Que tal morar um ano no Caribe? Barbados planeja dar visto de 12 meses para nômades digitais

Bruna Scirea
Bruna Scirea
8/07/2020 às 16:39

Que tal morar um ano no Caribe? Barbados planeja dar visto de 12 meses para nômades digitais

Oportunidade à vista: Barbados, no Caribe, pretende oferecer visto de 12 meses para quem puder morar na ilha e trabalhar de forma remota. Imagina fazer uma pausa no trabalho para dar uma voltinha na praia e dar de cara com paisagens como as da foto acima? Na semana passada já havíamos anunciado que a Estônia criou o primeiro visto para nômades digitais do mundo. Já pensou se essa moda pega?

Conforme o site Business Insider, a proposta do governo de Barbados é incentivar a vinda de turistas de longa permanência para o país e, consequentemente, a entrada de dólares na economia da ilha. Em um período pós-pandemia, seria mais difícil realizar viagens de curto prazo e mais vantajoso permanecer por um longo período no destino. O governo de Barbados, no entanto, não informou detalhes, nem prazo para a ideia sair do papel.

O turismo na ilha caribenha deve ser retomado a partir de 12 de julho, quando também está previsto o retorno dos voos para a região. Barbados inclusive é um dos 23 países para onde os brasileiros poderão de viajar a turismo.

O país pedirá que turistas vindos de áreas de alto risco (como o Brasil) façam exame para o coronavírus dentro de 72 horas antes da partida. Visitantes de países de baixo risco deverão realizar testes até uma semana antes de irem para o país caribenho. Turistas que não apresentarem testes na chegada à ilha terão de realizar logo após o desembarque e arcar com os custos de uma quarentena de 48 horas até que recebam o resultado dos exames.

Até o momento, Barbados tem menos de 100 casos confirmados de Covid-19 e 7 mortes provocadas pelo vírus.

Leia mais:
Quer morar na Europa? Estônia cria o primeiro visto para nômades digitais do mundo


E se a onda de vistos prolongados para nômades digitais pegar em diferentes países do mundo? Onde você gostaria de morar e trabalhar à distância?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *