boas, os testes animadores e o trabalho está sendo desenvolvido. Entretanto, até que estes projetos se transformem em realidade na aviação comercial ainda há um longo caminho a ser percorrido. Enquanto isto, temos que nos contentar com horas e horas sentados num avião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *