logo Melhores Destinos

Chile sem quarentena para turistas vacinados: como obter o Passe de Mobilidade passo a passo

Yenifer Contreras
Yenifer Contreras
13/10/2021 às 11:54

Chile sem quarentena para turistas vacinados: como obter o Passe de Mobilidade passo a passo

A partir do dia 1º de novembro, todos os turistas estrangeiros que entrarem pela fronteira no Chile não terão que fazer quarentena. Para isso será necessário ter o Passe de Mobilidade (Pase de Movilidad), que agora é válido para nacionais e estrangeiros, e um resultado negativo no teste PCR que é aplicado gratuitamente na chegada ao Aeroporto de Santiago, ou na fronteira por onde entrarem.

A quarentena é eliminada a partir do momento em que é comunicado o resultado do teste de PCR, o que, como vimos analisando, não demora mais do que 24 horas. Enquanto espera pelo resultado, você deve se hospedar no hotel ou no endereço que cadastrar na chegada.

E permanece a obrigação de apresentar no aeroporto de origem um teste PCR realizado até 72 horas antes da partida do voo.

Atenção: o Passe de Mobilidade demora de duas a três semanas para ser emitido, portanto se você tem viagem marcada para o Chile solicite o seu com antecedência!

Como obter o Passe de Mobilidade do Chile?

O Passe de Mobilidade é um código QR que pode ser acessado por turistas chilenos ou estrangeiros. Ele certifica que a pessoa está com vacinação completa, e não está isolada devido ao contato próximo com um caso positivo, ou porque está registrada como um caso positivo ativo.

Todas as pessoas que ingressam no Chile e que possuam alguma das vacinas autorizadas pela OMS, podem obter seu Passe de Mobilidade no site oficial mevacuno.cl. Para isso devem validar as vacinas recebidas em seu país de origem.

Como validar as vacinas estrangeiras no Chile

Os viajantes estrangeiros que desejam entrar no Chile com um Passe de Mobilidade e, assim, evitar a quarentena, devem certificar suas vacinas seguindo estas etapas:

  • Acesse o site mevacuno.cl
  • Selecione a opção de entrar no site por e-mail (correo electrônico).
  • Será necessário criar uma nova conta
  • Uma vez no site, preencha o formulário com os seus dados pessoais.
  • Também é necessário anexar uma cópia do certificado de vacinação emitido no Brasil ou no país onde se vacinou.

A solicitação segue para aprovação e a resposta leva de duas a três semanas para ser entregue. Portanto, se você vai viajar para o Chile, recomendamos que faça o procedimento com antecedência.

Assim que o pedido for aprovado, o Ministério da Saúde do Chile validará suas vacinas, e você receberá o QR code do Passe de Mobilidade para entrar e circular pelo país. Para estrangeiros, a validação dura 45 dias a partir da data de aceitação.

Vale lembrar que a partir de 1º de novembro, o Passe de Mobilidade será obrigatório no Chile para o uso de transporte público como ônibus, trens e aviões.

Ao chegar ao Chile, seja você chileno ou estrangeiro, será realizado um teste PCR na fronteira de entrada. Você terá que aguardar o resultado no seu hotel ou endereço que você cadastrou. Assim que receber o negativo, num período de aproximadamente 24 horas após a sua chegada, pode sair para desfrutar do nosso país!

Entrada de turistas não vacinados no Chile

Todos os turistas, nacionais ou estrangeiros, que entram no Chile e não possuem Passe de Mobilidade, mas também não possuem esquema de vacinação completo, devem cumprir a quarentena obrigatória de 7 dias.

Para entrar no país, eles devem apresentar no aeroporto de origem um teste de PCR realizado no máximo 72 horas antes da partida do voo. E o teste de PCR é aplicado da mesma forma na fronteira de chegada, mas independente do resultado, eles devem cumprir a quarentena obrigatória.