logo Melhores Destinos

Cartões de crédito de cooperativas: requisitos, benefícios e como conseguir o seu

João Goldmeier
João Goldmeier
10/06/2020 às 12:42

Cartões de crédito de cooperativas: requisitos, benefícios e como conseguir o seu

A grande surpresa nas últimas atualizações do Ranking dos Melhores Cartões de Crédito do Melhores Destinos foram os cartões emitidos por cooperativas de crédito. Os cartões das cooperativas Sicredi, Uniprime, Sicoob e Unicred alcançaram o disputadíssimo TOP 10 do ranking! E a pergunta que mais recebemos foi: “como eu consigo esses cartões?”. É isso que a gente te conta nesse post exclusivo!

O que são as cooperativas de crédito?

Antes de falar dos cartões de crédito em si, é preciso entender o que são essas cooperativas que os emitem. As cooperativas de crédito são instituições financeiras voltadas a oferecer serviços financeiros exclusivos para seus associados. Os cooperados são ao mesmo tempo donos e usuários da cooperativa, participando de sua gestão e usufruindo de seus produtos e serviços.

Nelas você encontra os principais serviços disponíveis nos bancos, como conta corrente, aplicações financeiras, cartão de crédito, empréstimos e financiamentos.

O fato de ser dono implica em duas situações: se a cooperativa der lucro ele é distribuído entre os cooperados e se der prejuízo ele também será rateado, sempre na proporção das suas operações.

Mas fique tranquilo quanto aos depósitos nas cooperativas, elas contam com o FGCoop (Fundo Garantidor de Cooperativismo de Crédito) que funciona de forma bem similar ao mais conhecido FGC (Fundo Garantidor de Crédito) protegendo os depósitos feitos pelos associados caso a cooperativa passe por dificuldades financeiras. Assim como o FGC, o FGCoop também possui limite de até R$ 250 mil por CPF ou CNPJ, por instituição financeira. Na prática, isso quer dizer que, em caso de intervenção ou liquidação extrajudicial dessas instituições, o seu dinheiro estará protegido.

Cada cooperativa de crédito é ligada a um sistema financeiro cooperativo, são eles que disponibilizam os cartões de crédito para as cooperativas, mas são elas que estipulam as regras de obtenção e anuidade.

Assim, nem todas as cooperativas vão ter os mesmos cartões de crédito disponíveis e cada uma delas vai possuir regras diferentes para obtenção dos mesmos (já viu que complicou essa história, né?).

Uma característica comum a todos os cartões de crédito de cooperativas e que agrada seus usuários é que o spread cobrado nas compras em moeda estrangeira geralmente é bem menor que o utilizado pelos grandes bancos. Assim, é possível economizar bastante em compras feitas no exterior.

Como se associar a uma cooperativa?

Em primeiro lugar é preciso escolher uma cooperativa. Existem aquelas que são restritas a pessoas da mesma profissão como, por exemplo, a OABCred que só aceita cooperados advogados. Outras limitam um pouco menos, como a Unicred, que atende médicos, dentistas, professores, contadores e empresários. Já a Uniprime, assim como a Unicred, também aceita cooperados de diversas profissões, mas possui agencias apenas nos estados de São Paulo e Paraná. E um terceiro grupo que atende a qualquer um que deseje se associar, como a Sicredi.

Feita a escolha, basta ir até a cooperativa com os mesmos documentos que levaria para abrir uma conta bancária: comprovante de renda, de endereço, documento de identidade e CPF.

É preciso também adquirir uma ou mais cotas da cooperativa e o valor da cota varia bastante. Nas quatro instituições em que estivemos ele foi de R$ 200 a R$ 1.000.

Essa cota fica presa junto à cooperativa e ao solicitar o desligamento você recebe ela de volta. Mas atenção: isso pode demorar até um ano, dependendo da data da assembleia geral da cooperativa!

Depois funciona como um banco, você paga uma mensalidade (em geral mais baixa que nos bancos) pela cesta de serviços e contrata os serviços adicionais que quiser como empréstimos e cartões de crédito.

Feitas as devidas explicações, vamos aos cartões de crédito!

Quais as vantagens de se associar a uma cooperativa?

Uma das principais vantagens de ser membro de uma cooperativa de crédito, como já dito, é que você também será dono do negócio tendo, inclusive, voz ativa e direito a voto nas decisões coletivas da sociedade. Essa visão, bem diferente da praticada pelos bancos tradicionais, possibilita ao associado um tratamento único e bem mais humanizado. Como sócio do negócio, o cooperado poderá acompanhar o crescimento da cooperativa através de assembléias, reuniões e prestações de conta. E, ao final de cada exercício, uma parte dos lucros do negócio podem ser resgatados pelos associados.

Além disso, como essas instituições oferecem serviços somente aos seus membros, as taxas e tarifas cobradas pelo uso dos serviços, juros e anuidades dos cartões são bem mais baixas dos que os das instituições tradicionais.

Quais os melhores cartões de crédito de cooperativas?

Vamos conhecer os cartões de crédito de cooperativas que se destacaram no Ranking de Melhores Cartões de Crédito. Os produtos serão apresentados conforme a ordem que aparecem no ranking.

Cartão Unicred Mastercard Black

O cartão Mastercard Black da Unicred está em 4º lugar no Ranking de Melhores Cartões de Crédito, oferece 2,2 pontos por dólar, acesso ilimitado às salas VIP da bandeira em Guarulhos (gratuito ao portador) e acesso as salas do acervo LoungeKey sem custo com direito a acompanhantes.

Os pontos acumulados tem validade de 2 anos e podem ser transferidos para os programas Latam Pass, Smiles e TudoAzul. O valor da anuidade do cartão varia de acordo com a unidade do cooperado, mas é a partir de R$ 750. A cooperativa não cobra spread nas compras feitas em moeda estrangeira.

Cartão Sicoob Mastercard Black Merit

A versão Merit do cartão Sicoob Mastercard Black está disponível em poucas unidades da cooperativa, então caso seu objetivo seja solicitar este cartão, antes de se associar verifique se ela oferece o produto.

Como as cooperativas tem total liberdade para decidir com quais produtos vão trabalhar, a maioria parece entender que um só cartão na bandeira Mastercard Black é suficiente. Ou seja, encontrar o Merit pode ser difícil.

O grande diferencial da versão Merit é que os acessos às salas VIP do programa LoungeKey são gratuitas tanto para o portador do cartão como para seus acompanhantes. O valor da anuidade também varia, mas o valor de R$ 770 é o sugerido pela cooperativa. O cartão oferece 2,2 pontos por dólar que podem ser transferidos para os programas TudoAzul, Smiles e Latam Pass. O produto alcançou o 5º lugar no Ranking de Melhores Cartões de Crédito. Assim como a Unicred, a Sicoob também não cobra spread nas compras feitas no exterior.

Cartão Sicredi Mastercard Black

O cartão tem uma pontuação de 2 pontos por dólar gasto, dá acesso às salas VIP Mastercard Black em Guarulhos (somente para o portador do cartão) e oferece acesso gratuita e ilimitada ao programa LoungeKey para o portador e convidados. Em compras internacionais, o spread cobrado é de 1%.

A anuidade é de R$ 750, mas pode variar a depender da unidades da cooperativa. Os pontos tem validade de 2 anos e podem ser transferidos para os programas TudoAzul, Latam Pass e Smiles. O cartão figura no Ranking de Melhores Cartões de Crédito em 6º lugar.

Cartão Uniprime Mastercard Black

Cartões de crédito de cooperativas

O cartão mais sofisticado da cooperativa Uniprime oferece 2 pontos por cada dólar gasto que podem ser transferidos para os programas Latam Pass, TudoAzul e também para a Livelo.

Ele tem um diferencial interessante e raro entre os cartões do mercado que é pontuar também nas transações feitas na função débito. É oferecido 0,7 ponto por cada dólar gasto utilizando essa função. Por outro lado, as compras feitas no exterior podem sair caro. A cooperativa cobra 5% de spread nessas transações.

O acesso às salas VIP Mastercard Black em Guarulhos também está garantido, assim como acesso gratuito e ilimitado as salas do acervo LoungeKey para o portador do cartão. O acesso a convidados é cobrado.

A anuidade é no valor de R$ 720 e possui uma política transparente de isenção de anuidade. Basta que o cliente utilize pelo menos 20% do limite total de crédito para ficar livre da cobrança. O cartão aparece na 7ª posição no Ranking de Melhores Cartões de Crédito.

Cartão Sicoob Mastercard Black

O cartão oferece 2,2 pontos por dólar gasto, dá acesso às salas VIP Mastercard Black em Guarulhos e também fornece o LoungeKey. No entanto, todos os acessos são cobrados pela taxa de visita, motivo que levou o produto a posição 33ª no Ranking de Melhores Cartões de Crédito.

Sua anuidade também varia de acordo com a unidade da cooperativa, mas o valor sugerido pelo Sicoob também é de R$ 750. Os pontos tem validade de 2 anos e seus parceiros aéreos para transferência são TudoAzul, Smiles e Latam Pass.

Quais os demais cartões oferecidos pelas cooperativas?

Os associados que não conseguirem ser aprovados pelos melhores cartões de crédito das cooperativas podem tentar um cartão de nível mais baixo como Platinum ou Gold. Eles possuem pontuação menor e menos benefícios, mas podem servir de porta de entrada para conseguir upgrade para um cartão melhor superior posteriormente. Vamos analisar os demais cartões disponíveis em cada cooperativa.

Cartões de crédito Sicoob

Além dos cartões Mastercard Black e Mastercard Black Merit, a Sicoob também oferece o seu cartão de crédito nas versões Platinum e Gold emitidos nas bandeiras Visa e Mastercard.

Cartão Sicoob Mastercard Platinum / Visa Platinum

O cartão de crédito Sicoob na versão Platinum tem anuidade no valor de R$ 264 tanto na bandeira Mastercard como na bandeira Visa. Esse valor pode variar de acordo com a unidade do cooperado. Para cada um dólar gasto com um dos cartões, o usuário receberá 1,5 no programa de relacionamento do cartão.

Cartão Sicoob Mastercard Gold / Visa Gold

Já os cartões Sicoob Mastercard Gold e Visa Gold cobram R$ 192 de anuidade. A cobrança pode variar de acordo com a unidade da cooperativa. Os cartões oferecem 1 ponto por cada dólar gasto.

Cartão Sicoob Essencial Cabal

O cartão mais básico oferecido pela cooperativa é o Sicoob Essencial. Ele não possui cobrança de anuidade, mas também não participa do programa de fidelidade da cooperativa. Por ser emitido somente na bandeira Cabal, o cartão não possui aceitação internacional, mas no Brasil é aceito nas principais maquinetas de cartões como Rede, Cielo e Stone.

Como isentar a anuidade dos cartões Sicoob?

A Sicoob lançou recentemente a ferramenta “Comprou, Zerou” que permite que o cooperado fique isento ou obtenha 50% de desconto na anuidade de acordo com o volume dos gastos mensais. Infelizmente nem todas as unidades da cooperativa participam e as faixas de gastos necessários variam de acordo com a modalidade do cartão e a unidade Sicoob.

Para saber se a sua unidade oferece a ferramenta e consultar as faixas de gastos exigidas, acesse o site.

Cartões de crédito Sicredi

A Sicredi também oferece seu cartão nas variantes Platinum, Gold, Internacional e Touch.

Cartão Sicredi Mastercard Platinum / Visa Platinum

Os cartões Sicredi na modalidade Platinum possuem anuidade no valor de R$ 400 que pode variar conforme a unidade da cooperativa. A pontuação oferecida é de 1,5 ponto por cada dólar gasto.

Cartão Sicredi Mastercard Gold / Visa Gold

Já a versão Gold do cartão Sicredi oferece 1 ponto por cada dólar gasto em todas as compras. A anuidade é no valor de R$ 270 mas pode variar de acordo com a unidade da cooperativa.

Cartão Sicredi Mastercard Gold Internacional / Visa Internacional

Os cartões Sicredi Mastercard Internacional e Visa Internacional possuem anuidade no valor de R$ 200. No entanto, a tarifa pode variar de acordo com a unidade da cooperativa. Infelizmente, os cartões não participam do programa de recompensas da empresa.

Cartão Sicredi Touch Visa Internacional

O cartão Sicredi Touch é voltado para os jovens que estão aprendendo a administrar os próprios gastos. O produto está disponível apenas para cooperados com idade entre 18 e 25 anos. A anuidade do cartão é no valor de R$ 120 mas pode variar de acordo com a unidade da cooperativa. Para alegria dos jovens, o cartão oferece 1 ponto por cada dólar gasto.

Como isentar a anuidade dos cartões Sicredi?

Infelizmente a cooperativa não possui uma política para desconto ou isenção da cobrança da anuidade. No entanto, já recebemos relatos de leitores que conseguiram se livrar da cobrança negociando diretamente na cooperativa em que são associados. Confira também nossas dicas para não pagar a anuidade do cartão de crédito.

Cartões de crédito Unicred

A cooperativa Unicred oferece, além da variante Black, as categorias Platinum, Gold e Standard.

Cartão Unicred Mastercard Platinum / Visa Platinum

Cartões de crédito de cooperativas     Cartões de crédito de cooperativas

Os cartões Platinum da Unicred oferecem 1,5 ponto por cada dólar gasto. A anuidade dos cartões é no valor de R$ 299 mas pode variar de acordo com a unidade da cooperativa.

Cartão Unicred Mastercard Gold

Cartões de crédito de cooperativas

O Unicred Mastercard Gold tem anuidade no valor de R$ 150. Porém, a tarifa pode variar de acordo com a unidade da cooperativa. O cartão oferece 1 ponto por cada dólar gasto em todas as compras.

Cartão Unicred Mastercard Standard

Cartões de crédito de cooperativas

A versão Standard é a mais básica da cooperativa. O cartão tem aceitação internacional e oferece 1 ponto por cada dólar gasto. A anuidade custa R$ 100 mas pode variar conforme a unidade da cooperativa.

Como isentar a anuidade dos cartões Unicred?

Assim como a Sicredi, a Unicred também não oferece nenhuma regra transparente de como o cooperado pode conquistar desconto ou isenção da tarifa de anuidade. Uma alternativa é negociar a cobrança diretamente na unidade em que o usuário é cooperado.

Cartões de crédito Uniprime

A cooperativa do norte do Paraná oferece apenas cartões na bandeira Mastercard. Além da variante Black, são oferecidas as versões Platinum, Gold e Standard.

Cartão Uniprime Mastercard Platinum

Cartões de crédito de cooperativas

O cartão Uniprime Mastercard Platinum oferece 1,5 ponto por dólar nas despesas feitas na função crédito e 0,6 ponto por dólar nas despesas na função débito. A anuidade é de R$ 345 mas o usuário pode ficar isento ao acumular pelo menos 20% do valor do limite do cartão em compras. O produto aparece no Ranking de Melhores Cartões de Crédito em 63º lugar.

Cartão Uniprime Mastercard Gold

Cartões de crédito de cooperativas

A versão Gold do cartão Uniprime oferece 1 ponto por cada dólar gasto com o cartão na função crédito. No entanto, a partir de 1 de julho de 2020, o cartão deixará de acumular pontos. Os pontos acumulados até esta data serão mantidos e poderão ser utilizados até sua data de expiração. A anuidade é no valor de R$ 237,60 e o cliente fica isento ao realizar pelo menos 20% do valor do limite em compras.

Cartão Uniprime Mastercard Standard

Cartões de crédito de cooperativas

O cartão Uniprime na versão Standard é o mais básico da cooperativa. O produto tem aceitação internacional mas não participa do programa de pontos da empresa. O produto não cobra anuidade.

Como isentar a anuidade dos cartões Uniprime?

A Uniprime oferece política clara para que seus cooperados conquistem a isenção da anuidade de seus cartões. A empresa estabelece que o usuário deverá consumir pelo menos 20% do seu limite total de crédito em compras todos os meses para ficar livre da tarifa. Já para quem gastar entre 10% e 19,9% do limite, receberá um desconto de 50%.

Como conseguir os cartões de crédito de cooperativas?

Como dissemos, os requisitos variam de cooperativa para cooperativa, mas o caminho é igual em todas.

Após se associar, você irá preencher uma proposta de aquisição do cartão. Ela vai levar em conta o número de cotas, o volume de investimentos que você tem na cooperativa e, na maioria dos casos, o seu score de crédito. O comitê de crédito da cooperativa dará a palavra final.

Uma dica boa é você perguntar para seu gerente quais foram as características das últimas propostas aceitas. Assim você saberá se estar dentro do perfil e não perde tempo.

Nas cooperativas visitadas os requisitos que encontramos foram: renda mínima de R$ 10 mil até R$ 20 mil e investimentos de R$ 50 mil a R$ 300 mil. É uma variação bastante grande, então é bom avaliar bem antes de se associar.

Os cartões existem, são bons e têm anuidades mais baixas que outros cartões de alta renda, mas sua obtenção é um processo longo que envolve obrigatoriamente a associação a uma cooperativa. Na nossa avaliação, só faz sentido se essa associação também for seu objetivo ou trouxer outros benefícios financeiros.


Alguém tem algum cartão de crédito de cooperativa? Como foi o processo de obtenção? Comente e participe.

 

Veja também: