logo Melhores Destinos

Chip virtual de internet para viagens internacionais vale a pena? Testamos o eSIM da Airalo

Sandro Kurovski
03/03/2022 às 15:40

Chip virtual de internet para viagens internacionais vale a pena? Testamos o eSIM da Airalo

Ter acesso à internet quando você viaja para o exterior pode ser uma verdadeira dádiva. Você pode usar os dados para chamar um transporte por aplicativo, consultar o mapa para se localizar em uma cidade nova, encontrar restaurantes, consultar preços de atrações e manter contato com amigos e familiares. Além disso, quem trabalha de forma remota pode usar os dados do celular para trabalhar sem depender de Wi-Fi gratuito.

Opções não faltam e cada viajante tem seu próprio jeito de usar o celular em uma viagem internacional. Pode ser que o plano da sua operadora já inclua uso de dados em outros países, que você prefira comprar um chip pré-pago no destino, ou ache mais fácil manter um chip internacional.

Entre tantas possibilidades, testamos uma que pode ser bastante prática e barata para uso de dados móveis fora do Brasil: o Airalo.

chip de internet viagem internacional

Airalo é um eSIM (chip virtual) que permite comprar planos de dados móveis temporários ao viajar para o exterior. Os chips eSIM funcionam da mesma forma que os SIM normais, só que sem a necessidade de colocar um chip físico no telefone. Isso significa que você não precisa trocar seu chip, mas pode manter uma segunda linha ativa para uso de dados em outros países. É como usar dois chips no mesmo aparelho, só que um deles vai ser virtual.

Parece complicado? Para falar a verdade também achei meio complexo no início, mas vou explicar tudo em detalhes para que você possa usar o serviço, se manter conectado, e ainda economizar em suas viagens. Vou contar como o serviço Airalo funciona e como foi minha experiência com ele nos Estados Unidos, Europa e Colômbia.

O que é um eSIM?

O eSIM é igual a qualquer chip de celular. Ele contêm seu número de telefone e plano de dados, permitindo que seu smartphone se conecte a uma rede celular para dados, chamadas e textos.

Ao contrário dos SIMs padrão, porém, os eSIMS são incorporados ao seu telefone ou tablet de forma virtual, sem a necessidade do chip físico. Você geralmente adiciona esses chips virtuais ao seu aparelho lendo um código QR, digitando um código ou instalando através de algum aplicativo.

chip de celular para viagem internacional

Chips físicos estão com os dias contados

Estima-se que em poucos anos o chip de celular como conhecemos hoje seja totalmente substituído pelo eSIM. Então é bom ir se acostumando.

Muitas operadoras de telefonia já oferecem chips virtuais a seus clientes – algo útil para trocar de operadora de forma rápida, já que você não precisa ir até uma loja para comprar um novo chip.

Mas os eSIMs também são muito práticos em viagens. Isso porque você pode comprar um chip virtual de forma remota, ainda no Brasil, através de serviços como o Airalo.

Basicamente, esses serviços vendem planos telefônicos temporários que podem ser usados ​​no exterior. A vantagem disso é que você pode contratar planos de dados móveis a preços mais baixos e sem ter que comprar fisicamente um cartão SIM em uma loja de telefones celulares.

usar celular no exterior

Isso economiza muito tempo, especialmente se você estiver viajando para um países como a França ou Espanha, onde seu passaporte é digitalizado e registrado quando você compra um cartão SIM.

Você também pode comprar esses cartões eSIM à vontade, e eles geralmente funcionam por um determinado período de tempo. Quando esse período terminar (ou você ficar sem dados), é só recarregar o eSIM ou comprar um novo de outra operadora.

Quais smartphones aceitam eSIMs?

Como essa é uma tecnologia relativamente recente, apenas os telefones mais novos possuem compatibilidade.

Para quem usa iPhone, o recurso está presente em todos os modelos a partir do iPhone XS. Ou seja, iPhones 11, 12 e 13 são compatíveis, bem como em alguns modelos de iPad a partir da 3ª Geração. É possível usar duas linhas de dados no mesmo aparelho ao mesmo tempo, sendo uma no chip físico e a outra no eSIM. Quem tem um iPhone 13 já consegue usar dois eSIMs simultaneamente.

Já para usuários Android a compatibilidade com eSIM está presente em aparelhos Samsung a partir do S20, Google Pixel a partir do 3 e nos top de linha de marcas como Motorola e Huawei. Veja a lista completa de telefones, tablets e computadores compatíveis com o serviço.

Tanto o iOS quanto o Android suportam o uso de chips virtuais e chips SIM padrão ao mesmo tempo. Isso significa que você pode configurar seu cartão SIM físico para mensagens de voz e texto, enquanto seu cartão eSIM fornece os dados móveis.

Os eSIMs são uma mão na roda para viajantes que desejam permanecer conectados. Eles facilitam a compra de planos mais baratos e economizam um tempo valioso.

Como funciona o Airalo?

O Airalo é um dos principais fornecedores de eSIM para iOS e Android, mas todos os chips virtuais disponíveis no Airalo são somente para dados, o que significa que eles não recebem um número de telefone e não podem fazer ou receber chamadas via celular ou mensagens de texto. No entanto, eles fornecem dados móveis de alta velocidade a preços bem interessantes.

O fato de não possibilitar chamadas ou envio de SMS não chega a ser um problema, já que os dados permitem o uso de apps como FaceTime, WhatsApp, Skype, Telegram, Facebook Messenger, entre outros, incluindo chamadas via uso de dados pelo WhatsApp, por exemplo.

Você pode comprar eSIMs Airalo através do aplicativo ou pelo site da Airalo. Após a compra, você receberá um código QR que deverá ser lido com seu telefone para instalar em seu dispositivo iPhone ou Android compatível com eSIM.

O Airalo oferece chips virtuais para mais de 100 países em todo o mundo, então é difícil encontrar um país que não seja compatível. É só manter o aplicativo instalado e você poderá se conectar através de dados móveis em praticamente qualquer lugar do mundo.

Opções de planos Airalo

O Airalo vende 3 tipos de eSIMs: local, regional e global. Os eSIMs locais costumam ser mais baratos, mas funcionam apenas em um país específico, enquanto os eSIMs regionais geralmente um pouco são mais caros, mas permitem que você se conecte em vários países com o mesmo plano. Há ainda o plano global que oferece cobertura em 87 países. Considerando os planos locais, são mais de 190 países cobertos.

Compare sempre os preços dos planos antes de fazer a compra. Dependendo do caso, pode valer mais a pena optar por um plano regional ou global ao invés do local.

A única coisa que é igual em todos esses planos é que eles são todos pré-pagos e não são renovados automaticamente. Além disso, você não precisa se preocupar em cancelar um plano de dados ou negociar diretamente com uma operadora ao sair de um país, o que é uma maravilha! – quem já teve essa dor de cabeça sabe bem do que estou falando.

Planos, preços e limite de dados variam dependendo do país para o qual você está viajando. Por exemplo, você pode comprar um chip virtual da Inglaterra com 1 GB válido por 7 dias por US$ 5. Já o mesmo plano no México custa US$ 9.

Minha experiência usando Airalo no exterior

Agora que você já entendeu o que é o eSIM e como o Airalo funciona, vou contar como foi minha experiência com o serviço em viagens para os Estados Unidos, Europa e Colômbia.

Por conta do trabalho aqui no Melhores Destinos, costumo fazer algumas viagens internacionais bem curtas, principalmente quando se trata de avaliações de companhias áreas. É bem comum que eu fique apenas dois ou três dias em um destino e, nesses casos, não vale muito a pena comprar um chip local.

Já usei chips pré-pagos, tive plano com roaming internacional e também já experimentei alguns chips internacionais, mas ultimamente vinha me virando com com o wi-fi grátis nos hotéis, aeroportos e outros locais. Só que além de não serem seguras, as redes públicas não estão disponíveis em todos os lugares. Minha maior dificuldade era na hora de chamar um Uber quando estava na rua. Por isso, na última ida aos EUA, em janeiro de 2022, resolvi testar o Airalo por indicação de meu colega de MD, Daniel Gadelha. Depois acabei usando também na Espanha, Portugal e mais recentemente na Colômbia.

Compra e instalação do eSIM Airalo

Baixei o app Airalo gratuito para o iPhone XS Max do trabalho e criei uma conta. Como iria passar por Miami, Orlando e Nova York vi que o plano local para os Estados Unidos seria a melhor opção para experimentar o serviço. Esse plano oferece 1 GB de dados válido por 7 dias e custa US$ 4,50. Com a indicação do Daniel recebi um cupom de desconto no valor de US$ 3, então, no fim das contas, paguei apenas US$ 1,50 (cerca de R$ 7,80).

Antes de fazer a compra você pode ver os detalhes do chip virtual. Nesse caso as operadoras Eram a AT&T e a T-Mobile.

Toquei no botão “Comprar agora”  na parte inferior da tela e tive a opção de pagar com cartão de crédito ou débito, Apple Pay, PayPal ou Alipay. Fiz o pagamento com o Apple Pay. Como eu tinha o crédito de US$ 3 dólares da indicação para usar, antes de finalizar o pagamento cliquei no botão “Aplicar código/usar Airmoney” para poder abater os US$ 3 do valor total.

O chip virtual apareceu na minha conta Airalo imediatamente após a compra na guia Meus eSIMs. Esta tela é onde você pode visualizar e instalar todos os seus eSIMs adquiridos. Basta tocar no botão Detalhes abaixo do eSIM adquirido para visualizá-lo.

Na tela do eSIM, você verá uma variedade de informações e alguns botões. O primeiro é o botão de instalação, basta clicar nele para avançar. Haverá opção de instalar diretamente (caso esteja acessando o app pelo próprio aparelho), por código QR (caso esteja acessando em outro aparelho ou pelo site) e manualmente (apenas para o caso da instalação direta não funcionar corretamente em seu dispositivo).

Quando testei o serviço a opção de instalação direta ainda não estava disponível, então fiz de forma manual mesmo e não foi difícil. Nas outras vezes a opção de instalação direta já estava disponível e foi ainda mais simples fazer a instalação do eSIM Airalo. Todo o processo é muito intuitivo e basta seguir as instruções do app.

Instalei o eSIM em casa e tive que esperar alguns dias até pousar nos EUA para saber se realmente funcionava.

Usando Airalo nos EUA

Assim que o avião tocou o solo em Miami desativei o modo avião e configurei os dados para eSIM Airalo. Alguns segundos de espera e logo estava conectado! Depois do desembarque pude chamar um Uber para ir até o hotel, sem nenhuma dificuldade e sem ter que passar em uma loja de celular antes.

O Serviço funcionou bem em Miami, Orlando e também em minha rápida passagem por Nova York em uma conexão na volta. Usei redes sociais, mapas, Uber, fiz pesquisas no Google e conversei com a família e o pessoal do trabalho sem dificuldade durante toda a viagem.

1 GB pode ser pouco dependendo do seu uso, mas para minha estadia de 5 dias foi mais que suficiente. Caso não fosse, bastava fazer uma recarga adicional.

Usando Airalo na Europa

Em uma viagem de férias para Espanha e Portugal optei pelo plano regional Europa de 3 GB para poder usar nos dois países. Nas cidades maiores pelas quais passei os dados funcionaram perfeitamente, mas no interior fiquei sem acesso ou com velocidade bastante limitada em alguns locais, mesmo com sinal disponível. Também usei muito as redes sociais e apps de mensagem, inclusive para ligação de vídeo.

Usando Airalo na Colômbia

Na Colômbia foi onde tive mais dificuldade em usar o eSIM Airalo, creio que mais pela deficiência da cobertura local que pelo serviço em si. Na cidade de Rio Negro, onde fica do Aeroporto Internacional de Medelín, não consegui usar os dados de jeito nenhum. Nesse caso adquiri um plano Global de 1 GB. Em Medelín finalmente consegui usar o plano fazendo algumas configurações adicionais (foi preciso acessar o eSIM nas configurações do telefone e mudar a rede selecionada de 4G para 3G), mas retornando a Rio Negro fiquei sem acesso mais uma vez. Como minha estadia foi bem curta não cheguei a entrar em contato com o suporte Airalo.

Chip Virtual Airalo com desconto

É possível conseguir desconto para comprar seu chip virtual Airalo. Uma das formas é usar o código de indicação de algum amigo que já seja usuário do serviço, assim você ganha US$ 3 de desconto na primeira compra. Foi assim que consegui o desconto para usar o Airalo em minha viagem aos EUA. Da mesma forma você pode indicar o serviço para outras pessoas, compartilhando seu código de desconto. Cada vez que alguém usa seu código para receber US$ 3 de crédito você também recebe R$ 3, que podem ser usados em novas compras. Caso não tenha ninguém para te indicar pode usar o meu código: ALEXAN8308 ou o do meu colega Daniel DANIEL171.

Outra maneira de economizar é usando o código exclusivo MELHORESDESTINOS15, que dá 15% de desconto em qualquer compra no serviço, mesmo que você já tenha usado o bônus de US$ 3 na primeira compra. Basta acessar o site do Airalo e usar o cupom de desconto. Mas atenção! O código de desconto não pode ser usado junto com créditos acumulados, você precisa avaliar qual vai ser mais vantajoso para sua compra

Usando o código MELHORESDESTINOS15 o desconto máximo será de até US$ 7 por compra. Veja quanto é possível economizar aplicado o cupom em quatro planos diferentes:

Utilize o código MELHORESDESTINOS15 para ganhar 15% de desconto em qualquer compra no Airalo

Conclusão

Resumindo, o Airalo é um serviço muito útil para viajantes frequentes, nômades digitais e qualquer outra pessoa que precise ficar conectada ao viajar para o exterior. E de fato mais em conta que os chips físicos. Além disso, sua linha tradicional continua ativa enquanto você utiliza os dados contratados pelo eSIM.

O serviço também é muito mais barato do que os chips Internacionais disponíveis no mercado e bem mais prático do que comprar um SIM físico em uma loja de telefonia.

Mas o serviço não é isento de problemas, como pude constatar na Colômbia. Há diversos relatos de dificuldade para detecção de rede em determinados países, então vale a pena pesquisar antes.

Acho que o Airalo pode sim ser uma boa opção, mas não confiaria 100% nele sem um plano B para o caso de falhas. Vale comprar um plano mais básico para testar. E com o código de desconto de US$ 3 o risco de prejuízo será mínimo.

Outras opções de chips virtuais

Vale destacar que existem outras opções de eSIM no mercado, com diferentes planos e coberturas. O site esimdb.com mostra diferentes preços e pacotes por região e pode ser uma boa opção de consulta. Além da Airalo, as mais conhecidas são a Truphone, Ubigi, GigSky e KnowRoaming.


Já conhecia esse tipo de serviço? Achou interessante usar o chip virtual em viagens internacionais? Já usou o Airalo? Como foi sua experiência? Diz aí nos comentários.

Não perca nenhuma oportunidade!
ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
tela do app do melhores destinos
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção