logo Melhores Destinos

Às vésperas do verão, Grécia reabre monumentos históricos e mais de 500 praias

Bruna Scirea
19/05/2020 às 12:27

Às vésperas do verão, Grécia reabre monumentos históricos e mais de 500 praias

Após dois meses de fechamento devido à pandemia, importantes monumentos da Grécia e, portanto, da história mundial, estão reabertos ao público desde o início desta semana. Entre eles, está a famosa Acrópole, o ponto turístico mais procurado de Atenas, que recebeu 2,9 milhões de visitantes somente em 2019.

Este é o primeiro passo para a retomada do turismo no país, importante pilar da economia grega, que deve se intensificar inicialmente com as viagens domésticas e, a partir de 1° julho, com o relaxamento das fronteiras, espera receber turistas estrangeiros.

Por enquanto, estão reabertas somente atrações ao ar livre, como são os templos espalhados na capital e em outras regiões do país. Para acessar os sítios históricos, visitantes devem manter distância de pelo menos 1,5 metro uns dos outros e, se possível, usar máscara (a obrigatoriedade vale somente para guias turísticos). Atrações fechadas como os museus devem voltar a funcionar somente a partir de 15 de junho.

Leia mais:
Retoma de viagens internacionais: quais são as previsões em diferentes países?
Viagens de cruzeiro: como devem ser as férias em alto mar após a pandemia
Oito questões essenciais ao planejar suas próximas viagens no pós-quarentena

O acesso a 500 praias gregas também foi liberado no último fim de semana. Foi a oportunidade de os gregos aproveitarem a primeira onda de calor para frequentar espaços públicos, o que não era permitido desde 23 de maio, quando foi decretado o confinamento geral no país. Mas, é claro, há regras: as cadeiras de praias são desinfetadas após o uso, não são permitidas mais de 40 pessoas por mil metros quadrados e os guarda-sóis devem estar a quatro metros de distância. O governo também considera o uso de drones para fazer o monitoramento das praias e detectar possíveis aglomerações.

As viagens às famosas e paradisíacas ilhas gregas, no entanto, serão permitidas somente a partir de 25 de maio. Vale destacar que os arquipélagos gregos passaram a crise sem registrar casos de coronavírus. Aliás, até o momento, a Grécia contabiliza 165 mortos pela Covid-19, número bem baixo se comparado com países vizinhos e outras potências europeias.

Leia mais:
Zakynthos: Conheça a ilha de Navagio Beach, na Grécia
Santorini de Norte a Sul: Dicas e o que fazer na ilha mais charmosa da Grécia

_______________________
Assim como a Grécia, outros países da Europa também estão aos poucos reabrindo suas atrações mais turísticas. Vale saber como se dará a retomada do turismo, se os viajantes se sentirão seguros para visitar locais de maior movimentação. Falando nisso, como estão os seus planos de viagem?

Não perca nenhuma oportunidade!
ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
tela do app do melhores destinos
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção