logo Melhores Destinos

Boeing suspende temporariamente a produção de novos 737 MAX

Leonardo Cassol
17/12/2019 às 10:35

Boeing suspende temporariamente a produção de novos 737 MAX

A Boeing comunicou que vai suspender a fabricação de novas aeronaves 737 MAX a partir de janeiro de 2020. A decisão ocorreu depois do órgão regulador da aviação dos Estados Unidos (FAA) ter indicado que as novas certificações de aeronavegabilidade do MAX não seriam liberadas em 2019, postergando ainda mais o retorno do jato à operação comercial.

A empresa alegou que com a medida vai poder se dedicar a entrega de cerca de 400 aviões já fabricados e que estão estocados em suas fábricas. Mesmo após o Boeing 737 MAX ser proibido de voar, a fabricante manteve a produção de cerca de 42 jatos desse modelo por mês.

O Boeing 737 MAX continua impedido de voar no mundo inteiro, desde maio de 2019, após dois acidentes que vitimaram 346 pessoas. A expectativa é que a aeronave seja liberada para operação até abril de 2020.

Saiba o que deu errado e o está sendo feito para garantir a segurança dos voos nos Boeing 737 MAX nesse post exclusivo.

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção