logo Melhores Destinos

Conheça as 18 igrejas mais bonitas e incríveis da Europa

Rafael Castilho
Rafael Castilho
25/07/2021 às 6:00

Conheça as 18 igrejas mais bonitas e incríveis da Europa

Visitar as igrejas, basílica e monastérios são paradas obrigatórias em qualquer visita à Europa. Depois de alguns dias no Velho Continente até nos embaralhamos de quantas igrejas visitamos. Entretanto, algumas delas marcam para sempre. Separamos 18 templos religiosos imperdíveis e que devem fazer parte do seu roteiro de viagem.

Basílica da Sagrada Família – Espanha

O Temple Expiatori de La Sagrada Familia é o principal símbolo de Barcelona. Há mais de 100 anos começou a sua construção que agora prometem estar finalmente concluída em 2026. É um Patrimônio Mundial da Unesco e desde 2010 é uma basílica. São, ao todo, oito torres, cada uma delas representando um apóstolo, porém, mais dez serão entregues quando a obra for concluída seguindo todos os passos do projeto do arquiteto catalão Antoni Gaudi.

Basílica da Sagrada Família

Basílica de Santa Maria – Polônia

Bem no coração da Cracóvia fica uma das igrejas mais belas de toda Europa. A Basílica de Santa Maria, toda em tijolo e com suas torres com diferentes alturas, foi construída no século XIV em estilo gótico. Na ponta de uma das torres, com 80 metros de altura, reluz uma coroa dourada. O seu interior é mais magnifico com detalhes em tijolo, pinturas e madeira. Destaque para o teto todo pintado num azul profundo repleto de estrelas.

Basílica de Santo Estevão – Hungria

Esta Basílica, em Budapeste, leva o nome em homenagem a Estevão I, o primeiro rei da Hungria (975-1038), cuja mão direita está alojada num relicário. Com 96 metros de altura, tem a mesma altura que o edifício do Parlamento. É o maior edifício religioso do país. A Basílica de Santo Estevão, que foi inaugurada em 1905, além de abrigar missas também é lar de apresentações musicais clássicas.

Basílica de Santo Estevão

Basílica de São Marcos – Itália

A Basílica de San Marco foi concluída em 1092 e serve como símbolo da riqueza de Veneza, ganhando o título de Igreja de Ouro. São Marcos é um dos exemplos mais conhecidos da arquitetura ítalo-bizantina. Além de seu interior dourado reluzente, a Basílica é ornamentada com espólios de guerra, como os famosos cavalos de bronze trazidos de Constantinopla e a escultura “os tetrarcas” trazida da Síria e tem as relíquias do santo apóstolo, que escreveu um dos quatro evangelhos.

Basílica de São Pedro – Itália

No Vaticano, sede da igreja Católica, a Basílica de São Pedro não poderia faltar na lista das mais bonitas igrejas da Europa. Considerada a maior igreja do mundo, a Basílica de São Pedro foi construída de 1506 a 1626. Projetado por Michelangelo e vários outros arquitetos renascentistas proeminentes, atrai peregrinos do mundo todo.

Basílica de São Pedro

No seu interior é possível encontrar impressionantes obras de arte, como a Pietà, do próprio Michelangelo; o Baldaquino, de Bernini, entre tantos outros tesouros. É possível agendar uma visita ao o túmulo do apóstolo Pedro, que fica no cemitério romano sobre o qual foi construída a basílica.

Catedral de Colônia – Alemanha

Com quase 145 metros de altura, a Catedral Colônia, na Alemanha, é a quinta igreja mais alta do mundo. Já chegou a ser a construção mais alta do planeta quando foi concluída em 1880. A Catedral dedicada a São Pedro e Nossa Senhora guarda os supostos restos mortais dos Três Reis Magos, relíquias saqueadas de Milão, na Itália, pelo imperador Frederico I.

Catedral de Colônia

Catedral de León – Espanha

A Catedral de Santa Maria de Regla de León foi construída no local dos banhos romanos, que remonta ao século II. O rei Ordono II de Leon demoliu os banhos e construiu um palácio em seu lugar. Depois de derrotar os árabes em 917, ele ofereceu seu palácio a Deus como um sinal de gratidão pela vitória e construiu a primeira catedral. Essa catedral ficou em ruínas e foi substituída duas vezes. A atual estrutura, que fica em León, no norte da Espanha, é de 1205.

Catedral de Leon

Catedral de Nossa Senhora de Kazan – Rússia

A catedral leva o nome de Nossa Senhora de Kazan, o ícone mais venerado da Igreja Ortodoxa Russa, e foi construída em 1801 em São Petersburgo. Inspirada na Catedral de São Pedro, no Vaticano, a igreja foi erguida em forma de cruz e tem uma altura de 80 metros. O local hoje ainda abriga poucas cerimônias, mas é tido como um museu de todas as religiões devido ao seu rico acervo.

Catedral de Notre Dame – França

Bem no centro de Paris, na Île de la Cité, fica a bela Catedral de Notre Dame. Mundialmente famosa e cenário de dezenas filmes, a igreja foi construída entre 1160 a 1345. Ao longo da história, a Catedral passou por diversas reconstruções devido à Revolução Francesa e por último o incêndio de 2019. Inspiração para muitos casais apaixonados, Notre Dame abriga diversos tesouros, incluindo a Coroa de Espinhos, um fragmento da Verdadeira Cruz e um dos Pregos Sagrados.

Catedral de Notre Dame

Catedral de Santa Maria das Flores – Itália

Esta belíssima catedral impressiona pelo tamanho. Bem no meio de Florença, a Cattedrale di Santa Maria del Fiore levou mais de 150 anos para ficar pronta. Foi entregue em 1436 e conta com dezenas de obras de arte no seu interior, como afrescos de Zuccari e Vasari, além de vitrais magníficos de Donatello, Paolo Ucello, Lorenzo Ghiberti e Andrea del Castagno. Patrimônio da Unesco, a gigante cúpula continua ser a maior do mundo construída em tijolos com seus 100 metros de altura.

Catedral de São Basílio – Rússia

A Catedral de Vasili, o Abençoado, mais popularmente conhecida como Catedral de São Basílio na Praça Vermelha, Moscou, foi encomendada por Ivan, o Terrível. A Catedral foi construída entre 1555- 1561 em comemoração a captura de Kazan e Astrakhan. A catedral com suas cúpulas coloridas é o principal cartão postal da capital russa.

catedral moscou

Catedral de São Basílio

Catedral de São Paulo – Inglaterra

Com sua bela e imponente cúpula, a Catedral de St. Paul é um dos cartões-postais mais famosos de Londres. Foi o edifício mais alto da capital inglesa de 1708 até 1962. A construção da igreja começou em 1675 depois que o Grande Incêndio de Londres destruiu a anterior. A Catedral é marcada por grandes acontecimentos, como o casamento de príncipe Charles e Diana, funeral de Winston Churchill e o Jubileu de Ouro e Diamante da Rainha Elizabeth II.

Catedral de São Paulo

Igreja de Borgund – Noruega

A igreja de madeira de Borgund é uma das mais bem preservadas da Noruega. Foi construída por volta de 1180 dedicada ao apóstolo André. Hoje não recebe mais missas. Virou um museu administrado pela Sociedade para a Preservação de Antigos Monumentos Noruegueses.

Igreja de Borgund

Igreja de Vang – Polônia

Mais uma igreja de madeira faz parte da lista das mais bonitas da Europa. Esta aqui ainda carrega o nome de seu lugar de origem. Construída em 1200 em Vang, no sul da Noruega, esta bela igreja em estilo Viking foi levada para a Polônia, antiga Prússia, no século XIX. Ela foi adquirida pelo rei Frederico Guilhermo IV após ser colocada a venda pelos noruegueses que queriam construir um templo maior. Desde então, a Igreja de Madeira de Vang atrai visitantes a Karpacz, no sudoeste polonês.

Igreja de Madeira de Vang

Hagia Sofia – Turquia

Com certeza um dos pontos mais famosos e importantes de Istambul. Reconstruída nada menos que três vezes, no mesmo local, a Basílica de Santa Sofia – ou Hagia Sofia, em grego – teve a sua primeira versão erguida pelo imperador Constantinius, em 360 a.C.; o prédio existente atualmente foi construído a mando do imperador Justiniano (527-565 a.C.). O local já foi igreja e museu e voltou a ser uma mesquita, por meio de um decreto polêmico do atual governo turco.

Hallgrimskirkja – Islândia

Hallgrimskirkja é uma das maravilhas arquitetônicas mais exclusivas da capital da Islândia, Reykjavik. A igreja de aparência futurística foi projetada por Guðjón Samúelsson em 1937, embora só tenha sido concluída em 1986. Quanto à forma única da igreja, Samúelsson se inspirou na aparência da lava ao esfriar na rocha basáltica. Com este estilo bem diferente ela nao poderia estar de fora da lista das igrejas mais bonitas da Europa.

Hallgrimskirkja

Monte Saint Michel – França

No ilhote de pedra granítica, localizado na divisa entre a Normandia e a Bretanha, nasceu uma das mais incríveis obras do mundo. Diferente do que se imagina à primeira vista, o Monte Saint-Michel não é um castelo. O primeiro mosteiro foi construído na ilha no século 8 depois que, segundo a lenda, o arcanjo Miguel visitou St. Aubert, o bispo de Avranches, e o instruiu a construir uma igreja na ilha.

Mosteiro dos Jerónimos – Portugal

Uma belíssima e imponente construção do século XVI, considerada uma joia da arquitetura manuelina, onde estão guardados tesouros e muita história de Portugal. Patrimônio mundial pela Unesco e com uma fachada de 300 metros, o Mosteiro dos Jerónimos é uma das principais atrações de Lisboa.

É claro que ao fazer uma lista algumas igrejas foram deixadas de fora. Então, qual igreja você indica e que deveria estar no ranking das mais bonitas da Europa? Deixe seu comentário logo abaixo.