Azul terá voos para os Estados Unidos em jatos Airbus A330 e novíssimos Airbus A350!

Denis Carvalho 23 · abril · 2014

A Azul vai começar a fazer voos internacionais, com rotas para os Estados Unidos até o início do ano que vem! A companhia deve iniciar voos internacionais a partir de Campinas no primeiro trimestre de 2015, utilizando 11 jatos grandes de dois corredores. Inicialmente serão usados seis Airbus A330 e a partir de 2017 a rota receberá os novíssimos Airbus A350XWB, o mais novo modelo da fabricante europeia, com lançamento previsto para o meio do ano.

No anúncio oficial de hoje, a companhia não informou quais serão os destinos no Estados Unidos, mas os mais cotados são Miami/FortLauderdale, Orlando e Nova York. A notícia foi antecipada por vários veículos de Imprensa de madrugada, especialmente a agência Reuters e o jornal Folha de S. Paulo. No início do mês, a negociação da Azul com Airbus e Boeing para início dos voos internacionais foi publicada aqui no Melhores Destinos, com base em informações da imprensa internacional. 

Projeção dos novos jatos Airbus nas cores da Azul, divulgada pela companhia
Projeção dos novos jatos Airbus nas cores da Azul, divulgada pela companhia

Os A330-200 serão entregues ainda neste ano, arrendados da ILFC e equipados com motores Rolls-Royce. Como o início dos voos internacionais se dará somente no primeiro trimestre de 2015, a companhia poderá usar os jatos em rotas nacionais ou voos charter.

Os cinco A350-900 já foram encomendados e devem ser entregues pela Airbus em 2017. A expectativa é que o modelo rivalize com o Boeing 787 Dreamliner, que tem o mesmo porte, pelo posto de aeronave comercial mais avançada do mundo.

Novíssimo A350XWB será lançado ainda neste ano
Novíssimo A350XWB será lançado ainda neste ano

O padrão de configuração das novas aeronaves prevê três classes de serviço. No caso dos A330-200, a companhia deverá manter as configurações atuais. Gradativamente, os interiores receberão um novo pacote de melhorias, que incluirá uma total remodelagem, de maneira a oferecer novos sistemas de entretenimento.

Já os A350-900 deixarão a fábrica em Toulouse, na França, equipados com a configuração a ser escolhida pela Azul. “Ao somarmos a enorme capacidade e a vasta gama de opções que essas aeronaves oferecem com o jeito Azul de ser e de fazer, estamos confiantes de que mudaremos o conceito de viagem internacional para os brasileiros”, afirmou David Neeleman, CEO da Azul.

O aeroporto de Campinas é o principal centro de operações da Azul no Brasil, de onde ela tem partidas para dezenas de cidades. Vale lembrar que após a compra da Trip a companhia passou a ter a maior malha aérea nacional, com 104 destinos no Brasil. Além disso, a companhia assinou contrato com a United, que poderá ser usado para aumentar o número de destinos americanos à disposição de seus passageiros.

Atualmente, a única empresa aérea brasileira a operar aviões de dois corredores é a TAM. Recentemente a frota da Azul ultrapassou a da GOL, com este anúncio, a Azul que já opera mais destinos e que tem mais voos domésticos que TAM e GOL, vai caminhando para se tornar a maior empresa aérea brasileira.

Dica do leitor Carlos Antônio

Atualizado às 11h41

Publicado por

Denis Carvalho

Editor chefe

  • Bruno Caravaggio

    Excelente notícia! Apenas espero que os preços não tomem o mesmo corpo que tomaram no Brasil!

    Já existe alguma companhia, que opere no Brasil com o A350?

    • Bruno Caravaggio

      Se será lançado no meio do ano, é lógico que não tem… Muito esperto :X

    • Pedro H

      a TAM vai receber antes da Azul.

    • Gork

      Bem que poderia ser 787-900 ou até mesmo um T7. Voar em Airbus me dá medo de verdade. Quantos A-320 e A-330 já caíram? O melhorzinho ainda é o A-340 mas não será mais fabricado.

      • Pedro H

        A tá. mas no 787 você não tem medo?????
        um milhão de problemas, fogo na cabine por causa da bateria…. 4 meses no chão proibido de voar. até hoje cheio de problema,

        Aliás o Malaysia que caiu era um 777. Alias e o 777 da Asiana que se estourou ao pousar em SFO e matou 3.
        Quantos 737 já foram ao chão. Na indonésia um milhão, na russia outro milhão. O da GOL, o da Varig na floresta.

        A air France que derrubou o A330, por culpa de pilotos( assim como foi o da Asiana) e não por culpa do equipamento, já destriu um 747 no Tahiti em 1993, um A340 no Candá em 2005, um 747 no galeão em 1985. Além do concorde em 2003.

        Respondendo a sua pergunta o unico A330 que caiu deixando mortos foi o AF447.
        Quanto ao a320 não foi mais do os 737…

        medo eu tenho de voar em tupolev. antonov. Airbus, Embraer, Boeing e bombardier tem altos padroes de segurança enão me dão medo algum

        • Luis Paulo

          Então pergunta para pilotos experientes se eles confiam mais na Boeing ou Airbus. O sistema fly-by-wire tira o controle imediato do piloto e delega ao computador. Mesmo havendo sistemas redundantes, os pilotos ficam inseguros e preferem o jeito Boeing de ser. E os problemas do 787 já foram superados. A FAA já emitiu parecer favorável para sua utilização em rotas de longo alcance.

          • Pedro H

            O que você está dizendo não tem nada a ver.

            O BOEING 787 usa o fly by wire. Os BOEING 777 usam o fly by wire. O BOEING 747-8 usa o fly by wire. Todos os embraer usam o fly by wire.
            Toda a nova geração de BOEING será fly by wire,
            Reclamar de tecnologia é mole. vamos voltar a voar nos 707 com engenheiro de bordo e navegador! Queimar querosene e voltara ter voo pinga pinga para chegar nos destinos.

            Pergunta para um projetista experiente se ele prefere desenhar no computador ou na prancheta. Vai te dizer que software não te deixa fazer tudo o que ele quer…..

            Tecnologia é assim. O ser humano tem dificuldade para aceitar mudança.
            Se fosse tão ruim a Airbus não venderia como vende, e a boeing não faria os novos aviões com.

            Eu acredito no ser humano, até pq para máquina existir precisa de um ser humano para fazer e outro para operar. Mas passar por dentro de uma cumulus, perder os dados e jogar o avião com o bico para cima até o stall, como foi com o AF447, não tem nada a ver com fly by wire ou outra tecnologia que seja. É falta de treinamento e modéstia. Esses caras da AirFrance derrubariam qq avião. seja boeing, airbus ou embraer.
            Um piloto desligar o transpônder e atingir outro avião não é culpa da tecnologia.
            Uma empresa não fazer manutenção nos reversos do avião, como a TAM, não pode culpar a fabricante do avião.

            O 787 foi aprovado e continua dando zebra por ai. Depois da aprovação da FAA o 787 da Ethiopian que pegou fogo em heatrow por falha eletrica na porte de emergencia por exemplo. A nowegian tirou um 787 de linha pq deu zebra 6 vezes em 2 semanas.

            A aprovação veio correndo para não quebrar a boeing. Todo mundo falou que precisava de pelo menos 1 ano pra resolver tudo.

        • Pedro H

          787, 747-8 e 777 são fly by wire

          787 continua cando problema, como o da norwegian e o da ethiopian

        • Pera ai cara! O da gol nao caiu, foi derrubado! Logo, nao fale merda!

      • david garcia

        Amigo sou mecânico de aeronaves e poço te dizer que aviões só dão pane se houver má manutenção,
        o descaso de empresas irresponsáveis é que derrubam aviões; Então antes de voar em vez de olhar para o modelo que vai voar olhe para a empresa.
        Trabalhei com aviões Embraer 190-195 em regulagens de superfícies de comando e os ailerons são comandados via cabo como os antigos boeings e os profundores e lemes por sistema fly-by-wire, por isso poderia te dizer que este é o melhor avião, mas isso não significa nada se não houver MANUTENÇÃO PREVENTIVA. Aviões são bons o problema é o descaso, em vista de lucros.
        No caso dos 787 foi isto apresaram uma coisa que deveria ter corrido de forma mais natural; Vislumbrando lucro, só que o barato as vezes sai caro e a culpa foi de quem comanda não das aeronaves. SE EU PUDER TIRAR OUTRAS DUVIDAS É SÓ RESPONDER O E-MAIL .

  • Ótima notícia. Com certeza será mais uma grande opção para quem deseja viajar aos EUA. Azul está de parabéns!

    • AlfaBravoFoxZulu

      Aviões recentes da Boeing utilizam também fly by wire.
      A FAA e uma autoridade americana e e normal que da preferência pra Boeing pra preservar sua indústria aeronáutica.

  • bruno

    Otima noticia,azul ganhando novos ares para se tornar uma das melhores empresas do brasil quase chegando proximo da antiga Varig.

    • Matheus

      Representantes da Azul estiveram ontem em Divinópolis-MG para discutirem sobre uma possível rota entre Divinópolis-Campinas três vezes por semana. A companhia enviará oficialmente ao prefeito municipal uma relação de alguns critérios técnicos exigidos para adequação do terminal Brigadeiro Cabral. Acredito que os vôos serão operados pelo ATR-72.

      • Filippi

        Tomara que a azul venha para Divinópolis e tenha sucesso, estamos na expectativa .

  • Pedro H

    Na hora que eu vi a manchete eu pensei que eles fossem usar o A350 ainda esse ano.

    O A350 vai ter o primeiro modelo entregue para a Qatar airways em dezembro desse ano.

    Quando a Azul tiver o dela a TAM já vai estar usando. A TAM deve receber o primeiro no fim do ano que vem…

    • Também tive a impressão de que seria ainda esse ano…

  • Otima noticia para a aviacao do brasil.Azul ganhando novos ares para se tornar uma das melhores companhias brasileiras e quem sabe mundial podendo no futuro ver a ser comparada a antiga Varig.

    • Matheus

      Pensei que a expansão da Azul para o exterior fosse começar pelas rotas mais próximas como América do Sul, por ser uma companhia que pela sua estratégia, expande comendo pelas beiradas. Tem tudo pra se tornar sim a maior companhia do Brasil.

      • Carlos Alberto

        Eu também tinha exatamente esta expectativa que a Azul começaria seus vôos internacionais com destinos na América do Sul ou até mesmo Central e Caribe, devido à sua frota composta de E-jets e especialmente depois de reportagens como essa da Folha: http://www1.folha.uol.com.br/mercado/1087809-azul

        Mas a escolha de aeronaves é excelente e se ela não colocar preços abusivos, com certeza será uma opção bastante interessante para os EUA.
        Ainda assim, gostaria muito que ela fizesse vôos p/outras cidades do nosso continente.

    • Cliff Stewart

      TOMARA QUE NÃO VENHA A SER COMO A VARIG POIS A DEFICIÊNCIA EM SUA GESTÃO FEZ COM QUE A EMPRESA FALISSE…

  • Rodrigo Pedro

    QUE ÓTIMA NOTÍCIA!!!

    Sempre me simpatizei com a companhia por vários motivos. Uma delas é por ter trazido a Campinas o movimento e fazer com que Viracopos se tornasse um dos mais movimentados desde sua chegada em 2008.

    Pra mim, que moro a 15 minutos de Viracopos na cidade de Indaiatuba, é extremamente excelente essa concorrência das aéreas para trazer mais voos.
    Espero que seja apenas os primeiros voos de muitos, e que mais europeias venham a operar em Campinas também assim como a TAP.

    • Helder

      De fato!

      Também sou de Indaiatuba e acho um absurdo termos que ir pra Guarulhos para vôos internacionais se temos jm aeroporto ao lado de casa.

      Acredito que ckm a inauguração do novo terminal isso tende a mudar, com essa notícia da azul mais ainda!

  • E que venha mais promoções com aeronaves modernas.

  • Erro de digitação escreveram fabrixante o correto seria fabricante.

    • Foi arrumado logo após a publicação, mas demora um pouquinho para atualizar

  • Gabriel Q.

    Uhu!!

  • Everton Basilio

    Que a azul entre com preços competitivos.

  • Rodrigo Oliveira

    Boa notícia: mais concorrência nas rotas para os EUA. Má notícia: a Azul cobra muito caro pelo serviço doméstico, e o internacional não deve ser diferente.

    • Essa questão da azul cobrar caro pelo serviço doméstico é bem relativa, por diversas vezes consegui VIX – RAO por 270,00 ida e volta sendo que o valor mais baixo que ja encontrei na TAM pelo mesmo trecho foi 340. O preço constante sim, sempre é melhor pela tam, tendo em vista que quase nunca ultrapassa a casa dos 600, mas quando se tem disponibilidade de datas é bem mais facil encontrar o trecho mais barato pela azul do que pela TAM. Faço referência apenas ao destino que citei, obviamente, tendo em vista que é o que mais utilizo em rotas nacionais.

      • Concordo contigo.
        Onde moro, em Cascavel/PR, ela é a única que opera e já comprei passagens para Curitiba e Vitória com preço inferior a ônibus convecional.
        Tudo é uma questão de tempo, pesquisa e oportunidade.

      • Rodrigo Oliveira

        Claro, eles tiram o lucro em algumas rotas e privilegiam outras. Aqui em Porto Alegre fica claro, comparando a rota para o Rio de Janeiro e para Chapecó.

  • George Cunha

    Estive no Aeroporto de FLL em fevereiro (FLL-CUN-FLL) e foi uma experiência terrível, as instalações são muito antiquadas e apertadas (terminal 4 – Spirit) carecendo até mesmo de banheiros. No retorno tivemos que ficar esperando quase 30 minutos por portão para a aeronave e a imigração foi um horror, poucos atendentes e pessoal mais antigo, com zero habilidade em utilizar os recursos tecnológicos, resultado: mais de duas horas de espera. A parte boa é que haviam obras gigantescas de ampliação que certamente devem ajudar

    • Jorge

      FLL excelente, melhor que qualquer aeroporto brasileiro.

  • Ótima noticia .

  • Uau um A330 A350 com as cores da Azul. Vai ser muito lindo ver no ar!
    Agora se continuar aplicando a politica de preços nacional vai ser um tanto complicado se manter.

  • Sergio

    Em pouco tempo a Azul vai passar a Gol na participação em voos internacionais

  • Que excelente notícia! Parabéns a Azul!!!
    Isso é prova de que alinhando a estratégia a ótima prestação de serviço o sucesso é garantido!
    Concordo com o comentário do Tito Bosco que será muito bonito ver o Airbus nas cores da Azul!

  • Ricardo

    Ótima companhia e excelente notícia! Só lamento não ter mais o programa Passaporte Azul da época em que começou a operar.

  • Eduardo

    Agora só ta faltando ela fazer parte de alguma aliança, Star Alliance, Sky Team. Poderia entrar para a Star Alliance, porque acho que a Avianca Brasil não será aprovada.

    • A Azul já esta na Star Alliance.

      • Luiz a Azul ainda não anunciou a entrada na SA.

      • Carlos Alberto

        Tá alucinando. A Azul faz parte de nenhuma aliança.

  • DANIEL AGUIAR

    Se for no nível de preços que pratica internamente ninguém vai viajar!

  • Daniel

    Excelente notícia! Ainda bem que transferi meus pontos para a Azul! Valeu MD

  • Marcio

    Não foi por acaso que a Gol pediu autorização a ANAC, inclusive ja vende no site, voos de VCP-MIA e MCO. Mas, entre voar de Airbus, ou Boeing, com dois corredores em voo direto e voar em 737 com escala em SDO. Acha que a escolha é óbvia. Se a Gol não tiver preços extremamente baixos frente a Azul, ou esta não colocar preços abusivos, a Gol será massacrada neste trecho. Vamos ver o que vai acontecer.

    • Concordo Márcio!

      Prefiro pagar um pouco mais e voar Azul!

  • Jessica

    Vi uma notícia agora na internet dizendo que essas novas rotas serão lançadas só em 2015

    • Verdade Jessica, chegou a informação oficial da Azul e já atualizamos o post

      • Jessica

        Q pena, vamos aguardar.. Ainda estou esperando uma super promoção para Miami ou orlando para setembro, será q rola?? O q vc acha???

  • Guilherme

    Qualidade no atendimento agora no internacional!!
    E sinceramente não acho os preços da azul tão diferentes das outras, eu pago um pouco a mais por conforto e atendimento diferenciado!

  • Vai ser legal ver o mapinha do Brasil voando nos EUA. Parabéns Azul!!

  • Rafael

    Quero viajar para Miami no reveillon. Excelente notícia! Vou esperar para comprar e ver se consigo ir pela Azul saindo de Campinas. Porque se for pela Gol, prefiro ir até SP.
    Acho que até o fim do ano teremos outras cias em Campinas fazendo esse trecho.
    O novo terminal será entregue mês que vem

  • Fatima Fagundes

    Espero guerra de precos…realmente a Gol e Tam sao duas moscas mortas.

  • Paula

    Será que quem tem 80.000 pontos no Programa da Azul conseguirá resgatar uma ida e volta aos EUA?

    • Daniel

      Com certeza, só esperar e resgatar!

    • Carlos Alberto

      É um valor de resgate bastante caro. Ida/Volta no Smiles, que tem sistema de acumulação similar ao da Azul, custa 50.000/70.000/100.000 para Econômica/Executiva/Primeira respectivamente. E isto voando de Delta.
      Com 80000 consigo resgatar tranquilamente passagens para Europa tanto no Smiles como na nova parceira Azul, a United. Aliás, por esta graças a pertencer à Star Alliance, tenho acesso a praticamente qualquer aeroporto da Europa e com excelente disponibilidade em cias como Lufthansa e Swiss.

  • Fábio.

    Parabéns, acho a Azul a melhor nacional. Se os preços compensarem, paro de ir à SP, com Viracopos no meu quintal… rsss. Tava demorando pra Campinas começar a ter rotas para os EUA. Quem sabe a Delta se anime e coloque um dos vôos diários para Altanta saindo daqui. Vai agregar a grande maioria dos passageiros que vem do interior de SP. Aeroporto grande, com muito mais facilidade de acesso, pra quem vem do interior. E tá ficando bonito.

  • Henry

    Vamos botar uma bola de cristal para ver o que acontece ???
    Não dá para adivinhar….
    É mais uma Cia… isto vai aumentar a concorrência entre as aéreas ??
    Não depende de ter 2 ou 3 nacionais brigando entre si, até porque elas se juntam e fazem cartel…
    O que vai fazer as aéreas nacionais se movimentarem é o governo/congresso permitir que as tarifas sejam totalmente livres…. sem valores mínimos…
    Outra coisa que ajudaria muito é o governo isentar de impostos o querosene de aviação, pois o brasileiro é o mais caro do mundo…
    Ocasionalmente a Azul até poderia fazer preços melhores, mas se vc olhar nas principais capitais, sem levar em conta o Centro do Universo que é Campinas (o pessoal de lá se acha, só porque a Azul fez de lá o seu hub), tradicionalmente a Azul tem os maiores preços nos voos nacionais… no internacional, por inércia, deve acompanhar a política….
    Se for olhar em milhas então.. a coisa piora.. ela dá bônus duplo para transferência dos cartões, mas cobra o quádruplo de milhas que o Smiles e o Multiplus cobram…
    Deveria ser uma Cia. com uma política mais consistente… e preços médios melhores…

    • Henry

      Complementando: liberação das tarifas para as Cias. estrangeiras.. o dia que isto ocorrer, aí a coisa fica boa….

  • re178

    Esses A330 serão novos ou usados?

  • Faster

    …..e pensar que eu perdi por pouco o concurso para ser passageiro com poltrona vitalícia no concurso cultural que elegeu o nome Azul!!! Acabei ficando com premiozinho de consolação para uns vôos domésticos (que eu já torrei tem tempo!!). Quem me garante que eu não fui o primeiro a sugerir, heim??

    ….Deus não dá asa a cobra. ahahahahaah

    Parabéns a Azul, ótimas aeronaves.

  • acho interessante vocês citarem os trechos que foram copiados literalmente do blog da Azul.

  • Eliane

    O fato é q sempre vai estar caro …. quando a Gol começou a voar até achei q poderiam abaixar os preços…mas são até mais caros do q a Tam. 🙁 ou seja, sempre a espera de promoções e nem sempre no período do qual podemos viajar. 🙁

  • Excelente notícia da Azul! Depois que a TAM virou chilena, ficamos sem uma companhia brasileira de verdade para voos internacionais. A Gol atende bem a América do Sul. Mas voar para os EUA de 737, me desculpem a Gol e Copa, mas não rola.

    O A330 é uma excelente aeronave, e o A350 vem pra ser pau a pau com o Boeing 787. Assim mantemos o Brasil com aviões de vanguarda também nos widebodies.

    Acho muito importante que um país como o Brasil possua sua própria companhia aérea e que a projete pelo mundo inteiro. Espero que a Azul continue expandindo pelo mundo. E que pena que não fizeram o Hub deles no Galeão como queria o Cabral (ela queria no SDU, mas o governo vetou).

    • Carlos Alberto

      Ainda torço para q a Azul ingresse na Star Alliance, daí dificilmente voaria por outra cia aérea no país.

      Agora Galeão como hub? Pelamor! Aquele aeroporto é uma vergonha p/o país. Já foi bom e está em uma belíssima cidade, mas anos de Infraero e a usual informalidade carioca destruíram o que ele representou nos tempos áureos de Varig na década de 80. Foi uma bela sacada da Azul usar VCP, e apesar no início ele ter sido acanhado e sem serviços, o futuro (próximo por sinal) indica que ele estará em excelente posição de concorrer com GRU.

      • Fernando Vieira

        O problema do Galeão foi exatamente esse: Esse aeroporto foi destruído. Só estou dizendo que, no começo da Azul, ela queria usar o SDU como HUB, no que foi negado. Convenhamos seria interessantíssimo para a empresa usar esse aeroporto, mas seria impraticável, basta ver o tamanho que a Azul tomou. O governo tentou empurrá-la para o GIG, mas ela preferiu Campinas, no que acertou, pois acabou tendo o aeroporto praticamente só para ela.

        No entanto, começar a operar Widebodies em VCP agora, já no fim do ano? Ele é ótimo para cargas e se as obras saírem ficará para passageiros também, mas no momento sem nenhum gate heavy, tendo que parar na pista? Fora o setor de bagagens que é excelente por lá. Se fosse para comparar hoje, o decadente Galeão ainda é muito melhor que VCP.

        • Carlos Alberto

          O novo terminal em VCP já deve entrar em operação agora em meados de maio, sendo que a operação normal ocorrerá a partir de agosto, portanto ele estará bem melhor do que nós o conhecemos atualmente. http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/20

      • Pra mim Azul hoje ainda sem ser uma TAM em abrangência de vôos internacionais, a Azul é a melhor do país.

        Torço pra que com mais essa jogada da Azul, venham mais vôos internacionais.

    • Cabral queria praticamente fechar o SDU, cara. Queria utiliza-lo apenas para a ponte Rio-Sampa, o que teria sucateado-o em pouco tempo. Ainda bem que vetaram essa ideia ridícula dele.

  • Carlos Alberto

    Estas aeronaves pintadas no livery da Azul ficaram muito bonitas. E seria interessante se ela utilizasse um padrão de conforto próximo ao oferecido nos novos A321 da sua "prima" JetBlue: https://vimeo.com/71332570
    Outra boa referência são as novas aeronaves da American Airlines, especialmente os B777-300ER: http://www.aa.com/i18n/urls/newplanes.jsp

  • Foi só eu ou mais alguém ficou arrepiado vendo os aviões com a cauda e o logo da azul?
    Mano… Maano… Maaaaaaano… Ficou muito lindo as projeções das aeronaves com os logos.
    Parabéns a Azul…

  • eliette

    Excelente notícias

  • Glaucia

    Excelente notícia!! Quem mora nas cidades servidas somente pela Azul com certeza vai se beneficiar dessa possibilidade de conexão internacional! Adeus airport bus para GRU!!

  • Lucca

    Gente, olhei no Wikipedia o modelo A350 e vi que além da Azul, a TAM comprou o modelo. Além da TAM a Avianca B R A S I L comprou o dobro de unidades (10).Isso procede? acho que o wikipédia não dvee ser confiavel.

    • Lucca, procede sim! Porém tanto no caso da TAM como da Avianca há uma dúvida para onde irão os aviões. No caso da TAM podem ir para TAM ou LAN e no caso da Avianca podem ir para Colômbia ou pro Brasil. O fato é que esse ano a Avianca Brasil vai sim receber * A330 * vindos diretos da fábrica e tudo indica que a TAM irá receber A350 no começo do próximo ano.
      Já tem um A330 pronto chegando para a Avianca Brasil com a pintura nova inclusive, mas é de carga. Mais pro final do ano e que chega o primeiro A330 de passageiros.
      Muitas notícias boas hein? Vai ficar complicado pra GOL.

  • Sérgio Rodrigues

    Uma pena que a Azul, no Brasil, não tenha bons horários de voos no que se refere às rotas nacionais. Além disso, não raro, os preços são maiores do que GOL e TAM. É muito raro uma tarifa promocional, e quando existe, é em horário para aposentados, vale dizer, voos à tarde. Está certo que a GOL ficou com horários de Varig e Web Jet, mas não entendo, por exemplo, que não exista um voo de volta, por exemplo, de Recife, na madrugada, e que chegue no Rio, Brasília ou Campinas cedo pela manhã, e que tenha conexão para Porto Alegre, portanto REC/POA, chegando antes do meio-dia!!! Quanto às aeronaves, gosto dos EMBRAER, mas detesto os turbo-élices ATR. Entendo também que a Azul mesmo que tenha VCP como HUB, poderá pensar em BSB, aeroporto que foi ampliado, para suas conexões, e não apenas VCP. Além disso, onde está a promessa de voos diretos unindo as Capitais? Por que não um SSA/POA ida e volta sem conexão? A Gol fez isto nas férias e me utilizei e muito.

    • Daniel

      Acho que no caso de BSB, a grande aposta é da Avianca. Aliás, com o aeroporto reformado e sua posição estratégica, Avianca-BSB e Azul-VCP tem tudo para em alguns anos se tornarem as duas melhores empresas aéreas do Brasil, fugindo do caos de GRU, e com HUB's bem localizados. Estive na Colômbia mês passado e utilizei muito a Avianca por lá, e se o padrão se mantiver aqui, GOL e TAM estarão comendo poeira em breve caso não se mexam.

      • Guilherme

        o problema é a Avianca aqui se equiparar ao padrão da Gol e da Tam, por ser mais barato e por nós não reclamarmos das maneiras devidas.
        Eu morei na Colombia durante 1 ano e, diferente do Brasil, lá só os os "ricos" usam o avião como transporte. Ou seja, é importanter manter um padrão um pouco melhor para atender essa classe. Já no Brasil (não estou desvalorizando ninguém) a possibilidade de usar avião é pra qualquer pessoa, isso é bom, mas os serviços caíram.
        Por outro lado, pelo preço que pagamos não se pode querer muito.
        Paguei 126 reais, ida e volta, com taxas de BH para Uberlândia, a passagem de ônibus de ida é 135, como posso exigir mundos e fundos pagamento esse valor?
        Eu não reclamo do serviços da Gol e da Tam, pois eles oferecem o que cobram. Por outro lado isso não impede que existe no Brasil alguma empresa com um padrão mais elevado.

    • Rodrigo Oliveira

      Sérgio, Porto Alegre se tornou o fim do Brasil: onde tudo acaba antes de chegar aqui, inclusive os vôos diretos. Viajar para além do sudeste sem conexões tá impossível, infelizmente.

  • Notícia excelente! Que venham agora as promoções!!!

  • Rodrigo

    Excelente noticia!!!!! O proximo destino poderia ser West Palm Beach!

  • Cara!! A350 não rivaliza com os 787, mas com os 777X

    • A350: 250 a 350 passageiros
      B787: 201 a 335 passageiros
      B777: 314 a 450 passageiros

      Ou seja, o rival primário é o 787! Quem compete diretamente com os 777 é o A330. 😉

  • Daniel limA

    A350- 8/9/1000/ 276-369 passageiros (3-class)
    787-8/9/10/ 242-323 passageiros (3-class)
    777x 8/9/ 353-407 passageiros (3-class)

    wikipedia inglês

  • sonhar nao custa nada
    e dependendo do sucesso doa A330/350 poderiamos idealizar ate o primeiro A380 nacional!! Viracopos ja eh praticamente apto a essa aeronave e cumbica so resolver a frescura do cascalho lateral. seria um atrativo e tanto fazer VCP-JFK ou GRU-MIA na maior aeronave airbus e na melhor empresa do pais. FORÇA AZUL!!

  • Jozue

    Não sei se é falta de oportunidade, mas aqui em Altamira PA, que operá com vários vôos diários é a azul, mas eu particularmente acho o preço muito abusivo, aqui ela atua com o modelo Embraer 195, mas as vezes o preço da passagem de Altamira a Belem sai bem mas caro do que de Belém ao Rio de janeiro…
    Na Gol os preços para esse destino Belém a Rio custa 300$ aqui de Altamira a Belém a duração de vôo é de apenas 51 minutos, custa 400$…
    Se vôos internacionais for dessa forma seriamente não vai durar muito tempo…
    "Isso eu acho, se estiver alguem com outra ideia diferente eu aguardo comentário"

  • Valter

    Os preços da Azult são um absurdo. Um vôo de Criciuma para Campinas custa mais de R$ 700,00 e um voo de Porto Alegre ou Florianópolis a Guarulhos custa R$ 283,00, ou seja, quando não há concorrente, eles abusam, então espero que se adaptem, senão vai quebrar!

  • Pingback: Azul pede autorização ao governo norte-americano para voar para os Estados Unidos - Diário do Nordeste()

  • Pingback: Azul anuncia voos internacionais para os Estados Unidos em 2015 | Meio Aéreo - Viagens, Aviação e Passagens Aéreas()