Testamos a Webjet – confira como é voar na Webjet

Leonardo Marques 1 · dezembro · 2009

Não perca mais nenhuma promoção!

Promoções no e-mail

Faça como 1 milhão de brasileiros. Cadastre seu email e receba as melhores promoções de passagens!

Promoções no Whatsapp

Agora você pode receber promoções direto no Zap! Escolha se quer receber todas ou só as melhores!

Dando início aos nossos testes nas companhias aéreas brasileiras, publicamos hoje o teste que fizemos com a Webjet no mês de novembro/2009. Fizemos 2 vôos no último final de semana e contamos em detalhes como é voar pela Webjet, a terceira maior companhia aérea brasileira.

Desde que fizemos esse post em 2009, a Webjet passou por uma série de reformulações da Webjet com objetivo de oferecer passagens aereas promocionais sempre pelo menor preço. Sendo assim, essa avaliação não reflete mais a Webjet em 2010/2011.

Compra das passagens

As passagens foram comparadas diretamente no site da Webjet. O site funcionou perfeitamente e em menos de 5 minutos foi feito todo o processo de compra e o e-ticket chegou ao meu e-mail.
O novo site da Webjet ficou bem melhor mas ainda tem algumas limitações: não é possível pesquisar passagens por cidade(múltiplos aeroportos) e na tela de resultado da pesquisa não é possível fazer uma nova pesquisa. É preciso voltar sempre para a página inicial. Na tela onde se concretiza a compra também há uma série de campos repetidos que precisam ser digitados 3 vezes como o nome da mãe.
Nota 8

Check-in pela Internet
No primeiro vôo o check-in foi feito pela Internet, já no segundo a opção foi pela forma “tradicional” no balcão. No check-in pela Internet foi preciso descobrir que o site só funciona corretamente no navegador Internet Explorer, vencido este problema, tudo ocorreu como previsto e foi enviada uma cópia do cartão de embarque por e-mail.
Nota 7

Check-in no balcão
Não havia fila, a funcionária fez rapidamente o procedimento, passou nas informações básica e etiquetou a bagagem de mão.
Nota 10

Avião
Os aviões da Webjet são todos 737-300 já com uma certa idade mas em estado de conservação na média das companhias aéreas nacionais. Os dois aviões tinham poltronas em bom estado de conservação.
O ponto negativo ficou para o espaço entre as poltronas em sua nova configuração. A Webjet colocou 148 poltronas em um 737-300, é demais. Uma pessoa com mais de 1.80 viaja com as pernas encostando na poltrona da frente. Vocês podem conferir nas fotos.
Nota 5

Entretenimento
Nos dois vôos a única forma de se distrair era olhar para a janelinha 🙂 Mas a Webjet está lançando uma revista e isso deve mudar em breve. Eu não me importo muito com isso, mas precisamos avaliar.
Nota 0

Alimentação
Nos dois vôos foram servidos sanduíches naturais com sobremesa, algo bem adequado para um vôo de aproximadamente 1h. Não há necessidade de oferecer nada além disso. Em relação às bebidas as opções eram coca-cola, guaraná ou água. Faltou um suco né Webjet!
Nota 9

Atendimento
O atendimento da Webjet não é o que podemos chamar de atendimento exemplar, mas os funcionários cumpriram suas tarefas como esperado.
Nota 8

Pontualidade
No vôo de ida tudo aconteceu pontualmente, na volta o vôo ia sair como 1h de atraso, acabou saindo com 25min de atraso mas chegou ao destino na hora.
Nota 9

Ficha dos vôos

Ida
Data: 28/11/2009
Origem: Brasília
Destino: Belo Horizonte (Confins)
Vôo: 6726
Avião: Boeing 737-300 PR-WJJ

Volta
Data: 28/11/2009
Origem: Belo Horizonte (Confins)
Destino: Brasília
Vôo: 6727
Avião: Boeing 737-300 PR-WJI

Fotos:

E você, já voou pela Webjet? Conte também como foi sua experiência.

Autor

Leonardo Marques - Diretor do Melhores Destinos