logo Melhores Destinos

O que fazer em Koh Phi Phi: dicas da mais famosa ilha da Tailândia

Bruna Scirea
26/10/2020 às 9:29

O que fazer em Koh Phi Phi: dicas da mais famosa ilha da Tailândia

Não é exagero dizer que algumas das praias mais lindas do mundo estão nas Ilhas Phi Phi, no litoral da Tailândia. Águas transparentes, areia branca e fina, mergulhos com peixes coloridos (e até tubarões), centrinho movimentado e vida noturna agitadíssima tornam Phi Phi um destino dos sonhos para muitos viajantes. Para te ajudar a planejar uma viagem para lá, preparamos este post com dicas de como chegar, onde ficar e dicas de o que fazer em Koh Phi Phi. Confira!

Onde fica Koh Phi Phi

As Ilhas Phi Phi são as jóias do mar Andaman, na costa oeste da Tailândia, oceano Índico. Em Koh Phi Phi Don está o centrinho com várias opções de hospedagem, restaurantes e agências de passeios. É ali também que está o principal píer da ilha, o Tonsai, onde chegam e de onde partem ferries e lanchas rápidas para Phuket, Krabi e outros destinos, além de barcos de passeios para praias e ilhas próximas. Em frente à Koh Phi Phi Don está outra ilha menor, paradisíaca e inabitada. É Koh Phi Phi Leh, onde fica a mais famosa praia tailandesa, Maya Bay, além de outros importantes pontos turísticos da região como Pileh Lagoon e Loh Samah.

Melhor época para ir para Koh Phi Phi

É muito importante saber quando ir para Koh Phi Phi. Isso porque a ilha tem duas estações bem definidas: uma seca e outra bem chuvosa. A estação seca, a melhor época para ir para Phi Phi, vai de dezembro a abril. E vale lembrar que janeiro é o pico da temporada e a Tailândia é um dos países mais visitados do mundo, então convém fazer reservas de hospedagem e até mesmo de passeios com bastante antecedência. Em março o calor já ganha força (o que é bom em um destino de praia) e os preços estão bem convidativos.

A fase mais chuvosa, época de monções na costa oeste da Tailândia, vai de maio a novembro, sendo julho e agosto os meses com maior instabilidade. Em novembro já dá para visitar Koh Phi Phi e as outras ilhas do Mar de Andaman sem muitas preocupações.

Para saber mais, confira nosso post sobre a melhor época para visitar a Tailândia.

Quanto tempo ficar em Koh Phi Phi

O ideal é que você fique pelo menos três dias inteiro em Koh Phi Phi, tempo suficiente para fazer os principais passeios e admirar a estonteante beleza da ilha. Claro, com mais dias, poderá relaxar mais, voltar para as praias que mais lhe arrancaram suspiros, fazer cursos de mergulho e até passeios de barco para ilhas ou praias mais distantes de Phi Phi.

Chegando de barco à Monkey Beach, uma das principais praias de Phi Phi

Como chegar em Koh Phi Phi

Koh Phi Phi não tem aeroporto. Então o único jeito de chegar à ilha é de barco, que pode ser uma lancha rápida ou então um ferry partindo de destinos próximos como Phuket e Krabi, ambas regiões bem abastecidas de voos.

Como ir de Phuket para Koh Phi Phi

O aeroporto de Phuket é um dos principais que atende a ilha de Phi Phi e costumar ter maior frequência de voos do que o aeroporto de Krabi. Para ir de Phuket a Koh Phi Phi é preciso pegar um transfer ou táxi do aeroporto até o píer Rassada, cerca de uma hora de viagem.

Do píer Rassada até o píer Tonsai, em Phi Phi, são mais duas horas de viagem. Se for de lancha rápida, o trajeto é feito em cerca de uma hora e meia. O transfer do aeroporto até o píer Rassada mais o ferry pode ser negociado nas agências do aeroporto ou então reservado antecipadamente pelo site da empresa que faz a travessia.

A Andaman Ferry Service é uma das maiores deles e faz a travessia cerca de cinco vezes ao dia — ao reservar antecipadamente, considere o tempo de desembarque do voo e para chegar até o píer.

Como ir de Krabi para Koh Phi Phi

Para quem pretende chegar a Koh Phi Phi via Krabi, é necessário pegar um transfer do aeroporto até o píer Klong Jirad e, de lá, um ferry ou lancha rápida para o píer Tonsai, em Phi Phi. O trajeto entre o aeroporto de Krabi e o píer Klong Jirad dura em média 30 minutos. A travessia de Krabi até Phi Phi leva uma hora e meia de ferry. A maior empresa que faz o percurso é a Andaman, e os bilhetes podem ser comprados antecipadamente pela internet.

Onde ficar em Koh Phi Phi

Grande parte das opções de hospedagem em Koh Phi Phi ficam na região central, próximo ao principal píer Tonsai, o principal da ilha. Nesta estreita faixa que separa duas praias, Tonsai e Loh Dalum, concentram-se praticamente todos os restaurantes de Koh Phi Phi, lojinhas, agências de passeios turísticos e demais serviços. E não há muita diferença entre escolher uma praia ou outra, já que elas estão muito próximas: em cinco minutos de caminhada você sai da margem de uma e chega à areia da outra.

O que pode fazer diferença em relação ao local escolhido para se hospedar é o quanto você está disposto a enfrentar o agito da ilha. Koh Phi Phi tem um centrinho bem animado, com muitos bares e algumas casas de festas. Sobretudo na alta temporada, o barulho costuma ir até tarde. Se preferir noites mais silenciosas, busque estadias mais afastadas do píer, de preferência nos cantos das duas praias. Há ainda resorts bem mais afastados, mas aí será preciso de barcos para fazer os deslocamentos até o centro da ilha.

Nós aqui do Melhores Destinos já passamos férias em Koh Phi Phi e podemos recomendar alguns hotéis, como o Phi Phi Cliff Beach Resort e o Phi PhiThe Beach Resort.

O que fazer em Koh Phi Phi

Passeios de barco, mergulho, visitar o mirante (fim de tarde ou próximo ao almoço quando a água está mais clara), fazer uma trilha até Long Beach, alugar um barco privativo para voltar paras as praias preferidas, curtir a noite nos bares e casas de festa, alugar um caiaque para apreciara costa de pertinho e comer muito bem.

Passeios de barco em Koh Phi Phi

Para visitar as principais atrações de Koh Phi Phi, muitas delas em ilhas próximas, será preciso fazer um passeio de barco. São vários os boat tours oferecidos na recepção dos hotéis, em agências de passeios no centrinho da cidade e até mesmo em ofertas feitas diretamente pelos próprios barqueiros próximo ao píer Tonsai.

A maioria dos passeios por Shark Point, Bamboo Island, Nui Beach, Monkey Beach, Viking Cave, Pileh Lagoon, Loh Samah Bay e Maya Bay, que ficou mundialmente conhecida por ter sido cenário do filme “A Praia”, estrelado pelo ator Leonardo DiCaprio (2000).

Atualmente Maya Bay está fechada por tempo indeterminado para a recuperação dos recifes de coral da região na praia mais famosa da Tailândia .

O percurso vai depender do serviço contratado e do tempo de viagem que você quiser. É comum encontrar tour de até 4 horas, que passa por um número menor de praias e com paradas mais rápidas para mergulho. Tem o passeio de dia inteiro que dá a volta nas duas ilhas, Phi Phi Don e Phi Phi Leh, com direito a uma contemplativa vista para o pôr do sol em alto mar no fim do passeio. E há ainda passeios que avançam noite adentro ou se iniciam de madrugada, especiais para os que pretendem nadar com plânctons e ver o belo fenômeno da bioluminescência.

Os long tail boat são os barcos de passeio mais tradicionais das Ilhas Phi Phi

Também é possível optar por diferentes tipos de embarcação. O long tail boat é o tradicional barco tailandês, de madeira e sempre bem colorido. As viagens são um pouco mais lentas do que as de lancha rápida (speed boat), mas rendem belas fotos na proa da embarcação.

Ainda existem barcos pirata, com dois andares e capacidade para um maior número de pessoas e, claro, a possibilidade de alugar uma lancha ou long tail boat privado e fazer o percurso que você bem entender, ficando quanto tempo quiser em cada praia ou local de mergulho.

Os passeios geralmente oferecem equipamento de mergulho, como snorkel, bebidas e refeição. Os guias costumam falar inglês e até agências que oferecem todos os tours em português.

Melhores praias de Koh Phi Phi

Shark Point

Ponto de mergulho em frente à Long Beach, não muito distante do píer Tonsai, onde é possível nadar junto com tubarões gralha-preta que são pequenos e, de acordo com os guias, inofensivos.

Bamboo Island

A Bamboo Island é uma das maiores ilhas do arquipélago que forma Phi Phi. Uma extensa faixa de areia fina e branca cercada por um mar calmo e azul transparente recebe os barcos de turistas. Há áreas de sombra com mesas e bancos para almoços e lanches, um pequeno quiosque que serve pratos quentes e lanches e banheiros. É um paraíso para quem gosta de ficar na água, quentinha e limpíssima, ou curtindo o sol na areia. Para entrar na área de reserva ambiental, é cobrada uma taxa de 400 baht por pessoa (preço de 2020).

Nui Beach

Nui Beach é considerada uma das praias mais bonitas de Koh Phi Phi e sua baía é uma das melhores regiões para avistar os peixes de snorkel. Os passeios de barcos costumam passar em frente a ela, fazendo paradas para mergulho de snorkel — se a ideia for acessar a areia ou ficar mais tempo na região, prefira o passeio em um barco privado.

Nui Bay é uma das melhores regiões de Phi Phi para mergulhar e ver os peixes coloridos da ilha

Monkey Beach

Monkey Beach é sim muito bonita, com árvores fazendo sombra em parte da areia e uma área de pedras, ideal para mergulho de snorkel em uma das pontas. A fama da praia, no entanto, vai para os macaquinhos que ali se reúnem à espera de turistas — e das frutas que vêm com os visitantes. Quando estivemos por lá, a praia estava vazia, os macacos haviam subido o morro e estavam na praia aos fundos de Monkey Beach. O cenário era esse:

Nosso barqueiro então fez a volta na ponta da ilha e chegamos ao local onde os bichinhos estavam (parecia que nos esperando):

Pileh Lagoon

Em Koh Phi Phi Leh, ilha em frente à Koh Phi Phi Don (onde fica o centrinho), está Pileh Lagoon uma lagoa cercada de paredões rochosos. Lindíssima! No entanto, não é dos melhores lugares para fazer mergulho. Por lá, aproveite para relaxar na água calminha e curtir a paisagem.

Loh Samah Bay

Loh Sama Bay é outra baía na ilha Koh Phi Phi Leh. Os passeios de barcos costumam parar por ali para um último mergulho de snorkel antes de regressarem ao píer Tonsai.

Maya Bay

A mais famosa praia da Tailândia, Maya Bay ganhou fama após a gravação do filme A Praia, protagonizado pelo astro Leonardo DiCaprio. Desde então, a curta faixa de areia passou a receber levas e levas de barcos e turistas, a ponto de ter sido necessária fechada para recuperação ambiental, sem previsão de reabertura. Os passeios de barcos seguem passando em frente à Maya Bay e, ainda que de longe, é possível ver a beleza da praia e entender por que ela é considerada uma das mais belas do mundo. Aqui, Maya Bay vazia, vista de cima:

Mirante View Point em Koh Phi Phi

Um trilha ou uma longa escadaria saindo do centrinho de Koh Phi Phi Don levam os visitantes até o  mirante View Point, que oferece belíssimas paisagens sobre as praias de Tonsai e Loh Dalum. Para acessar o deque de madeira, com um jardim florido e quiosque de lanches e sucos naturais, é preciso pagar uma taxa de 30 baht (valor de 2020). O mirante é bastante movimentando no fim da tarde, principalmente durante o pôr do sol, mas no fim da manhã é quando o mar fica mais claro devido à incidência do sol. Compare:

Trilha para Long Beach

Se tiver disposição para uma caminhada de 30 a 40 minutos, faça a trilha de Tonsai até Long Beach, uma das mais belas e extensas praias de Koh Phi Phi. O percurso é de fácil/média dificuldade, com uma parte um pouco mais chata, quando é preciso descer ou subir um pequeno barranco. Mas nada grave! Sério mesmo.

Todo o trajeto é bem sinalizado, começa em no centrinho, depois segue por entre hotéis que ficam em uma das pontas de Tonsai e passa por praias lindas e isoladas (onde tem até balanços esperando para fotos totalmente instagramáveis) até chegar a Long Beach, onde há um resort e um restaurante à beira-mar pra lá de delicioso e com preços justos. Tome um café da manhã caprichado, faça a trilha, curta o mar delicioso, transparente e quentinho de Long Beach, almoce por lá e retorne para o centrinho. Vai ser um dia (ou meio dia) pra lá de especial! E bem, se a ideia for evitar a caminhada, é só pegar um taxi boat – em média, 100 baht o trecho.

Roteiro em Koh Phi Phi (3 dias)

  • Dia 1 – No dia da chegada à ilha, deixe para descansar, curtir o hotel e fazer o reconhecimento no centrinho da cidade, área que se estende entre as praias de Tonsai e Loh Dalum. Se quiser aproveitar uma vista incrível para o pôr do sol, já faça a caminhada até o Mirante View Point.
  • Dia 2 – No segundo dia em Koh Phi Phi faça um passeio de barco até algumas das mais famosas praias do mar de Andaman. Prepare-se para um dia cheio, com muito mergulho de snorkel, desembarque em praias paradisíacas e fotografias em cenários de tirar o fôlego.
  • Dia 3 – o terceiro dia, você pode escolher entre alugar um barco privativo (por hora) e voltar até a praia ou as praias e pontos de mergulho que mais lhe chamaram a atenção ou então fazer uma trilha até a praia de Long Beach, perfeita para um dia de praia. Se levantar cedinho, dá tempo até de fazer os dois passeios!

Com mais tempo em Long Beach, dá ainda para fazer aulas de mergulho, nadar à noite com plânctons, andar de caiaque pela costa de Phi Phi Don… e claro, aproveitar esse paraíso com mais calma, permitindo-se ficar mais tempo nas praias preferidas (o que, lembre-se, só é possível em passeios em barcos privados).


Para planejar sua viagem para a Tailândia, veja também o nosso Guia de Phuket. E se tiver dicas de passeios, restaurantes e hospedagens e outras sugestões do que fazer em Koh Phi Phi, participe nos comentários!

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção