logo Melhores Destinos

Governo japonês anuncia detalhes do programa de subsídio a viagens

Bruna Scirea
26/05/2020 às 16:35

Governo japonês anuncia detalhes do programa de subsídio a viagens

Nos próximos meses o Japão deve colocar em prática um programa de subsídios com orçamento de mais de 12,5 bilhões de dólares para impulsionar a retomada do turismo no país, conforme divulgamos na semana passada. Ontem o governo japonês anunciou mais detalhes do plano de apoio ao setor turístico, que agora já tem nome: Go To Travel Campaign.

Segundo as informações mais recentes, o programa deve ser inicialmente voltado a japoneses que desejam viajar pelo país, e provavelmente poderá beneficiar também turistas estrangeiros após a abertura de fronteiras. A contribuição do governo se dará com o financiamento de 50% dos gastos de viagem, desde que o valor não supere o limite de 186 dólares por pessoa por dia. Devem ser distribuídos cupons de desconto aceitos em restaurantes e lojas de souvenir e também há planos de disponibilização de ingressos com valores reduzidos em várias atrações.

Conforme o TTG Asia, no financiamento também estariam inclusos 50% dos gastos com transportes dentro do país, sejam via terrestre, marítima ou aérea. De acordo com site Kyodo News, o incentivo deve ser colocado em prática no final de julho, por meio de reservas feitas junto a agências de viagem japonesas ou diretamente na rede hoteleira do país.

Infelizmente o governo japonês informou que o programa não poderá ser usado com transporte de turistas estrangeiros até o Japão, conforme nota publicada no site oficial do órgão de turismo do país. Leia a íntegra:

Regarding reports by some news outlets that “The Japanese government is considering a campaign to help foreign tourists visiting Japan by offering support for half of their travel expenses,” please note that the Goto Travel Campaign under consideration by the Japanese government will not fund transportation expenses when visitors come to Japan from foreign countries.

Vale lembrar que, principalmente em função do calendário olímpico, o Japão segurou as fronteiras abertas em meio à pandemia da covid-19 por muito mais tempo do que vários outros países asiáticos e do resto do mundo. Em abril, o país começou a proibir a entrada de visitantes de vários países. A essa altura, no entanto, o turismo no país já estava em crise de qualquer maneira, com a suspensão de vários voos de e para o Japão. A Japan Airlines, por exemplo, suspendeu 96% sua operação internacional. Além disso, segundo pesquisa realizada pela Tokyo Shoko, em abril 31 companhias do ramo hoteleiro haviam declarado ou estavam em vias de anunciar a falência no país.

Seguimos acompanhando todas as informações e divulgaremos aqui qualquer novidade!

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção