logo Melhores Destinos

Europa ganha novas rotas de trem com opções panorâmicas

Rafael Castilho
10/12/2020 às 14:11

Europa ganha novas rotas de trem com opções panorâmicas

A pandemia mudou o transporte mundial. Na Europa, além dos voos que foram muito atingidos, as viagens ferroviárias também sofreram drásticas mudanças devido às restrições sanitárias e fronteiras fechadas. Entretanto, a retomada está sendo feita gradativamente, com mais trens cruzando o Velho Continente. Além disto, as companhias ferroviárias prometeram novas ligações conectando ainda mais os países europeus. Algumas delas já iniciam neste mês e outras ao longo de 2021. Conheça as principais rotas que serão lançadas, sendo que algumas delas oferecem vistas panorâmicas.

Amsterdã a Viena

Os holandeses poderão aproveitar o fim do inverno na Áustria ou nas pistas de esqui de Innsbruck a partir de 9 de fevereiro de 2021. A ligação entre Amsterdã até Viena teve a sua reabertura adiada devido a segunda onda de Covid na Europa, mas a nova previsão é que os trens noturnos da ÖBB partam todas as noites, às 19h30, da Holanda.

Estação de Amsterdã

São 13 horas e 40 minutos de viagem ao custo a partir de € 29,90 para poltronas e € 89,90 para cama. O trem principal vai de Amsterdã para Viena, mas também haverá vagões via Munique para Innsbruck.

Estação de Viena

Munique a Zurique

A partir de 13 de dezembro, o próximo domingo, já será possível seguir diretamente de Munique (Alemanha) a Zurique (Suíça) em trem rápido. A viagem de 4 horas será feita nos confortáveis e elegantes trens Swiss Astoro. O belo percurso passará por 3 países, conectando a margem oriental austríaca do Lago Constança. O trem é operado pela suíça SBB e com tarifas a partir de € 18,90.

Estação de Zurique

Basileia a Locarno

A histórica rota ferroviária de Gotardo, na Suíça, será retomada. A empresa  Südostbahn (SOB) ligará, a partir de 14 de dezembro, a Basileia ao canto mais meridional do país, Ticino, por meio da bela ferrovia, que foi deixada de lado após a inauguração do maior túnel do mundo em 2016. Esta linha antiga é cada vez mais denominada Panoramastrecke (rota panorâmica) e tem trechos magníficos ao contornar a margem leste do Lago Lucerna, margear os Alpes e o belo distrito de Leventina, no lado sul de Gotardo.

Rota de Gotardo

Compre o Saver Day Pass por 52 francos suíços (cerca de € 48). Este bilhete permite viagens ilimitadas de um dia inteiro em toda a Suíça. Agora em dezembro o Treno Gottardo irá da Basileia até Bellinzona, mas a partir de 5 de abril a rota será estendida até a bela Locarno, a cidade às margens do Lago Maggiore que hospeda o principal festival de cinema da Suíça.

Berlim à Cracóvia

Há seis anos este ligação direta foi interrompida, mas agora será retomada. Neste mês de dezembro, no dia 13, será possível ir de Berlim a Cracóvia, na Polônia, de trem. Serão sete horas de viagem com tarifas a partir de 27,90. O trem Eurocity Wawel tem este nome em homenagem ao belo castelo da Cracóvia. O trem carrega um vagão-restaurante com serviço completo para que você possa almoçar enquanto o trem viaja pelas planícies do Oder, atravessa a Lusácia e as belas florestas do oeste da Polônia.

Castelo de Wawel na Cracóvia

Praga a Przemyśl

Diariamente, a partir do próximo domingo, partirá o trem de Praga até Przemyśl perto do Rio San, no canto sudeste da Polônia. A viagem de 730 quilômetros dura cerca de 11 horas e custa a partir de € 29,90. Przemyśl é chamada a “Porta de Bieszczady” atraindo turistas que visitam museus, o palácio em Krasiczyn, o jardim botânico em Bolestraszyce ou o santuário de Kalwaria Pacławska. Perto da fronteira da Ucrânia, a cidade polonesa é ponto de partida com trens diretos para Lviv, Kiev e Odessa.

Estação de Praga

Outras novas conexões europeias

Outros serviços adicionais deverão ser lançados nos primeiros meses de 2021. Fala-se em estender um dos serviços de alta velocidade de Zurique a Milão para Gênova que, se vier a acontecer, restaurará uma ligação direta de Zurique com o Mediterrâneo. A operadora austríaca ÖBB também realizará, a partir de fevereiro, a ligação entre Munique e Roma e a de Bruxelas com Viena.

Em 31 de março, a operadora sueca Snälltåget lançará um trem noturno direto de Berlim e Hamburgo para Estocolmo, inicialmente operando nos fins de semana, mas a viagem será diária a partir de 5 de junho.

Já a francesa SNCF deve restaurar o TGV diário Paris para Munique a partir de 14 de março. Este trem proporcionará uma excelente conexão em Munique com o trem noturno Kálmán Imre para Budapeste, que está sendo modernizado para incluir um vagão-restaurante. Na capital húngara os passageiros podem se beneficiar com as boas conexões para os países do leste Europeu.

Veja também:

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção