Ilhas Seychelles reabrem para turismo, mas brasileiros ainda não podem visitar

Rafael Castilho
Rafael Castilho
11/09/2020 às 11:04

Ilhas Seychelles reabrem para turismo, mas brasileiros ainda não podem visitar

As paradisíacas Ilhas Seychelles, no Oceano Índico, estão novamente reabertas para os turistas estrangeiros. Por enquanto, a entrada é restrita a 29 países e infelizmente o Brasil não foi incluído, mas a expectativa é que gradualmente essa lista aumente e inclua nosso país.

Atualizado em 11 de setembro, às 17h.

Inicialmente havíamos divulgado que os brasileiros poderiam entrar no destino. Pedimos desculpas pelo erro. A informação baseou-se em um comunicado fornecido pela IATA (Associação Internacional de Transportes Aéreos) que não fazia qualquer restrição de nacionalidade:

1. Airports in Seychelles reopened.
2. Passengers must have a medical certificate with a negative Coronavirus (COVID-19) test result issued at most 72 hours before departure. The test must be submitted to visitor@health.gov.sc .
3. A completed application form for entry into Seychelles must be submitted to visitor@health.gov.sc before boarding. The form can be obtained at http://tourism.gov.sc .
4. Passengers are subject to medical screening. 
5. Until 14 September 2020 at 23:59, passengers must submit the test result and the application form to visitor@health.gov.sc .
6. Effective 15 September 2020 at 00:00, passengers must apply for a health travel authorization obtained at https://seychelles.govtas.com/ .
7. Effective 18 September 2020 at 00:00, passengers must have a health travel authorization obtained at https://seychelles.govtas.com/ . Airlines must certify the validity of the health travel authorization at https://Seychelles.govtas.com/status-check or by using the ‘TA VALIDATOR’ app.

A informação foi corrigida pela assessoria do destino – confira a lista completa das nacionalidades que podem viajar para Seychelles.

Veja a lista atualizada de países para onde brasileiros podem viajar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *