logo Melhores Destinos

África do Sul permanecerá fechada para turistas até 2021

Wendell Oliveira
05/06/2020 às 11:56

África do Sul permanecerá fechada para turistas até 2021

Planejando viajar para a África do Sul? Espere mais um pouco. O país deve permanecer com as fronteiras fechadas para turistas até fevereiro de 2021, segundo o Departamento de Turismo sul-africano. Já o turismo doméstico deve ser retomado ainda em dezembro de 2020.

De acordo com a ministra do Turismo, Nkhensani Kubayi-Ngubane, “com base na trajetória prevista da pandemia de COVID-19, a primeira fase da recuperação do setor será impulsionada pelo turismo doméstico, seguido pelo turismo internacional no próximo ano”.

Atualização (08/6): África do Sul pode reabrir a partir de setembro

Em um comunicado à imprensa divulgado nesta segunda-feira (08/6), a Associação Africana de Viagens e Turismo (ATTA) declarou estar pronta para retomar o turismo na África do Sul em setembro. “Os relatórios de que o turismo internacional da África do Sul só será retomado em 2021 são prematuros (…) pois os níveis são definidos de acordo com fatos epidemiológicos relevantes, e ainda não foram determinadas datas concretas“.

Ainda de acordo com a associação, “estamos confiantes de que o turismo na África do Sul pode ser retomado com segurança se seguirmos as práticas globais e os protocolos abrangentes que desenvolvemos. Ao abrir o mais próximo possível de 1º de setembro, de maneira responsável, conseguiremos manter a receita do setor em 2021 e o turismo na África do Sul.

Leia também:
Retomada de viagens internacionais: quais são as previsões em diferentes países?

África do Sul permanecerá fechada para turistas até 2021

África do Sul não receberá turistas internacionais até fevereiro de 2021.

A África do Sul entrou em lockdown desde março, para reduzir o impacto da pandemia de coronavírus. Na segunda-feira (01/6), entrou no nível 3 do plano de desconfinamento, permitindo que muitos voltassem ao trabalho, incluindo a reabertura completa do setor de varejo. No entanto, algumas restrições continuam — os sul-africanos só podem se exercitar do lado de fora entre as 6 e 18 horas, sendo obrigados a usar máscaras o tempo todo enquanto estiverem ao ar livre.

No nível 3, os turistas domésticos poderão visitar fazendas públicas e privadas de carro por conta própria, mas as viagens de lazer continuam proibidas.

A notícia é um balde de água fria para quem planejava visitar a África do Sul ainda esse ano. No entanto, viagens internacionais em 2020 não estão totalmente descartadas. Muitos destinos se preparam para reabrir as fronteiras, como é o caso de alguns países do Caribe e da União Europeia.

Com informações do Evening Standard

Não perca nenhuma oportunidade!

ícone newsletter E-mail diário com promoções Receba as ofertas mais quentes no seu e-mail
Baixe grátis o nosso app Seja notificado sempre que surgir uma promoção