logo Melhores Destinos

32 dicas para a sua primeira viagem a Barra Grande, na Península de Maraú na Bahia!

Monique Renne
Monique Renne
11/07/2021 às 5:58

32 dicas para a sua primeira viagem a Barra Grande, na Península de Maraú na Bahia!

Barra Grande, na Península de Maraú, é o destino certo para quem busca lindas praias em meio ao Litoral Sul da Bahia. Parte da região conhecida como Costa do Dendê, Barra Grande tem atrações incríveis para dias de descanso à beira-mar, entre elas as piscinas naturais da Praia de Taipu de Fora, o pôr do sol inesquecível da Ponta do Mutá e a (quase) secreta Praia de Algodões. Impossível não se apaixonar por cada faixa de areia de Barra Grande, um dos mais lindos destinos entre as praias da Bahia.

Aproveite enquanto a Península de Maraú ainda está tranquila, as ruas são todas de areia e os preços bem acessíveis. Chegar a Barra Grande não é das tarefas mais fáceis, por isso o destino quase nunca está cheio. Ótima pedida para quem busca um paraíso ainda pouco explorado e, claro, sem aglomeração. Não faltam porções de praias desertas para ser feliz em Barra Grande. Esse pedacinho mágico da Bahia te espera para relaxar diante do mar, muitas vezes em praias com jeitinho de particular. Confira os feriados 2022 e já comece a sonhar com as suas merecidas férias.

Barra Grande

Barra Grande: o que fazer

1- Vá a todas as praias de Barra Grande e Península de Maraú

Vale começar o percurso pela Praia de Taipu de Fora, onde estão as piscinas naturais e a faixa de areia é bem longa, o que permite um bom passeio. E como Taipu de Fora não é a única praia, não se apegue apenas a ela. Visite também as praias de Barra Grande, onde está a Praia da Ponta do Mutá, a Praia de Três Coqueiros, a Praia da Bombaça e a Praia de Barra Grande. Um pouco mais afastadas, visite a lindíssima Praia de Algodões, a Praia do Cassange e a Praia de Saquaíra. Se houver tempo disponível, vale fazer ainda um passeio para as ilhas da região. Veja mais sobre as praias de Taipu de Fora e Barra Grande.

Península de Maraú

2- Divida a viagem entre Barra Grande e a Taipu de Fora

Os principais destinos turísticos da Península de Maraú estão próximos ao vilarejo de Barra Grande e à Praia de Taipu de Fora. As duas regiões oferecem infraestrutura, sendo que Barra Grande é bem mais agitada e Taipu de Fora tem clima mais pacato. Barra Grande é o centro turísticos da Península de Maraú e por isso tem maior oferta de serviços, opções de hospedagem e restaurantes. Já Taipu de Fora é como uma grande praia com boa infraestrutura de restaurantes e hotéis. Ambas merecem a sua visita. E como se locomover pela Península de Maraú não é tão simples, vale dividir a estadia entre as duas regiões para não perder tempo demais em deslocamento.

Como chegar a Barra Grande

3- Aproveite as piscinas naturais de Taipu de Fora

Há diversas belas praias na Península de Maraú, porém as piscinas naturais da Praia de Taipu de Fora são a atração mais famosa da região. O espetáculo é responsável pela visita de grande parte dos turistas que chegam a Barra Grande. O mar transparente, junto aos corais, forma deliciosas porções de água facilmente acessíveis por quem está na praia.

Não é preciso jangada ou barcos para chegar às piscinas, o que torna a atração ainda mais especial. Basta um snorkel e uma máscara para ser feliz e ver muitos peixes! As piscinas naturais se formam em um curto trecho de Taipu de Fora e somente na maré baixa, sendo assim, organize-se para estar na praia nesse momento. Nos outros trechos da praia e em horários de maré alta, o mar de Taipu de Fora ganha ondas, mas continua lindo!

As piscinas naturais de Taipu de Fora só podem ser observadas na maré baixa, preferencialmente nas luas nova e cheia, quando a variação de maré é maior. Para ver na prática a imagem das fotos que tornaram Taipu de Fora famosa, será necessário dar a sorte de a maré baixa estar aliada a um belo dia de sol.

Barra Grande Maraú

4- Faça uma caminhada de Taipu de Fora até a Ponta do Mutá

A faixa de areia que liga Taipu de Fora à Ponta do Mutá é um percurso paradisíaco. São 6 km de cenários praticamente desertos que separam as duas praias, passando ainda pela Praia da Bombaça e a Praia de Três Coqueiros. Para aproveitar bem o passeio, o ideal é começar pela manhã em Taipu de Fora, ainda durante a maré baixa. Assim, será possível curtir as piscinas naturais com calma. Depois do mergulho, siga em caminhada rumo à Praia da Bombaça e aproveite um almoço caprichado na Praia de Três Coqueiros, com uma boa moqueca baiana. Ao final da tarde, certifique-se de estar na Praia da Ponta do Mutá para o melhor pôr do sol da região. Um belo roteiro para um dia na Península de Maraú.

Barra Grande Bahia

Praia de Três Coqueiros

5- Assista ao pôr do sol na Ponta do Mutá

Na região de Barra Grande, o grande destaque é o pôr do sol inesquecível na Praia da Ponta do Mutá. Impossível não se apaixonar pelo cenário ao final da tarde, em que o mar calmo reflete o sol que desce no horizonte. Como pano de fundo, deliciosos quiosques e restaurantes oferecem drinks e boa música, cada um com estilo diferente, agradando assim a todos os turistas. Se você prefere mesmo o bom e tranquilo som da natureza, basta caminhar até a pontinha da faixa de areia, onde o que reina é apenas o barulho das ondas. A Ponta do Mutá é destino certo ao entardecer, mas é claro que vale também para curtir durante todo o dia de sol.

Barra Grande praias

6- Visite a Praia do Cassange e a Praia de Saquaíra

Quem deseja sossego e cenários mais remotos poderá curtir também a Praia do Cassange.  Localizada no caminho entre Algodões e Taipu de Fora e com infraestrutura limitada a poucas pousadas, a Praia do Cassange é ótima para fugir do movimento e ter a praia só para você. A Cassange está localizada entre o mar e a Lagoa do Cassange, que oferece delicioso banho de água doce e faz uma boa dobradinha com o mar. Vizinha à Praia do Cassange, a Praia de Saquaíra já não está na região da lagoa do Cassange e tem um trecho da praia com um pequeno vilarejo, onde a orla não é tão bonita. Para chegar à parte mais bonita, acesse a praia pelo trecho depois do vilarejo ou siga em caminhada para a esquerda a partir do local onde estão os restaurantes e pousadas.

Barra Grande pousadas

Praia do Cassange

7- Aproveite a calmaria da Praia de Três Coqueiros e da Praia da Bombaça

Para fugir do movimento da Praia de Barra Grande e da Praia da Ponta do Mutá, mas sem sair de Barra Grande, as melhores opções são a Praia de Três Coqueiros e a Praia da Bombaça. As duas estão localizadas entre a Ponta do Mutá e Taipu de Fora e costumam ser bem tranquilas, especialmente quando os turistas se afastam dos poucos restaurantes e vilarejos na região. As duas praias têm boa faixa de areia cercada por coqueiros. O mar costuma ficar calmo na maré baixa, com formação de piscinas em meio aos corais. Já na maré alta, o mar se torna bem agitado e a faixa de areia pode ser quase totalmente coberta com a força da água. Boa opção para quem gosta de surfe.

 

Barra Grande passeios

Praia da Bombaça

8- Dê uma passadinha na Praia de Barra Grande

Também muito procurada pelos turistas, a Praia de Barra Grande concentra grande parte dos restaurantes e pousadas da Península de Maraú. É lá onde chegam os barcos e lanchas que levam os turistas até a região. Barra Grande é a praia ideal para quem gosta de movimento e de ficar pertinho de tudo, já que ela está colada à vila de Barra Grande, principal base para hospedagem na Península de Maraú. Quanto mais perto do porto, mais gente. Para fugir, basta caminhar um pouco pela faixa de areia. À direita, estará a Ponta do Mutá e à esquerda, a Praia Boca do Rio Carapitangui, onde há deliciosos quiosques e restaurantes no encontro do rio com o mar.

Barra Grande melhor época

9- Estique o passeio até a Praia de Algodões

Primeira praia da Península de Maraú, Algodões está um pouco distante da rota mais turística e por isso se mantém mais tranquila. A faixa de areia, com longo trecho sem construções, agrada especialmente os viajantes que buscam cenários mais isolados. Boa pedida para dias de feriado e com grande movimento. Algodões oferece também algumas pousadas para hospedagem e restaurantes à beira-mar. Tudo em um pequeno vilarejo que começa a despontar para o turismo.

Barra Grande clima

Distante 22 km de Barra Grande, a Praia de Algodões muitas vezes é esquecida pelos viajantes. O deslocamento é chato, a estrada é de péssima qualidade e as jardineiras custam caro até lá. Para visitar a Praia de Algodões, será necessário ir de carro ou quadriciclo. E vale cada metro da estrada! No vilarejo onde estão as pousadas, casas e restaurantes, a formação de piscinas naturais deixa o cenário ainda mais impressionante. Visita imperdível para os amantes de praias desertas.

10- Faça um dos passeios da Península de Maraú

Quem visita Barra Grande a toda a região da Península de Maraú poderá aproveitar bem mais que apenas as praias. Na região há uma boa oferta de passeios e todos eles valem o investimento. A principal atividade da região é o passeio de escuna ou lancha pela Baía de Camamu, o que leva a lindas praias acessíveis apenas de barco. Vale ainda fazer os passeios de quadriciclo pela Trilha das Bromélias, para as Cachoeiras do Tremembé, para a Ilha de Boipeba e para observação de baleias jubarte. Confira mais detalhes sobre os passeios em Barra Grande e na Península de Maraú.

Península de Maraú quando ir

11- Faça um passeio pelas ilhas da Bahia de Camamu

Ao visitar a Península de Maraú, invista nos roteiros de lancha ou escuna pela Baía de Camamu. O tour tem como ponto de partida o porto na Praia de Barra Grande e faz paradas na Ilha da Pedra Furada, Ilha do Goió e Ilha do Sapinho, onde acontece o almoço. Os roteiros mais longos e completos incluem ainda uma visita à Cachoeira de Tremembé, que está localizada à beira do Rio Maraú e completa o passeio com visual maravilhoso em meio ao verde do mangue da baía de Camamu. O passeio tem duração de quatro a seis horas, a depender da rota escolhida. É possível também contratar lanchas para passeios privativos e o roteiro pode ser negociado com a empresa. O passeios de escuna tem valores a partir de R$ 60 e o de lancha a partir de R$ 150.

Península de Maraú onde fica

Ilha da Pedra Furada

12- Percorra a Península de Maraú e a Trilha das Bromélias em um quadriciclo

As estradas da Península de Maraú são de péssima qualidade para os carros, porém garantem a diversão de quem aluga um quadriciclo. O veículo é ideal para percorrer a região e permite fazer trajetos que os carros não alcançam. A rota predileta entre os turistas é a Trilha das Bromélias, ligação entre Taipu de Fora e a Praia do Cassange que passa por linda vegetação cercada por bromélias gigantes e chega ao Morro do Farol, de onde se tem linda vista para a região. Não deixe também de passar pela Lagoa Azul e Lagoa do Cassange, dois belos pontos de parada para quem está de quadriciclo. Aproveite ainda para conhecer as praias mais distantes, que são sempre mais desertas e dão um certo ar de paraíso à região. No trajeto, suba ao topo do Morro do Farol para ver toda a península do alto.

O passeio de quadriciclo pode ser feito por conta própria ou com o acompanhamento de guias da região. O preço do aluguel do veículo varia muito e depende especialmente de ser alta ou baixa temporada na Península de Maraú. O aluguel pode ser negociado em pontos de Barra Grande e Taipu de Fora.

Melhores praias da Bahia

Lagoa do Cassange

13- Suba o Farol de Taipu

Para quem gosta de ver paisagens por outros ângulos, uma visita ao Farol de Taipu é uma boa pedida. Localizado entre Taipu de Fora e a Lagoa do Cassange, o farol permite visão 360º da Península de Maraú. O acesso é por pista de areia, a partir da BR-030, e a subida é a pé. A parada no farol é especialmente interessante para quem está percorrendo a Trilha das Bromélias, que passa pela estrada de areia entre as praias de Taipu de Fora e Cassange. Na mesma região, não deixe de visitar a Lagoa do Cassange, que oferece água calma para a prática de caiaque e stand up. Boa parada durante o passeio de quadriciclo.

14- Faça o passeio para a Ilha de Boipeba

A Ilha de Boipeba é um dos mais lindos destinos entre as praias da Bahia e o passeio até lá é imperdível. Se estiver com tempo de sobra em Barra Grande, não perca a chance de ir até esse paraíso. O passeio para a Ilha de Boipeba passa por Moreré, Ponta dos Castelhanos, a Vila da Velha Boipeba e bares flutuantes para almoço. O tour tem duração de 7h e custo a partir de R$ 180 por pessoa.

Passeio para Boipeba

Ponta dos Castelhanos

15- Faça um passeio para avistamento de baleias jubarte

O Litoral Sul da Bahia é perfeito para o avistamento de baleias jubarte, que buscam a região especialmente entre os meses de junho e outubro. Se estiver em Barra Grande entre esses meses, invista em roteiros para avistamentos desses incríveis animais marinhos. Ver baleias jubartes na natureza é emocionante! O passeio tem custo a partir de R$ 180 por pessoa e é oferecido apenas de julho a agosto, na temporada das baleias.

16- Almoce à beira do Rio Carapitangui

As praias são as grandes estrelas de Taipu de Fora, mas há uma deliciosa porção de água doce que rouba o coração dos visitantes. O Rio Carapitangui agrada tanto pelo visual quanto pelo banho refrescante. Uma deliciosa faixa de areia divide o mar do rio e permite que os turistas circulem entre a água doce e salgada. Uma boa pedida para curtir a área é sentar-se à beira do Rio Carapitangui para um almoço caprichado no Bar da Rô. Entre uma cerveja e outra, não se esqueça de dar um mergulho. Veja mais sobre onde comer em Taipu de Fora e Barra Grande.

Rio Carapitangui

17- Renda-se à culinária baiana

Impossível falar do litoral da Bahia sem mencionar o tempero baiano. Entre moquecas, bobós, peixes fresquinhos e muita carne de sol você irá se deliciar a cada refeição. Os principais restaurantes da Península de Maraú estão localizados em Barra Grande e Taipu de Fora. Muitos estão à beira-mar, com direito a pé na areia. Para curtir uma boa refeição e, de quebra, o belo visual, invista em Taipu de Fora e na Ponta do Mutá. No vilarejo de Barra Grande, especialmente à noite, o movimento também é grande. Ótima pedida para o jantar. Veja mais sobre onde comer em Taipu de Fora e Barra Grande.

Restaurantes em Barra Grande

18- Visite as Cachoeiras do Tremembé

O banho de água doce também é revigorante no passeio para as Cachoeiras do Tremembé, no Rio Maraú. O acesso por lancha é aos pés da cachoeira, que tem visual cercado pelo mangue da Baía de Camamu e um delicioso poço para banho. Além da cachoeira, o passeio passa ainda pelas ilhas da Baía de Camamu, como a Ilha da Pedra Furada, Ilha do Goió e Ilha do Sapinho. O passeio tem 6h de duração e custo médio de R$ 500 por pessoa. É um valor alto, por isso é um passeio não muito comum entre os turistas, que acabam fazendo apenas o circuito de ilhas da Baía de Camamu.

19- Curta a vila de Barra Grande

A vila de Barra Grande é o grande polo turístico da Península de Maraú e ela merece a sua visita, mesmo que você não se hospede por lá. Barra Grande tem clima tranquilo, ruas de areia, gente hospitaleira, feirinha convidativa e bons restaurantes. À noite, a vila de Barra Grande rende um delicioso passeio, com direito a chinelo de dedo e o clima descontraído que combina com o lugar. Não há grandes baladas em Barra Grande, mas é possível curtir alguns lugares interessantes, que oferecem o clima certo para o fim de um lindo dia na Península de Maraú. Para emendar o pôr do sol à beira-mar com um happy hour, a Ponta do Mutá é o lugar certo. Para um bom jantar, o centro da vila certamente irá agradar.

O que fazer em Barra Grande

20- Fique atento à tábua de marés

Da mesma maneira que acontece em boa parte do litoral baiano, a Península de Maraú sofre grande influência das marés. É comum ver paisagens bem distintas nas praias, a depender da lua e da maré estar baixa ou alta. Visitar uma praia da Península de Maraú durante a manhã e ao entardecer pode render experiências bem distintas. É preciso ficar atento à tábua de marés para estar na praia no auge da beleza, principalmente em destinos onde a grande atração são as piscinas naturais, fenômeno que acontece apenas na maré baixa, especialmente nas luas nova e cheia.

Nas luas nova e cheia a maré tem maior variação, o que permite a formação de piscinas naturais na maré baixa. Esse é o período ideal para a viagem. Já nas luas crescente e minguante, a variação de maré é bem menor, o mar se mantém mais estável e as piscinas podem não ser tão perceptíveis. Fique ligado ao calendário lunar e à tábua de marés para estar na praia no dia e horário corretos! Veja a tábua de marés.

Piscinas Naturais Taipu de Fora

21- Faça umas comprinhas em Barra Grande e Taipu de Fora

Na região da Península de Maraú há muitas praias, mas não há grandes shoppings, supermercados, lojas de marcas famosas ou amplas ruas comerciais. O comércio e os serviços oferecidos são básicos, mas é possível encontrar todo o necessário para os dias de viagem. A maior parte do comércio está centralizado em Barra Grande, onde é fácil encontrar mercadinhos, lojas de roupas e acessórios para praia, farmácia e outros. Se chegar em Barra Grande e sentir falta de um biquíni ou uma bela boia para fotos espetaculares, não há com o que se preocupar. Você encontrará por lá!

Dinheiro na Península de Maraú

Na região da Península de Maraú não há bancos disponíveis para saque de dinheiro. Caso precise resolver problemas bancários ou fazer compras mais específicas, será necessário ir até Camamu ou Itacaré. Ao viajar para Barra Grande, leve todo o dinheiro necessário para os dias de viagem. Apesar de cartões serem amplamente aceitos, é sempre bom estar prevenido.

22- Se estiver de carro, dê uma passadinha em Itacaré

Quem chega a Barra Grande de carro obrigatoriamente passa pela estrada que dá acesso a Itacaré. Com um desvio de apenas 20 km você poderá aproveitar as lindas praias da região. Não deixe de passar por Itacarezinho, Havaizinho, Jeribucaçu e a famosa Prainha de Itacaré e várias outras porções de areia maravilhosas! O ideal, é dividir a viagem entre Barra Grande e Itacaré. Se estiver com tempo disponível, não perca a chance de conhecer as duas! Confira mais dicas do que fazer em Itacaré.

Itacaré Barra Grande

Itacarezinho

23- Como chegar a Barra Grande e Península de Maraú

Chegar a Barra Grande e à Península de Maraú não é das tarefas mais fáceis, mas podemos garantir que vale todo o esforço! Não há aeroportos na Península de Maraú e o trecho final da viagem, independente do seu ponto de origem, será obrigatoriamente de carro, barco ou lancha.

Para quem chega de outros estados, o aeroporto mais próximo e que permite acesso mais fácil à Península de Maraú é o Aeroporto de Ilhéus, distante 127 km de Barra Grande. Outra opção é voar até o Aeroporto de Salvador, distante 270 km de Barra Grande.

pôr do sol ponta do mutá

24- Como chegar a Barra Grande e Península de Maraú por via terrestre

Se você está de carro e pretender ir a Barra Grande por via terrestre, já vamos adiantar que a viagem pode ser uma grande aventura! O trecho da BR-030 que leva até Barra Grande (total de 46 km) é todo em estrada de terra. A qualidade da rodovia é péssima e em momento de muita chuva o trajeto pode ser intransitável para carros sem tração nas quatro rodas. Antes de viajar de carro, consulte a pousada para saber as condições da rodovia na véspera da viagem. Assim você não corre o risco de ficar atolado no meio do caminho.

Para quem sai de Ilhéus ou Itacaré, o trecho inicial até a Península de Maraú será pela BA-001 sentido norte, estrada totalmente asfaltada, mas repleta de buracos. Fique atento durante todo o trajeto para não ter problemas ou acidentes. Já quem sai de Salvador, o melhor percurso é fazer a travessia de barca via Itaparica e descer até a BR-030 pela BA-001, sentido sul. O trecho final de acesso à Península de Maraú pela BR-030 (sem asfalto) é obrigatório a partir de qualquer região da Bahia, seja Ilhéus, Itacaré ou Salvador.

Como chegar Barra Grande

25- Como chegar a Barra Grande e Península de Maraú de barco ou lancha (via Camamu)

Para quem está sem carro, a melhor opção para chegar a Barra Grande é o transporte de barco ou lancha via cidade de Camamu, localizada a 195 km de Salvador, 55 km de Itacaré e 115 km de Ilhéus.

A partir de Camamu, é possível pegar barcos e lanchas até Barra Grande, principal ponto de hospedagem da Península de Maraú. Os barcos, mais lentos, levam até 1h30 para chegar a Barra Grande. Já as lanchas levam apenas trinta minutos. O custo do trajeto é de R$ 55. Tanto barcos quanto lanchas têm como ponto de chegada o vilarejo de Barra Grande. Há lanchas todos os dias, de hora em hora, com operação das 6h às 17h. A Camamu Adventure opera o trajeto entre Camamu e Barra Grande. Há outras lanchas e barcos independentes que operam a rota e podem ser contratados diretamente no porto de Camamu.

Como chegar a Camamu saindo de Salvador

A partir de Salvador, o melhor trajeto até Camamu é combinando o ferry e o ônibus. Saindo de Salvador, faça a travessia de ferry até Itaparica, para o Terminal Bom Despacho e, de lá, pegue um ônibus até Camamu. Há ônibus disponíveis durante todo o dia, com custo a partir de R$ 42. O trajeto é operado pelas empresas Águia Branca e Viação Cidade Sol. De Camamu, será necessário pegar o transporte de barco ou lancha até Barra Grande.

Como chegar a Camamu saindo de Ilhéus

A partir de Ilhéus, é possível contratar táxi, transfer ou pegar um ônibus até Camamu. A empresa que opera o trajeto Ilhéus x Camamu é a Águia Branca. O custo do itinerário é a partir de R$ 32 e as rotas são bem limitadas, por isso é importante verificar o horário da passagem e se organizar com antecedência. De Camamu, será necessário pegar o transporte de barco ou lancha até Barra Grande.

Como chegar a Camamu saindo de Itacaré

A partir de Itacaré, há ônibus disponíveis para Camamu com valores a partir de R$ 14. O trajeto é operado pelas empresas Águia Branca e Santana. De Camamu, será necessário pegar o transporte de barco ou lancha até Barra Grande. Para quem estiver em Itacaré com apenas um dia disponível para conhecer Barra Grande, uma boa pedida é fazer o passeio de lancha até as ilhas de Camamu com parada na Praia de Taipu de Fora. Se a intenção for de passar alguns dias na Península de Maraú, combine com a agência de turismo um preço especial para não voltar com o grupo (e ficar em Barra Grande) ou retornar do passeio em outro dia.

26- Quando ir a Barra Grande e Península de Maraú

Barra Grande e a Península de Maraú são ótimos destinos para serem visitados durante todo o ano. O clima na Península de Maraú é sempre quente, sendo que as maiores temperaturas são registradas no verão, entre dezembro e março, quando a mínima é de 24°C e a máxima chega a 28°C. Já o inverno, entre junho e setembro, é marcado por temperaturas um pouco mais baixas, com mínima de 21°C e máxima de 25°C, em julho, auge da estação mais fria.

Lancha Camamu

Durante todo o ano, há presença de chuvas na Península de Maraú. Não há uma estação seca na região. O período com menos chuvas vai de setembro a fevereiro, o que é ótimo para quem deseja aproveitar o verão. Já o período com maior incidência de chuvas vai de março a julho, sendo o auge no mês de abril, quando a média é de 151 mm. Se for viajar no período de chuvas, fique atento à condição da estrada para não correr o risco de ter problemas para chegar a Barra Grande.

Clima em Barra Grande

Mês Temperatura mínima Temperatura Máxima Chuvas
Janeiro 24°C 28°C 104 mm
Fevereiro 24°C 28°C 101 mm
Março 24°C 28°C 138 mm
Abril 24°C 28°C 151 mm
Maio 23°C 27°C 127 mm
Junho 22°C 25°C 132 mm
Julho 21°C 25°C 128 mm
Agosto 21°C 25°C 97 mm
Setembro 22°C 26°C 88 mm
Outubro 23°C 27°C 99 mm
Novembro 23°C 27°C 128 mm
Dezembro 24°C 28°C 121 mm

*Com dados do Climatempo

Fora a questão do clima e a temporada do ano, é importante ficar atento à maré. Para ver as piscinas naturais de Taipu de Fora, o ideal é viajar nas luas nova e cheia, quando a maré tem maior variação e as piscinas naturais aparecem. Sabendo disse, consulte o calendário lunar antes de marcar a viagem para Barra Grande.

Tábua de marés

27- Como se locomover em Barra Grande e Península de Maraú

Se tem um ponto que pesa contra a região da Península de Maraú, certamente é a dificuldade de deslocamento. As estradas não são asfaltadas e muitas vezes a areia se torna uma armadilha para os turistas. Ao viajar para Barra Grande, fique atento para não ficar atolado por lá. Quando o clima está firme, a estrada costuma ter melhores condições de tráfego. Já em períodos mais chuvosos, os buracos atrapalham um bocado a vida do turistas por lá.

Barra Grande e Península de Maraú de carro

Apesar da péssima condição das estradas, ter um carro disponível ajuda a percorrer as praias mais distantes, Algodões, além de permitir maior liberdade de horário para circular entre Taipu de Fora e Barra Grande. Quando as estradas estão em boas condições, carros comuns conseguem percorrer a região com facilidade, mas é preciso atenção redobrada para não cair em buracos. O ideal é viajar com um veículo com tração nas quatro rodas, mas isso não é obrigatório quando as estradas estão nos melhores dias. Todas as praias da Península de Maraú têm acesso por estradas, mesmo que a qualidade não seja das melhores e que o Google Maps não mostre o acesso claramente. Nas estradas, há placas de sinalização que indicam cada uma das praias. Vale dizer que há posto de combustível em Barra Grande e não haverá problema para abastecimento.

Estrada Barra Grande

Barra Grande e Península de Maraú sem carro

Quem chega a Barra Grande de barco poderá circular pela Península de Maraú a pé, de bicicleta, quadriciclo (há boa oferta para aluguel na região) ou usando a jardineira, que são veículos 4×4 – tipo Toyota – com cabines traseiras onde vão os passageiros. O veículo faz o percurso entre Barra Grande e as principais praias da Península de Maraú. O trajeto é negociado direto com o motorista e o valor varia de acordo com a distância e número de passageiros. Entre Barra Grande e Taipu de Fora, por exemplo, o valor do trecho é R$ 50 para até quatro pessoas, sendo que o total é divido entre os passageiros.

Transporte Península Maraú

28- Pousadas na Península de Maraú

Quem viaja para a Península de Maraú tem duas regiões principais para escolher onde se hospedar: Barra Grande e Taipu de Fora. Grande parte das pousadas está concentrada nas duas localidades, mas há também algumas ofertas fora dessa rota mais comum. É o caso da lindíssima Praia de Algodões, que está distante do grande movimento de turistas e oferece deliciosas pousadas à beira-mar, assim como a Praia do Cassange e a Praia de Saquaíra.

Antes de escolher onde se hospedar na Península de Maraú, tenha em mente que circular entre Barra Grande e Taipu de Fora nem sempre é rápido ou simples. Se a estrada estiver em más condições, ir e voltar de uma para a outra tomara bastante tempo (e da vida útil do carro). Na dúvida, vale até dividir a hospedagem entre as duas regiões. Assim você reduz os deslocamentos e terá bem mais tempo para curtir as praias.

Na Península de Maraú não há hospedagens luxuosas ou grandes redes hoteleiras. O que reina na região são charmosas pousadas, muitas delas localizadas à beira-mar, com o famoso “pé na areia”. Há oferta para todos os bolsos e certamente uma das pousadas irá se encaixar no seu perfil de viajante.

29- Pousadas em Barra Grande

Barra Grande é a melhor pedida para quem prefere o agito. A vila é repleta de restaurantes, lojinhas ótimas, opções de passeio e até feirinha. Em Barra Grande há maior oferta de pousadas, assim como casa para aluguel por temporada. Barra Grande é o principal vilarejo da Península de Maraú e ponto de chegada dos barcos e lanchas que saem de Camamu. Para quem viaja sem carro, Barra Grande é a melhor opção de hospedagem, já que o acesso a praias e serviços pode tranquilamente ser feito a pé. A má notícia é que os turistas que se hospedam em Barra Grande estão distantes de Taipu de Fora, um das praias mais lindas da região. Para chegar até lá, será necessário pegar a estrada, seja de carro ou de jardineira. 

Em Barra Grande será possível escolher entre as pousadas localizadas no centro da vila ou à beira de uma das praias da região. O centro é marcado pela Praia de Barra Grande, onde está o porto de desembarque de passageiros que chegam de Camamu. Ele é uma boa referência para localização central e boa pedida para quem está sem carro. Já as outras localidades de Barra Grande – como a Praia de Três Coqueiros e a Praia da Bombaça – são mais recomendadas para quem tem um meio de locomoção.

Em Barra Grande, a oferta de hospedagem é ampla e atende a todos os gostos. Para ficar perto do centro, veja o requintado Hotel Villa Balidendê e a Pousada El Capitan. Com pé na areia, confira a Pousada Mediterrâneo e a Pousada Porto da Barra. Já o Galeria & Suites Tent Beach fica coladinho ao agito noturno. Para economizar, dê uma olhadinha no Ganga Zumba Hostel & Suítes. Afastado do centro, mas à beira-mar e com excelente infraestrutura, veja o hotel design KA BRU Beach Boutique Hotel; na Ponta do Mutá, com amplo jardim e à beira-mar, experimente o Nirvana Beach Hotel.

Ainda em Barra Grande, porém mais próximo à Praia de Três Coqueiros e à Praia da Bombaça, vale conferir a Pousada Brisa da Barra e a Pousada Canto do Sol. Com pé na areia, veja a Pousada Umbudendê, a Pousada Kaluana, a Pousada Tortuga e a Pousada do Holandes Bahia. Para um precinho mais camarada, confira o Taipabas Hotel.

30- Pousadas em Taipu de Fora

Com mais de sete quilômetros de faixa de areia e lindas piscinas naturais, Taipu de Fora é a principal atração da Península de Maraú e uma das melhores praias do Brasil. As pousadas de Taipu de Fora estão concentradas principalmente nos arredores das piscinas naturais, localizadas entre o Restaurante e Bar das Meninas e a Pousada Taipu de Fora. Essa é a região da praia onde há maior oferta de restaurantes, bares, pousadas e lojinhas. É lá também onde chegam as jardineiras que fazem o trajeto entre a praia e o vilarejo de Barra Grande. Há ainda pousadas mais afastadas do burburinho de Taipu de Fora, mas é preciso estar ciente de que, fora da região das piscinas naturais, o mar é mais agitado. Para compensar, a praia será praticamente deserta. Uma delícia!

Em Taipu de Fora, na parte menos movimentada da praia, veja os maravilhosos Dreamland Bungalows, o SUP House Barra Grande e Viking Inn – Taipu de Fora, os dois com pé na areia e grande infraestrutura. Já na região com maior contração de pousadas, confira a Pousada Taipu de Fora, a Pousada Espaço do Sagui, a Flow Beach House, a Aldeia dos Corais, a Luar do Leão Bungalow e a Pousada Bambu Dourado. Para um precinho mais em conta, tente a Pousada Velas e Vento e a Pousada Brisa do Mar.

Pousadas Taipu de Fora

Dreamland Bungalows. Foto: Booking

31- Pousadas na Praia de Algodões, Praia de Saquaíra e Praia do Cassange

Além de Barra Grande e Taipú de Fora, quem visita a Península de Maraú poderá optar por hospedagens em praias mais isoladas e quase desertas. Essas pousadas são indicadas especialmente para quem deseja sossego e distância do movimento. E não faltam opções por lá! Entre as porções de areia mais bonitas da região está a Praia de Algodões, que oferece longa faixa de areia, piscinas naturais e infraestutura ainda incipiente. Há restaurantes, poucos comércios e o lugar é ideal para ficar afastado do movimento, porém com acesso a serviços básicos. Já os arredores da Praia de Saquaíra e da Praia do Cassange são mais desertos, sendo locais ideais para quem quer apenas um cantinho paradisíaco e quase sem ninguém.

Para hospedagem na Praia de Algodões, boas opções são o Lá em Casa – Guest House, o Na Villa dos Algodões e o rústico chique Sítio Corais. Um pouco adiante, na Praia de Saquaíra, veja a Pousada Bahia Bonita e a Butterfly House, ambas à beira-mar. Entre a Praia do Cassange e a Lagoa do Cassange, a estrela é o Hotel Terraços Marinho. Na mesma região, vale conferir também a Pousada Lagoa do Cassange e a Pousada Maraú.

32- Quanto tempo ficar em Barra Grande e Península de Maraú

A Península de Maraú não é uma região tão grande e é possível percorrer todas as praias em poucos dias. Uma semana é mais que suficiente para conhecer as porções de areia disponíveis e ainda repetir as suas prediletas. Se quiser fazer todos os passeios ou dividir a viagem com Itacaré, procure montar roteiros com dez a doze dias de viagem. Claro que quanto mais tempo na região, mais você poderá descansar. E nada como o mar da Bahia para recarregar as energias!


Está com viagem marcada para Barra Grande? Confira nosso Guia da Península de Maraú, com todas as dicas para a sua viagem a esse paraíso da Bahia. E se você já esteve por lá, deixe as suas dicas nos comentários!