logo Melhores Destinos

Companhias aéreas terão de informar peso de passageiros e bagagens

Thayana Alvarenga
Thayana Alvarenga
10/06/2021 às 12:56

Companhias aéreas terão de informar peso de passageiros e bagagens

A Federal Aviation Administration (FAA), equivalente à Anac dos Estados Unidos, está exigindo que as companhias aéreas do país atualizem as estimativas de peso de passageiros e bagagens como parte dos planos de segurança do avião.

Segundo o The Wall Street Journal, cada empresa tem até 12 de junho para apresentar um plano explicando os pesos médios, incluindo telefones e roupas, e como eles chegaram nestes números. A FAA precisa ainda aprovar o plano de cada companhia aérea.

Pesando bagagens e passageiros

A FAA diz que está forçando a mudança para garantir que os aviões sejam carregados de acordo com as limitações do manual de voo. A atualização aumenta a segurança, reduzindo a possibilidade de uma aeronave sobrecarregada. Embora as companhias aéreas devam acompanhar as mudanças de passageiros, a agência percebeu que os ganhos de peso não eram atualizados há anos.

Os passageiros não pisarão na balança. As aéreas podem usar os resultados da pesquisa de saúde do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA para estimar o peso do passageiro. A FAA diz que as aéreas devem adicionar 2 kg para roupas e itens pessoais no verão e 4,5 kg no inverno.

Estimativas de peso mais altas podem significar menos passageiros e bagagens nos voos, o que poderia resultar em passagens aéreas mais caras. O impacto do peso é maior em certas altitudes, quando o peso que um avião pode carregar com segurança é reduzido porque as asas não geram tanta sustentação, explica o jornal. Voos contra ventos contrários fortes que exigem mais combustível também podem enfrentar mais problemas de peso.

Algumas companhias aéreas já tiveram seus planos aprovados. A American Airlines, por exemplo, aplicou os novos padrões na terça-feira. Para ela, um voo médio transporta um pouco mais homens do que mulheres e, geralmente, algumas crianças. Portanto, o peso médio do passageiro na maior companhia aérea dos Estados Unidos é agora de 82 kg no verão e 85 kg no inverno.

Segundo um porta-voz da American, esses novos pesos são usados para calcular o peso e o equilíbrio do avião, e não os limites de peso de cada passageiro. “O cliente não verá absolutamente nenhuma mudança”, diz ao jornal Mike Byham, diretor de engenharia de operações.

As mudanças ocorrem à medida em que mais passageiros retomam as viagens aéreas nos Estados Unidos, após mais de um ano de restrições devido à pandemia.

Embora muitos países sigam o exemplo da FAA em segurança e regulamentação, alguns adotam uma abordagem mais direta. A autoridade de aviação civil da Nova Zelândia, por exemplo, exige que a Air New Zealand mantenha uma “semana de pesagem” a cada cinco anos para ter a estimativa de peso médio atualizada. A semana de pesagem mais recente aconteceu em abril.

Com informações do The Wall Street Journal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *