logo Melhores Destinos

26 coisas que você nunca deve fazer em uma viagem de avião

Rafael Castilho
12/06/2022 às 6:40

26 coisas que você nunca deve fazer em uma viagem de avião

Viajar de avião não segue uma regra específica de etiqueta, mas algumas atitudes podem ser evitadas para o conforto de todos a bordo. Infelizmente, alguns passageiros acreditam que na aeronave vale tudo e tratam o espaço comum como se fosse o quintal da casa deles. Mesmo não tendo um manual para ser seguido, as boas práticas são itens básicos para que o voo seja melhor para todos. Separamos 26 atitudes vistas em muitos voos que devem ser evitadas para que todos tenham uma ótima viagem! N˜ão que a gente queira ditar regras para ninguém, mas vocês vão concordar que essas são o mínimo para que todos cheguem mais tranquilos e felizes ao seu destino!

1. Não atrase o embarque

O tempo do avião em solo é totalmente cronometrado. Não atrase o seu voo e atrapalhe a vida de muitas outras pessoas. Na hora de embarcar encontre sua poltrona, coloque sua mala de mão no bin e acomode-se. Não fique parado no corredor!

É bom ressaltar! No portão, antes de entrar na aeronave identifique a fila de embarque certa e tenha em mãos o cartão de embarque e o documento de identidade com foto.

2. Acomodação de bagagem de mão

Vai viajar com mala de mão? Então, saiba como acomodá-la para não atrapalhar os demais passageiros. Se sua mala segue as medidas liberadas pela companhia possivelmente ele cabe de lado no bagageiro superior. Assim terá muito mais espaço para a acomodação de outras bagagens. Se você resolver colocar a sua mala na horizontal no bin, outros passageiros ficarão sem lugar para acomodar a deles.

Lembre-se também que o bin é prioritariamente usado para acomodação dos malas de mão. Os itens pessoais devem ser acomodados debaixo da poltrona da frente. Ah, e evite colocar sua mala nos bagageiros de outros assentos!

3. Sente-se no lugar certo

Mantenha o seu cartão de embarque em mãos na hora de entrar na aeronave para conferir o número da sua poltrona. Não atrapalhe os demais passageiros travando o corredor ou se sentando em lugar errado. Os números estão assinalados sobre a poltrona. Qualquer dúvida não hesite em perguntar.

4. Não tente se sentar na classe executiva

Obedeça a classe comprada! Não tente bancar o espertinho e se sentar na classe executiva se você tiver um bilhete de econômica. Fique esperto, você será descoberto! Os comissários têm a lista de passageiros e sabem quais assentos estão ocupados e vagos. Você será abordado e solicitado a ir para seu lugar.

5. Cheirar mal

Não precisa exagerar no perfume, mas não cheirar mal é regra básica durante uma viagem de avião. Lembre-se que você não estará sozinho e o seu companheiro de fileira não precisa saber que você teve um dia corrido ou que é avesso a banho. Então, não custa passar desodorante antes de ir para o aeroporto.

6. Abertura constante do bin

Precisa de um remédio durante o voo? O carregador do celular ficou na mochila dentro do bagageiro? Está com vontade de comer aquele chocolate que ficou no trolley? Sei que é muito difícil prever tudo o que você vai precisar pegar durante o voo. Para piorar a situação os bolsos da poltrona da frente são pequenos para guardar alguns objetos. Mas tente evitar a abertura dos compartimentos superiores de bagagem muitas vezes durante o voo.

O movimento de abre e fecha do compartimento pode incomodar os demais passageiros e bloqueia os corredores atrapalhando o serviço de bordo. Para piorar, isso pode ser perigoso para você e para o passageiro sentado abaixo do bin aberto, pois as malas pesadas podem cair sobre a cabeça.

bagagem de mão

7. Apertar o botão de chamada sem motivo

Este item faz parte da lista das coisas mais irritantes que os passageiros fazem durante os voos segundo os comissários de bordo. O passageiro só deve chamar o comissário quando realmente precisar de algo. Ficar apertando o botão sem necessidade atrapalha o serviço e os demais passageiros.

8. Cuide da criançada

Tem aquele ditado popular: cuide que o filho é seu! Então, no avião não deixe seu filho fazer o que quiser desrespeitando os demais passageiros. Se você vai deixar seus filhos fora de seus assentos durante o voo, certifique-se de acompanhá-los e monitorar seu comportamento para evitar o incômodo de seus companheiros de viagem. Quando a criança estiver sentada não deixe seu filho chutar e nem puxar o encosto da frente.

Dica: Pousos e decolagens podem ser incômodos para crianças pequenas e causar desconforto e até dores de ouvido. Mascar chicletes, mamar ou comer alguma coisa costuma ajudar.

9. Não dividir o braço da poltrona

Quer deixar seus companheiros de viagem muito menos confortáveis e muito mais irritados? Um dos comportamentos mais antissociais e irritantes dos passageiros nos aviões é roubar descaradamente o apoio de braço. Tem aqueles passageiros que acham que estão sentados num trono real e logo tomam conta dos dois braços da poltrona.

Mesmo que seja difícil, dividir o apoio de braço é muito recomendável. Se não quiser dividir, compre espaço extra ou outra passagem.

10. Atrapalhar o serviço de bordo

Está com vontade de ir ao banheiro? Tente ir antes ou depois do serviço de bordo. Frequentemente muitos passageiros resolvem levantar das poltronas no mesmo momento em que os comissários passam com os trolleys. Muitas vezes o serviço é interrompido para que o carrinho seja manobrado para que o passageiro consiga retornar ao seu lugar. Outras vezes este viajante tem que se espremer sobre outro passageiro para que o trolley e os comissários passem.

11. Cuidado com lanches a bordo

As refeições a bordo podem ser ruins e caras, apesar de ter alguns apaixonados, como eu, por comida de bordo. Já cheguei a escrever um post aqui no MD sobre se é possível repetir a refeição no avião. Mas voltando ao assunto, apesar da comida não ser aquela maravilha, tenha cuidado ao trazer qualquer comida que você queira a bordo.

Uma das ofensas mais flagrantes entre passageiros é, sem dúvida, a ingestão de lanches e pratos com odores fortes. Isto incomoda os demais passageiros, que não precisam dividir o lanche com você!

12. Trazer álcool de casa

Boa parte dos voos internacionais servem bebidas alcoólicas. Entretanto, muitos passageiros pensando que elas podem ser pagas (o que ocorre nas companhias low cost) trazem as suas próprias bebidas. Infelizmente para aqueles ansiosos para beber, isso é realmente contra as regras em praticamente todos os aviões. Além disto, com o limite de 100 ml por frasco para a entrada de líquidos em voos, isto foi praticamente eliminado.

13. Encher a cara

Seguindo o item acima, não podemos deixar de registrar outra questão que pode provocar muito constrangimento e que deve ser evitada nos aviões. Na maioria dos voos internacionais é servida bebida alcoólica. Na classe econômica há vinho e cerveja, já na classe executiva pode ter até destilados e espumantes. Mas não exagere na ingestão de álcool.

Os médicos alertam que o efeito da bebida é muito mais rápido nas alturas. Além de ser prejudicial para saúde, um bêbado pode trazer muitos problemas de segurança ao voo e incomodar os demais passageiros. Os comissários estão sempre ligados e controlam o número de bebidas servidas.

14. Higiene bucal

Após a refeição muitas vezes aquele pedacinho da carne fica preso no meio dos dentes incomodando muito. Não é verdade? Mas a cabine não é o lugar para brincar de dentista. Usar fio dental em seu assento é, sem dúvida, uma das práticas mais grosseiras e insalubres que as pessoas praticam em aviões. Se você precisar limpar os seus dentes vá ao banheiro.

15. Fazer as unhas

Precisa arrumar as unhas? Faça antes de sair de casa! O avião não é lugar de lixar, tirar ou passar esmalte. É completamente deselegante e constrangedor transformar a sua mesinha numa mini manicure. Ninguém é obrigado a sentir o cheiro forte do removedor ou do esmalte.

16. Joelhos no encosto da frente

Os aviões são apertados para todos e isso é ainda pior para passageiros de pernas longas. Eu com 1m87  sofro, ainda mais em companhias low cost. No entanto, mesmo que a pessoa a sua frente tenha reclinado o assento de uma maneira desconfortável, enterrar os joelhos nas costas dela para expressar seu descontentamento dificilmente é a solução. Ela está no direito dela de reclinar.

É muito ruim você estar viajando e tentando descansar e a pessoa de trás dando batidas com o joelho às suas costas. Para piorar a situação tem passageiro que faz pior e chuta o encosto da poltrona à frente. Lembre-se a cadeira é apertada para todos, se quiser mais espaço reserve e pague por espaços extras, como as poltronas da saída de emergência.

17. Ficar descalço

Aguentar uma longa viagem com sapatos pode ser bem duro e desconfortável. Para minimizar o problema muitos passageiros tiram os sapatos. Até aí ok, pois os pés muito tempo fechados no sapato têm a circulação prejudicada e incomoda demais. Entretanto, alguns passageiros chegam ao extremo de até tirar as meias. Mas cuidado isto pode ser prejudicial a sua saúde!

Embora os aviões sejam limpos regularmente, os pisos acarpetados estão repletos de germes e bactérias. E pior ainda, muitas pessoas até se aventuram ir ao banheiro sem nem meias nos pés. Cuidado! Além deste problema para sua saúde, os outros passageiros também não precisam sentir o cheiro dos seus pés. Isto é bem desconfortável!

Uma boa dica é levar chinelos ou meias limpas que possam ser colocadas e usadas durante as longas viagens. Algumas companhias até chegam a distribuir meias para serem utilizadas no voo que devem ser colocadas sobre as suas meias. Você manterá a sua higiene e o conforto dos seus pés!

Outra questão importante é a manutenção dos sapatos nos pés, principalmente, durante pousos e decolagem. O ex-comissário Tony Kuna, em entrevista para News.Au, alerta: “O calçado é essencial durante um evacuação de emergência, embora não faça parte das informações de segurança do voo. Durante uma emergência, todos os tipos de detritos e superfícies desagradáveis do solo bloquearão seu caminho para a saída. Imagine destruir seus pés descalços enquanto corre pelo corredor coberto de cacos de vidro, incêndios e cacos de metal. Um pouco como John McClane em Duro de Mataer, mas pior.”

18. Pés nos braços das poltronas

Alguns passageiros exageram na hora de encontrar formas mais confortáveis de aguentar as longas horas de voo. O pior ainda é que invadem o espaço do outro passageiro de uma forma bem inconveniente. Infelizmente muitos viajantes parecem acreditar que o apoio de braço na frente deles é um lugar perfeitamente aceitável para esticar os pés quando estão se sentindo apertados pelo espaço limitado para as pernas em seu voo. Isto não é legal!

Entretanto, muitas vezes você se deparará com este mau comportamento de outros viajantes. Eu já passei por isto várias vezes. Para me livrar, tive que recolher o braço da poltrona ou dar uma leve cotovelada empurrando o pé indesejado para o seu lugar que nunca deveria ter saído.

19. Puxar o encosto da poltrona

Precisa levantar da sua poltrona para ir ao banheiro? Saia do seu assento sem puxar o encosto do passageiro da frente. Apoie seu braço e sua mão na sua poltrona. Incomoda muito ter o encosto  da sua poltrona puxado, ainda mais quando está tentando relaxar.

Outra questão, ao andar no corredor não precisa apoiar a sua mão e nem puxar o encosto de todas as poltronas no caminho. Tem muitos passageiros que parecem estar remando os demais assentos durante uma caminhada. Isto é terrível!

Dica: há um pequeno trilho abaixo dos bagageiros que pode ser usado para andar com mais segurança pelo avião sem incomodar ninguém.

20. Som alto

Para passar o tempo no voo, a maioria das pessoas adotou o smartphone como a melhor forma de entretenimento. Dá para ver filmes, séries, música, jogar, trabalhar, e muitas outras coisas. Mas uma coisa não dá de jeito nenhum: ligar o som sem fone de ouvido e nem ouvir no volume máximo. Ninguém é obrigado a escutar a mesma música que você. Está a fim de ouvir algo no seu celular? Então coloque os fones e baixe o som.  Ah isso vale para as crianças também: ninguém merece uma viagem longa ao som da Galinha Pintadinha, né?

21. Não converse muito com os comissários

Conversar com os comissários pode ser legal e ajuda a passar o tempo, além da possibilidade de até começar uma nova amizade. Entretanto, não esqueça que eles estão em serviço e o seu papo demasiado pode atrapalhar o trabalho deles, especialmente em voos mais curtos. Fique em alerta para saber se a sua conversa não foi longe demais e se ela é totalmente apropriada.

22. Banheiro com porta aberta

Banheiros de avião não são conhecidos por serem espaçosos. Infelizmente, muitos passageiros tentam compensar essa falta de espaço deixando a porta do banheiro aberta. Se vai usar o sanitário, não esqueça de fechar a porta e lavar as mãos. Ainda mais em tempo de Covid a higienização da mão é ainda mais importante!

23. Trocar fraldas no assento

Eu sei, voar com crianças não é tarefa fácil, como a maioria de nós, pais, pode atestar. Com bebê o trabalho ainda pode ser dobrado, quando ele começa a chorar sem parar ou na hora de trocar as fraldas. Os banheiros dos aviões são equipados com trocadores. Sabemos que não é nada confortável trocar a fralda ali, pois o lugar é pequeno e apertado. Mas não seja por isso que a fralda deve ser trocada sobre as poltronas. Nenhum outro passageiro precisa sentir o odor desagradável da fralda suja, que deve sempre ser colocadas no lixo do banheiro e nunca jogada no vaso!

24. Sexo a bordo

Controle seu libido para não ser preso. Você pode estar apaixonado e viajando com sua alma gêmea, mas não tente fazer sexo no banheiro da aeronave. As aeromoças fazem rondas e o seu ato pode terminar com algemas na polícia. Deixe a sua vontade sexual para o quarto de hotel!

25. Passar perfumes

É compreensível que as pessoas queiram parecer radiantes quando descem do avião e vão para os braços de seus entes queridos. No entanto, borrifar perfume, usar loções fortemente perfumadas ou aplicar maquiagem de tal forma que interfira no prazer de outras pessoas no voo é horrível e pode até desencadear alergias de outros passageiros. Quer ficar mais cheiroso antes de sair do aeroporto, então passe a sua fragrância no banheiro do aeroporto.

26. Cortar a fila

Os corredores dos aviões mal são largos o suficiente para uma única pessoa e sua mala passarem. Infelizmente, isso não impede que muitos passageiros tentem cortar a fila para sair do avião primeiro. Deixe os passageiros mais a frente desembarcarem e não tumultue. Cortar a fila não lhe dará meros segundos de vantagem na hora de sair da aeronave.

E claro: na hora do desembarque sempre obedeça às instruções de segurança e não fique em pé antes do avião estacionar completamente. Aliás, se não tem que pegar uma conexão nem tem um compromisso urgente, que tal aguardar sentado as portas se abrirem?

E aí já deparou-se com algumas das atitudes acima? Já passou algum persegue com a atitude de outro passageiros? Conte para gente nos comentários vários abaixo.

Não perca nenhuma oportunidade!
ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
tela do app do melhores destinos
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção